Andarilho

Categoria: Split


08:00 · 23.09.2013 / atualizado às 13:41 · 19.09.2013 por

Dubrovnik é considerada a cereja do bolo em uma viagem à Croácia. Mas a costa da Dalmácia, região central do País também reserva outras surpresas. Uma delas é Split, também banhada pelas águas do Adriático. Ao desembarcar, a primeira impressão que se tem não é das mais bonitas. Por ser a segunda maior cidade croata, não guarda o charme das pequenas localidades. Entretanto, mudei de opinião ao passar duas noites por lá. Tem uma orla super bem cuidada e animada e construções históricas a explorar. Suas praias também rendem momentos de relax.

De Dubrovnik a maneira mais viável de chegar até ela é de ônibus ou de carro – cerca de seis horas de viagem, mas que valem pela paisagem. A estrada vai contornando toda a costa e, de quebra, ainda cruzamos um trecho de cinco quilômetros pertencente à Bósnia e Herzegovina. A passagem é rápida, mas dá pra dizer que pisou em outro país.

A segunda maior cidade croata tem construções históricas e praias a explorar Foto: Anchieta Dantas Jr.
A segunda maior cidade croata tem construções históricas e praias a explorar Foto: Anchieta Dantas Jr.

O centro histórico de Split foi uma fortaleza com fortes traços da cultura veneziana com edificações de pedra calcária. A cidade tem muros romanos do século III, além de paredes erguidas no século XIV para proteção contra ataques turcos. Essa região é uma junção de ruas de paralelepípedo que alinha lojas, bares, restaurantes e supermercados, culminando em uma majestosa catedral.

Todo esse complexo, é o que, um dia, foi o palácio do imperador romano Diocleciano, que entrou na lista de Patrimônio Histórico da Unesco e é de longe a principal atração de Split. Aliás, ela é um belo exemplo de cidade turística que tem infraestrutura para acolher visitantes e preservar seu charme e sua história.

Saindo do centro histórico, a oeste, bosques nos levam a praias reclusas, com bares à beira mar, excelentes opções para relaxar e deixar o agito da cidade para trás. A leste, temos acesso a uma colina, de onde se tem a vista mais bonita do lugar.

Passear pela bem cuidada orla (Riva) é imperdível Foto: Anchieta Dantas Jr.
Passear pela bem cuidada orla (Riva) é imperdível Foto: Anchieta Dantas Jr.

Passear pela orla, um calçadão que eles chamam de Riva, é outro programa que você não pode deixar de fazer. O visual é incrível. Vale sentar e tomar uma taça de vinho ou espumante em um dos charmosos cafés da região. Encerrar o dia em um bar, ou dançar a noite toda em uma das vibrantes boates da moda, dará um plus à sua visita.

Praia em Split Foto: Anchieta Dantas Jr.
Praia em Split Foto: Anchieta Dantas Jr.

Conhecer Split tem também outro forte motivo: a cidade marca o início da Dalmácia e é base para explorar algumas das 1.185 ilhas espalhadas pela costa croata. Nos meses de verão, diariamente, saem catamarãs e ferries rumo a Hvar, Brač e Vis, algumas das mais famosas. Os meses de julho e agosto são de altíssima temporada. Prepare-se para pegar filas e enfrentar o calor com temperaturas que facilmente ultrapassam os 40º.

Falando em ilhas, Hvar será nossa próxima parada nesse encantador país que é a Croácia. Ela é tida como a “Saint Tropez do Adriático”, com águas cálidas em tons azuis e esverdeados e muito agito.

Pesquisar

Andarilho

Viagens e estilo de vida.
Posts Recentes

01h09mDescubra 12 motivos pelos quais o seu cérebro precisa tirar férias

11h09mConfira seis cidades brasileiras para quem quer conhecer as culinárias regionais

02h09mWi-Fi: conecte-se de graça em qualquer lugar do mundo

02h08mPromoção: confira passagens aéreas para a Europa por menos de R$ 1.600

03h08mVacina contra febre amarela tem nova regra

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs
Redes Sociais
Instagram Siga o