Busca

Tag: Jiu-Jístu


11:14 · 07.07.2012 / atualizado às 22:32 · 22.04.2013 por

Hoje é o dia, é chegada a hora da tão esperada revanche de Sonnen contra Anderson Silva. E aí, façam suas apostas, Silva ou Sonnen?

A disputa deste sábado promete ser uma luta histórica no UFC. Dois lutadores muito bem preparados, onde o que  pode decidir o combate é o psicológico.  Sonnen espera por isso há dois anos, já Anderson, esse declarou preferir não dar a revanche ao oponente, justificando o fato de Sonnen ter sido pegue no antidopping na última luta entre ambos.  Porém, como é um contratado do UFC teve que aceitar, e parece estar muito bem para a luta de logo mais.

O Belas no Esporte convidou o especialista em artes marciais pela Universidade Estadual do Ceará (UECE) e faixa preta de Jiu-Jítsu, Carlos Pinto Sá, para comentar um pouco do que vai acontecer nesta noite de sábado.

Para ele o combate também vai ser histórico, pois, reúne os dois lutadores de maior rivalidade no cenário mundial do MMA, além de se tratar de uma das revanches mais aguardadas de todos os tempos.

 “Na primeira luta, Sonnen dominou os cinco rounds e estava muito próximo de tirar o cinturão de Anderson Silva, porém, o Jiu jitsu salvou o Campeão, um triângulo salvador tirado da cartola no minuto final encerrou a pretensão do desafiante. Agora devido as provocações e a rivalidade desenvolvida pelo Sonnen desde sua derrota, trazem um tempero especial a esse combate de sábado”.

Sazinho explica que a luta  tem todos os ingredientes necessários para que  seja uma das maiores e melhores de todos os tempos. “Anderson Silva sem dúvida tem o melhor currículo do UFC, lutador completo, pois, preenche todos os quesitos essenciais exigíveis no perfil dos grandes campeões. Soca e chuta muito bem, esquivas impressionantes, tem uma velocidade de reação utilizada nos seus contra golpes pouco vista no MMA. Além de ser  versátil na luta em pé e no solo, tem uma assessoria de peso, em minha opinião, a melhor equipe de MMA do Mundo, o MINOTAURO TEAM”, analisa Sá.

Para o faixa preta,  Chael Sonnen também é um excelente lutador, muito bom na parte de wersiling, e razoável em todos os demais componentes. “Preparo físico invejável, além de uma língua afiadíssima, pois, é o maior promotor desse evento, que apimentou em todas as ocasiões que teve oportunidade proferindo palavras desabonadoras ao Campeão. Entendo e espero que seja um dos maiores combates de MMA dessa década”.

O mestre em artes marciais aponta que Anderson tem o poder do nocaute, podendo definir a luta a qualquer momento. Porém, alerta que a parte tática e psicológica será o ponto decisivo do combate.

“Basta uma desatenção do adversário. Enquanto que Sonnen é mais calculista e vai tentar anular esse jogo de Anderson, utilizando suas quedas e o controle no solo. A parte tática e psicológica será o ponto principal desse grande duelo, quem negligenciar poderá perder o controle e consequentemente a luta. A motivação do desafiante sempre é maior, pois, querer conquistar o que nunca teve já cria uma motivação incrível. Mas o Anderson também tem o recorde de defesas e está invicto há muito tempo e deverá estar animado para mantê-lo. Acredito na vitória de Anderson, mas deve ter cautela e trabalhar a defesa de quedas, soltar seus golpes fantásticos e atingir seu objetivo vencer Sonnen mais uma vez”, completou Sá.

10:21 · 28.10.2011 / atualizado às 10:21 · 28.10.2011 por
Boa notícia para quem quer conferir, de perto, o UFC no Brasil! Foto: Divulgação

Para quem é fã de lutas, notícia boa logo no comecinho do dia! Dana White,  presidente do UFC, confirmou ontem a volta do evento para o Rio de Janeiro já no início do ano que vem. “O UFC vai sim para o Brasil em janeiro. Nós estamos trabalhando no próximo UFC Rio agora mesmo. O Lorenzo (Fertitta – um dos donos do UFC) esteve no Brasil nas últimas semanas e ele tem ido resolver estas questões. Estamos correndo para fechar o card e acertar os últimos detalhes”, disse Dana, em entrevista a um site de notícias brasileiro.

Dana afirmou, no primeiro momento, que ainda não poderia dar mais detalhes sobre as negociações. “Eu não posso divulgar mais informações sobre isso, mas posso dizer que fechamos tudo muito rápido, em tempo recorde.

A data ainda não foi fechada, mas já se sabe que o evento acontecerá na Cidade Maravilhosa em janeiro de 2012. “Vamos realizar o máximo possível de eventos no Brasil no ano que vem. O mercado brasileiro é excelente para nós, sem contar que estar lá foi uma experiência incrível. O Brasil é certamente um dos nossos focos para o ano que vem”, declarou, na mesma entrevista.

O presidente do UFC falou, também, sobre eventos que poderão ocorrer em Recife e Brasília, ainda no próximo ano, mas não divulgou datas. “Ainda estamos fazendo algumas visitas e negociações, mas sim, estas cidades estão entre os possíveis locais para onde queremos levar o evento ano que vem”, disse.

19:48 · 18.09.2011 / atualizado às 08:33 · 19.09.2011 por

Após cinco lutas, o faixa preta cearense, Caio Magalhães, venceu a categoria até 92 kg, na primeira seletiva do World Professional Jiu-Jitsu Cup 2012 (WPJJC), realizada em Natal, nesse último  fim de semana.

divulgação/ Caio Magalhães

Caio, mais conhecido como Monstro, e o atleta de pernambucano Bruno Almeida, também faixa preta, foram os únicos nordestinos a ganharem o FREE PASS para o WPJJC 2012 , com todas as despesas pagas (passagem ida e volta, visto, estadia e alimentação) em Abu Dhabi.

Divulgação/ Caio Magalhães

 “Nem acreditei quando a vitória chegou, mas tudo foi resultado de um trabalho focado. Agora é continuar treinando que tudo vai dar certo”, disse Caio Magalhães.

Em resumo, o lutador venceu todas os combates por pontos, e o último nas vantagens. A final foi contra o faixa preta  Bernardo Farias, de São Paulo, tri- campeão mundial. “Tentei passar a guarda dele algumas vezes, até que ganhei nas vantagens”, explicou.

Divulgação/ Caio Magalhães

Outros quatro atletas cearenses conseguiram medalhar na seletiva. São eles o faixa laranja, João Gabriel Sousa, que arrastou em sua categoria, Fábio Lopes, faixa preta, que ficou em terceiro,  a faixa marrom Rachel Azevedo, que fez a final do absoluto, e o faixa azul Jansen Ximenes.

Fábio Lopes, perdeu nas quartas de final, na categoria até 74kg, para o atleta paulistano Leandro Lo, que vem fazendo uma bela campanha este ano. Porém, o atleta foi para disputa no absoluto, onde conseguiu o bronze.

divulgação/ Fábio Lopes, em terceiro no absoluto.

 

O desempenho de Fábio foi tão bom, que chamou a atenção de patrocinadores como a  Campelo Associados, que irá levar o atleta para Dubai, ou seja, teremos dois cearenses representado o Brasil e o Ceará, nos Emirados Árabes.   

Ao todo 13 atletas foram classificados em Natal, estes farão parte da Seleção Sul Americana de Jiu-Jitsu, que representará o nosso continente no World Professional Jiu-Jitsu Cup 2012.