Blog do Automóvel

Categoria: Porsche


02:54 · 28.04.2018 / atualizado às 16:56 · 27.04.2018 por

A comemoração dos 70 anos do Porsche fará parte do 5º Encontro Brasileiro de Autos Antigos de Águas de Lindóia, que acontece de 28 de abril a 10 de maio, com entrada gratuita


Estarão expostos porsches de vários anos de colecionadores renomados. O destaque do evento é o mais antigo em funcionamento no Brasil, de 1951, o Cabriolet, além do 911 de vários modelos, 914, 944 e 928.
O apoio para a exposição é do colecionador Maurício Marx que levará três modelos da marca alemã para participarem também da exposição. Todos os modelos da porshe até 1992 ficarão numa mesma área reservada.
A história da marca Porsche começa em 1948. No entanto, a base do construtor de veículos desportivos assenta na vida de trabalho do professor Ferdinand Porsche – trabalho que o seu filho, Ferry, continuou.
Ferdinand Porsche já tinha projetado inovações pioneiras para a indústria automóvel no início do último século. Em 1900, construiu um veículo elétrico com uma unidade de cubo de roda conhecido como Lohner-Porsche, um veículo que serviu de base para o primeiro automóvel de passageiros com tração integral do mundo.
Serviço
Exposição 70 anos do Porsche
Local – 5º Encontro Brasileiros de Autos Antigos de Águas de Lindóia
De 28 de abril a 1º de maio
Entrada Gratuita

11:14 · 01.03.2018 / atualizado às 11:15 · 01.03.2018 por

A Porsche Brasil anuncia Rodrigo Soares como novo responsável pela área de Relações Públicas e Imprensa. Ele assumiu a nova função em fevereiro deste ano, após desempenhar papel importante no desenvolvimento da área de vendas


Graduado em Administração com MBA em Marketing, iniciou sua carreira no setor automotivo em 2004, com experiência nas áreas de planejamento, exportação e vendas. Também desenvolveu importantes atividades ao longo desses anos com a implementação do canal de vendas corporativas no segmento de luxo, vendas especiais com foco nos produtos exclusivos e a criação da uma categoria monomarca de automobilismo.
Em agosto de 2015, foi convidado a assumir o cargo de gerente de vendas da Porsche Brasil, área em que atuou por mais de dois anos e meio, tendo um papel importante no sólido crescimento que a companhia teve neste período.
É uma grande satisfação fazer parte do time que iniciou as operações da Porsche no Brasil, ainda mais sendo um dos responsáveis pelo desenvolvimento das atividades de vendas. A Porsche é uma marca que proporciona experiências únicas através de sua esportividade e exclusividade, e nosso objetivo é estar cada vez mais presentes junto aos veículos de comunicação, aproximando a nossa história a de clientes e fãs da marca”, disse Rodrigo Soares.
Para acessar informações de imprensa, press-release, dados técnicos, vídeos, fotos e outros materiais relacionados a marca, por favor cadastre-se no link https://press.pbr.porsche.com ou visite o site Porsche News Room, www.newsroom.porsche.com, uma plataforma multicanal, exclusiva para jornalistas e a comunidade online. Acesse também nossa página oficial do Instagram: @porschebrasiloficial #porschebr
Sobre a Porsche
A Porsche Brasil com sede em São Paulo, é a primeira subsidiária Porsche na América Latina, tendo a sua operação iniciada em julho de 2015. A rede Porsche no Brasil está presente nas seguintes praças: São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba, Recife, Campinas, Florianópolis, Brasília e Ribeirão Preto.

13:07 · 27.09.2017 / atualizado às 13:08 · 27.09.2017 por

O dirigente dá continuidade a operação no país. Seu antecessor Matthias Brück, que implementou a subsidiária da Porsche no Brasil assume uma nova posição e novos desafios dentro do Grupo Volkswagen, deixando um positivo legado a marca no país.
Formado em administração, Andreas Marquardt é alemão e chega à Porsche Brasil após trabalhar por alguns anos na Porsche AG, na Alemanha, onde era líder em Serviços de Mobilidade e novos conceitos de Mobilidade. Andreas também já ocupou o cargo de Gerente de Projetos na Porsche Consulting, ainda na Alemanha e morou na Itália, em Milão, onde ocupou posições como Assistente Executivo da Presidência e Consultor na Porsche Consulting Itália.
“É uma honra poder assumir as operações da Porsche no Brasil, um mercado de destaque, o qual a marca tem se desenvolvido ano-a-ano. O trabalho iniciado por Matthias Brück, meu antecessor, foi de grande apreço e muita dedicação. O meu foco inicial estará em conhecer melhor o mercado Brasileiro, suas oportunidades, desafios, nossos públicos e manter a qualidade premium de nossos serviços e atendimentos. Pensando no futuro próximo, com a chegada dos carros híbridos e elétricos, queremos explorar ainda mais este universo, claro sem perder a esportividade que a marca respira e o prazer em dirigir que ela proporciona”, comenta Andreas Marquardt.


Desde a chegada da Porsche ao Brasil como subsidiária, em julho de 2015, a marca cresceu, fortaleceu o relacionamento com clientes, concessionários, imprensa, colecionadores e entusiastas, além de ampliar em 50% o número de concessionárias no país.
O ano de 2017 segue por um caminho positivo para a Porsche Brasil, sendo registrado o aumento de 20% nas vendas, com 755 veículos entregues aos clientes e apaixonadas pelos esportivos. Com o pensamento em, cada vez mais, suprir os clientes com excelência, a marca seguirá com estratégias de proporcionar experiências únicas, oferecer produtos com alta tecnologia, qualidade e desempenho sem deixar de fora a emoção e tradição que a marca proporciona desde sua criação.

Sobre a Porsche
A Porsche Brasil tem sede em São Paulo e é a primeira subsidiária da Porsche na América Latina, tendo a sua operação iniciada em julho de 2015 no país. A rede de concessionárias da Porsche no Brasil possui, atualmente, nove pontos de vendas. A marca pode ser encontrada, tanto para vendas como nos serviços de pós-vendas nas seguintes praças: São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba, Recife, Campinas, Florianópolis, Brasília e Ribeirão Preto.

15:43 · 25.05.2017 / atualizado às 15:43 · 25.05.2017 por

Com foco cada vez maior na eletrificação e mobilidade urbana, a Porsche participará, no próximo sábado (27), de uma grande campanha de veículos verdes: o “Dia da Mobilidade Elétrica”. O objetivo da ação é promover conhecimento e incentivar a ampliação de uma frota sustentável nos grandes centros urbanos


O modelo que participará do evento será o Porsche Cayenne S E-Hybrid, o primeiro híbrido plug-in no segmento dos SUV premium. Ele possui um motor a combustão e um elétrico, que permite a condução sem o consumo de combustível numa extensão de até 36 quilômetros, além de carregar a bateria durante a aceleração e frenagem. Outro fator interessante deste modelo é que permite ao cliente carregar o seu veículo em casa em uma de suas tomadas convencionais. O consumo combinado aqui no Brasil, segundo os padrões do Inmetro, é de 12 km/l e as emissões de CO2 ficam na casa de 109 g/km. O modelo foi recentemente considerado o carro mais eficiente em sua categoria com o selo CONPET no ano passado.


“A Porsche, tem investido cada vez mais no futuro híbrido e elétrico, porem sem perder o nosso viés esportivo. Nossos carros híbridos unem baixo consumo e alto desempenho, mostrando que eletrificação e esportividade podem, sim, andar lado a lado. No futuro, a médio prazo, nosso objetivo é ter uma versão híbrida para cada um dos modelos de nosso line up. Por exemplo nós lançaremos no país este ano ainda a versão híbrida do novo Panamera plug-in.


Além disso, os híbridos tem um enorme custo benefício para o consumidor Brasileiro, como por exemplo, a isenção do rodizio em algumas cidades do país”, comenta Matthias Brück, Diretor-Presidente da Porsche Brasil.
“Somos pioneiros nas tecnologias híbridas, em 1900 Ferdinand Porsche já desenvolvia o primeiro carro híbrido, o famoso Lohner Porsche. Não poderíamos ficar fora de um evento com tamanha relevância para disseminar a informação sobre os híbridos e elétricos no país como este desfile fará.” completa Werner Schaal, Diretor de Vendas da Porsche Brasil.


O evento irá promover uma carreata de veículos híbridos e elétricos que percorrerá o coração de São Paulo. Ele acontece no dia 27 de maio de 2017, das 10h às 13h, com concentração às 9h30 na Praça Amadeu Amaral. Depois, os carros seguirão até a Praça Charles Miller, no Pacaembu.

12:45 · 04.05.2017 / atualizado às 12:45 · 04.05.2017 por

O novo Porsche 911 GT3 comemorou seu primeiro dia na pista de Nürburgring com uma volta em 7 minutos, 12,7 segundos no legendário Nordschleife

 

O 911 liberado para circular em ruas e estradas, com especificações semelhantes às de sua versão de corrida, superou o tempo estabelecido pelo modelo anterior em 12,3 segundos.
“Com esse tempo que alcançamos, provamos de forma dramática que o novo 911 GT3 não apenas proporciona a melhor experiência de condução, mas também pode obter um desempenho impressionante no Nordschleife. O foco foi otimizar a qualidade de condução e na adaptação ao ligeiro aumento de potência do motor”, afirmou, extremamente satisfeito, Frank Steffen Walliser, vice-presidente de carros Motorsport e GT da Porsche. “Há poucos anos, tempos de volta como este só podiam ser alcançados por carros de corrida puro-sangue com pneus slick”, acrescentou Andreas Preuninger, diretor da Linha de Produtos GT. “O novo GT3 agora consegue obter essa marca com sua potência comparativamente mais modesta, mas ainda assim é completamente adequado ao uso diário.”


O 911 GT3 também conta com mais tecnologia de corridas que o modelo anterior. Seu motor de 500 cv (368-kW) de alta rotação, naturalmente aspirado, pode ser encontrado também no modelo de corridas 911 GT3 Cup. Equipado com eixo traseiro direcional, caixa de câmbio Porsche Doppelkupplung (PDK) com dupla embreagem e sete velocidades e pneus Michelin Sport Cup2 N1, o veículo esportivo chegou a linha de partida em Eifel com seu equipamento original. Sob uma temperatura atmosférica de 8 graus e 14 graus de temperatura no asfalto, as condições para o pilo-to de testes da Porsche, Lars Kern, eram ideais para correr. O cupê aprovado para andar na estrada registrou seu melhor tempo sob supervisão legal. “Se você consegue andar rápido no Nordschleife, pode andar rápido em qualquer lugar no mundo”, comentou Frank-Steffen Walliser.

Sobre a Porsche
A Porsche Brasil tem sede em São Paulo e é a primeira subsidiária da Porsche na América Latina, tendo a sua operação iniciada em julho de 2015 no país. A rede de concessionárias da Porsche no Brasil possui, atualmente, nove pontos de vendas. A Stuttgart Veículos possui e administra as concessionárias Porsche em São Paulo, Rio de Janeiro (showroom), Porto Alegre, Curitiba, Recife, Campinas e Florianópolis. Em Brasília e Ribeirão Preto, a marca é representada pela Eurobike. No Rio de Janeiro, o serviço de pós-vendas é fornecido pelo Centro Técnico Porsche RJ.

12:10 · 22.02.2017 / atualizado às 12:10 · 22.02.2017 por

O Gran Turismo de quatro lugares chega ao Brasil com novos motores V6 turbo e V8 biturbo, tração integral e câmbio de 8 velocidades


Apresentado pela primeira vez no Brasil durante o Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, em novembro de 2016, a Porsche Brasil fez o lançamento oficial à imprensa do Novo Porsche Panamera  no Haras Tuiuti, em Tuiuti, interior do estado de São Paulo. O veículo concilia duas características contrastantes: o desempenho de um genuíno modelo esportivo e o conforto de um sedan de luxo.


Desde a primeira geração do Panamera, em 2009, mais de 150 mil unidades foram entregues aos clientes da marca. O novo modelo foi desenvolvido completamente do zero, com novos motores, novo design e novas tecnologias. Além disso, a fabricação do veículo será feita inteiramente nas instalações de produção em Leipzig. A marca investiu cerca de 500 milhões de euros, o que inclui uma área completamente nova de fabricação de carrocerias.


Para o presidente da Porsche Brasil, Matthias Brück, o aperfeiçoamento do carro foi visivelmente considerável comparados ao seu antecessor. “O novo Panamera tem uma sinergia com o design do icônico 911, a Porsche pode não ter inventado o sedã de luxo, mas fez dele um esportivo. Seus pontos fortes foram ressaltados, suas fraquezas removidas e, acima de tudo, sua personalidade preservada”, comenta. “Houve um grande foco no design e na dirigibilidade, com isso, mais uma vez atingimos um enorme nível de dinamismo. Estou muito confiante com as vendas do novo Panamera no Brasil”, concluiu.


O design externo do Panamera ganhou ainda mais elegância e esportividade em sua segunda geração. Sua forma foi redesenhada com linhas que se assemelham ao esportivo icônico da marca, o 911. A silhueta do teto é mais harmônica, os ombros estão robustos e as laterais mais atléticas, dando um aspecto de força e imponência ao carro.


O interior do Porsche Panamera está mais moderno e futurista do que nunca. Denominado de Porsche Advanced Cockpit, grande parte dos botões e comandos foram substituídos por painéis sensíveis ao toque, como em smartphones. Ao centro do conjunto de instrumentos, por exemplo, o único mostrador analógico é o do conta-giros, unindo os laços de tradição e uma homenagem ao Porsche 356 A de 1955 com a evolução do modelo.


O sistema integrado de Controle do Chassi 4D analisa e sincroniza todos os sistemas do chassi em tempo real e otimiza o desempenho do novo Panamera na estrada. A Porsche também está elevando a precisão da direção e dirigibilidade ao nível dos carros de Gran Turismo com as rodas traseiras direcionais (opcional para 4S e Turbo) um item que também é novidade e foi adaptado do 918 Spyder e 911 Turbo. O desempenho dos freios também foi melhorado.
As motorizações são a cereja do bolo. Potentes e, ainda assim, com uma boa eficiência energética, o Panamera conta com motores turbinados, sendo V6 nas versão Panamera 4S e um V8 na versão Panamera Turbo.
Com o aumento de 30 cavalos de potência em comparação ao modelo anterior, o novo Panamera Turbo acelera, com o pacote Sport Chrono, de 0 a 100 km/h em apenas 3,6 segundos – tudo isso graças à usina de força de 550 cv de potência a 5.750 rpm e 770Nm de torque entre 1.960 e 4.500 rpm. Para transferir toda esta performance no solo, o modelo recebeu o novo câmbio PDK de dupla embreagem e oito velocidades e tração nas quatro rodas. A velocidade máxima do Panamera Turbo é de 306 km/h.


Já o Panamera 4S tem um motor V6 2.9 também turbinado e que entrega uma potência de 440 cv a 5.650 rpm. Entre 1.750 e 5.500 rpm, despeja um torque de 550 Nm ao Gran Turismo. Com esses números, o veículo pode alcançar 100 km/h em apenas 4,2 segundos com o pacote Sport Chrono e atingir a máxima de 289 km/h. Assim, como em seu irmão mais forte, o câmbio também é o PDK de 8 marchas e a tração é integral.


Para quem quiser ainda mais espaço, a Porsche oferece para as versões 4S e Turbo uma opção alongada denominada Executive. Com a versão estendida, a marca atrai clientes com exigências mais altas de conforto e espaço. Uma característica comum a todos esses modelos é a distância entre eixos alongada em 150 milímetros, que beneficia sobretudo os passageiros do banco traseiro.
Neste momento, os modelos do Panamera comercializados no Brasil serão somente nas versões 4S e Turbo.


Preços:
Panamera 4S R$ 758.000,00
Panamera 4S Executive R$ 807.000,00
Panamera Turbo R$ 981.000,00

 

 

 

12:24 · 30.01.2017 / atualizado às 12:24 · 30.01.2017 por

O primeiro híbrido de tomada no segmento de SUV de luxo do mundo, o Cayenne S E-Hybrid acaba de chegar no Brasil. Ele veio para ser o primeiro carro plug-in híbrido da Porsche a ser vendido no País com valor a partir de R$ 432.000,00

porche
O Cayenne S E-Hybrid pode ser conduzido exclusivamente com o motor elétrico ou com o motor à combustão, além da união de ambos acionando o modo híbrido. O modelo utiliza o formato de recarga por tomada e por recuperação de energia cinética além de contar com um consumo de combustível de 12 km/l e com emissões de CO2 de 109 gramas por quilômetro rodado. Estes são níveis muito acima da média geral, especialmente para um utilitário esportivo com tração nas quatro rodas. Por este resultado, o SUV híbrido da Porsche ganhou o selo CONPET, por ser o veículo mais eficiente em sua categoria.

Detalhes
No modo a combustão, possui um motor V6 sobrealimentado que gera 333 cv. Já no 100% elétrico, seu motor é de 95 cv. Quando combinados no modo híbrido, ambos os motores geram juntos, 416 cv e 590 Nm de torque.
Mesmo com seu consumo excelente no modo híbrido, o grande destaque para quem se locomove em trajetos urbanos é a possibilidade de utilizar o carro no modo de condução totalmente elétrico. Neste modo, o Cayenne pode rodar até 36 km em uso cotidiano, dependendo das condições de condução.
Usando os dois motores, a aceleração de 0 à 100 km/h é feita em 5s9 e a máxima fica em 243 km/h; no modo elétrico é de 125 km/h. Seu câmbio é um Tiptronic S de 8 velocidades.
Para carregar a bateria do veículo, basta plugá-lo em uma tomada doméstica de 110V ou 220V. O tempo para carregar a bateria completamente poderá variar entre 5 ou 10 horas, dependendo do regime de potência selecionado no carregador. O carregado inclui também, sem custo adicional, um plug industrial. Caso o cliente opte pela aquisição do carregador de 7,2 kW, um opcional, e instalar o plug industrial, o tempo de recarga pode ser reduzido para cerca de 1,1 hora.
Caso o cliente não consiga carregar sua bateria antecipadamente não há problema algum, uma vez que o veículo recupera energia através do processo de frenagem e da própria utilização do motor à combustão.

Ficha Técnica

Preço: R$ 432 mil
Motor: V6 a combustão ou elétrico
Potência: 333cv/95cv= 416cv
Transmissão: Automática, tiptronic com 8 velocidades
0 à 100 km/h: 5.9 seg.
Velocidade máxima: 243 km/h

 

08:29 · 06.06.2016 / atualizado às 19:36 · 05.06.2016 por

A Porsche está comemorando um marco em sua história de mais de 75 anos em Zuffenhausen. Com o início da produção do cupê esportivo com motor central 718 Cayman, a empresa passará em breve a fabricar todos os seus carros esportivos de duas portas na tradicional fábrica de Stuttgart

porsche718

Até meados de agosto, a Porsche continuará a utilizar a capacidade de produção da fábrica da Volkswagen em Osnabrück, onde foi produzido até agora, a geração anterior do cupê esportivo com motor entre eixos.
“O lançamento de produção dos modelos sucessores do Cayman nos satisfez plenamente”, afirmou Albrecht Reimold, membro do Comitê Executivo da Porsche AG encarregado da Produção e Logística. Após os lançamentos com sucesso do novo 911 no final do ano passado e do novo 718 Boxster, na primavera de 2016, a equipe de Zuffenhausen também atuou impecavelmente em seu início de fabricação. Esta é mais uma prova de que nossos funcionários trabalham com perfeição e paixão no dia-a-dia para possibilitar uma experiência muito especial com a Porsche para nossos clientes”.

Linha Porsche Cayman 718
Linha Porsche Cayman 718

A fabricação de todos os carros esportivos de duas portas na matriz da Porsche irá alavancar a produção local para cerca de 240 veículos diários até agosto. Atualmente, mais de 220 unidades deixam a linha de produção de Zuffenhausen a cada dia. No ano fiscal de 2015, a Porsche entregou 22,663 unidades dos modelos Boxster e Cayman (em 2014, 23,597 unidades). Segundo Reimold, “Depois que a produção diminuiu naturalmente, devido ao ciclo de vida do produto, temos um grande grau de confiança na nova geração de nossos carros esportivos com motores centrais.”
A atual geração desses modelos esportivos se caracteriza pela maior potência combinada com maior economia de combustível, graças aos recém desenvolvidos motores planos de quatro cilindros com turboalimentação. Pela primeira vez, o Cupê e o Roadster contarão com motores com os mesmos níveis de potência. A versão de entrada começa com 300 cv (220 kW), gerados pelo motor com dois litros de cilindrada. Os modelos S, mais esportivos, desenvolvem 350 cv (257 kW), com dois litros de cilindrada. Isto representa 25 cv (18 kW) de potência adicional em relação aos modelos anteriores. O consumo segundo a norma NEDC, fica entre 8,1 e 6,9 litros por 100 quilômetros.

porsche
O novo 718 Boxster está nas concessionárias da Porsche desde abril deste ano. O 718 Cayman e o 718 Cayman S já podem ser encomendados. Seu lançamento no mercado iniciará, na Europa, no final de setembro de 2016.
No Brasil, o 718 Boxster chegará ás concessionárias no início do segundo semestre deste ano e o 718 Cayman também será comercializado no mercado Brasileiro, porem ainda sem data definida.
Para acessar informações de imprensa relacionadas à marca, press-releases, dados técnicos, vídeos, fotos e outros materiais relacionados, por favor, cadastre-se no link https://press.pbr.porsche.com ou visite o site Porsche News Room, www.newsroom.porsche.com , uma plataforma multicanais, exclusiva para jornalistas e a comunidade online.

Sobre a Porsche
A Porsche Brasil tem sede em São Paulo e começou a operar em Julho de 2015, e importou o primeiro veículo em Agosto do mesmo ano. É a primeira subsidiária da Porsche na América Latina. A rede de concessionárias da Porsche no Brasil possui atualmente sete Porsche Centers. A Stuttgart Sportcar possui e administra as concessionárias Porsche em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba e Recife. Em Brasília e Ribeirão Preto a marca é representada pela Eurobike.

11:37 · 28.04.2016 / atualizado às 11:38 · 28.04.2016 por

A quarta geração do cupê esportivo da Porsche com motor central tem uma aparência ainda mais marcante, atlética e eficiente. Poucas semanas após a apresentação do novo 718 Boxster, o novo 718 Cayman está ampliando a nova série de modelos. Pela primeira vez, o preço da versão com teto rígido está posicionado abaixo do valor do roadster, de forma semelhante ao que ocorre com os modelos 911

 

718 Cayman S e 718 Boxster S
718 Cayman S e 718 Boxster S

Os preços do 718 Cayman começam em 51.623 euros na Alemanha e o 718 Cayman S custa a partir de 64.118 euros, ambos com o VAT (imposto sobre valor adicional) incluído e com os equipamentos específicos para o país.
Os mesmos novos motores turbo horizontais com quatro cilindros que equipam o 718 Boxster estão presentes no 718 Cayman. Desta forma, pela primeira vez o cupê e o roadster têm a mesma potência. A versão de entrada começa com 300 cv (221 kW) gerados pelo motor com dois litros de cilindrada. O modelo S entrega 350 cv (257 kW), com 2,5 litros de deslocamento. Isto representa 25 cv (18 kW) a mais de potência em comparação aos modelos anteriores, com um consumo, segundo as especificações NEDC, entre 8,1 e 5,7 litros por 100 quilômetros.

718 Cayman S
718 Cayman S

O tremendo torque proporcionado pelos novos motores do 718 Cayman promete diversão ao volante e muita agilidade em baixas rotações. O motor de dois litros do 718 Cayman alcança um torque de até 380 Nm (mais 90 Nm), disponibilizado entre 1.950 e 4.500 rpm. O motor de 2,5 litros do 718 Cayman S traz um turbocompressor com turbina de geometria variável (VTG), uma tecnologia até agora utilizada exclusivamente no 911 Turbo. No 718 Cayman S, o compressor VTG é equipado também, pela primeira vez, com wastegate (válvula de alívio do excesso de pressão). O novo motor disponibiliza até 420 Nm de torque (50 Nm a mais) no virabrequim em rotações entre 1.900 e 4.500 rpm. Para o condutor, isto significa um torque ainda melhor em toda a gama de rotações do motor. O 718 Cayman com câmbio PDK (com dupla embreagem) e o pacote opcional Sport Chrono vai de 0 a 100 km/h em 4,7 segundos. Já o 718 Cayman S atinge a mesma velocidade em 4,2 segundos. A velocidade máxima do 718 Cayman é 275 km/h, enquanto o 718 Cayman S pode alcançar uma máxima de 285 km/h.

Por dentro da máquina, 718 Cayman S
Por dentro da máquina, 718 Cayman S

Nova regulagem do chassi para maior precisão e mais estabilidade lateral
Em termos de dinâmica de direção, os novos modelos 718 Cayman seguem o padrão dos 718 clássicos. Graças à sua impressionante agilidade, esses históricos carros esportivos com motor central venceram numerosas corridas nas décadas de 1950 e 1960, tais como a Targa Florio e Le Mans. A rigidez lateral e a geometria das rodas foram melhoradas consideravelmente no chassi completamente reacertado do 718 Cayman. Molas e estabilizadores foram projetados para serem mais firmes e a regulagem dos amortecedores foi alterada. A direção, reconfigurada para ser 10% mais direta, aumenta a agilidade e o prazer ao dirigir. As rodas traseiras, que são meia polegada mais largas, em combinação com os pneus redesenvolvidos, resultam num aumento potencial na força lateral e, consequentemente, em maior estabilidade nas curvas.

718 Cayman
718 Cayman

Opcionais para melhorar ainda mais a dinâmica de condução, como o pacote Sport Chrono e o Porsche Torque Vectoring (PTV), permitem que a personalidade esportiva do 718 Cayman possa ser ainda mais personalizada. Outra opção disponível é o PASM (Porsche Active Suspension Management – gerenciamento ativo da suspensão), com rebaixamento de dez milímetros na altura e, adicionalmente, no modelo S, pela primeira vez a suspensão esportiva PASM com rebaixamento de 20 milímetros na altura. Como em outros carros esportivos da Porsche, o pacote Sport Chrono pode ser ajustado através do comando de programação colocado no volante. Complementando as opções de regulagem anteriormente disponíveis “Normal”, “Sport” e “Sport Plus”, agora há o programa “Individual”, que permite utilizar acertos individuais anteriormente programados em vários sistemas.
Levando em conta o maior desempenho do carro, novos e mais fortes sistemas de freios passaram a ser utilizados, com discos dianteiros com 330 milímetros e traseiros com 299 milímetros de diâmetro. O 718 Cayman traz agora o sistema de freios anteriormente usado no Cayman S. Por outro lado, o 718 Cayman S usa as pinças de quatro pistões do 911 Carrera, combinadas com discos seis milímetros mais espessos.

718 Cayman
718 Cayman

Design diferenciado, para uma aparência mais muscular
O novo 718 Cayman foi alterado em seu design de forma tão abrangente como na tecnologia. As proporções rígidas, entradas de ar destacadas na frente e nas laterais e o baixo perfil lateral destacam o avanço dinâmico. O “nariz” tem um perfil muito mais afilado, dando à dianteira do carro uma aparência mais larga e masculina. As lanternas ultrafinas sobre as entradas de ar, que integram as luzes de estacionamento e os indicadores de direção, reforçam ainda mais esta impressão. Complementando a dianteira do 718 Cayman estão as entradas de ar para refrigeração consideravelmente maiores e os faróis bixenônio em novo design, com luzes de condução diurna em LEDs integradas. Faróis em LED com luzes de condução diurna de quatro pontos são oferecidos como uma nova opção. Visto de lado, o novo cupê esportivo revela suas marcantes asas e saias laterais. A traseira redesenhada ganhou um visual muito mais amplo graças à faixa decorativa em preto com alto brilho com o logotipo Porsche (por escrito) integrado entre as lanternas traseiras. As lanternas traseiras foram completamente reprojetadas e se destacam pela tecnologia tridimensional e os quatro projetores das luzes de freios, que parecem flutuar livremente.

 

Interior redesenhado e PCM de série
Por dentro, há visíveis alterações tanto no 718 Cayman como no 718 Cayman S. A parte superior do painel, incluindo as saídas do ar-condicionado, é nova. O novo volante esportivo, com o design do 918 Spyder, assim como as amplas opções de conectividade, foram adotados agora no cockpit do 718, juntamente com o Porsche Communication Management (PCM – gerenciamento de comunicações) de série. Preparação para celulares, interfaces de áudio e o Sound Package Plus com 150 watts fazem parte desse equipamento original. Há opções para ampliar o PCM. O módulo Connect, por exemplo, inclui extensões especiais para smartphones como a entrada USB, o Apple CarPlay e o Porsche Car Connect*. Outra opção disponível é o módulo de navegação com controle por voz, que torna mais fácil dar entrada aos pontos de destino. Se o módulo Connect Plus* for escolhido, é possível contar com informações de trânsito em tempo real. Os motoristas também podem utilizar serviços adicionais mais abrangentes através de seus smartphones incluindo o Porsche Connect App e o Porsche Car Connect App*.
O lançamento no mercado europeu começará em 24 de setembro deste ano e a previsão de chegada do novo modelo no mercado Brasileiro é o final do 2° semestre, também neste ano. Preços e especificações para o país ainda não estão definidos.

*Não disponíveis no Brasil.
Para acessar informações de imprensa relacionadas à marca, press-releases, dados técnicos, vídeos, fotos e outros materiais relacionados, por favor, cadastre-se no link https://press.pbr.porsche.com ou visite o site Porsche News Room, www.newsroom.porsche.com , uma plataforma multicanais, exclusiva para jornalistas e a comunidade online.

Sobre a Porsche
A Porsche Brasil tem sede em São Paulo e começou a operar em agosto de 2015. É a primeira subsidiária da Porsche na América Latina. A rede de concessionárias da Porsche no Brasil possui atualmente seis Porsche Centers. A Stuttgart Sportcar possui e administra as concessionárias Porsche em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Curitiba. Em Brasília e Ribeirão Preto a marca é representada pela Eurobike. Ainda neste ano inaugura concessionárias em Recife (PE) e Florianópolis (Santa Catarina).

11:34 · 22.07.2015 / atualizado às 11:34 · 22.07.2015 por

33261

Nossos pais com certeza foram fã dele. Basta chegar em casa e perguntar: “papai, você já viu um filme de Steven McQueen? Se você é desta geração e não o conhece, para se ter uma ideia, o ator norte-americano é considerado um dos maiores atores de todos os tempos. Em 1974, seis anos antes de morrer, era o astro de cinema mais bem pago do mundo. McQueen também era conhecido por ser um viciado em carro e moto: era piloto e dispensava o uso de dublê em cenas de alta velocidade. Com dinheiro na mão e muito bom gosto, era de se esperar que a coleção pessoal do ator fosse de ótima qualidade.

O último carro encomendado por ele antes de sua morte, um raro Porsche 911 Turbo Carrera 1976 – também conhecido pelo “codinome” 930 -, será leiloado pela Mecun Auctions em Monterrey, na Califórnia, entre os dias 13 e 15 de agosto.

33257
O esportivo traz pintura especial, bancos esportivos, teto-solar e um sistema de segurança capaz de apagar as luzes traseiras caso estivesse em uma perseguição durante a noite. O motor é o 3.0 turbo de seis canecos em linha, com injeção de combustível Borsch K-Jetronic. São 234 cv enviados às rodas traseiras pelo câmbio manual de quatro velocidades.

bullittcb
McQueen encomendou o 911 Turbo Carrera de Bob Smith Porsche, em Hollywood (EUA). O ator morreu poucos anos depois, sem ter levado outro carro para sua coleção, tornando o modelo em questão ainda mais especial. Interessado? A Mecun Auctions ainda não revela o preço pedido pela raridade. Porém, se você está de férias nos E.U.A e é fan do ator, não custa nada perguntar. Quem sabe você leva essa raridade para casa?

Pesquisar

Blog do Automóvel

Blog da editoria Auto, do Diário do Nordeste, para coberturas em test drive, lançamentos de automóveis e salões e notícias sobre carros, motos e outros veículos.
Posts Recentes

12h10mNovo Camaro vai ser destaque no Salão do Automóvel de São Paulo 2018

11h10mAudi mostra sua linha de SUVs na Chapada dos Veadeiros, em Goiás

02h10mConfira detalhes do primeiro carro elétrico feito no Brasil

10h10mSalão do Automóvel de São Paulo com novo lote de ingressos disponível

10h10mSetor de locação foi responsável por 1 em cada 4 veículos emplacados no primeiro semestre de 2018

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs