Andarilho

Categoria: Japão


16:00 · 20.07.2015 / atualizado às 14:55 · 20.07.2015 por

henn-na

Um novo hotel no sul do Japão, o Henn-na Hotel, abriu para o público na sexta-feira (17) com um quadro de funcionários diferente: alguns colaboradores, como quem atende os hóspedes no balcão de check-in e os carregadores de malas, são robôs.

O criador da ideia é Hideo Sawada, CEO da companhia de turismo de baixo custo H.I.S.. “Claro que os robôs não podem substituir o trabalho humano, mas em termos de serem amigáveis e educados, eles são imbatíveis. Por isso que pedi para os desenvolvedores fazerem robôs para este hotel”, contou em uma entrevista à TV Tokyo.

Também há outras inovações no lugar – reconhecimento facial permitirá que os hóspedes entrem nos quartos sem precisar se preocupar em carregar a chave.Além disso, dentro de cada apartamento, um robô interativo responderá aos comandos dos hóspedes para ajustar alarmes e a luz. Painéis instalados em cada acomodação vão aumentar ou diminuir automaticamente a temperatura para um nível confortável, o que deve reduzir custos.

Os preços das diárias começam em US$ 56 por dia, ou aproximadamente R$ 180.

14:51 · 28.05.2015 / atualizado às 14:51 · 28.05.2015 por

A Air France e a KLM estão com uma promoção imperdível em suas tarifas para as principais cidades japonesas, com voos da Air France para Tóquio e Osaka e da KLM a Tóquio e Fukuoka. Para a capital japonesa, há tarifas a partir de US$ 1.099 e para as outras duas cidades, desde US$ 999.Os valores apresentados não incluem as taxas.

Trata-se de uma ótima oportunidade para quem deseja passar o verão ou o outono na terra do sol nascente.

As tarifas são válidas para compras até esta sexta-feira (29) em voos da Air France, com conexão em Paris, partindo de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, e da KLM, com conexão em Amsterdã, desde São Paulo e Rio de Janeiro.

Condições

O embarque em ambas as companhias poderá ser realizado em dois períodos distintos. Até 24 de junho e de 1º de outubro a 7 de dezembro, época charmosa do outono no Oriente.

A permanência mínima no destino deverá ser de sete dias e a máxima, de três meses. Não é cobrada taxa de emissão para compras nos sites da Air France e da KLM, e o parcelamento pode ser em até quatro vezes sem juro, nos cartões de crédito Amex, Diners, Mastercard e Visa emitidos no Brasil.

09:32 · 02.01.2015 / atualizado às 09:32 · 02.01.2015 por

Que o turismo está cada mais diversificado e segmentado disso ninguém duvida, mas olhem só que curioso o que essa agência de viagens no japão preparou. E o público alvo é o feminino.

Isso mesmo! mulheres que sonham em tirar fotos de vestido branco, véu e buquê não precisam mais de um noivo para ter seu álbum de casamento. Trata-se do pacote “solo wedding” (casamento solo, em português), em que as clientes vão para a cidade japonesa de Kyoto para viver seu “dia de noiva”, mesmo que estejam solteiras.

Os belíssimos jardins e templos da cidade de Kyoto, no Japão, são o cenário escolhido Foto: Divulgação
Os belíssimos jardins e templos da cidade de Kyoto, no Japão, são o cenário escolhido Foto: Divulgação

A experiência dura dois dias. Estão incluídos o vestido, o buquê, o penteado, a maquiagem, os traslados e uma noite de hotel, além da sessão de fotos com profissionais especializados em casamentos.

No primeiro dia, a moça escolhe o vestido branco em um loja e combina com a florista como será o buquê. À noite, ela pode optar por um tratamento em um spa ou por jantar com o coordenador do tour para acertar detalhes e não há com que se preocupar se você não entende japonês. Esse profissional pode ser fluente em francês, inglês e russo.

A sessão de fotos acontece em um jardim tropical Foto? Cerca Travel/Divulgação
A sessão de fotos acontece em um jardim tropical Foto? Cerca Travel/Divulgação

A sessão de fotos acontece no dia seguinte, em um jardim tradicional. Antes, a “noiva” faz cabelo e maquiagem e escolhe acessórios para o grande dia – o making off (digamos, o por trás das cenas) também é clicado para o álbum.

Ah, e tem mais: aquelas que sentirem falta de mais alguém na foto podem alugar, por um preço extra, um “homem japonês” para posar junto com elas nas imagens.

Ficou interesada? Para saber mais acesse o site da Cerca Travel, agência responsável pelo pacote.

Com informações do G1

09:53 · 02.02.2012 / atualizado às 14:30 · 02.02.2012 por

No último domingo, na Coluna Andarilho, que escrevo semanalmente para a Revista Siará, bati um papo com você sobre cervejas. Na verdade não propriamente sobre a bebida em si, que adoro, pois não sou um profundo conhecedor. Por lá, abordei a interessante experiência que é frequentar um pub em Londres.

Pois bem, hoje trago uma relação dos 14 melhores lugares no mundo para tomar a bebida, segundo matéria publicada pelo site Frommers.com do conceituado guia de viagens. O texto está em inglês, mas traz indicações de onde beber e a média de quanto se paga. Assim, nas suas próximas viagens, se alguns dos lugares listados estiverem incluídos no roteiro já fica a dica.

A relação é encabeçada por Dublin, capital da Irlanda, onde é fabricada a famosa marca Guiness. Nesta cidade beber cerveja é um estilo de vida.

Como não poderia deixar de ser, Munique, no sul da Alemanha, dá continuidade à lista. Neste lugar, que é palco da maior Oktoberfest do mundo, se bebe mais de 125 milhões de galões de cerveja por ano. È muito amor pela bebida. Já estive por lá e comprovei. Então, aproveite a viagem e também faça um brinde.

A famosa cervejaria Hofbräuhaus em Munique Foto: Anchieta Dantas Jr.

Em seguida, vem Amsterdã, na Holanda, país fornecedor da Amstel e da Heineken. São mais de doze estilos, sabores e rótulos. Também já passei por essa cidade e recomendo.

A próxima parada é Praga, cidade que amo demais. Para minha surpresa, eles são os campeões no consumo mundial de cerveja. Pasme: são mais de 41 milhões de galões por ano! Superando, assim, os alemães. Aos tchecos é atribuída a invenção da pilsner. Mas o melhor é que a capital da república Tcheca está entre os lugares mais baratos para tomar uma cervejinha.

Praga, a capital tcheca, é a campeã no consumo de cerveja Foto: Anchieta Dantas Jr.

Agora, entre em um trem e menos de quatro horas depois desembarque em Viena, na Áustria, para conhecer o próximo destino na rota da cerveja. Além do que, a cidade é famosa por seus monumentais palácios. Adorei conhecer!

A imperial Viena, na Áustria, também é apontada como um dos melhores lugares para beber cerveja no mundo Foto: Anchieta Dantas Jr.

Ainda pelo continente europeu vem Edimburgo na Escócia, onde há a maior concentração de pubs no Velho Mundo. E também Bruxelas, meu primeiro destino internacional, e onde se pode encontrar mais de 650 tipos de cervejas. Calma pessoal, só experimentei seis!

Edimburgo, na Escócia, reúne a maior concentração de pubs na Europa Foto: Anchieta Dantas Jr.

Da Europa chegou a hora de ir bater do outro lado do mundo, em Tóquio. Mas espera aí: Japão? Isso mesmo. O Frommer´s recomenda Tóquio pela facilidade de se encontrar a bebida, inclusive em máquinas que a vendem, espalhadas pelas ruas. Neste caso, a identidade nem é pedida. Apesar do que se serve ser importado do ocidente, eles também têm marcas locais.

Hanoi, no Vietnã, é outro destino asiático, apontado como uma dos melhores lugares no mundo para apreciar a cerveja. De acordo com o guia, é lá onde se encontra os preços mais em conta e a melhor variedade desta bebida em todo o continente.

Cansou? Pois ainda tem mais. Da Ásia, vamos dar um pulo na Oceania e ver porque Melbourne, na Austrália, também compõe essa relação. Para quem não sabe é de lá que vem a Foster, consumida mundialmente. Ah, e em cada esquina você poderá encontrar um pub para relaxar e os preços são relativamente baixos.

Na relação, aparece também Portland, no Estado de Oregon, nos Estados Unidos. Esta cidade é conhecida por ter o maior número de mais cervejarias por habitante no mundo. São 30, conforme a última contagem.

Outros destinos norte-americanos também recomendados são Milwaukee, em Wisconsin, por sua grandes cervejarias; e Philadelphia, na Penssylvania.

Descendo para a América Central, a Cidade do México encerra o tour. Segundo o guia, uma visita ao México pode abrir os olhos, e a boca é claro, do turista para muitos sabores e variedades de cerveja.

Para ler apublicação do Frommer´s na íntegra clique aqui.

Pesquisar

Andarilho

Viagens e estilo de vida.
Posts Recentes

01h09mDescubra 12 motivos pelos quais o seu cérebro precisa tirar férias

11h09mConfira seis cidades brasileiras para quem quer conhecer as culinárias regionais

02h09mWi-Fi: conecte-se de graça em qualquer lugar do mundo

02h08mPromoção: confira passagens aéreas para a Europa por menos de R$ 1.600

03h08mVacina contra febre amarela tem nova regra

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs
Redes Sociais
Instagram Siga o