Blog do Automóvel

Categoria: Dica


16:56 · 22.12.2010 / atualizado às 16:56 · 22.12.2010 por

Evento compõe o calendário oficial dos eventos da cidade, e acontecerá de 24 a 27 de novembro de 2011 no Anhembi

Excelente notícia: Brasil ganha Salão de Veículos Antigos

A Reed Exhibitions Alcantara Machado e o Automóvel Clube do Brasil, organizadores do evento, reuniram ontem em São Paulo, no Bar Brahma, tradicional ponto turístico paulistano – localizado na esquina da Av. Ipiranga com a Av. São João -, apaixonados colecionadores de veículos antigos para apresentar, em primeira mão, o SALÃO INTERNACIONAL DE VEÍCULOS ANTIGOS (SIVA), que será realizado de 24 a 27 de novembro de 2011, no Pavilhão de Exposições do Anhembi. Temático, o evento será apresentado em um ambiente adequado à grandes exposições e que atende os anseios e desejos do público do antigomobilismo.

“O Salão Internacional de Veículos Antigos será realizado dentro de uma perspectiva positiva. Iremos utilizar nosso expertise na realização de grandes eventos do setor automotivo, como por exemplo o Salão do Automóvel, Salão Duas Rodas, Fenatran e Automec, para abrilhantar ainda mais esta paixão que é o antigomobilismo. Além disso, pretendemos incrementá-lo com o glamour e as idéias de  eventos semelhantes ao redor do mundo, afirmou Juan Pablo de Vera, Presidente da Reed Exhibitions Alcantara Machado. 

Exposição trará raridades ao País

Nesta primeira edição, o SALÃO INTERNACIONAL DE VEÍCULOS ANTIGOS terá os seguintes setores: Exposição de Carros, Motocicletas, Barcos e Aviões Antigos, Revenda de acessórios, Carros Conceitos e Vintage, Desfile de Carros Antigos, Leilão, Premiação de Carros Antigos, entre outras atrações. Com cerca de 400 veículos em exposição, a expectativa é que o evento atraia mais de 10.000 visitantes, de toda a América Latina. Este evento conta com o apoio da  São Paulo Turismo (SP TURIS) e da Prefeitura Municipal de São Paulo, e foi criado para resgatar e perpetuar a cultura do Antigomobilismo.

 O tema escolhido para esta edição foi “A evolução do Automóvel”, que tem como objetivo mostrar o desenvolvimento deste importante invento, das carruagens aos modernos carros do século 20, até os dias atuais. “Para nós do Automóvel Clube do Brasil é um orgulho e um marco a realização deste evento em parceria com a Reed Exhibitions Alcantara Machado. A partir de agora a cidade de São Paulo terá em seu calendário oficial um evento com a categoria e o profissionalismo que os amantes e apaixonados por este setor e a cidade merecem”, comentou Ariel Gusmão da Silva, presidente do Automóvel Clube do Brasil.

O evento reunirá os maiores colecionadores de automóveis e motos clássicas antigas, que trarão para exposição verdadeiras preciosidades. Além disso, será palco de um verdadeiro resgate histórico, com a presença de modelos com figurinos de época, música dos anos dourados e a encenação das mudanças de comportamentos e hábitos que guiarão a evolução dos veículos. Os visitantes poderão prestigiar também um passeio dos carros antigos pela cidade, concurso literário, entrega de prêmios, homenagem a grandes marcas e a comemoração dos 50 anos do seriado “O Vigilante Rodoviário”.

Setores da feira
– Exposição de  Carros, Motocicletas, Barcos e Aviões Antigos;
– Revenda de acessórios;
– Carros conceitos e vintage;
– Desfile de carros antigos;
– Leilão e premiação de carros antigos; 

Mais informações:
SALÃO INTERNACIONAL DE VEÍCULOS ANTIGOS
Data: 24 a 27 de Novembro de 2011
Local: Pavilhão de Exposições do Anhembi – Av. Olavo Fontoura, 1.209 – Santana – São Paulo – SP

12:42 · 22.12.2010 / atualizado às 12:42 · 22.12.2010 por

O Ceará é a Terra do Sol. Com ele vem a claridade. Se os motoristas não tomarem alguns cuidados, acidentes podem acontecer.

Saber usar os óculos escuros é fundamental na claridade

A pesquisa Saúde 2009 que acaba de ser divulgada pelo Ministério da Saúde aponta que em 2008 os acidentes de trânsito responderam por 26,9% das mortes violentas entre homens e 30% das ocorrências entre mulheres.  De acordo com o oftalmologista do Instituto Penido Burnier, Leôncio Queiroz Neto, perito em medicina do trânsito e membro da ABRAMET (Associação Brasileira de Medicina do Tráfego) dirigir contra o sol, sem proteger os olhos, é uma importante causa de acidentes porque diminui a visibilidade.  A claridade do verão acentua o problema que é mais intenso em quem tem fotofobia, aversão à luz. Em algumas pessoas a alteração não indica doenças. Em outras, pode estar relacionada ao astigmatismo, irregularidade da superfície da córnea que torna as imagens desfocadas, inflamações nas porções posteriores dos olhos ou a medicamentos que aumentam a sensibilidade à luz. Independente da causa, ressalta, o único remédio é usar óculos escuros ou optar por lentes fotossensíveis que filtram a radiação, escurecem e clareiam conforme a luminosidade.

Dicas

O especialista diz que óculos sem filtro solar são mais prejudiciais que a falta deles. Isso porque, dilatam a pupila e fazem entrar mais radiação nos olhos. Isso aumenta o risco de catarata, maior causa de cegueira tratável, e lesões na retina que ainda não têm tratamento eficaz.

A segunda dica do médico é optar por lentes resistentes a impactos. Um estudo conduzido na Espanha, comenta, mostra que o disparo do airbag eleva o risco de perfuração ocular entre pessoas que trafegam sem óculos e dobram o perigo entre as que usam lentes de cristal. “Para proteger os olhos no trânsito a melhor opção são as lentes inquebráveis de policarbonato” afirma.

A terceira dica é adequar a condição da saúde ocular à cor da lente conforme as características:

  • Cinza – A mais adequada para quem tem astigmatismo porque reduz o brilho e não distorce as cores.
  • Âmbar ou marrom – Melhora o conforto de míopes e hipermétropes por aumentar a visão de contraste, além de filtrar a luz azul que também está relacionada ao desenvolvimento da catarata.
  • Verde – Ideal para maiores de 60 anos por oferecer a melhor visão de contraste que diminui com a idade. Também filtra um pouco da luz azul.
  • Amarela – Reduz o ofuscamento do motorista no lusco-fusco do entardecer e filtra a luz azul, mas diminui a visão de contraste em horários de muita luminosidade.
  • Fotossensível – Para quem precisa usar lente corretiva, protege da radiação durante o dia e pode ser usada à noite.

Visão do motorista com óculos escuros na chuva

Fumê irregular diminui senso de velocidade

O excesso de velocidade é a maior causa de acidentes de trânsito e a infração que mais gera multas segundo a Polícia Militar Rodoviária. Queiroz Neto explica um dos motivos para tanta “pressa” é a aplicação de películo fumê acima do permitido pela legislação. Isso porque, quanto mais baixa a visibilidade menor é o senso de velocidade.

Alfa Romeo com película fumê

Como se não bastasse, metade dos motoristas precisa usar lentes corretivas.  Por isso, em condições normais de visibilidade enxergam menos e a leitura é mais lente. Só para se ter uma idéia, o médico diz que a uma velocidade de 90 km/hora uma pessoa com 100% de visão tem 3,2 minutos para ler uma placa de sinalização contra 1,6 minutos para quem tem 50% de visão que é o mínimo permitido pela legislação. A boa notícia é que a Polícia Rodoviária Federal já começa a se equipar para aferir a transparência do insufilm – 75% no vidro dianteiro, 70% nos laterais dianteiros, e 28% nos demais. A fiscalização vai multar em R$ 127,69 os veículos com película mais escura que o permitido e apreender até a troca do insufilm. Na opinião do especialista a iniciativa pode reduzir os acidentes.

17:23 · 18.12.2010 / atualizado às 17:23 · 18.12.2010 por

Peço licença aos tradicionais leitores que gostam de ver notícias sobre carros para uma crônica que fiz. Acho que vocês vão se identificar. Boa leitura!

Olhar a vida passar a bordo do carro, no comando da direção: sensação inigualável

As crises geram oportunidades, dizem os “gurus” por aí. Com a crise aérea fica em aberto uma chance única: viajar de carro. Resgatar velhos caminhos, ver novos, inventar outros.
Sempre adorei esse tipo de viagem. Sozinho ou bem acompanhado, em comboio ou em carro único.
Não foram poucas as trilhas que fiz, nem sempre em veículos 4×4, os novos amigos que conheci. Serras, dunas, praias, sertão, praias, pequenas cidades…Quanto mais no interior do Brasil melhor.
Como é boa a sensação de ser dono do próprio destino. De poder parar em qualquer lugar só para sentir o cheiro de cada ponto, o cenário, as sensações, o barulho ou o silêncio da contemplação.
Provar de iguarias diferentes, sem tanta preocupação com o horário, ou com padrões sociais. Olhar pelo retrovisor com o vento no rosto e dizer “sim eu sou o senhor do meu destino”. Não há sensação igual
E tudo isso sem GPS, bússola, tecnologia ou plano de voo. No máximo um mapa. Mas sem dispensar o contato com o habitante local para uma salutar troca de ideias para se situar, pedir informações ou o caminho certo.
Ver uma pousada simpática e se hospedar, sem ter programado nada. Vibrar com o clima: se faz sol, estamos felizes. Se chove também. Até a companhia fica melhor: em situações de risco, ou fora do habitat natural, se desnuda a autêntica personalidade de cada um.
São de coisas simples assim que nascem grande aventuras e também ideias mirabolantes e revolucionárias.  Ao olhar a Estrada, o pensamento voa longe. Fica mais fácil até pensar em algumas decisões importantes, novas ideias, projetos.
Viajar de carro, na verdade é uma busca em torno de nós mesmos. Nessa busca, retornamos ao lar melhores do que quando partimos. Por isso já decidi: vou viajar muito mais de carro em 2011.

17:21 · 17.12.2010 / atualizado às 17:21 · 17.12.2010 por

Com a chegada das férias e feriados de final de ano, o número de veículos nas estradas aumenta assim como os riscos de acidentes. Muitas situações de perigo podem ser evitadas com a adoção de uma conduta responsável ao dirigir. O CESVI BRASIL (Centro de Experimentação e Segurança Viária), engajado em ações pela prevenção de acidentes, recomenda, abaixo, uma série de cuidados necessários que o motorista deve seguir na condução em estradas.

Manutenção em dia do veículo e alguns cuidados farão de suas férias algo inesquecível

Manutenção preventiva

O motorista deve realizar revisões periódicas do veículo, principalmente antes viajar, para verificar as condições dos freios, suspensão, alinhamento, pneus, estepes, injeção eletrônica, carga de bateria, líquido de arrefecimento, faróis e lanternas.

Alta velocidade

Em uma situação de colisão, o fator “alta velocidade” aumenta a gravidade do acidente, portanto é imprescindível respeitar os limites de velocidade sinalizados. Com o veículo em alta velocidade, o motorista precisa de um espaço maior para frear bruscamente ou desviar do carro à frente. No caso de chuva, esta distância (e cautela de modo geral) deve ser dobrada. À medida que a visibilidade na estrada diminui, é prudente reduzir a velocidade.

Álcool e fadiga

Além de proibido, dirigir sob efeito de álcool coloca em risco a vida de todos que trafegam na estrada. Se o motorista estiver com sono, também é uma condição perigosa que deve ser evitada. E, se estiver tomando medicação, é preciso verificar antes se ela apresenta restrições para dirigir. O motorista precisa manter o foco na estrada e não dispersar a atenção com o uso de telefone celular e consumo de alimentos, ou outros fatores.

Bom senso ao se manter numa distância segura do veículo que está na frente e atrás de você

Distância segura

Manter o mínimo de distância segura em relação ao veículo da frente é essencial para prevenir acidentes nas estradas. A regra dos três segundos é uma maneira que auxilia o condutor na contagem dessa distância. Quando o veículo da frente passar por um poste ou árvore, deve-se começar a contar – 1.001, 1.002 e 1.003. Caso o veículo passe pelo mesmo poste/árvore antes do 1.003, quer dizer que o condutor ultrapassou o limite mínimo de segurança segura. Essa contagem da distância deve ser aumentada em casos de descida e pista molhada. Algumas rodovias têm marcações na pista indicando a distância segura.

Ultrapassagem

Jamais realizar ultrapassagem pela direita, pois os riscos de envolvimento em um acidente grave são maiores. Utilizar a sinalização antes de uma ultrapassagem é extremamente importante. Por exemplo, se um motorista de caminhão não notar que um veículo está passando, pode retirá-lo da estrada.

Cinto de segurança

O uso do cinto de segurança é imprescindível para a segurança dos ocupantes do veículo, pois reduz os riscos de fatalidades em acidentes de trânsito. Deve ser usado por todos os ocupantes, inclusive pelos passageiros do banco traseiro, estabelecido por regulamentação de trânsito. De acordo com uma avaliação realizada pelo NHTSA (National Highway Transportation Safety Administration), dos Estados Unidos, o condutor que usa o cinto de segurança tem o índice de risco de fatalidade reduzido em 45%, em relação ao condutor que não usa. O CESVI BRASIL estima que, se houver um aumento de 10% na taxa de adesão ao uso do cinto de segurança, é possível reduzir 1.600 mortes por ano no País.

Crianças no carro

Os adultos precisam estar atentos aos equipamentos de segurança adequados à idade, peso e altura da criança, as popularmente chamadas cadeirinhas. O Contran (Conselho Nacional de Trânsito), em 2008, regulamentou a obrigatoriedade do uso de dispositivos de retenção no transporte de crianças de até sete anos e meio em automóveis. O não cumprimento dessa regulamentação resulta em infração gravíssima. 

Bagagem

Objetos e bagagens devem ser transportados no porta-malas. Em uma colisão, o objeto solto pode ser arremessado no interior do veículo e seu peso é multiplicado por 50 vezes, ou mais, dependendo da velocidade. É preciso estar atento quando o veículo estiver com maior carga (passageiros e bagagens) do que o usual. Nessas condições, é necessário um maior espaço para frenagens e ultrapassagens (aceleração menor), e as curvas precisarão ser realizadas em velocidades menores.

Pedestres

O índice de sobrevivência a um atropelamento com velocidade superior a 80 km/h é praticamente nulo. É importante evitar trafegar no acostamento e reduzir a velocidade em trechos em que há travessia de pedestres.

Saiba o que é o Cesvi Brasil

 Fundado em 1994, o CESVI BRASIL (Centro de Experimentação e Segurança Viária) é o único centro de pesquisa brasileiro dedicado à segurança viária e veicular e à disseminação de informação técnica para o setor e também para a sociedade. Foi o primeiro centro da América Latina e é membro do RCAR (Research Council for Automobile Repairs), um conselho internacional de centros de pesquisa com os mesmos objetivos.

15:19 · 09.12.2010 / atualizado às 15:19 · 09.12.2010 por

No Ceará, ter ar-condicionado no carro não é luxo, é necessidade. Nosso calor não é mole não. O acessório é indispensável também para tornar a condução mais segura (muitos motoristas temem deixar o vidro aberto) e também para evitar o embaçamento dos vidros nos dias de chuva. No entanto o equipamento merece cuidado especial, pois funciona à base de gás de refrigeração.

Ar-condicionado digital, integrado ao painel

Aqui você tem algumas dicas de como manter o ar-condicionado sempre em perfeito estado para o uso no dia a dia. Confira alguns hábitos que podem melhorar o funcionamento do ar-condicionado e também a vida dos motoristas:

1) Ao contrário do que muitos costumam dizer, o gás não gasta nem envelhece, embora não esteja livre de vazamentos. Então para funcionar bem, deve ser ligado pelo menos uma vez por semana;

2) Cerca de 70% dos problemas deve-se a vazamentos, mas também são comuns problemas elétricos e      carga excessiva de gás durante a manutenção, o que pode ser explicado por desinformação do proprietário e serviços não qualificados. Por esse motivo, nada mais indicado que instalar os equipamentos adequados e originais;

3) Sempre procurar um local onde mecânicos sejam responsáveis e certificados pelo serviço prestado;

4) Depois de deixar o carro estacionado sob o sol forte, nada pior que enfrentar aquele calor dentro do veículo. Muitas vezes, o motorista fecha imediatamente os vidros e liga o ar. O ideal é deixar os vidros abertos por alguns minutos, com o ar-condicionado ligado, e depois fechá-los. Assim, o ar quente é dissipado, dando lugar ao ar mais frio;

5) A utilização correta da recirculação (botão que indica a circulação externa do ar fechada) propicia um resfriamento mais rápido do automóvel e ainda impede que o ar externo entre no carro, o que é ideal para situações de trânsito pesado, com muita fumaça e poluição. Porém, a recirculação deve ficar ativa cerca de quinze minutos e depois desligada, evitando a sobrecarga do equipamento;

6) Os carros 1.0 tem que ter o compressor menor para que não aumente muito o peso do veículo nem altere o rendimento. Por isso proprietários de modelos 1.0 devem comprar equipamentos originais para evitar a instalação de um ar condicionado que danifique o motor e a eficiência da refrigeração;

7) Se, por exemplo, o compressor não for adequado, o carro pode perder tanta potência que o motorista corre o risco de ficar na mão em pleno trânsito. Isso mesmo. O carro pode parar no meio da rua por falta de potência. Por isso é importante usar peças originais e consultar mecânicos certificados para reparar o ar condicionado;


8)
Preste atenção no funcionamento do ar-condicionado durante o ano inteiro. Procurar os problemas só durante o verão pode causar ainda mais dificuldades: as oficinas ficam lotadas e o serviço não é tão atencioso quanto poderia ser.

Radiografia de como fica o sistema de ar-condicionado por dentro do carro

13:35 · 02.12.2010 / atualizado às 13:35 · 02.12.2010 por

Estudo feito pela PPG – multinacional no segmento de tintas – por meio de suas divisões Refinish e OEM, anuncia para o mercado as tendências de tonalidades para carros até 2015. Para chegar a estes resultados, um grupo responsável pelo desenvolvimento de cores da empresa estuda permanentemente as tendências mundiais.

Cor branca com pigmentos especiais, metálicos ou perolizados estão em alta em carros mais caros, como o Kia Sportage

 Pelo décimo ano consecutivo, o prata foi a cor mais popular para veículos em todo o mundo. A popularidade desse tom tem crescido desde 1990, quando a PPG iniciou as pesquisas na área. Na América do Norte, o prata, o cinza e o carvão tiveram um aumento expressivo em popularidade e subiram para 31% este ano. A cor somou 25% em 2009 e 20% em 2008.

Cor prata continua liderando preferência no mundo; na imagem Picape Hilux

Tendência no Brasil – O brasileiro investe em cores sóbrias, como prata, preto, cinza e branco. Essas preferências nacionais se estenderão para os próximos cinco anos, principalmente as duas primeiras tonalidades. Amarelo, laranja, turquesa, azul e verde, em suas variações, são os hits para o segmento de carros esportivos e de aventuras, como já presentes em propagandas e ruas.

 Mas, em contrapartida, também existirá uma tendência para o aumento dos brancos com pigmentos especiais, metálicos e perolizados, que poderão reduzir a preferência pelos prateados e brancos chapados.

Um Fiat 500 Barbie, com pintura especial

 

A tendência mundial serão tonalidades mais limpas e transparentes, como diz o Diretor de Marketing da América Latina da PPG, Carlos Roberto Thurler. “Começaremos a ver muitos tons claros ao redor do mundo, principalmente os pigmentos xirálicos, que são os metalizados, perolizados ou de efeito, para aumentar a segurança na direção, principalmente à noite.”

“Como nos próximos anos, vamos fabricar muitos veículos para o mercado local e, para muitos destes consumidores, será o primeiro “zero quilômetro”, a importância desta compra leva-os à escolha de cores mais elegantes e valiosas, por isso veremos muitos perolizados”, comenta o Supervisor do Laboratório de Desenvolvimento de Cores Automotivas PPG Alex Lair de Amorim.

Cor preta continua em alta: na imagem o esportivo Lamborghini

 

Tabela de Cores   
* Tendência de cores para automóveis até 2015 (mercado sul americano). Branco 18% , Preto 15% e Prata 38%.
* Tendência de cores para carros esportivos e aventureiros até 2015.   Bege 3%, Amarelo 1% Marrom 2% e  Verde   Oliva 2%.
10:18 · 26.11.2010 / atualizado às 10:18 · 26.11.2010 por

Em virtude da alteração do Sistema do Detran/CE – GETRAN, para o ERENAVAM, o Sindece (Sindicato dos Despachantes do Ceará) estará realizando sábado, dia 27, das 8 às 17 horas, em sua sede, à Rua Maria Josefina, em frente a sede do Detran, no bairro Maraponga, treinamento aos despachantes documentalistas para operacionalizar o novo programa do Detran. No dia 28, domingo, das 8 às 14 horas, o treinamento será realizado na sede da SH Emplacamentos, à Rua Vasco da Gama, 915, sala 102, esquina com Av. Gomes de Matos, bairro Montese.

Transporte
Os despachantes oriundos do Interior do Estado, que fizerem o curso no sábado, terão direito a traslado (rodoviária – Sindece) e todos os rpofissionais receberão apostilas e senhas de acesso ao programa.
O Sistema ERENAVAM é destinado ao gerenciamento, controle e fiscalização de todo o processo de registro e licenciamento de veículos, em todas as suas hipóteses e situações previstas no Código de Trânsito Brasileiro e legislação complementar, quando realizado pelo despachante devidamente registrado no Conselho Regional e Sindece.

Os interessados devem ligar para os fones 3298.2000 e 3491.4042 e confirmar presença.




09:54 · 08.11.2010 / atualizado às 09:54 · 08.11.2010 por

Todos estão convidados para o evento de lançamento do Guia Automotivo do Ceará 2010. Será nesta terça (09/11), a partir das 19h30min, no Centro Cultural Oboé (Rua Maria Tomasia, 531 – Aldeota. Fone: 3264-7038). Para entrar não é preciso convite. O anuário tem 140 páginas com informações valiosas sobre o mercado cearense e nacional. Feito em papel couché e com fotos exclusivas e belíssimas, suas páginas trazem curiosidades, memória automotiva, super carros, off-road, automobilismo e matérias especiais. Não perca mais uma edição, atualizada e ampliada.

Capa da edição, que tem lançamento nesta terça

Mais informações: Guia Automotivo do Ceará. Lançamento dia 9/11 (terça), no Centro Cultural Oboé. Preço do exemplar: R$ 20,00. Contatos: 0xx85-9981-3402, e também no site www.guiaautomotivo-ce.com.br

15:25 · 19.10.2010 / atualizado às 15:26 · 19.10.2010 por

Toda a comodidade de ter o ingresso na mão, antes mesmo da abertura do SALÃO DO AUTOMÓVEL ao público, está disponível no site do evento www.salaodoautomovel.com.br

Selo do Salão deste ano

Quando o Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo, abrir as portas para receber o visitante da edição desse ano – que acontece de 27 de outubro a 7 de novembro – quem comprou com antecedência a entrada já terá assegurado o acesso ao mundo dos automóveis, com a última palavra em lançamentos, conceitos e tendências. Os ingressos à venda pelo site até o dia 24/10 são individuais e custam R$ 34,00, mais taxa de conveniência, para adultos, por dia de visitação. Crianças de 5 anos a 12 anos pagam R$ 22,50, mais taxa de conveniência. E menores de 5 anos e adultos com mais de 65 anos têm entrada gratuita.

Como pagar

O pagamento do ingresso comprado através da Internet só pode ser feito através de boleto bancário, com vencimento para 25/10 e a retirada do ingresso deverá ser feita na entrada do SALÃO. Na bilheteria do SALÃO, no Anhembi, o valor do ingresso é de R$ 40,00 (adulto) e de R$ 30,00 (crianças de 5 a 12 anos). Sob a organização e promoção da Reed Exhibitions Alcântara Machado, o SALÃO DO AUTOMÓVEL aguarda a visitação de cerca de 600 mil pessoas, durante os 12 dias do evento, que reunirá 450 diferentes modelos de automóveis, de 42 marcas – entre nacionais e importadas. Quem apoia O SALÃO INTERNACIONAL DO AUTOMÓVEL conta com o patrocínio da ANFAVEA (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), co-patrocínio da ABEIVA (Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores) e o apoio do SINDIPEÇAS (Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores).

Mais informações: 26º SALÃO INTERNACIONAL DO AUTOMÓVEL Data: 27 de Outubro a 7 de Novembro de 2010 Horário: 27/10 – das 14h às 22h (entrada até às 21h) 28/10 a 06/11 – das 13h às 22h (entrada até às 21h) 07/11 – das 11h às 19h (entrada até 17h) Local: Pavilhão de Exposições do Anhembi – Av. Olavo Fontoura, 1.209 – Santana – São Paulo – SP www.salaodoautomovel.com.br

Pesquisar

Blog do Automóvel

Blog da editoria Auto, do Diário do Nordeste, para coberturas em test drive, lançamentos de automóveis e salões e notícias sobre carros, motos e outros veículos.
Posts Recentes

12h10mNovo Camaro vai ser destaque no Salão do Automóvel de São Paulo 2018

11h10mAudi mostra sua linha de SUVs na Chapada dos Veadeiros, em Goiás

02h10mConfira detalhes do primeiro carro elétrico feito no Brasil

10h10mSalão do Automóvel de São Paulo com novo lote de ingressos disponível

10h10mSetor de locação foi responsável por 1 em cada 4 veículos emplacados no primeiro semestre de 2018

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs