Blog do Automóvel

Categoria: MAN


10:44 · 02.02.2017 / atualizado às 11:24 · 02.02.2017 por

É a bordo dos veículos MAN TGX que a turnê da dupla Victor & Leo pega a estrada para levar a música brasileira a todos os cantos do país. Para mostrar os bastidores dessas viagens, a MAN Latin America preparou um episódio especial de Viajantes por Natureza, série desenvolvida para as redes sociais, mostrando o deslocamento desses veículos no trecho de Altamira (PA) até São Paulo, disponível na fanpage da MAN Latin America

 


Os modelos são guiados por Antônio Gervásio Arantes Neto e José Antonio Barbosa Borges, que contam sobre os desafios do caminho e a paixão pela estrada. “Virei motorista por causa da minha família, meus dois avôs já eram motoristas”, conta Arantes Neto, orgulhoso da profissão que vem de berço. Borges também fala animado sobre a vida na estrada: “O caminhão sempre foi minha paixão, desde criança”.
Os motoristas têm a missão de levar toda a estrutura da turnê, que visita em média 100 cidades por ano. Cada viagem leva nada menos do que sete toneladas: os caminhões MAN TGX escolhidos pela dupla transportam todo o cenário do show, incluindo equipamentos de som e luz.


Como os irmãos passam boa parte do tempo na estrada, os camarins dos músicos são bastante completos e também seguem a bordo dos TGX, incluindo dois guarda-roupas, tapetes, itens pessoas e de cozinha, como microondas.
E não faltam boas histórias no caminho. “Quando paramos nos postos o pessoal pergunta se o Victor e o Leo estão no baú do caminhão, também pedem CDs e camisetas”, divertem-se Arantes Neto e Borges.
“Estamos felizes com esta parceria que prima pela qualidade e singularidade das marcas MAN e Volkswagen. Optamos por ter nossos cenários transportados por caminhões MAN e sentimo-nos privilegiados de representar este conceito”, declarou o sertanejo Victor.


Para Leo, os caminhões da MAN transportarão muito mais do que material para o show. “É uma grande honra estarmos junto com uma marca que é referência mundial em transporte. Agora, além de cargas pesadas, transportam energia, emoção e música. Com a MAN, chegamos rápido e vamos longe”, celebra.
“Como nossos clientes, a dupla conhece bem os diversos cantos do país e as dificuldades das estradas brasileiras. E não à toa escolheu os nossos caminhões para levar música e entretenimento. Estamos muito satisfeitos com essa parceria, que corrobora nosso trabalho de busca de excelência em produtos e serviços”, afirma Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da MAN Latin America.

10:43 · 23.01.2017 / atualizado às 10:43 · 23.01.2017 por

As exportações da MAN Latin America cresceram 15% em 2016 na comparação com o ano anterior, num reflexo do avanço da montadora em diversos países e na retomada de negócios em alguns mercados externos. No ano passado foram vendidos cerca de 6.500 caminhões e ônibus ao exterior, enquanto em 2015 esse volume ficou na casa das 5.600 unidades

MAN Latin America, Fabrik in Resende, Planta de Resende, Produktion von Volkswagen und MAN LKW, Consorcio Modular,  Resende, RJ, Brasil, Brasilien
Planta de Resende, no Rio de Janeiro

Dentre os modelos Volkswagen de maior sucesso no mercado internacional em 2016 estão os caminhões Constellation 17.280 e o Delivery 9.160, além do chassi Volksbus 15.190 OD, todos integrantes da linha Euro 5, lançados em diversos países da América Latina no ano passado.
O VW Constellation 17.280 4×2 é um dos grandes destaques. Sucesso consolidado na Argentina, alcançou o posto máximo de vendas naquele mercado em menos de seis meses de seu lançamento. Ele é uma das provas de que os produtos desenvolvidos e pela engenharia brasileira têm futuro promissor em diversos países do mundo.
Além da Argentina, México, Chile, Peru e Colômbia figuraram como os principais destinos dos produtos feitos em Resende em 2016. Outros destaques ficam por conta da retomada de vendas na América Central, principalmente Costa Rica, Panamá e República Dominicana, e na África, com os mercados da Nigéria e de Moçambique, que também estão entre os países que voltaram a comprar caminhões e ônibus da MAN Latin America em 2016, com relação a 2015.
“Nosso ciclo de investimento de R$ 1,5 bilhão para o período 2017-2021 dá suporte ao nosso plano de internacionalização e expansão da marca Volkswagen Caminhões e Ônibus. Seguiremos a estratégia de levar nossos veículos sob medida a diferentes países, com lançamentos de produtos, conquista de novos mercados ou nichos e foco no pós-vendas”, explica Roberto Cortes, presidente da MAN Latin America.

 

 

 

13:55 · 15.02.2015 / atualizado às 14:09 · 13.02.2015 por

MalagrineAssim como muitos lançamentos possui a tecnologia de assistente em rampa, alguns modelos da linha de pesados também tem a sua disposição essa função.  É o caso da MAN Latin America, fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e MAN, que tem esse dispositivo destinado aos seus  veículos automatizados V-Tronic. Inclusive, ela reforçou a segurança de seu sistema auxiliar de partida em rampa, conhecido como EasyStart. O novo dispositivo permite travar os freios dianteiros e traseiros do veículo por até três segundos em rampa, basta que a função esteja habilitada por meio de um botão específico.

Atrelado à caixa de câmbio, o sistema garante que, mesmo com o pedal de freio não acionado, o caminhão ou ônibus se mantenha estável em aclives durante esse período, enquanto o condutor faz a movimentação necessária ao controle da partida com o acelerador. Com isso, o veículo parte em rampa de modo seguro sem o risco de descer e causar um acidente.

Outra característica é a utilização de  componentes do próprio sistema ABS, já disponíveis no veículo. Isso torna o sistema dos modelos Volkswagen mais simples, pois não requer a manutenção de válvulas, pressostatos e outras tecnologias adicionais muito utilizadas na indústria para chegar ao mesmo resultado. O objetivo é garantir sempre ao cliente a melhor relação custo-benefício, seguindo a lógica “Menos você não quer, mais você não precisa”.

Em sua primeira versão, o EasyStart atuava no freio dianteiro. Agora se estende ao traseiro. “O resultado comprova o esforço da MAN Latin America em, continuamente, incrementar seus produtos e serviços oferecidos aos clientes”, explica Rodrigo Chaves, diretor de Engenharia da MAN Latin America..

Malagrine MalagrineNovos recursos 

Para garantir a segurança operacional, a MAN Latin America agrega em todos os veículos da marca recursos tecnológicos como os sistemas de freios ABS e o EBD. Em alguns modelos, há também o ATC. O ABS (Anti-lock Brake System) impede o travamento das rodas durante uma frenagem excessiva, colaborando para a manutenção da dirigibilidade e estabilidade do veículo em curvas, além de minimizar a distância de frenagem entre os veículos.

Já o EBD (Electronic Brake Distribution) controla e gerencia a distribuição da pressão de frenagem entre os eixos dianteiro e traseiro, de forma a garantir um melhor equilíbrio e estabilidade do veículo e maximizar a eficiência do ABS. Disponível para alguns modelos, o sistema ATC (Automatic Traction Control) controla a velocidade das rodas e o torque do motor, de forma a evitar que o veículo patine em condições de piso escorregadio. O sistema também ajuda a preservar os componentes do trem de força, reduzindo assim os custos de manutenção.

14:14 · 09.01.2015 / atualizado às 10:20 · 09.01.2015 por
Malagrine
Volkswagen está com o modelo mais vendido de 2014: Constellation 24.280

O setor de caminhões também acompanhou a queda do segmento automotivo. Em dezembro, com 13.698 unidades, houve alta de 12,58% comparado aos emplacamentos de novembro, que obteve 12.167. Mas, ainda que demonstre crescimento, esse número foi 4,48% a menos que o mesmo período em 2013 e insuficiente para evitar o recuo de 11,32% do acumulado do ano. Foram 137.054 em 2014 contra 154.554 do ano anterior. Na produção, foram 139.965 montados, dentre eles a linha pesado destaca-se com 51.100 do total.

Dos modelos mais vendidos, enquanto a Volkswagen perdeu posição na categoria auto, ela comemora na de caminhões. O modelo semi-pesado Constellation 24.280 6×2 fabricado pela MAN Latin America é o mais vendido do país, com 7.673 unidades licenciadas, segundo o Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam). A montadora lidera o ranking brasileiro com um modelo desse segmento há sete anos consecutivos. Mais dois veículos Volkswagen aparecem na lista: o VW Delivery 8.160 como o segundo colocado, com 5.742 unidades, e o VW Delivery 10.160 com a nona colocação, com 3.711 caminhões emplacados.

Veículo de vocação estradeira, o VW Constellation 24.280 6×2 é indicado para serviços rodoviários de curta, média e longa distância e serviços que exigem alta disponibilidade. Equipado com motor MAN de 275 cavalos, possui a tecnologia de emissões EGR, que dispensa o uso do ARLA 32, gerando economia e rentabilidade para os frotistas. Sua cabine reúne características de conforto e produtividade e é oferecida nas versões estendida e leito.

Já os VW Delivery 8.160 e 10.160 aliam as características de um caminhão robusto à maior capacidade de volume e carga. Os modelos são ideais para frotas que fazem entregas urbanas e percorrem pequenas distâncias. Como os demais veículos da marca, a qualidade no acabamento e o pós-vendas eficiente completam os atrativos dos caminhões líderes de mercado.

10:52 · 05.05.2013 / atualizado às 10:52 · 05.05.2013 por

O presidente da MAN Latin America, Antonio Roberto Cortes, disse em entrevista que o cenário nacional está favorável para o setor de caminhões devido ao aquecimento econômico. “Ficamos bastante otimistas com o desempenho do primeiro quadrimestre. Estimamos que o mercado cresça 7,5% este ano e a MAM Latin America, 10%”, afirma. Os valores superam a previsão de crescimento do PIB brasileiro, que é de 3%.

ANTONIOCORTES

Ele também destacou a necessidade de renovação da frota. “A idade média da frota brasileira de caminhões é 17 anos, duas vezes mais do que a de países da Europa ou da América do Norte”, explica. Ainda segundo ele, o ideal são cinco anos de uso, pois, a partir de sete, o caminhão fica economicamente inviável. “Além disso, a manutenção é um dos fatores que encarece o frete”. Questionado sobre a necessidade de ampliação da fábrica, Cortes explicou que a fábrica em Resende (no estado do Rio de Janeiro) está operando em dois turnos e ainda “tem possibilidade de crescer 30%, com mais um turno”.

Pesquisar

Blog do Automóvel

Blog da editoria Auto, do Diário do Nordeste, para coberturas em test drive, lançamentos de automóveis e salões e notícias sobre carros, motos e outros veículos.
Posts Recentes

12h10mNovo Camaro vai ser destaque no Salão do Automóvel de São Paulo 2018

11h10mAudi mostra sua linha de SUVs na Chapada dos Veadeiros, em Goiás

02h10mConfira detalhes do primeiro carro elétrico feito no Brasil

10h10mSalão do Automóvel de São Paulo com novo lote de ingressos disponível

10h10mSetor de locação foi responsável por 1 em cada 4 veículos emplacados no primeiro semestre de 2018

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs