Andarilho

Categoria: Cinque Terre


08:00 · 15.07.2013 / atualizado às 22:54 · 14.07.2013 por

Descobrindo Cinque Terre

Quando decidi voltar à Itália, queria rever alguns lugares, mas também conhecer outros, além daqueles obrigatórios – como Roma, Florença ou Veneza – e que, geralmente, todos os turistas se limitam sempre que vão a este país. Desejava algo bonito e ao mesmo tempo impactante, se é que há o que não seja assim na terra em forma de bota.

Resolvi incluir, então, Cinque Terre no roteiro. O que me motivou? Certa vez, assisti a um programa de TV sobre a região e também porque vi fotos em várias publicações sobre viagens imperdíveis. E mais: ela está entre os 1000 lugares para conhecer antes de morrer. Já viram esse livro? Como ia estar tão perto, não podia perder a oportunidade.

Na verdade, chegar até lá por conta própria não é complicado. Um bate e volta está de bom tamanho. Peguei o trem das 7h na estação Santa Maria Novella, em Florença, até Pisa e de lá outro a La Spezia, que chegou por volta das 9h. Na própria estação há um centro de informações onde você deve comprar o passe para entrada no Parque Nacional de Cinque Terre, que dá direito a viagens ilimitadas de trem entre os cinco vilarejos ou o trajeto a pé. Mas se você tiver um passe de trem, como eu tinha, estará livre dessa despesa.

Localizada na fronteira entre as regiões da Toscana e da Ligúria, ao Norte do páis, Cinque Terre é o nome dado a um acidentado trecho de terra na Riviera Ligure situado entre Punta Mesco, próximo a Levanto, e o Cabo de Montenero, quase em Portovenere, e compreende as comunas de Monterosso, Vernazza, Riomaggiore com os distritos de Corniglia e Manarola.

Estas localidades, declaradas em 1997 Patrimônio da Humanidade pela Unesco, são caracterizadas pelo relevo montanhoso próximo ao mar. Típicos desta zona são os terraços, devido à particular técnica agrícola usada para usufruir tanto quanto possível dos terrenos com grande inclinação. O visual colorido daquelas casinhas encravadas nas montanhas é incrível! Fora a cor da água: de um azul esverdeado de babar.

O colorido das casas em Monterroso Foto: Anchieta Dantas Jr.
O colorido das casas em Monterroso Foto: Anchieta Dantas Jr.
Vista do alto do monastério capuchinho, em Monterroso Foto: Anchieta Dantas Jr.
Vista do alto do monastério capuchinho, em Monterroso Foto: Anchieta Dantas Jr.

Dos cinco vilarejos visitei três: Monterrosso, Vernazza e Riomaggiore. Todos lindos. Dá vontade de não ir embora. No primeiro, caminhei pela praia, provei frutos do mar e bruschettas maravilhosos e subi até a um monastério capuchinho, no alto de uma montanha, de onde se tem uma vista de arrepiar. Conheci ainda a escultura de um gigante incrustado em uma pedra. Super bacana!

Mas morri de amores mesmo foi por Vernazza. O colorido das edificações e dos barcos ancorados na praia, os charmosos bares e restaurantes na marina, misturados com o vai e vem de pessoas dão um toque todo especial. Mais animado impossível!

O colorido das edificações e dos barcos na marina de Vernazza Foto: Anchieta Dantas Jr.
O colorido das edificações e dos barcos na marina de Vernazza Foto: Anchieta Dantas Jr.

Já em Riomaggiore, dentre outros santuários, visitei a graciosa Igreja de São João Batista. Desta vila parte a Via do Amor, um percurso feito a pé, que vai até Manarola. Devido ao tempo não deu para fazer, mas pelo visual ao longo do percurso dizem que é imperdível.

Viela em Riomaggiore com a Igreja de São João Batista Foto: Anchieta Dantas Jr.
Viela em Riomaggiore com a Igreja de São João Batista Foto: Anchieta Dantas Jr.
Início da Via do Amor, que sai de Riomaggiore até Manarola Foto: Anchieta Dantas Jr.
Início da Via do Amor, que sai de Riomaggiore até Manarola Foto: Anchieta Dantas Jr.

Eu queria exatamente isso. Sabe aquelas cenas com toalhas quadriculadas, pessoas falando alto, um clima aconchegante, uma ótima comida e um bom vinho? Foi o que encontrei por lá. Na volta para Florença ainda deu tempo de uma parada em Pisa para fotos com a torre ao pôr do sol.

Texto publicado na coluna do blog na revista Siará – edição de 14.07.2013

Pesquisar

Andarilho

Viagens e estilo de vida.
Posts Recentes

01h09mDescubra 12 motivos pelos quais o seu cérebro precisa tirar férias

11h09mConfira seis cidades brasileiras para quem quer conhecer as culinárias regionais

02h09mWi-Fi: conecte-se de graça em qualquer lugar do mundo

02h08mPromoção: confira passagens aéreas para a Europa por menos de R$ 1.600

03h08mVacina contra febre amarela tem nova regra

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs
Redes Sociais
Instagram Siga o