Andarilho

Categoria: Aplicativos


14:59 · 06.09.2016 / atualizado às 11:02 · 09.09.2016 por

instabridge

Gente, vamos combinar, dá pra viajar e ficar sem acesso a internet durante uma viagem? Como compartilhar os nossos momentos felizes por esse mundo sem se conectar a Facebook, Instagram, Snapchat, dentre outras redes sociais, né?

E como o uso do nosso pacote de dados é uma fortuna no exterior, localizar uma rede Wi-Fi é uma necessidade. Nessas horas, nada melhor que um bom atalho para conseguir se conectar a uma rede de internet móvel pública disponível e gratuitamente.

Por isso , eu quero voltar a falar do Instabridge, um aplicativo por meio do qual os usuários são capazes de conseguir isso.

 

Disponível para Android e iOS, a ferramenta disponibiliza informações sobre conexões sem fio existentes nas proximidades de sua localização para acesso rápido à internet sem pagar nada.

O mais legal é que o Instabridge já tem memorizado diversas senhas de rede Wi-Fi no mundo todo e oferece a opção de conexão automática, sem que seja necessário solicitar qualquer informação no local, para redes conhecidas, públicas e de amigos.

Como isso acontece? Bem, segundo pude apurar, os pontos de Wi-Fi são identificados e cadastrados pelos próprios usuários, portanto, todo mundo pode incluir novos pontos de WiFi ao aplicativo, como cafés, bares, restaurantes etc.

Por isso, já to baixando esse aplicativo pra poder testar. Depois eu conto como é a experiência. E se você já usa, fala pra gente aí nos comentários o que acha.

Caso você também queira baixar o aplicativo pode fazer clicando aqui.

14:23 · 21.06.2016 / atualizado às 14:24 · 21.06.2016 por

Smartphone conexão wifi

Uma dica interessante para quem tem um smartphone sem plano de internet ou quer economizar no tráfego de dados da franquia, seja na sua cidade ou enquanto viaja pelo Brasil, é acessar o aplicativo Instabridge, que liga o aparelho a redes wi-fi gratuitas. O App já está presente em pelo menos 160 mil redes sem fio no País, chegando a 200 mil pessoas.

Apesar de produzido na Suécia, ele fez grande sucesso por aqui, e os usuários brasileiros respondem por nada menos que 75% dos dois milhões de downloads já feitos da ferramenta, segundo a própria equipe do app.

O Instabridge é um aplicativo gratuito para Android e iOS cujo objetivo é disponibilizar para os usuários informações sobre conexões de Internet sem fio próximas a ele.  Apesar deste nome, ele não tem qualquer relação com o Instagram. Além de identificar conexões WiFi gratuitas, o aplicativo é capaz de sincronizar os dados de rede em todos os dispositivos.

A utilização é simples

Primeiramente, ele mostra um mapa recheado de opções de conexões. Basta dar zoom para aproximar ao máximo da sua área e ver as as que estão disponíveis. Então, haverá sinalizações das redes liberadas, daí é só tocar nela para acessar a Internet.

Interessante, né?

14:35 · 03.06.2016 / atualizado às 14:35 · 03.06.2016 por

Aplicativos para viajar

Esse tema é recorrente aqui no blog. Até por que, não há como negar que cada vez mais a tecnologia tem sido uma aliada para facilitar o dia a dia de quem gosta de viajar. Por isso, hoje eu compartilho com vocês uma listinha de cinco aplicativos para viajar que o Voopter, comparador de preços de passagens aéreas, preparou. Além de descomplicar o planejamento das viagens, essas ferramentas também ajudam a diminuir os gastos.

A primeira dica (eles têm que puxar a sardinha pra sua brasa. E estão certos é claro!) é o próprio aplicativo do Voopter. “Com ele os usuários comparam preços de voos através do calendário multidatas e encontram as melhores ofertas de passagens aéreas”, explica Pettersom Paiva, CEO da empresa . Ele ainda disponibiliza filtros diversos para realizar uma busca personalizada, como horários, aeroportos e voos sem escala, entre outros. “Usando o alerta de preços, os usuários também recebem por e-mail as melhores tarifas para as épocas e os trechos que desejam voar dentro do preço máximo que pretendem pagar”, completa.

Mas as passagens aéreas não são o único custo, e para calcular qual destino está dentro do seu bolso a indicação é o Quanto Custa Viajar (Eu já falei sobre esse aplicativo aqui no Andarilho). O aplicativo calcula o gasto diário nos principais roteiros, adaptando o resultado ao perfil do viajante – de mochileiros a turistas que preferem o conforto.

Depois de escolhido o destino e as melhores passagens, a dica para economizar é pesquisar a hospedagem no Couchsurfing. Através dele, é possível encontrar uma cama ou sofá para ficar de graça na casa de locais. Para retribuir, o usuário pode disponibilizar o seu próprio sofá aos viajantes. As avaliações sobre cada anfitrião também ajudam na decisão dos receosos.

Mas se a ideia é ficar em hotéis ou albergues, ou pesquisar as atrações e roteiros para planejar toda a viagem, a sugestão do Voopter é o TripAdvisor (eu sempre uso). O aplicativo une as avaliações de pessoas do mundo todo sobre, por exemplo, locais de hospedagens, restaurantes e pontos turísticos, e o turista pode colher dicas preciosas para fazer suas escolhas e melhorar sua experiência.

Já na estrada o aplicativo indicado para ajudar a encontrar estabelecimentos é o Yelp. Ele funciona como um guia através do GPS e filtra os resultados por distância, preço e ofertas, por exemplo. É uma das melhores opções para encontrar de restaurantes a postos de gasolina.

“Com estes aplicativos em mãos, o viajante pode fazer boas escolhas e ganhar independência em seu roteiro, sem deixar de perder as melhores dicas locais. Por fim, as sugestões também ajudam a economizar e, mesmo em tempos de crise, não deixar de pôr o pé na estrada”, destaca o Voopter. Hei de concordar com ele!

13:19 · 25.05.2016 / atualizado às 13:19 · 25.05.2016 por

Viajando com música

Gente, quem não gosta de novidade, né? Ainda mais em se tratando de algo para dar ainda mais sabor às nossas viagens. Pois essa é a proposta do TripAdvisor. A plataforma se juntou ao Google Play Música para oferecer aos usuários de Android uma nova experiência musical no aplicativo, com listas de reprodução criadas com temas locais de alguns dos destinos turísticos mais populares do mundo. Bacana, né?

Assim, seja planejando uma viagem ou já no destino escolhido, os usuários do TripAdvisor para Android, afirma a empresa, vão poder entrar em um novo nível do “modo de férias” com uma grande variedade de trilhas sonoras conhecidas (outras nem tanto) desses famosos destinos turísticos.

Para vocês terem uma ideia, os viajantes vão podem escutar Cafe Italiano enquanto degustam um espresso em Roma, delirar com o Underground Club de Berlim ou com o melhor do jazz em uma visita a New Orleans.

O serviço já está disponível a partir desta quarta-feira, 25 de maio. Para acessar, basta clicar no ícone do Google Play Música incluído junto das sugestões de viagem dentro do aplicativo. Essa função está presente em mais de 60 países do mundo onde o Google Play Música opera.

Porém, vale ficar atento! O serviço só é gratuito durante um período de teste de dois meses. Após esse intervalo de tempo, haverá um custo. No caso do Brasil, o preço padrão mensal do serviço do Google Play Música é de R$ 14,90, o qual poderá ser aplicado após o termino da ação.

Ah! Ia esquecendo, existe a possibilidade de ouvir as músicas offline.

Que tal a notícia, curtiram?

13:38 · 23.02.2016 / atualizado às 13:38 · 23.02.2016 por

alimentos saudáveis

A cada dia, cresce o número de pessoas que buscam uma alimentação mais saudável. Porém, quem precisa comer fora de casa nem sempre encontra boas opções em estabelecimentos. Ainda mais quando a gente está viajando e não conhece bem o destino.

Pois foi motivados por essa dificuldade que o ex-professor e agora empreendedor George Wilson dos Santos Sturaro e a gestora Thais Scharfenberg decidiram criar um aplicativo (app) para celular e tablet que pudesse facilitar a vida de pessoas que, assim como eles, buscam uma alimentação mais saudável, e que neste post eu compartilho com você.

“Tínhamos dificuldade tanto no dia a dia quanto durante viagens. Em conversas com amigos e colegas de trabalho, constatamos que eles tinham o mesmo problema. Daí surgiu a ideia do Comidável. Rabiscamos o primeiro esboço do app há pouco mais de um ano”, explica George.

Conforme disse, o Comidável, que é gratuito, é o primeiro no país que contempla as principais necessidades e preferências dos adeptos da alimentação saudável e de quem precisa seguir uma dieta especial. “Não existe nenhum outro app que junte diversos serviços, como busca de restaurantes, feiras e delivery orgânico”, acrescenta Thais.

app comidavel

De acordo com os desenvolvedores, com apenas um clique é possível ter acesso às diversas categorias de estabelecimentos: restaurantes, cafés, lojas ou delivery de refeições.Depois basta informar a subcategoria desejada: fitness, funcionais, leves, naturais, orgânicos, sem açúcar, sem glúten, sem lactose, veganos ou vegetarianos. Com base nessas informações, o Comidável gera uma lista de opções, exibidas por ordem de proximidade.

app comidavel

“Clicando num dos estabelecimentos da lista, você acessa uma página com informações detalhadas: localização no mapa, dias e horários de funcionamento, faixa de preço, modo de pagamento etc. E, ao clicar no mapa, o app abre o Google Maps e insere automaticamente o endereço do estabelecimento escolhido”, explica George.

O aplicativo, que também permite a busca por feiras e serviços de delivery de alimentos orgânicos, já começou a cadastrar estabelecimentos de Curitiba e deve, em breve, estar disponível em São Paulo, no Rio de Janeiro e em outras capitais e grandes cidades. “Em menos de um mês, já estamos com mais de 60 estabelecimentos cadastrados, entre restaurantes, cafés, lojas, serviços de delivery e feiras. Até o fim de março a ideia é termos em torno de 100 apenas em Curitiba”, fala.

O aplicativo pode ser baixado gratuitamente na App Store e na Google Play Store. Além disso, os estabelecimentos que quiserem cadastrar-se no aplicativo devem entram em contato pelo site www.comidavel.com.br  ou pela página no Facebook.

Parece interessante!

14:28 · 04.02.2016 / atualizado às 14:28 · 04.02.2016 por

Onde tem sol

Quem já não perdeu tempo procurando um local para dar uma fugida no fim de semana ou feriado, e descobriu tarde demais que a previsão do tempo indicava chuva para o destino da viagem?

Pois foi para evitar situações como esta que o aplicativo gratuito Onde Tem Sol? indica os locais turísticos mais próximos do usuário onde o clima está propício para um bom passeio. A base reúne 190 municípios brasileiros, 100 nos EUA e 50 na França.

Como funciona

Para encontrar o destino ideal, o interessado escolhe o período de estada, a distância máxima que pretende viajar, a quantidade de dias com sol e a temperatura mínima que deseja encontrar. Pronto! O app fornece uma lista de localidades, sempre acompanhadas por três marcadores que indicam o seu perfil turístico – histórica, cultural, gastronômica, aventura, praia, entre outros.

Onde tem sol 1

Além disso, a previsão do tempo em cada cidade é detalhada por um calendário com temperaturas mínimas e máximas, além das médias para manhã, tarde e noite e o volume de precipitação. As informações são buscadas no site OpenWeatherMap.

Segundo os criadores da ferramenta, o casal Itamar Borges e Gabriela Bizotto, a intenção é facilitar a vida de quem quer fazer viagens curtas, mas não sabe exatamente para onde ir. “Gostamos bastante de viajar e perdíamos muito tempo buscando as previsões do tempo para decidir o destino. Encontramos uma solução juntando em um só lugar as informações básicas para solucionar isso”, conta Bizotto.

O Onde Tem Sol? reúne alguns locais visitados pelo casal criador do aplicativo e outros que ainda pretendem visitar. A meta é incluir mais cidades na base de pesquisa, chegando a 300 localidades nacionais em 2016.

O app está disponível para Android e pode ser baixado na Google Play através deste link.

10:53 · 11.12.2015 / atualizado às 10:53 · 11.12.2015 por

Pessoal, achei a ideia super bacana e como tudo que é bom deve ser compartilhado o mais rapidamente. De olho nos viajantes com necessidades especiais, visando a sua acessibilidade, segurança e autonomia, a companhia aérea GOL reformulou seu site de acordo com o padrão internacional web. A partir de agora, a empresa promete tornar mais fácil a compra de uma passagem, fazer o check-in online, acessar uma reserva, acompanhar o Status do voo, além de, na versão em inglês, também verificar o canal Viaje sem dúvidas ou obter informações da área de Atendimento.

E para facilitar todos esses processos, a página da empresa passou a contar com a opção de variação de contraste nas cores branca, preta e azul e o aumento de fonte para pessoas com deficiência visual, incluindo daltonismo. Além disso, o site permite a navegação por teclado que atende, principalmente, as pessoas com deficiência visual.

Variações de contraste nas cores e aumento das letras estão entre as novas facilidades do site da GOL Foto: Divulgação
Variações de contraste nas cores e aumento das letras estão entre as novas facilidades do site da GOL Foto: Divulgação

Outra novidade está em melhorias no fluxo de compra. Com as mudanças, os clientes encontrarão menus, calendários, filtros de busca e formulários em um novo formato de exibição, o que facilita ainda mais no momento da escolha do voo, devendo tornar os processos mais fáceis, acessíveis e ágeis aos passageiros com necessidades especiais.

Processo de escolha do voo com novos menus Foto: Divulgação
Processo de escolha do voo com novos menus Foto: Divulgação

“Estamos sempre atentos às necessidades dos clientes e procuramos adotar tecnologias que proporcionem mais facilidade e ofereçam a melhor experiência. Realizamos continuamente investimentos em acessibilidade nos nossos canais de atendimento e relacionamento com o cliente, além de sempre buscar a revisão de procedimentos para aprimorar a prestação de serviço, incluindo os clientes com necessidades de assistência especial (PNAEs)”, explicou Florence Scappini, diretora de marketing da GOL.

14:03 · 10.12.2015 / atualizado às 14:03 · 10.12.2015 por
Com base nos check-in dos usuários, a Avenida Beira-Mar, em Fortaleza, vêm na quinta posição Foto: Divulgação
Com base nos check-in dos usuários, a Avenida Beira-Mar, em Fortaleza, vêm na quinta posição Foto: Divulgação

Durante todo o ano de 2015, o turismo foi um dos destaques entre os temas debatidos no Facebook. Em sua retrospectiva anual, divulgada na quarta-feira (9), a plataforma relembrou os momentos do ano que mais inspiraram as pessoas do Brasil e do mundo.

E entre os lugares onde mais foram feitos check-in no País, aparecem pontos turísticos importantes como o Beto Carrero World (SC), o Parque Ibirapuera (SP), o Santuário Nacional de Aparecida (SP) e ainda a Beira-Mar de Fortaleza (CE).

Confira a seguir as relações dos lugares mais visitados no Brasil e no planeta com base em dados de check-ins:

Lugares do Brasil (Top 10 nacional)

1. Beto Carrero World
2. Parque Ibirapuera
3. Santuário Nacional de Aparecida
4. Parque Zoológico de São Paulo
5. Beira Mar de Fortaleza
6. Allianz Parque
7. Sambódromo da Marquês de Sapucaí
8. Cristo Redentor – Corcovado, RJ
9. Thermas Dos Laranjais
10. Quinta da Boa Vista

Lugares no mundo (Top 20 Global)

1. Propriedades da Disney
2. Propriedades da Universal Studios
3. Times Square, Nova York
4. Torre Eiffel
5. Cataratas do Niágara
6. Siam Paragon
7. Parque Nacional do Grand Canyon
8. Parque Nacional Yosemite
9. Louvre
10. Central Park
11. Beto Carrero World
12. Warner Bros. Studio Tour Londres
13. Gardens by the Bay
14. Marina Bay Sands
15. Parque Ibirapuera
16. Calçada da Fama em Hollywood
17. Madison Square Garden
18. Píer de Santa Monica
19. Camp Nou
20. Expo Milano 2015

Neste ano, o Facebook atingiu a marca de um bilhão de pessoas acessando a ferramenta diariamente. No mundo, já são 1,55 bilhão de pessoas ativas mensalmente e, no Brasil, são 99 milhões, das quais 89 milhões voltam por meio de dispositivos móveis.

14:30 · 16.11.2015 / atualizado às 14:30 · 16.11.2015 por

O Kayak, um dos líderes mundiais em pesquisas de viagens online,realizou um levantamento para entender quais são os hábitos dos viajantes na hora de montar uma viagem pela internet

Tablet dispositivos móveis
Tablet dispositivos móveis

Assim como eu, você e muita gente pesquisa e já monta hoje uma viagem inteirinha por meio da internet. Mas para isso, quais são as plataformas mais utilizadas? Que tipo de hotel é mais buscado? Quanto tempo se leva para deixar tudo organizado? Estas e outras perguntas foram respondidas pelo Kayak, um dos líderes mundiais em pesquisas de viagens online.

Por meio de um levantamento para entender quais são os hábitos dos viajantes na hora de pesquisar uma viagem pela internet, eles apontam os destinos mais buscados por cada tipo de plataforma (tablets, celulares e computadores), categoria de hotéis, tempo de pesquisa, valor disposto a gastar, os dias da semana de maior procura e as diferenças entre usuários de Android e iOS (iPhone).

Vamos aos resultados!

Plataformas mais buscadas

Hoje, 43% do planejamento de uma viagem já é feito por meio de dispositivos móveis como: iOS (iPhone) 18%, Android 12%, navegador do celular (browser) 6%, iPad 4% e navegador do tablet (browser) 3%, isso contra 57% das buscas que ainda continuam sendo realizadas nos computadores. De acordo com o estudo, os usuários de celular estão mais propensos a buscar e fechar viagens nacionais, tidas como do dia-a-dia e pontes aéreas. Já para viagens internacionais com mais tempo de pesquisa, os computadores ainda são os preferidos dos viajantes, dos 10 destinos mais buscados em desktop apenas dois são cidades brasileiras, o topo da lista é composto por cidades como: Aruba, Saint Martin, Punta Cana e Miami.

Classes tarifárias

Na hora de buscar voos os consumidores ainda levam em consideração o preço acima do conforto, mais de 90% dos usuários, dentre todas as plataformas disponíveis, buscam por voos em classe econômica. Porém, proprietários de iPhone pesquisam mais para viajar de classe executiva 3%, comparado a quem usa Android 1% ou reserva viagens pelo desktop 1,5%.

Categoria dos hotéis

A maioria dos brasileiros tem preferência por hotéis 3 estrelas, enquanto menos de uma entre 10 buscas são destinadas a hospedagem de 1 estrela. Já 13% dos usuários de iPhone buscam mais por categorias de luxo, sendo os primeiros a buscarem hotéis com 5 estrelas. Na outra ponta, os usuários de Android (21%) são os que mais buscam pelas categorias 1 e 2 estrelas e também a categoria “sem estrelas” referente a pousadas e aluguéis de temporada, um tipo de propriedade popular entre os viajantes brasileiros.

Gastos com destinos populares

Os brasileiros estão mais propensos a gastar mais na hora de fechar uma viagem via desktop, o valor médio de uma passagem pode ser de R$ 2.226, diferente dos dispositivos móveis como iPhone (R$ 1.532) e Android, onde o valor médio pode ser de R$ 996.

Gastos com destinos “premium”

Na hora de buscar por destinos com um valor mais alto os brasileiros ainda preferem usar o desktop. O valor médio que esperam gastar é R$ 8.554. Uma diferença de 56% a mais no valor se comparado com o usuário de Android que espera gastar em média R$ 5.473. Já o de iPhone espera gastar 8% a mais que o de Android por uma passagem para um destino premium. No entanto, muitos dos destinos estão sendo pesquisados e reservados via dispositivos móveis, uma tendência que deve aumentar ao longo dos anos. As principais buscas feitas em celulares são para destinos na Austrália; já no desktop são para destinos paradisíacos como: Bora Bora, Indonésia e Seicheles.

Gastos com hotéis 4 e 5 estrelas

Quem reserva hotéis usando o iPhone tende a escolher opções mais caras do que reservas feitas via Android ou desktop. Do total de reservas para hotéis 4 e 5 estrelas, 37% são feitas a partir de um iPhone, seguidos de 34% através de desktop e 16% no Android.

Tempo de busca por uma viagem

Em média, os brasileiros passam quase 5 minutos buscando passagens aéreas em seus celulares. Os usuários de iPhone seguem para a compra 1 minuto mais rápido do que os de Android.
Já para hospedagem, a média de tempo gasto buscando por hotéis, antes de fazer uma reserva, é de 6 minutos, tanto para iPhone, Android e computador. Os usuários gostam de ler críticas e ver imagens antes de decidir por uma reserva, o que justifica a diferença de 1 minuto em relação aos voos.

Os dias da semana com mais buscas por viagens

Os brasileiros gostam de pesquisar e reservar viagens logo no começo da semana seja no trabalho ou em casa. Os dias que os brasileiros mais pesquisam suas viagens são segunda para Android e iPhone e terça para os computadores.

O horário do dia com mais pesquisas por viagem

Buscar por viagens acaba sendo muito comum durante a noite para usuários de celular, sendo 21h o horário mais popular. É quando o brasileiro está em casa vendo TV e pensando em seu momento de lazer. Já para desktop, a maioria das buscas ocorre às 11h e nos horários de almoço – muito comum para pessoas planejando uma viagem no intervalo do trabalho.

Quanto tempo de antecedência

Em geral, o brasileiro reserva uma viagem com 1 mês e 15 dias de antecedência, com os usuários de Android se planejando mais do que todos os outros. Enquanto as reservas de hotéis através de desktop são feitas com cerca de 1 mês da data da viagem, usuários de Android reservam em média com 46 dias de antecedência, se precavendo contra preços mais altos. Já passagens aéreas são reservadas, em média, com 60 dias de antecedência em todas as plataformas, mostrando uma grande diferença em relação aos países europeus, onde as compras são feitas com uma média de 4 meses de antecedência.

Duração média da viagem

Os brasileiros mostram um grande interesse por viagens de fim de semana e tendem cada vez mais a usar seus celulares para fazer as reservas. Já para viagens longas, em casos de férias, as reservas costumam ser feitas com mais frequência nos desktops. Usuários de Android reservam 41% de suas viagens de fim de semana em um aparelho móvel, contra 39% dos usuários de iPhone.

Para conferir o estudo completo acesse este link.

14:01 · 10.11.2015 / atualizado às 14:01 · 10.11.2015 por

EXTRAVIO MALA

Eu não sei você mas esta situação é sempre muito tensa para mim: quantas vezes você viajou de avião e não ficou com medo que a sua mala nunca chegasse ao destino? Ou aqueles longos minutos esperando por ela na esteira? Sem contar quando a bagagem, de fato, não chegou.

O fato é que um novo cadeado de malas criado por australianos promete acabar com essa agonia. Chamado de Airbolt Smart Travel, o dispositivo tem um sistema Bluetooth que é sincronizado com um aplicativo no seu celular. Usando o GPS do aplicativo, ele mostra onde sua mala está.

Além disso, é possível também programar um alarme para tocar toda vez que a sua mala for separada de você, no caso de alguém tentar roubá-la. E também alertar quando a segurança do aeroporto tentar abri-la sem a sua presença.

Foto: Kickstarter
Foto: Kickstarter

Para abrir o cadeado, é só apertar um botão no aplicativo. Mas você também pode colocar um código se quiser, caso o Bluetooth venha a parar de funcionar.

O cadeado poderá ser carregado via USB e o aplicativo estará disponível tanto para aparelhos de sistema Android como para IOS.

O novo produto ainda está sendo lançado via financiamento coletivo no Kickstarter. Assim, você pode garantir o seu por meio da campanha ou aguardar o lançamento no mercado.

Tomara que realmente funcione!

Pesquisar

Andarilho

Viagens e estilo de vida.
Posts Recentes

01h09mDescubra 12 motivos pelos quais o seu cérebro precisa tirar férias

11h09mConfira seis cidades brasileiras para quem quer conhecer as culinárias regionais

02h09mWi-Fi: conecte-se de graça em qualquer lugar do mundo

02h08mPromoção: confira passagens aéreas para a Europa por menos de R$ 1.600

03h08mVacina contra febre amarela tem nova regra

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs
Redes Sociais
Instagram Siga o