Blog do Automóvel

Categoria: Toyota


16:40 · 28.11.2016 / atualizado às 16:40 · 28.11.2016 por

O Concurso de Habilidades Técnicas é um reconhecimento da fabricante aos melhores técnicos automotivos e consultores de serviços da rede Toyota; neste ano, foram mais de 2.500 inscritos das 212 concessionárias da marca no Brasil

A 22ª edição do Skill Contest aconteceu no Campus do Centro Universitário da FEI (Fundação Educacional Inaciana), em São Bernardo do Campo (SP)
A 22ª edição do Skill Contest aconteceu no Campus do Centro Universitário da FEI (Fundação Educacional Inaciana), em São Bernardo do Campo (SP)

A Toyota premiou seus melhores consultores de serviços e técnicos automotivos na 22ª edição do Skill Contest, Concurso Nacional de Habilidades Técnicas. O evento, que ocorreu no Campus do Centro Universitário da FEI (Fundação Educacional Inaciana), em São Bernardo do Campo (SP), visa aprimorar o grau de conhecimento e excelência dos serviços prestados pela rede ao consumidor.
Nessa edição, cerca de 2.500 funcionários oriundos das 212 concessionárias da marca participaram das três fases de avaliação. O processo seletivo tem na primeira etapa testes online. Na etapa seguinte, são escolhidos apenas os 60 melhores técnicos e 30 consultores para uma prova escrita. Dentre eles, apenas 15 técnicos e 10 consultores chegaram à prova decisiva.
A tarefa final, com simulações reais de desafios enfrentados no cotidiano do atendimento ao cliente, levou em consideração não somente a resolução dos casos, como, também, as ferramentas, técnicas utilizadas e o tempo para encaminhamento da solução.

erimônia de premiação contou com a presença do presidente da Toyota, Koji Kondo
erimônia de premiação contou com a presença do presidente da Toyota, Koji Kondo

Vencedores
Os três melhores consultores de serviços, que são responsáveis por fazer o primeiro atendimento ao cliente, foram:
1- Thamara Oliveira – Terraforte Montes Claros (MG)
2- Tatiana Loyola – Terraforte Montes Claros (MG)
3- Caroline Nagem – Rodobens Raja (MG)
Os consultores de serviços foram avaliados nos quesitos confirmação do problema apresentado, inspeção do veículo, preenchimento correto da ordem de serviço, explicação dos procedimentos e reparos realizados, além da aplicação da filosofia de serviço e Pós-Venda Toyota.
Os melhores técnicos automotivos, que são responsáveis por reparar o carro do cliente, foram:
1- Leandro da Silva – Santa Emília Franca (SP)
2- Luciano Martini – Carhouse Praia de Belas (RS)
3- João Batista – Newland Service (CE)
Os técnicos, por sua vez, foram avaliados nos quesitos segurança, utilização dos processos técnicos, utilização das ferramentas adequadas, metodologia de processos e diagnósticos, emprego do manual de reparação e diagramas elétricos, aplicação da filosofia de serviço e Pós-Venda Toyota.
Os vencedores de cada categoria ganharam viagem de uma semana ao Japão para um evento organizado pela Toyota Motor Corporation, juntamente com os melhores consultores e técnicos de todas as afiliadas da empresa no mundo. Todos os finalistas receberam como prêmio uma máquina de café com um kit de cápsulas cada.

15:44 · 22.09.2016 / atualizado às 15:45 · 22.09.2016 por

Depois do avanço de alguns rivais, como o Honda Civic, o Chevrolet Cruze e o Nissan Sentra, a Toyota oferece, a partir desta quinta-feira (22), a série especial Dynamic. Tem visual esportivo e custa em Fortaleza, já com frete incluso, R$ 99 mil; modelo acaba de ser apresentado em São Paulo, mas já está nas concessionárias da marca, inclusive na Newland, em Fortaleza

 

Versão esportiva tem mesmo motor do XEi
Versão esportiva tem mesmo motor do XEi

Baseada na versão intermediária XEi,  a edição incorpora itens exclusivos: luzes diurnas em LED no para-choque frontal; rodas de liga leve (aro 16) com acabamento preto; retrovisores externos com capa preta; e o emblema Dynamic na tampa do porta-malas.
Por dentro as novidades também são pontuais: revestimento interno das portas e dos bancos de couro sintético; e tapetes personalizados. Meta é atrair público de perfil “mais jovem”, e emplacar média de 400 unidades/mês.

Rodas escuras para dar um ar mais agressivo a um dos sedans mais vendidos do Brasil
Rodas escuras para dar um ar mais agressivo a um dos sedans mais vendidos do Brasil

Todos os outros equipamentos já estão no XEi. Posso destacar os cinco airbags (frontais, laterais e de joelho para motorista); ar-condicionado automático digital; computador de bordo digital; vidros elétricos com função um-toque; controle de cruzeiro; retrovisor interno anti-ofuscante; ganchos Isofix para cadeirinhas; e central multimídia em tela de 6,1 polegadas com navegação GPS, câmera de ré, conexão Bluetooth, entradas USB e toca-DVD.

Intenção é de vender 400 unidades por mês dessa versão no Brasil
Intenção é de vender 400 unidades por mês dessa versão no Brasil

O motor não foi recalibrado. É o já conhecido 2.0 Flexfuel, aspirado, de 143/154 cv (a 5.600/5.800 rpm) e 19,4/20,3 kgfm (4.000/4.800 giros), sempre respectivamente com gasolina/etanol. Câmbio é o Multidrive-S (CVT), que oferece aletas atrás do volante para simulação de sete marchas e modo “Sport”, com criação de degraus de troca em rotações diferentes.
Apuramos que o carro já chegou na concessionária Newland, na última terça-feira. Dois exemplares, um branco e o preto já estão no show room..

Preço: R$ 99 mil; duas unidades estão em exposição na Newland, em Fortaleza, uma branca e outra preta
Preço: R$ 99 mil; duas unidades estão em exposição na Newland, em Fortaleza, uma branca e outra preta

Ficha Técnica
Motor: 2.0 l, aspirado, 4 cilindros
Potência: 143/154 cv (a 5.600/5.800 rpm)
Câmbio: Automático
Preço: R$ 99 mil

16:01 · 20.05.2016 / atualizado às 16:01 · 20.05.2016 por

A Toyota atingiu nova marca histórica ao vender mais de 9 milhões de veículos híbridos em todo o mundo até 30 de abril deste ano. A conquista aconteceu apenas nove meses após a companhia ter celebrado o registro de 8 milhões de automóveis híbridos comercializados, em julho de 2015

Prius, o veículo que popularizou o híbrido no  mundo
Prius, o veículo que popularizou o híbrido no mundo

Do total de veículos com propulsão híbrida emplacados pela marca, a família Prius obteve o maior índice de participação, com cerca de 5,7 milhões de automóveis, algo em torno de 63% de todos os modelos movidos com esta tecnologia negociados pela fabricante.
O suporte na redução dos efeitos do automóvel no meio ambiente é uma prioridade para a Toyota. Baseada na premissa de que veículos ecológicos só podem realmente ter um impacto significativo se forem utilizados em larga escala, a Toyota tem se esforçado para incentivar cada vez mais a utilização massiva da tecnologia híbrida no mercado global.
A Toyota adotou um posicionamento embasado no Desafio Ambiental 2050, anunciado em outubro do ano passado, e que define desafios que irá incorporar, a fim de reduzir os impactos negativos causados pelos automóveis sobre a saúde do meio ambiente global para o mais próximo possível ao nível zero de emissão. Com isso, a companhia busca contribuir para a criação de uma sociedade sustentável. Para cumprir estes desafios, a marca está trabalhando para expandir o portfólio de veículos híbridos, de forma a atingir vendas anuais de 1,5 milhão de carros, chegando à marca de 15 milhões de unidades emplacadas até 2020.

A Toyota calcula que, até 30 de abril deste ano, o uso de veículos híbridos resultou na redução de cerca de 67 milhões de toneladas a menos de CO2 que seriam emitidas na atmosfera. A empresa também estima que seus modelos híbridos economizaram aproximadamente 25 bilhões de litros de gasolina em comparação com a quantidade utilizada por veículos convencionais.
A Toyota tem posicionado seu portfólio de veículos híbridos como tecnologias ambientais centrais para o século XXI. A montadora planeja continuar trabalhando para melhorar ainda mais o desempenho, reduzir custos, e expandir seu portfólio de produtos sustentáveis — incluindo carros não híbridos mais favoráveis ao meio ambiente – com a intenção de criar veículos de alcance popular entre os consumidores.

Novo Prius será lançado no Brasil dias 6 e 7 de junho, em Brasília
Novo Prius será lançado no Brasil dias 6 e 7 de junho, em Brasília

História
A Toyota lançou o “Coaster Hybrid EV” em agosto de 1997 e, em dezembro do mesmo ano, foi a vez do “Prius”, primeiro veículo híbrido para passageiro do mundo a ser produzido em massa. Desde então, os veículos híbridos da Toyota receberam um grande apoio por parte dos consumidores em todas as regiões. No Brasil, a Toyota passou a vender o modelo Prius em janeiro de 2013, e, desde então, 783 unidades foram vendidas.

 

Terceira e novíssima geração do Prius
Terceira e novíssima geração do Prius
Com interior renovado, Novo Prius privilegia interatividade com tecnologias avançadas e funcionais
Com interior renovado, Novo Prius privilegia interatividade com tecnologias avançadas e funcionais
16:05 · 06.05.2016 / atualizado às 10:35 · 11.05.2016 por

Imperdível o programa Guia Automotivo deste sábado (07/05), 10h30min, na TV Diário. A repórter Camila Marcelo foi conhecer a nova pista de Kart de Fortaleza. Ouviu os pilotos de final de semana e aproveitou para dar dicas de como pilotar. Testamos o novo Etios sedan 2017 em Mogi das Cruzes, interior de São Paulo. Um vídeo mostra os bastidores da criação do Ford GT. Além disso, você vai saber quais são os carros mais financiados do Brasil e as atrações do Salão de Pequim, na China.

A repórter Camila Marcelo fez um super test drive em um Kart e dá dicas de pilotagem
Repórter Camila Marcelo fez test drive em um Kart e dá dicas de pilotagem

 

André Marinho testou o Etios sedan 2017
André Marinho testou o Etios sedan 2017

 

Os 60 anos da Mercedes-Benz no Brasil em uma super matéria de Camila Marcelo
60 anos da Mercedes-Benz no Brasil na super matéria de Camila Marcelo
15:17 · 05.05.2016 / atualizado às 15:17 · 05.05.2016 por

O Grupo Newland, através de sua autorizada em Teresina, teve eleita, pelo segundo ano consecutivo, a melhor concessionária do País, em ranking da Toyota do Brasil

Fachada da loja da Newland em Teresina, no Piauí
Fachada da loja da Newland em Teresina, no Piauí

O prêmio faz parte de uma criteriosa avaliação da montadora com toda a sua rede de quase 200 concessionários, com o objetivo de manter a excelência na qualidade de atendimento aos clientes da marca. As concessionárias são avaliadas por seu desempenho nas áreas de vendas, pós-vendas, administração e gestão e pelos índices de satisfação dos consumidores.

Diretoria do grupo Newland recebeu Prêmio durante convenção da Toyota em São Paulo
Diretoria do grupo Newland recebeu Prêmio durante convenção da Toyota em São Paulo

O prêmio foi entregue ao presidente do Grupo Newland, Luiz Teixeira, durante convenção da Toyota em São Paulo. “É motivo de muita alegria e orgulho para mim e todos os colaboradores que recebemos esta premiação novamente, afinal esta conquista vem ao encontro da nossa filosofia de oferecer um serviço de excelência para nossos clientes. Prêmio que é fruto de um esforço coletivo que faz com que todas as nossas revendas tenham uma excelente avaliação no programa da Toyota, o que referenda o amplo reconhecimento do público, e prova que estamos no caminho certo”, comemora Luiz Teixeira.

Equipe de Teresina reunida com o Prêmio
Equipe de Teresina reunida com o Prêmio

O Grupo Newland nasceu em Fortaleza e tem como pilares, o foco no cliente, a qualidade em seus processos, treinamento constante de toda a sua equipe e uma comunicação clara e objetiva. “Esse prêmio é mais uma chancela de qualidade da Toyota à Newland, que ganha cada vez mais espaço, notoriedade e força no mercado nordestino, além do prestígio nacional, como um grupo que é modelo na Rede Toyota. Quem ganha com isso, são os clientes, que também podem se orgulhar de sua concessionária ser a melhor do Brasil”, reforçou o executivo.

Placa de melhor do Brasil entregue ao gestor Carlos Arlyndo
Placa de melhor do Brasil entregue ao gestor Carlos Arlyndo

Para comemorar esse prêmio a Diretoria do Grupo Newland organizou uma festa para toda a equipe de suas lojas em Teresina, com sorteio de muitos prêmios, dentre eles um Toyota Etios 2017, TVs de plasma e aparelhos celulares.

Etios sedan foi sorteado para os funcionários durante evento que festejou o Prêmio
Etios sedan foi sorteado para os funcionários durante evento que festejou o Prêmio

Com uma trajetória de 24 anos de excelência e liderança de mercado, o Grupo Newland vem ampliando sua atuação no Nordeste. Além das 10 concessionárias Toyota no Ceará (três em Fortaleza, uma em Juazeiro do Norte e outra em Sobral), Piauí (Teresina, Picos e Parnaíba) e Paraíba (duas em João Pessoa), o grupo também controla as concessionárias Newsedan – líder de vendas no mercado de luxo em Fortaleza, João Pessoa, Teresina e Recife, com as marcas Mercedes-Benz, Jeep, Chrysler, Dodge e RAM e Newroad, autorizada da Harley-Davidson no Ceará e Jaguar Land Rover em Teresina.

Detalhe da placa
Detalhe da placa
12:12 · 20.04.2016 / atualizado às 12:19 · 20.04.2016 por

Pesquisas indicaram e a Toyota acatou: o público queria o Etios com câmbio automático e com novo painel. As mudanças resultaram em melhorias no compacto da marca japonesa. Agora, tanto as versões hatch como a sedan ganharam também transmissão automática, de quatro velocidades, nos motores 1.3 l e 1.5 litro.

André Marinho

Editor (Direto de Mogi das Cruzes, São Paulo)

 

Versão hatch do Etios 2017
Versão hatch do Etios 2017

 

Por dentro da versão top de linha do Etios, com novo painel e central multimídia
Por dentro da versão top de linha do Etios, com novo painel e central multimídia

A versão de entrada, hatch, com motor 1.3 e câmbio manual com seis velocidades, custa a partir de R$ 43.990. A top de linha, sedan, automática, custa R$ 60.295. Os modelos começam a ser vendidos nas concessionárias a partir do dia 28 de abril. Testamos a versão de entrada e a top de linha. O acerto de motor e transmissão deixou o carro com performance elogiável. Cerca de 600 itens foram modificados nos carros, em comparação a primeira geração, lançada em 2012 no Brasil.

São dois tipos de motores disponíveis: 1.3 l, flex, 16 válvulas, que rende 98 cv a 5.600 rpm, quando abastecido com etanol e 88 cv, também a 5.600 giros, com gasolina. Para esta motorização, o ganho em torque foi de 9% e de potência, 8 cv, comparado à versão anterior. O outro motor é 1.5 l, flex, 16 válvulas, que rende 107 cv de potência a 5.600 rpm, quando abastecido com etanol e 102 cv, também a 5.600 giros, com gasolina. O ganho em torque foi de 11% de potência e 11cv em relação à versão anterior.

O modelo é o  primeiro do portfólio a ser equipado com propulsores produzidos na nova planta de motores, localizada em Porto Feliz (SP). A planta de Porto Feliz é a mais avançada e moderna da Toyota, e a única a contar com três processos produtivos debaixo do  mesmo teto. Mas por fora o carro não teve mudança no design, o visual continua o mesmo. Mas o custo benefício dos dois modelos, além da confiabilidade da marca e da rede de concessionários deve fazer crescer as vendas. Em 2015 foram vendidos 61 mil unidades das duas versões. A previsão deste ano é que o número chegue a 68 mil unidades.

Etios versão sedan
Etios versão sedan
Etios sedan tem bagageiro com capacidade para 562 litros
Etios sedan tem bagageiro com capacidade para 562 litros

Preços e versões

Etios Hatch X 1.3L manual: R$ 43.990

Etios Hatch X 1.3L  automático: R$ 47.490

Etios Hatch XS 1.5L manual: R$ 48.995

Etios Hatch XS 1.5L automático: R$ 52.495

Etios XLS 1.5L manual: R$ 53.895

Etios XLS 1.5L automático: R$ 57.395

Cross 1.5L manual: R$ 57.395

Cross 1.5L automático: R$ 60.895

Etios Sedan X 1.5L manual: R$ 48.495

Etios Sedan X 1.5L automático: R$ 51.995

Etios Sedan XS 1.5L manual: R$ 51.695

Etios Sedan 1.5L automático: R$ 55.195

Etios Sedan 1.5L manual: R$ 56.795

Etios Sedan 1.5L automático: R$ 60.295

 

Detalhe do novo painel
Detalhe do novo painel

 

Painel da versão anterior foi muito criticado pela imprensa especializada
Painel da versão anterior foi muito criticado pela imprensa especializada

 

Versão Cross continua a fazer parte da linha
Versão Cross continua a fazer parte da linha

 

 

16:47 · 11.04.2016 / atualizado às 16:47 · 11.04.2016 por

Na contramão da tão falada crise, a Toyota do Brasil encerrou o primeiro trimestre de 2016 com vendas de 41.398 unidades, o que representa um crescimento de 1% em comparação com o mesmo período do ano passado, quando a fabricante de automóveis registrou 41.055 unidades comercializadas no mercado interno

 

Etios em versão especial
Etios em versão especial

O resultado se torna ainda mais expressivo quando considerado o resultado total da indústria, que retraiu 28,6% nos três primeiros meses do ano, fazendo com que a participação de mercado da Toyota registrasse a expressiva marca de 8,6%.
O maior destaque foi o Etios, que na soma das carrocerias hatchback e sedan vendeu, de janeiro a março 14.929 unidades, 12% mais que as 13.279 unidades negociadas nos mesmos meses de 2015.

Sedan Corolla é líder em seu segmento
Sedan Corolla é líder em seu segmento

O Corolla também registrou uma alta de 4% em suas vendas no mesmo comparativo. Foram 15.222 unidades comercializadas no acumulado de 2016, contra 14.598 unidades vendidas em igual período de 2015. Dentro do segmento de sedans médios nacional, o Corolla segue líder absoluto com a expressiva marca de 37% de participação.

Picape em sua geração 2016
Picape em sua geração 2016

A nova Hilux, ainda em fase de aumento da produção pós lançamento em novembro do ano passado, vendeu 8.528 unidades no trimestre, o suficiente para assumir a liderança total do seu segmento, computando mais unidades comercializadas que a soma das segunda e terceira colocadas.

SW4 em nova geração
SW4 em nova geração

A recém-lançada SW4, em sua nova geração, também retomou a liderança em seu segmento ao emplacar 2.062 novos veículos, conquistando quase a metade do mercado total de utilitários esportivos médios vendidos no Brasil, com 44% de market share.

10:35 · 03.03.2016 / atualizado às 10:37 · 03.03.2016 por

16c-hr01Fiel ao carro-conceito apresentado nos salões de Paris em 2014 e de Frankfurt em 2015, o C-HR traz uma novidade para o segmento crossover com a introdução de um inédito propulsor 1.8L híbrido. Entregando 120 cv de potência, ele tem emissões de CO2 menores que 90 g/km, inigualáveis em seu segmento.

Ele ainda possui uma versão 1.2L turbo de 113 cv de potência, que fez sua estreia no compacto Auris. Nele, é possível escolher uma transmissão manual de seis velocidades ou uma automática CVT, esta disponível nas versões 4×2 e 4×4. Para fechar as opções de motorizações, ainda estará disponível uma versão 2.0L com câmbio CVT apenas em alguns mercados.

16c-hr_05 16c-hr_03 16c-hr_04A carroceria é inspirada no diamante, com a parte que circunda as rodas enfatizando o conceito de força e robustez, a estrutura modulada do C-HR combina um perfil de teto baixo com um vão livre elevado do solo em uma cabine de estilo cupê elegante.

Na dianteira, o destaque é para os faróis finos de LED de estilo agressivo, que envolvem completamente a frente do veículo até as laterais. Na traseira, destaca-se a abertura das portas localizada na parte superior e as lâmpadas de LED em formato de bumerangue.

O C-HR é o resultado de uma cooperação global entre os três centros de design da Toyota localizado em três continentes diferentes e foi capitaneado por Kazuhiko Ozawa, designer chefe do projeto. O desenho exterior original foi criado pelo estúdio de design Calty, na Califórnia.

16c-hr_02 16c-hr_06Entre os componentes, o Toyota Safety Sense System, que será oferecido como equipamento de série no C-HR, inclui itens como: sistema de pré-colisão, alerta de troca de faixa, Road Sign Assist e Automatic Highbeam, bem como detecção de pedestres e cruise control adaptativo.

O Toyota C-HR será produzido na planta industrial da empresa em Sakarya, Turquia. Esta é a primeira vez que um modelo híbrido será produzido no país. Enquanto isso, pode ser visto até o dia 13 no Salão de Genebra 2016.

16c-hr_08

11:15 · 18.02.2016 / atualizado às 13:39 · 18.02.2016 por

MalagrineA nova geração da SW4 enfim juntou-se a irmã picape no mercado. Produzido na Argentina, tem previsão de chegar a partir desta semana nas concessionárias brasileiras. A princípio, será apenas na versão SRX, com transmissão automática de seis velocidades (com borboletas atrás do volante) e capacidade para cinco ou sete lugares. Além disso, duas motorizações estarão disponíveis: o motor diesel 2.8 litros, de 177 cv de potência e 45,9 kgfm, o mesmo que equipa a nova Hilux, e o propulsor a gasolina V6 de 4.0 litros, 238 cv de potência e 38,3 kgfm de torque (esta última, disponível somente na configuração de sete lugares)

Mudanças

Em relação à geração atual, a SW4 2016 é 9 cm mais longa (comprimento total de 4.795 mm), 1,5 cm mais larga (largura total de 1.855 mm) e 1,5 cm mais baixa (altura de 1.835 mm), encurtando em 0,5 cm a distância entre-eixos (2.745 mm). O para-choque dianteiro adota uma forma tridimensional bem definida com molduras cromadas e a grade cromada adota uma base contínua ao longo dos faróis bi-LED com projetor, luzes de circulação diurna (DRL) de LED e sistema “Follow me Home”.

nova_sw4_2016_2nova_sw4_2016_4 nova_sw4_2016_3Na traseira, os faróis de neblina da traseira e os sensores de estacionamento foram incorporados ao para-choque. Ainda tem spoiler traseiro, os trilhos do teto e a antena, em estilo barbatana de tubarão (shark fin). E por dentro, destaque para o rebaixamento do painel central, sustentado por colunas feitas de materiais suaves ao tato, que oferecem suporte para as pernas do condutor e passageiro.

O interior é unificado com iluminação azul e lista de equipamentos de série com volante multifunções com detalhes de padrão madeira, sistema de áudio com tela touchscreen de 7”, navegador por satélite (GPS), TV digital, DVD, MP3, Bluetooth e seis alto-falantes. Também tem o display multifuncional colorido de 4.2”, envolvido por duas colunas de luzes azuis que formam o painel de informações, sobre consumo de combustível, velocidade máxima, autonomia de condução, áudio, navegação, temperatura exterior, além da avaliação do modo de condução, sugerindo uma direção mais econômica e agradável.

nova_sw4_2016_5 nova_sw4_2016_6 nova_sw4_2016_7Quanto aos bancos, o dianteiro é de couro natural e ecológico. Atrás, a segunda fila de assentos vem com apoio de braços 60/40 na posição central, com porta-copos duplo e inclinação do encosto com ajuste de posição longitudinal. Para facilitar a entrada nos bancos da última fila, a segunda fileira tem um novo sistema de rebatimento one touch, que diminui o esforço do usuário. Na terceira fileira (também com sistema one touch), os encostos foram mantidos na vertical, para aumentar a capacidade de carga total do veículo.

Malagrine

Para melhor dirigibilidade, adicionou o Assistente de Subida (HAC) e o Assistente de Descida (DAC). O Controle de Tração Ativo (A-TRC) é outro sistema de segurança presente na nova SW4. Funciona quando o 4×4 é acionado, permitindo que, em uma situação off-road, as rodas possam tracionar, aplicando a pressão de frenagem adequada. A nova SW4 2016 também vem equipada com sistema de bloqueio de diferencial traseiro, responsável por fazer com que as rodas traseiras girem exatamente na mesma velocidade, facilitando manobras de fuga em uma situação de atolamento, por exemplo.

Ela chega em seis opções de cores: Branco, Prata, Cinza Metálico e Preto, além das novas, Branco Pérola e Marrom Metálico. Os preços, você confere abaixo:

SW4 4X4 SRX 2.8 TDI 6 A/T 7 lugares (diesel) : R$ 225 mil
SW4 4X4 SRX 2.8 TDI 6 A/T 5 lugares (diesel) : R$ 220 mil
SW4 4X4 SRX V6 6 A/T 7 lugares (gasolina) : R$ 205 mil

Malagrine

12:17 · 15.02.2016 / atualizado às 12:17 · 15.02.2016 por

White-packPara quem deseja mais equipamento ao modelo de entrada da marca, a Toyota atendeu o pedido e deu uma nova opção personalizada: o Etios White Pack. A configuração equipa, de fábrica, exclusivamente as versões XS na cor branco pérola com uma lista de acessórios que contempla frisos laterais personalizados na cor do carro, sensor de estacionamento, tapete para porta-malas, ou bandeja, no caso do sedã. A versão hatch com o pacote completo custa R$ 47.780,00, enquanto a versão sedan sai por R$ 50.560,00.

Equipadas com motor 1.5 litros 16V Flex Fuel, as versões White Pack mantêm a transmissão manual de cinco velocidades, herdada de toda a família Etios. Além disso, vem com direção eletroassistida progressiva, raio de giro de 4,8 m no hatchback e 4,9 m no sedan, painel Total Black e black & blue e maçanetas cromadas.

O banco do motorista, assim como de toda a família, também vem com regulador do ajuste de altura, além do controle de áudio no volante, relógio digital e chave com comando de abertura e fechamento das portas. Para comodidade e segurança de todos os ocupantes, as versões White Pack acompanham travas elétricas, vidro elétricos dianteiros e traseiros e ar-condicionado.

E na segurança, vem de série com airbag duplo frontal, alarme de advertência de portas abertas, faróis acesos e de cinto de segurança, freios ABS e EBD e, com dito, sensor de estacionamento.

Pesquisar

Blog do Automóvel

Blog da editoria Auto, do Diário do Nordeste, para coberturas em test drive, lançamentos de automóveis e salões e notícias sobre carros, motos e outros veículos.
Posts Recentes

12h10mNovo Camaro vai ser destaque no Salão do Automóvel de São Paulo 2018

11h10mAudi mostra sua linha de SUVs na Chapada dos Veadeiros, em Goiás

02h10mConfira detalhes do primeiro carro elétrico feito no Brasil

10h10mSalão do Automóvel de São Paulo com novo lote de ingressos disponível

10h10mSetor de locação foi responsável por 1 em cada 4 veículos emplacados no primeiro semestre de 2018

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs