Blog do Automóvel

Categoria: Salão de Genebra


07:18 · 07.03.2018 / atualizado às 16:21 · 06.03.2018 por

A contagem regressiva começou. A partir de 2020, a Volkswagen lançará, em rápida sucessão, novos veículos elétricos com grande autonomia de rodagem e design visionário: a Família I.D. Três modelos I.D. já foram apresentados como carros conceituais: o compacto I.D.; um modelo SUV, o I.D. CROZZ; e uma van/MPV, o I.D. BUZZ

Agora, no Salão Internacional de Genebra (de 8 a 18 de março), a Volkswagen está apresentando o novo destaque automotivo da Família I.D.: o I.D. VIZZION – um sedã classe premium de vanguarda da próxima geração. Ele roda autonomamente e é operado por voz e comando por gestos. Graças à inteligência artificial, ele é capaz de aprender. É um fascinante Volkswagen do amanhã, que vai abrir o portal para o futuro em Genebra.

Viagem e espaço reinterpretados. O I.D. VIZZION transfere o carismático DNA de design dos modelos I.D. – o design da mobilidade elétrica da Volkswagen – para o mundo dos grandes sedãs.  Os modelos alcançam seu status por meio de uma nova e inteligente interpretação de viagem e espaço. O interior móvel – “espaço aberto” – foi totalmente repensado para que o tempo gasto em deslocamentos curtos e longos na vida diária possa ser utilizado com mais produtividade e flexibilidade. Escolher um carro como o I.D. VIZZION expressa uma decisão deliberada de seus usuários – independentemente se ele for usado num esquema de compartilhamento ou como propriedade individual.


Mundos real e virtual tornam-se únicos. A interação com o I.D. VIZZION é feita por meio de realidade aumentada (RA). Uma visão do ano 2030 é proporcionada no sentido de uma conectividade verdadeiramente abrangente. Vem aí um mundo de mobilidade onde quase tudo é concebível e possível. A tecnologia de comunicação do carro avançou para tornar-se um anfitrião, um assistente virtual capaz de aprender e responder enfaticamente. O I.D. VIZZION proporciona uma coisa acima de tudo: maior liberdade pessoal. Isso porque ele é um dispositivo inteligente sobre rodas, que não precisa de condutor e assim torna-se um motorista particular. Ele é conectado de forma tão abrangente que faz parte do mundo digital. Porque ele proporciona aos seus convidados a bordo (não há motorista) a liberdade de relaxar, comunicar-se, trabalhar e determinar na estrada o próximo destino para o I.D. VIZZION.

Graças à interação intuitiva entre homem e máquina através da realidade aumentada e óculos de realidade mista recém-desenvolvidos – a HoloLens da Microsoft – assim como controle por linguagem natural, o I.D. VIZZION é projetado para ser totalmente intuitivo e, dessa forma, fácil de ser operado. O maior de todos os modelos Volkswagen I.D. apresentado até agora será um espaço de estar móvel que pode ser amplamente personalizado através do lounge interativo ou “espaço aberto”.

Arquitetura Elétrica Progressiva Totalmente Nova. Ao apresentar o I.D. VIZZION, a Volkswagen está mostrando o grande potencial incorporado pela Arquitetura Elétrica totalmente nova da Família I.D. Com base nessa matriz tecnológica, a Volkswagen poderá cobrir todo o espectro da mobilidade elétrica. O carro conceito apresentado em Genebra é também mais uma prova de que a Volkswagen não está deixando sem exame nenhum cenário do caminho para o futuro. Como todos os outros modelos I.D. mostrados anteriormente, o I.D. VIZZION é muito mais que apenas uma tela de projeção do futuro. Com seu design fluido, monolítico e avançado a Arquitetura Elétrica Totalmente Nova reflete como a Volkswagen enxerga um sedã de classe premium movido a eletricidade. Enquanto a operação pelo usuário através de realidade aumentada permite uma antevisão do ano 2030, a condução totalmente automatizada de Nível 5 já é viável para iniciar em 2025.

O design do I.D. VIZZION, seu sistema de tração integral com dois motores elétricos entregando uma potência de 225 kW (equivalente a 306 cv), uma bateria de alta voltagem com 111 kWh de capacidade energética e uma autonomia de até 665 quilômetros são todos parte de um futuro bem próximo. O I.D. VIZZION mostra claramente como a mobilidade do futuro será fascinante. Os melhores tempos do automóvel ainda estão por vir – ele ficará mais limpo, mais eficiente e mais seguro do que nunca. Com a condução autônoma, o carro também será acessível para usuários completamente novos. E isso vai acontecer mais cedo do que muita gente acredita hoje – no mais tardar, até a metade da próxima década.

Inteligência artificial. O carro conceito I.D. VIZZION é um dos primeiros carros a ter o futuro potencial da “inteligência artificial” incorporado ao seu conceito. Inteligência artificial (IA) é uma referência a programas capazes de auto-aprendizado que executam algoritmos para reconhecer, avaliar e interpretar padrões. Ao longo do tempo, esses sistemas continuam aprendendo mais, o que lhes permite reagir a novas situações. Assim, o conceito de “inteligência artificial” na realidade significa nada menos que uma revolução na programação. Enquanto os engenheiros de software de hoje escrevem programas implementando características nos automóveis que são altamente inovadoras, mas ainda incapazes de aprender, em breve serão usados programas que utilizam “aprendizagem automática”.

Essa “aprendizagem automática” do futuro é um passo importante no caminho para a “inteligência artificial” do futuro depois de amanhã. “Aprendizagem automática” e “inteligência artificial” tornarão possível a criação de veículos como o I.D. VIZZION. Ele é um carro que combina mobilidade no mais alto nível com serviços inteligentes – uma espécie de chofer inteligente. Isso é precisamente o que o I.D. VIZZION faz. A Volkswagen está promovendo amplamente o desenvolvimento da IA para automóveis. O caminho para chegar a esse objetivo pode ser dividido em três fases: “programação convencional” (hoje), “aprendizagem automática” (futuro imediato) e “inteligência artificial (futuro).

15:52 · 07.03.2017 / atualizado às 15:52 · 07.03.2017 por

Ele é o SUV de maior sucesso feito na Alemanha: o Tiguan. A cada ano, meio milhão de pessoas optam por esse veículo com tração dianteira ou integral. A segunda geração do SUV chegou ao mercado em 2016. A Volkswagen agora surpreende com algo a mais: o novo Tiguan Allspace – uma versão independente deste sucesso mundial de vendas

Um espaçoso carro familiar com distância entre eixos 109 mm maior e 215 mm a mais no comprimento total. Para mais passageiros, mais bagagem e ainda mais versatilidade. O Tiguan Allspace com 5+2 assentos opcionais faz sua estreia mundial no Salão Internacional do Automóvel de Genebra, na Suíça (de 9 a 19 de março).
O novo SUV da Volkswagen preenche o espaço entre o Tiguan de cinco lugares e o topo de linha Touareg. Desta forma, o Tiguan Allspace, com até 760 litros de capacidade de bagagem, também atrai como uma alternativa para todos aqueles motoristas e famílias que anteriormente tinham que depender de uma van devido ao espaço de que necessitavam. Quando o Tiguan Allspace está com os bancos traseiros rebatidos e é carregado até o teto, sua capacidade de carga é de impressionantes 1.920 litros.
Tiguan Allspace com proporções equilibradas. O Tiguan e o novo Tiguan Allspace foram desenvolvidos ao mesmo tempo. Assim, as duas versões de carroceria exibem uma postura confiante sobre rodas que começam em 17 polegadas. O designer brasileiro Marco Pavone, do Volkswagen Design Team, é o responsável pelo exterior do Tiguan. “Nós projetamos as portas traseiras do Tiguan Allspace para serem mais longas. O capô também foi elevado na frente, acima da grade do radiador, para adequar as proporções ao maior comprimento total do veículo”, explica o designer. Pavone continua: “uma linha de conformação única que sobe atrás da coluna C ressalta o design das janelas laterais”.


Tiguan Allspace: semelhante ao Atlas. O capô e a silhueta lateral mostram semelhança com outro novo SUV da Volkswagen – o Atlas, desenvolvido para os EUA. Na frente, também fica a grade do radiador com novo desenho, com seus frisos cromados, alguns dos quais se estendem para dentro dos faróis e sugerem uma ligação visual entre o Tiguan Allspace e o Atlas. Especialmente marcante é o friso cromado superior que se estende por toda a dianteira do carro. Os veículos Tiguan Allspace também são equipados de série com proteção inferior da carroceria cinza-granito.
Duas dianteiras diferentes. Assim como o Tiguan “clássico”, o Tiguan Allspace também é oferecido com versões on-road e off-road da parte dianteira. Essa última é oferecida em um pacote off-road opcional, juntamente com uma proteção inferior do motor que se estende até o para-choque, para uma condução fora da estrada ainda mais severa. A seção dianteira off-road aumenta o ângulo de entrada do veículo em 7 graus.
Teto com novo design. Todos os Tiguan Allspace são equipados de série com trilhos no teto. O teto em si também foi reprojetado: linhas estruturais marcantes são usadas pela primeira vez, em lugar de uma superfície superior lisa – uma homenagem aos SUVs clássicos. Elas se estendem longitudinalmente, da frente até a traseira. Se o Tiguan Allspace for equipado com o teto solar panorâmico deslizante de 870 x 1.364 mm, as linhas estruturais só estarão presentes na área posterior do teto.
Equipamentos extra. Mesmo na versão básica Trendline há equipamentos adicionais, como os já mencionados trilhos no teto (em preto), o sistema Composition Colour Media juntamente com o Pacote de Conectividade (interfaces USB e para telefone), volante multifuncional, frisos trapezoidais integrados ao difusor e assoalho de carga variável. As versões Comfortline (que inclui tampa do bagageiro com controle elétrico e trilhos de teto prateados) e Highline (que adicionalmente à Comfortline incluindo faróis full-LED e travamento e sistema de partida Keyless Access) dão um salto ainda maior. Além disso, a nova série de SUVs lança uma nova geração do sistema de informação e entretenimento: o sistema Discover Pro apresenta, pela primeira vez nesta categoria, o controle por gestos.


150 cv no novo modelo de entrada. O leque de motores do Tiguan Allspace começa com potência de 150 cv e chega a 240 cv (o Tiguan com distância entre eixos standard começa em 115 cv). O preço sugerido do modelo na Alemanha será de cerca de 30.000 euros. O lançamento do modelo no mercado europeu será em setembro, com as vendas antecipadas iniciando em maio.

16:25 · 02.03.2017 / atualizado às 16:25 · 02.03.2017 por

A Ford exibiu hoje pela primeira vez na Europa o Fiesta ST de nova geração, que estreia no mês que vem no Salão de Genebra. O hatch esportivo com novo motor EcoBoost 1.5 de três cilindros tem 200 cv e uma aceleração estimada de 0 a 100 km/h em 6,7 segundos


O Fiesta ST de terceira geração será o primeiro modelo da Ford Performance com motor de três cilindros e também o primeiro Fiesta ST com modos de direção selecionáveis: Normal, Sport e Track (pista), otimizando os controles do motor, direção e estabilidade para cada condição de rodagem.
Os modos de direção variam também o som do escapamento, que conta com válvula de controle ativo e a tecnologia “Electronic Sound Enhancement”. O sistema amplifica o som naturalmente esportivo do novo motor EcoBoost, que também é o primeiro três cilindros da indústria com sistema de desativação de cilindros para reduzir ainda mais as emissões.


Com lançamento programado para o início de 2018 nas versões de três e cinco portas, o novo Fiesta ST terá também uma grande variedade de acabamentos e personalização, incluindo uma grade exclusiva, rodas de liga leve de 18 polegadas, bancos Recaro, sistema multimídia SYNC 3 e som de alta qualidade B&O Play.
“O novo Fiesta ST oferece uma combinação sem precedentes de desempenho e economia de combustível para entregar uma experiência de condução ainda mais versátil, divertida, envolvente e gratificante”, diz Joe Bakaj, vice-presidente de Desenvolvimento do Produto da Ford Europa.


Novo motor EcoBoost 1.5
Como os demais motores da família, o novo EcoBoost 1.5 combina turbocompressor, injeção de combustível em alta pressão e duplo comando independente e variável de válvulas para aumentar o desempenho e a economia de combustível.
A arquitetura de três cilindros oferece naturalmente um alto torque em baixas rotações. Um novo turbocompressor, com turbina de design otimizado, aumenta o desempenho com pressão mais rápida e redução do atraso (lag).
A nova tecnologia de desativação de cilindros da Ford – introduzida pela primeira vez em um motor de três cilindros no motor EcoBoost 1.0 – vai melhorar ainda mais a economia de combustível do Fiesta ST, sem afetar o desempenho.
Ela interrompe automaticamente a entrada de combustível e a operação das válvulas de um dos cilindros do motor quando a capacidade máxima não é necessária. Ela pode desativar ou reativar um cilindro em 14 milissegundos – 20 vezes mais rápido que um piscar de olhos.


Novos modos de direção
Os modos de direção selecionáveis ??dão grande versatilidade ao novo Fiesta ST. No modo Normal, o mapeamento do motor, o controle de tração, o controle eletrônico de estabilidade, o som do escapamento e a direção elétrica são configurados para uma resposta natural e conectada.
No modo Sport, o mapeamento do motor e a resposta do acelerador são aprimorados e a direção é ajustada para um controle mais rápido. A válvula de controle de ruído ativa é aberta para um som de escape mais esportivo.
No modo Track, todas as características dinâmicas do veículo são ajustadas para uma aceleração mais rápida, o controle de tração é desativado e o controle de estabilidade permite um deslizamento maior para circuitos travados.
O chassi tunado pela Ford Performance contará também com uma tecnologia aperfeiçoada de controle de torque vetorial, que reduz o subesterço aplicando o freio à roda dianteira interna em curvas. O controle de estabilidade permitirá ao motorista escolher três modos de atuação: intervenção completa; modo de deslizamento amplo com intervenção limitada; e desativação total.
A Ford Performance serve como laboratório global de inovação para o desenvolvimento de tecnologias de aerodinâmica, redução de peso, eletrônica, desempenho e economia de combustível que depois podem ser aplicadas no portfólio de produtos da Ford.

15:30 · 01.03.2017 / atualizado às 15:30 · 01.03.2017 por

A Volkswagen está aumentando sua linha de modelos com uma novidade à frente do seu tempo: o Novo Arteon. O modelo fastback, posicionado acima do Passat, será apresentado ao público no Salão Internacional de Genebra (9 a 19 de março)

 


Combinar o design de vanguarda com um alto nível de versatilidade foi o principal objetivo para os designers e desenvolvedores do Novo Arteon. Isso resultou em uma arquitetura de interiores que é excepcionalmente espaçosa – com amplo espaço para a cabeça e as pernas em todos os lugares – incomum para veículos com essa carroceria.


Os principais elementos de design do Novo Arteon incluem o seu visual frontal inédito, no qual os faróis de LED e as luzes diurnas se fundem com os filetes cromados que cruzam a grade do radiador e o capô. A linha de cintura do modelo é outra característica de definição de seu projeto.
Entre os equipamentos inéditos na categoria que compõe a oferta do Novo Arteon estão a mais recente geração de sistemas de assistência ao motorista. Recursos interessantes foram adicionados que são normalmente reservados para automóveis de luxo. Essa combinação única fará do Novo Arteon um dos produtos mais atraentes do seu segmento.

10:35 · 03.03.2016 / atualizado às 10:37 · 03.03.2016 por

16c-hr01Fiel ao carro-conceito apresentado nos salões de Paris em 2014 e de Frankfurt em 2015, o C-HR traz uma novidade para o segmento crossover com a introdução de um inédito propulsor 1.8L híbrido. Entregando 120 cv de potência, ele tem emissões de CO2 menores que 90 g/km, inigualáveis em seu segmento.

Ele ainda possui uma versão 1.2L turbo de 113 cv de potência, que fez sua estreia no compacto Auris. Nele, é possível escolher uma transmissão manual de seis velocidades ou uma automática CVT, esta disponível nas versões 4×2 e 4×4. Para fechar as opções de motorizações, ainda estará disponível uma versão 2.0L com câmbio CVT apenas em alguns mercados.

16c-hr_05 16c-hr_03 16c-hr_04A carroceria é inspirada no diamante, com a parte que circunda as rodas enfatizando o conceito de força e robustez, a estrutura modulada do C-HR combina um perfil de teto baixo com um vão livre elevado do solo em uma cabine de estilo cupê elegante.

Na dianteira, o destaque é para os faróis finos de LED de estilo agressivo, que envolvem completamente a frente do veículo até as laterais. Na traseira, destaca-se a abertura das portas localizada na parte superior e as lâmpadas de LED em formato de bumerangue.

O C-HR é o resultado de uma cooperação global entre os três centros de design da Toyota localizado em três continentes diferentes e foi capitaneado por Kazuhiko Ozawa, designer chefe do projeto. O desenho exterior original foi criado pelo estúdio de design Calty, na Califórnia.

16c-hr_02 16c-hr_06Entre os componentes, o Toyota Safety Sense System, que será oferecido como equipamento de série no C-HR, inclui itens como: sistema de pré-colisão, alerta de troca de faixa, Road Sign Assist e Automatic Highbeam, bem como detecção de pedestres e cruise control adaptativo.

O Toyota C-HR será produzido na planta industrial da empresa em Sakarya, Turquia. Esta é a primeira vez que um modelo híbrido será produzido no país. Enquanto isso, pode ser visto até o dia 13 no Salão de Genebra 2016.

16c-hr_08

14:12 · 02.02.2016 / atualizado às 14:17 · 02.02.2016 por

JAGUAR_F-TYPE_SVR_02_STUDIO_COUPEO Salão de Genebra foi escolhido para a revelação do novo Jaguar F-Type SVR. O evento começa dia 1º de março e será o primeiro contato do público com o modelo. Ele estará disponível para venda na Europa em meados deste ano e chegará ao mercado brasileiro ainda em 2016.

Capaz de chegar aos 321 km/h, o novo F-TYPE SVR é o primeiro modelo de produção da Jaguar a ser desenvolvido pela nova divisão de veículos especiais da Jaguar Land Rover e foi projetado para extrair ao máximo todo potencial que um superesportivo de dois lugares com estrutura em alumínio pode oferecer, com o conforto necessário para o uso no dia a dia.

JAGUAR_F-TYPE_SVR_01_LOCATION_RANGE JAGUAR_F-TYPE_SVR_03_STUDIO_CONVERTIBLENós também desenvolvemos uma versão conversível do modelo, para que os entusiastas da marca consigam ouvir todo o som que sai pelo seu novo sistema de exaustão de titânio”, complementa John Edwards, diretor da divisão de veículos especiais da Jaguar Land Rover.

11:28 · 12.01.2016 / atualizado às 11:28 · 12.01.2016 por

IONIQ A Leap Forward for Hybrid Vehicles (3)Previsto para ser lançado no fim de 2016, a Hyundai revela mais imagens do IONIQ. A sua principal característica é a de oferecer três opções de eficientes trens de força com emissões ultrabaixas. Ele já está disponível para encomenda na Coreia.

A sua plataforma totalmente nova será disponibilizada com as seguintes opções de trens de força: totalmente elétrico, híbrido plug-in gasolina/elétrico ou híbrido gasolina/elétrico. Em todas elas, o carro proporciona uma experiência de condução ágil e divertida, à altura do apelo emocional provocado pelas linhas cativantes da carroceria.

IONIQ A Leap Forward for Hybrid Vehicles_interiorApós seu lançamento mundial na Coreia, no final deste mês, o IONIQ deverá ser apresentado no Salão Internacional de Genebra, na Suíça, e no New York Auto Show, em março deste ano.

Curiosidades

O cupê utiliza em 53% de sua carroçaria um avançado aço de alta resistência, combinado inteligentemente com a leveza do alumínio. Quando necessária, a estrutura de absorção de energia dispõe de avançados aços de alta resistência que podem suportar forças de colisão significativas. A utilização do alumínio nesta combinação garantiu ao novo modelo uma redução de peso de 12,6 kg, proporcionando uma carroçaria não-estrutural 45% mais leve do que se composta apenas pelo aço.

IONIQ infographic_All New ArchitectureO motor Kappa 1.6 litro GDi, desenvolvido exclusivamente para os motores híbridos da Hyundai Motor, será o responsável pelo fornecimento de 105 cavalos de potência e torque de 15 kgfm. Ele será acoplado a uma transmissão de dupla embreagem e combinado com o motor elétrico magnético, que fornece o equivalente a 47 cavalos, permitindo uma maior aceleração inicial. A bateria é de íon de lítio polímero.

IONIQ infographic_The Advanced Hybrid SystemRag Jung, Chefe de Divisão de Gestão de Projetos da Hyundai Motor R & D Center, disse, “O IONIQ encarna um novo pensamento da Hyundai Motor e ambições ousadas para o futuro. Este modelo mundial dedicado à tecnologia híbrida será o ponto de partida o futuro da mobilidade”.

09:45 · 09.03.2015 / atualizado às 09:45 · 09.03.2015 por

Salão de GenebraMais um conceito foi apresentado pela Nissan. No Salão de Genebra, foi a vez da aparição do Sway. Baseado no estilo do Qashqai e Juke, ele é uma demonstração de como poderia ser a futura geração de modelos compactos da Nissan para a Europa se esta nova linguagem de design fosse aplicada. O conceito foi desenhado especificamente para o gosto europeu.

O objetivo da Nissan é mexer nesse segmento que tradicionalmente tem uma parcela de clientes conservadores do mercado europeu. No interior foram aplicadas técnicas usualmente conhecidas na arquitetura industrial, entre elas elementos de alumínio estrutural. Seu uso significa simplicidade e força, mas também atenção ao detalhe e uso de cores e materiais associados a produtos premium.

Nissan_Sway Concept_1O exterior utiliza quatro elementos altamente distintos: a grade em V, teto “flutuante”, faróis em formato de bumerangue e uma coluna C mais alta, todos representando a nova assinatura de design da marca. O Nissan Lannia Concept, exibido em 2014, no Salão de Pequim, tinha alguns deles, assim como o novo Murano recentemente lançado nos EUA. O Sway traz pela primeira vez essa nova linguagem de design em um hatch compacto. Outros modelos futuros, de diferentes segmentos de mercado e de várias regiões, seguirão a mesma direção de estilo.

A grade em V, montada baixa na parte frontal entre os para-choques, é o ponto de partida de um desenho arrojado, que contorna o capô e as rodas dianteiras antes de mergulhar de forma marcante em direção ao centro da porta dianteira.  Já o “teto flutuante” expressa-se por meio de um teto panorâmico em vidro emoldurado por uma construção estendida em forma de C. Essa estrutura é realçada pelo uso de uma cor alaranjada que contrasta com o azul-cinzento da carroceria. A rigidez extra é fornecida por uma estrutura em X marcada no centro do teto com o ponto central sobre os passageiros do banco da frente. O teto de vidro proporciona duas grandes vantagens: quem está dentro pode desfrutar de uma sensação de liberdade e espaço, enquanto quem está fora pode admirar o interior.

Salão de GenebraInspirado no protótipo IDx, revelado pela primeira vez no Salão do Automóvel de Tóquio, em 2013, o Sway adota o mesmo conceito de design interior de um painel em forma de asa delta. “Acreditamos que a Sway continua nossa tradição de desafiar o status quo em segmentos de mercado, trazendo algo novo, diferente e marcante, como fizemos com o Qashqai e o Juke. Com ele estamos experimentando e vendo como a Nissan pode ser capaz de trazer novas ideias para o segmento de hatches compactos”, afirma Shiro Nakamura, vice-presidente sênior e Chief Creative Officer da Nissan Motor Co., Ltd.

Nissan at the 2015 Geneva Motor Show

09:20 · 06.03.2015 / atualizado às 09:20 · 06.03.2015 por

rg-geneva-2016-hyundai-tucson-1_653

Ele apareceu e olha, já causou alarde! Um dos modelos mais importantes para o mercado brasileiro, expostos no Salão de Genebra 2015, a nova geração do Hyundai Tucson, foi apresentada pela montadora sul-coreana no evento e chegará ao Brasil em 2016. Detalhe: será global – tendência entre todas as montadoras.

De acordo com Byungkwon Rhim, CEO da Hyundai, primeiro, ele será produzido e lançado na Coreia. “Depois, virá à Europa até o final deste ano. Ainda não tem data para ser lançado no Brasil e na América do Sul, mas este parece ser um destino praticamente certo”, afirmou aos jornalistas presentes.

Volta por cima

rg-geneva-2016-hyundai-tucson-3_653A novidade deve fazer com que o ix35 (nome usado pela representante brasileira, o grupo Caoa, para vender a segunda geração do modelo) seja “rebaixado” à posição de modelo de entrada entre os SUVs da marca no Brasil – função que, atualmente, é ocupada pelo Tucson, só que o mais antigo (de primeira geração). Ambas, primeira e segunda geração, são montadas via CKD em Anápolis (GO) pelo Grupo Hyundai-Caoa, que repete estratégia comercial já feita com sucesso por Volkswagen (Gol G4 e G5), Fiat (Novo Palio e Palio Fire; Novo Uno e Mille) e Ford (New Fiesta e Fiesta Rocam).

Não muda o nome?

É esperado que o novo modelo chegue ao País como “New Tucson”, ocupando a opção mais cara da gama. Não estranhe, porém, se a representante brasileira decidir manter as três gerações à venda simultaneamente. Comunicados recentes do grupo afirmaram que o novo SUV ainda levará um tempo até chegar ao nosso mercado.

08:38 · 05.03.2015 / atualizado às 08:38 · 05.03.2015 por

29860

Uma das atrações expostas pela Land Rover no Salão de Genebra (Suíça) é o Range Rover Evoque conversível que será vendido no Brasil a partir do início do ano que vem, segundo informações apuradas no próprio evento.

A versão com capota removível do Evoque foi mostrada primeiramente como protótipo, em março de 2012, também em Genebra. Poucos achavam que o conceito iria ser fabricado em série. Acredita-se que a Land Rover não deu sinal verde para o modelo na época por motivos de análise de mercado, bem como avaliar se a estrutura do veículo permitiria tal adaptação. Mas, no mês passado, o carro foi flagrado em testes, indicando que o Evoque perderia seu teto.

No “Velho Continente”, o carro custará em torno de 45 mil libras, o equivalente a cerca de R$ 143 mil, numa conversão simples, sem impostos e taxas. No Brasil, porém, ainda não há uma estimativa de quanto irá custar, nem do volume que será importado. De acordo com a  marca, o modelo será produzido na fábrica de Halewood (Inglaterra), mesmo lugar onde a versão “tradicional” é feita.

Pesquisar

Blog do Automóvel

Blog da editoria Auto, do Diário do Nordeste, para coberturas em test drive, lançamentos de automóveis e salões e notícias sobre carros, motos e outros veículos.
Posts Recentes

12h10mNovo Camaro vai ser destaque no Salão do Automóvel de São Paulo 2018

11h10mAudi mostra sua linha de SUVs na Chapada dos Veadeiros, em Goiás

02h10mConfira detalhes do primeiro carro elétrico feito no Brasil

10h10mSalão do Automóvel de São Paulo com novo lote de ingressos disponível

10h10mSetor de locação foi responsável por 1 em cada 4 veículos emplacados no primeiro semestre de 2018

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs