Andarilho

Categoria: Filmes


09:28 · 23.02.2015 / atualizado às 09:28 · 23.02.2015 por

Na noite do último domingo, 22, a 87ª cerimônia de entrega do Oscar, realizada no Teatro Dolby em Los Angeles, Califórnia, premiou os melhores atores, técnicos e filmes de 2014. E você há de convir, um filme digno de uma estatueta requer não só uma boa história, bons atores, bons efeitos visuais e boa música, mas também locações que trazem imagens impressionantes e atraentes.

Independentemente dos prêmios que tenham, ou não, arrebatado, vejam só essa seleção feita pelo Trivago, um dos maiores comparador de preços de hotéis da atualidade, das “Top 6” locações de filmes indicados e que podem inspirar suas futuras viagens.

1. O Grande Hotel Budapeste – Görlitz (Alemanha) & Karlovy Vary (República Tcheca)

O diretor Wes Anderson escolheu filmar as cenas internas do Grande Hotel Budapeste em Görlitz. O local é perfeito para as cenas mais importantes do filme e fica perto da fronteira entre a Alemanha e a Polônia. Anderson optou por uma antiga loja de departamento no estilo arquitetônico Art nouveau, construída em 1913. As colunas, as janelas e o grande lustre no meio são originais, o resto é construído em torno dele. A escadaria, que abriga a recepção do Grande Budapeste no filme, são cópias exatas das escadas na loja de departamento.

Loja de departamento que serviu como interior do hotel Foto: Europastadt Görlitz Zgorzelec Gmb
Loja de departamento que serviu como interior do hotel Foto: Europastadt Görlitz Zgorzelec Gmb

Já o exterior do hotel foi baseado no estilo arquitetônico de dois hotéis em Karlovy Vary, cidade termal localizada na República Tcheca, mais conhecida como Carlsbad. No século 19, ela ficou famosa pelos spas para os ricos e famosos e serviu como cenário de 007 Cassino Royale. Apesar de não ter tido cenas filmadas na cidade, há várias referências visuais para o lugar. O luxuoso hotel Grandhotel Pupp serviu como grande inspiração assim como o Bristol Palace Hotel, ambos os quais apresentam várias semelhanças com o Grande Hotel Budapeste.

Fachada do Bristol Hotel, em Karlovy Vary, que inspirou o exterior do Grande Hotel Budapeste Foto:  Bristol Group
Fachada do Bristol Hotel, em Karlovy Vary, que inspirou o exterior do Grande Hotel Budapeste Foto: Bristol Group

2. Interestelar – Islândia

Geleira Svinafellsjokull no parque nacional de Skaftafell, serviu de locação Foto: Fonte: Flickr / Ben Husmann
Geleira Svinafellsjokull no parque nacional de Skaftafell, serviu de locação Foto: Fonte: Flickr / Ben Husmann

Muitas cenas foram filmadas na paisagem de tirar o fôlego da Islândia, como na geleira Svinafellsjokull no parque nacional de Skaftafell, que é representado no filme como um planeta coberto de gelo, que poderia ser uma potencial nova casa para a humanidade. Skaftafell está localizado no sudeste do país e é formado ao longo de milhares de anos pelo fogo e pela água. Tours para Svinafellsjokull são organizadas o ano todo.

3. Ida – Lódź (Polônia)

A arquitetura típica do século 19 serviu de cenário para o filme Foto: Flickr / Emmanuel Dyan
A arquitetura típica do século 19 serviu de cenário para o filme Foto: Flickr / Emmanuel Dyan

O principal local de filmagem é a região em torno da cidade de mesmo nome: Łódź. Com 737 mil habitantes, esta é a terceira maior cidade da Polônia e fica a cerca de duas horas de carro de Varsóvia. Uma viagem para conhecer o local pode ser combinada com uma visita à capital da Polônia, Varsóvia. É uma cidade jovem, que cresceu enormemente no século 19 por causa da extensa indústria têxtil na cidade. Lodz foi apelidada de “Manchester do Oriente.” Além disso, está um dos maiores cemitérios judaicos na Europa; para os historiadores realmente um lugar especial para visitar. Uma das grandes fábricas de têxteis antigos foi convertida em um dos maiores shopping centers de Łódź, “Manifaktura”.

Cemitério judáico em Lódź Foto:  Flickr / Krzysztof Belczyński
Cemitério judáico em Lódź Foto: Flickr / Krzysztof Belczyński

4. Mesmo Se Nada Der Certo – Nova York (Estados Unidos)

Algumas das cenas foram feitas em locais públicos famosos de Nova York, como a Times Square e o Central Park, mas o filme também apresenta o lado menos conhecido de Manhattan. As filmagens ocorreram no bairro boêmio Greenwich Village, onde o Washington Square Park está localizado, e no Meatpacking District, que é conhecido por sua vida noturna vibrante. A história da antiga indústria de carne ainda é visível, mas o distrito é conhecido agora por suas boutiques e restaurantes de última moda.

O Washington Square Park está localizado, e no Meatpacking District Foto:  Flickr / Doc Searls
O Washington Square Park está localizado, e no Meatpacking District Foto: Flickr / Doc Searls

5. Caminhos da Floresta – Dover Castle, Waverley Abbey & Windsor Great Park (Reino Unido)

Um dos locais de gravação mais impressionantes do filme é o castelo onde é realizado o casamento da Cinderela com o príncipe. Esse castelo é uma cópia exata do Dover Castle, em Kent, Inglaterra. Considerado o maior castelo daquele país, foi construído no século 12 e é de grande importância estratégica; tunéis da época da guerra foram encontrados debaixo do mesmo, que está muito bem preservado.

Castelo de Dover serviu de inspiração para o castelo real Foto: Visit Kent
Castelo de Dover serviu de inspiração para o castelo real Foto: Visit Kent

Outra locação foi Waverley Abbey, em Surrey, abadia cujas ruínas foram transformadas na torre em que Rapunzel está presa.

Sem contar o Windsor Great Park, localizado no sul de Windsor, na fronteira entre Berkshire e Surrey, que serviu de inspiração para a maioria das cenas gravadas na floresta. O parque pertence ao Castelo de Windsor e é aberto ao público. É conhecido pelo grande número de veados que vivem no parque e árvores de carvalho muito antigas, que dão ao parque uma sensação misteriosa, especialmente ao pôr do sol, o que reflete perfeitamente a atmosfera do filme. Em 1982, durante uma visita oficial, o Presidente Reagan e a Rainha Elizabeth andaram juntos a cavalo no local. O parque serviu também de locação para filmes como Harry Potter, Branca de Neve e o Caçador e o Discurso do Rei.

No Windsor Great Park  forma gravadas maioria das cenas na floresta Foto: © windsor.gov.uk / Fotógrafo: Doug Harding
No Windsor Great Park forma gravadas maioria das cenas na floresta Foto: © windsor.gov.uk / Fotógrafo: Doug Harding

6. O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos – Nova Zelândia

No Parque Nacional de Fiordland uma aldeia hobbit completa foi construída, a Hobbiton Foto: Anna Degerholm
No Parque Nacional de Fiordland uma aldeia hobbit completa foi construída, a Hobbiton Foto: Anna Degerholm

Todos os três filmes do Hobbit são filmados nas mais belas paisagens na Nova Zelândia. Os cenários espetaculares da Nova Zelândia, com montanhas cobertas de neve, vales verdes e belas cachoeiras são únicos e têm contribuído para o grande sucesso dos filmes. Muitas das cenas-chave do Hobbit anterior e Senhor dos Anéis foram filmadas no belo Parque Nacional de Fiordland. No parque, uma aldeia hobbit completa foi construída, a Hobbiton. Ao visitar o Parque Nacional de Fiordland e a Hobbiton você vai se sentir quase como um verdadeiro morador da Terra-média.

Casa Hobbit Foto: Anna Degerholm
Casa Hobbit Foto: Anna Degerholm
08:00 · 23.08.2013 / atualizado às 00:35 · 23.08.2013 por

Esta não é a primeira vez que chamo a atenção sobre a ligação entre o turismo e o cinema. Como sempre falo também é possível viajar por meio das telas. E mais uma oportunidade está chegando. A novidade fica por conta de Aviões, nova animação da Disney, com lançamento marcado para o próximo dia 13 de setembro.

No filme tem uma corrida chamada: Rally – Asas pelo Mundo, que passa por diversos locais turísticos pelo globo. A película conta a história de um avião (Dusty) que sonha em competir como piloto de alta altitude. Mas Dusty não foi projetado exatamente para competir e, além disso, ele tem medo de altura. Então ele recorre a Skipper, um veterano avião da marinha que o ajuda a se classificar para enfrentar o atual campeão da corrida. A coragem de Dusty é posta à prova quando ele decide alcançar alturas que nunca sonhou serem possíveis, dando ao mundo a inspiração para voar.

Ao embarcar nessa aventura, o expectador terá como roteiro os Estados Unidos, Islândia, Alemanha, Índia, Nepal, China e Mexico, retornando ao seu ponto de partida.

Para garantir a realidade do que a gente vai ver, os cineastas consultaram pilotos de verdade para determinar a rota da corrida Asas pelo Mundo, levando em consideração a necessidade de reabastecimento dos aviões e a beleza dos locais.

Confira, em primeira mão, o que você vai ver nas telas de cinema.

 

Dusty, começando a sua jornada a partir de Nova York Foto: Divulgação
Dusty, começando a sua jornada a partir de Nova York Foto: Divulgação

 

Chegando na China Foto: Divulgação
Chegando na China Foto: Divulgação

 

Passando pelo Nepal Foto: Divulgação
Passando pelo Nepal Foto: Divulgação

 

E chega a vez do México Foto: Divulgação
E chega a vez do México Foto: Divulgação

 

Pesquisar

Andarilho

Viagens e estilo de vida.
Posts Recentes

01h09mDescubra 12 motivos pelos quais o seu cérebro precisa tirar férias

11h09mConfira seis cidades brasileiras para quem quer conhecer as culinárias regionais

02h09mWi-Fi: conecte-se de graça em qualquer lugar do mundo

02h08mPromoção: confira passagens aéreas para a Europa por menos de R$ 1.600

03h08mVacina contra febre amarela tem nova regra

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs
Redes Sociais
Instagram Siga o