Busca

Tag: MMA


11:14 · 07.07.2012 / atualizado às 22:32 · 22.04.2013 por

Hoje é o dia, é chegada a hora da tão esperada revanche de Sonnen contra Anderson Silva. E aí, façam suas apostas, Silva ou Sonnen?

A disputa deste sábado promete ser uma luta histórica no UFC. Dois lutadores muito bem preparados, onde o que  pode decidir o combate é o psicológico.  Sonnen espera por isso há dois anos, já Anderson, esse declarou preferir não dar a revanche ao oponente, justificando o fato de Sonnen ter sido pegue no antidopping na última luta entre ambos.  Porém, como é um contratado do UFC teve que aceitar, e parece estar muito bem para a luta de logo mais.

O Belas no Esporte convidou o especialista em artes marciais pela Universidade Estadual do Ceará (UECE) e faixa preta de Jiu-Jítsu, Carlos Pinto Sá, para comentar um pouco do que vai acontecer nesta noite de sábado.

Para ele o combate também vai ser histórico, pois, reúne os dois lutadores de maior rivalidade no cenário mundial do MMA, além de se tratar de uma das revanches mais aguardadas de todos os tempos.

 “Na primeira luta, Sonnen dominou os cinco rounds e estava muito próximo de tirar o cinturão de Anderson Silva, porém, o Jiu jitsu salvou o Campeão, um triângulo salvador tirado da cartola no minuto final encerrou a pretensão do desafiante. Agora devido as provocações e a rivalidade desenvolvida pelo Sonnen desde sua derrota, trazem um tempero especial a esse combate de sábado”.

Sazinho explica que a luta  tem todos os ingredientes necessários para que  seja uma das maiores e melhores de todos os tempos. “Anderson Silva sem dúvida tem o melhor currículo do UFC, lutador completo, pois, preenche todos os quesitos essenciais exigíveis no perfil dos grandes campeões. Soca e chuta muito bem, esquivas impressionantes, tem uma velocidade de reação utilizada nos seus contra golpes pouco vista no MMA. Além de ser  versátil na luta em pé e no solo, tem uma assessoria de peso, em minha opinião, a melhor equipe de MMA do Mundo, o MINOTAURO TEAM”, analisa Sá.

Para o faixa preta,  Chael Sonnen também é um excelente lutador, muito bom na parte de wersiling, e razoável em todos os demais componentes. “Preparo físico invejável, além de uma língua afiadíssima, pois, é o maior promotor desse evento, que apimentou em todas as ocasiões que teve oportunidade proferindo palavras desabonadoras ao Campeão. Entendo e espero que seja um dos maiores combates de MMA dessa década”.

O mestre em artes marciais aponta que Anderson tem o poder do nocaute, podendo definir a luta a qualquer momento. Porém, alerta que a parte tática e psicológica será o ponto decisivo do combate.

“Basta uma desatenção do adversário. Enquanto que Sonnen é mais calculista e vai tentar anular esse jogo de Anderson, utilizando suas quedas e o controle no solo. A parte tática e psicológica será o ponto principal desse grande duelo, quem negligenciar poderá perder o controle e consequentemente a luta. A motivação do desafiante sempre é maior, pois, querer conquistar o que nunca teve já cria uma motivação incrível. Mas o Anderson também tem o recorde de defesas e está invicto há muito tempo e deverá estar animado para mantê-lo. Acredito na vitória de Anderson, mas deve ter cautela e trabalhar a defesa de quedas, soltar seus golpes fantásticos e atingir seu objetivo vencer Sonnen mais uma vez”, completou Sá.

14:38 · 27.05.2012 / atualizado às 14:38 · 27.05.2012 por
O professor de MMA Michael William é Faixa Preta de Jiu-Jitsu, medalhista mundial na mesma modalidade e campeão brasileiro e vice-campeão Sul Americano de MMA. Foto: Arquivo Pessoal

 

O MMA (Mixed Martial Arts – Artes Marciais Mistas), que já caiu no gosto do brasileiro depois de ganhar mais espaço na mídia esportiva, já conquista também o coração e os músculos dos cearenses.

Em Fortaleza, diversas academias oferecem aulas da modalidade para homens e mulheres. Muitas pessoas que curtem as lutas no octógono através da TV não sabem bem como começar.

Por isso, o blog Belas no Esporte procurou um professor de MMA e lutador profissional para falar mais sobre o assunto. Ele é Michael William, Faixa Preta de Jiu-Jitsu, medalhista mundial na mesma modalidade e campeão brasileiro e vice-campeão Sul Americano de MMA.

Para vocês, a entrevista com essa fera do octógono:

Belas no Esporte: Com a onda do UFC, as transmissões das lutas pela TV, o MMA tem se popularizado em todo o País. No Ceará, como está esse mercado?

Michael William: “Agora com toda essa mídia no esporte, o MMA está em ascensão. Depois de muitos anos, o MMA está ganhando reconhecimento dentro de casa porque o MMA é um esporte nosso, brasileiro, sem sombras de dúvidas. Esse reconhecimento já existia fora do País há muito tempo, como nos EUA, país em que a popularidade do MMA é enorme. E o Ceará sempre foi grande referência do MMA, não só para o Norte e Nordeste como para todo o brasil, muitos bons lutadores do ceará hoje brilham nos melhores eventos do mundo como UFC, BELLATOR e SHOOTO. O MMA é o esporte que mais cresce no mundo e o marcado brasileiro é o melhor. De todas as categorias do UFC (Ultimate Fighting Championship), nós temos atualmente três cinturões do maior evento do mundo (UFC).”

Belas no Esporte: Quando você avalia que ocorreu este “boom” da modalidade em Fortaleza?

Michael William: “Fortaleza sempre foi referência de eventos e lutadores de MMA, hoje com esse crescimento vão surgindo novos eventos de grande porte na cidade, que coloca Fortaleza novamente no foco. Há, atualmente, uma nova ‘safra’ de lutadores que estão pegando essa época boa.”

Belas no Esporte: Muitas pessoas tem procurado praticar MMA aqui? Qual o perfil destas pessoas?

Michael William: “Com toda essa popularidade, o MMA está caindo no gosto das pessoas de todos os tipos: homens, mulheres, crianças. Hoje o esporte tá perdendo aquela visão de marginalidade construída com preconceito antigamente, tanto que a procura pelo esporte vem de todas as classes sociais. Temos alunos que são médicos, professores, empresários, estudantes etc..”

Belas no Esporte: A mulherada também criou gosto pelo MMA? Por que você acha que isso aconteceu?

Michael William: ” A procura das mulheres pelo MMA é grande porque ele é um esporte completo. Geralmente a procura é pela queima de calorias e definição. São trabalhados golpes de Muay-Thai, Jiu-Jitsu, Boxe, wrestling, dinâmicas e treinos funcionais. Isso tudo, além de deixar o corpo da mulherada modelado, as ensina técnicas de defesa pessoal.”

Belas no Esporte: Você dá aulas para mulheres? Quem são, o que fazem?

Michael William: ” Eu tenho alunas mulheres sim. Elas são estudantes e gostam muito dos treinos. Nome de algumas das minhas alunas: Najéla Gomes, Giselle Costa, Ana Souza e sempre recebo visitas de novas alunas .”

Belas no Esporte: Você percebe que a procura maior é pelo MMA como atividade física ou existem aqueles que querem competir, se profissionalizar?

Michael William: “A procura maior,  pelo menos comigo, é por pessoas que querem se profissionalizar.”

Belas no Esporte: Quais os benefícios desta modalidade para uma pessoa? Gasto calórico e o que proporciona em termos de saúde?

Michael William: “Fortalecimento da musculatura, agilidade, equilíbrio, flexibilidade e as gordurinhas exterminadas. O gasto calórico de uma aula pode chegar a 1 200 calorias por aula.”

Belas no Esporte: Uma última dúvida… Quem procura o MMA, já tem que ter praticado Muay Thai, Jiu Jitsu ou Boxe, por exemplo? Ou pode já começar no MMA? Em geral, quem procura o MMA vem de que modalidade? O que ajuda o atleta a se destacar?

Michael William: “Não é exigido vir de outra modalidade para praticar o MMA, mas geralmente a pessoa já tem uma ‘origem’, tipo o Muay-Thai ou Jiu-Jitsu. Geralmente são atletas dessas duas modalidade que nos procuram mais.”

E aí? Gostou? Que tal experimentar a sensação de estar ali, no octógono?

SERVIÇO: Michael William dá aulas de MMA na Academia Completa (Rua Nunes Valente, 1740 – Aldeota, Fortaleza – CE) e no CT da Dragon Fight – Nova União (Rua Paraná nº 300 – Panamericano)

00:08 · 14.03.2012 / atualizado às 00:08 · 14.03.2012 por
Flávio Canto e José Aldo estiveram no evento (Crédito: Ismar Ingber/UFC)

O UFC (Ultimate Fighting Championship) e o Instituto Reação, idealizado pelo ex-judoca medalhista olímpico Flávio Canto e atual apresentador do Corujão do Esporte da Rede Globo, firmaram parceira nesta terça-feira. O projeto de Canto, que ensina judô a crianças de comunidades de baixa renda no Rio de Janeiro e fica na Rocinha, recebeu os lutadores José Aldo e Rousimar Toquinho, além de Marshall Zelaznik, diretor de desenvolvimento internacional do UFC.

Esta é a primeira parceria do UFC com projetos sociais no Brasil. Durante visita à Rocinha, José Aldo exibiu seu cinturão de campeão mundial dos pesos penas e posou para fotos. Flávio Canto, que estava acompanhado da namorada, a atriz Fiorella Mattheis, também fez pose ao lado de Aldo e da criançada.

O apoio do UFC abrange duas frentes de atuação do Instituto: uma focada no desenvolvimento educacional e outra direcionada ao preparo físico dos atletas. O programa educacional, para alunos entre 4 e 15 anos, visa ao desenvolvimento de competências básicas para a vida em sociedade, abrangendo temáticas como meio ambiente, tecnologia e comunicação. A parceria auxiliará as atividades disciplinares regulares e artísticas, com investimentos nas oficinas de fotografia, vídeo e grafite.

No Instituto Reação, o judô também é trabalhado como uma ferramenta educacional dos pequenos atletas. Assim, o Ultimate Fighting Championship investiu também na reforma total do dojô, área destinada à prática de artes marciais, frequentado pelos alunos do projeto. Com todas as ações, a parceria irá atingir diretamente 400 crianças e 50 atletas das comunidades do entorno do Polo Rocinha.

Além do dojô, os atletas do Reação, que atende 1.200 crianças nas comunidades da Rocinha, Tubiacanga, Cidade de Deus e Pequena Cruzada, foram beneficiados com uma sala de musculação totalmente renovada. A academia, utilizada diariamente, recebeu aparelhos de última geração, visando a melhor preparação dos atletas para as competições. Entre os frequentadores da academia estão esperanças olímpicas para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Para quem não sabe, o Instituto Reação teve, em 2011, oito atletas na Seleção Brasileira de Judô, entre eles, Rafaela Silva, considerada terceira melhor atleta do ranking mundial de judô e promessa de medalha olímpica em 2012.

13:09 · 13.01.2012 / atualizado às 13:10 · 13.01.2012 por
Anderson Silva, que estreia amanhã como comentarista, não tem data para voltar a lutar, devido à nova lesão (Foto: Divulgação)

O spider Anderson Silva estreia, amanhã, como comentarista da Globo no segundo UFC Rio. De forma bem-humorada, concedeu entrevista hoje ao Bom Dia Brasil. Na conversa com o repórter Marcelo Courrege, o campeão dos meio-médios do UFC falou sobre as diferenças entre José Aldo e Chad Mendes (protagonistas da principal luta do card), lamentou a postura provocadora de Chael Sonnen e brincou com o apresentador Chico Pinheiro. (mais…)

05:30 · 10.01.2012 / atualizado às 20:47 · 09.01.2012 por

 O lutador Anderson Silva está com a popularidade cada vez maior. O campeão dos médios confirmou o título de grande nome do UFC e ultrapassou o número de um milhão de seguidores no Twitter, justamente na mesma semana em que irá estrear como comentarista no UFC Rio para a TV Globo (no próximo sábado, ele será o comentarista da Globo ao lado do locutor Galvão Bueno, opinando sobre os combates de José Aldo e Vitor Belfort).

Esta foi a primeira vez que um lutador deste esporte atingiu tal marca. Agora, o atleta do Corinthians só está atrás em popularidade do presidente da entidade, Dana White, que possui pouco mais de 1,8 milhões de seguidores em seu microblog.

“Estou muito feliz com essa conquista. É uma honra para qualquer pessoa ter esse grande numero de seguidores. Agradeço muito a todos que me seguem e aos meus fãs que sempre me apoiaram e estão sempre ao meu lado”, comentou o Aranha por meio de nota oficial.

18:32 · 23.12.2011 / atualizado às 15:47 · 26.12.2011 por

Após sofrer uma fratura no úmero, durante a luta contra Frank Mir, no UFC 140, no último dia 10 de dezembro, o brasileiro Rodrigo Minotauro já demonstra sinais de recuperação. O atleta, que foi submetido a uma cirurgia para acelerar o processo de recuperação, recebeu a notícia de que em junho de 2012, poderá retornar ao octógono.

O lutador, que encontra-se em San Diego, começou o trabalho de fisioterapia há três dias. Otimista com a sua recuperação, Minotauro garantiu a aceleração do seu retorno, pelo seu perfil no Twitter. “Acabamos de chegar de Vail, Colorado, onde operei o braço com Dr. Thomas Hamck. Sucesso, logo estarei de volta ao Brasil e fazendo o que mais amo: MMA”, garantiu.

Minotauro sofreu uma fratura no úmero, durante a luta contra Frank Mir, no UFC 140, no último dia 10 de dezembro. Foto: Divulgação
21:15 · 13.12.2011 / atualizado às 19:45 · 15.12.2011 por

Para finalizar o ano, 11 cearenses foram selecionados para primeira etapa do reality show The Ultimate Fighter  (TUF), a ser realizado no Brasil e transmitido pela Rede Globo. Entre as feras está o detentor do cinturão do Shooto Sul Americano 2011, Caio Magalhães ( O Monstro), 23 anos.

A primeira edição brasileira do TUF irá ao ar aos domingos, a partir do dia 25 de março. A seleção terá início com uma etapa de testes realizada nesta quarta-feira, dia 14, em São Paulo. Ao final do dia, serão 70 selecionados. As inscrições foram abertas em novembro, contemplando as categorias de peso pena (até 66 Kg) e médio (até 84 Kg).

“Neste primeiro momento será testada a parte física e o psicológico. Quedas e rolamentos, chutes, socos, esquivas, uma série de detalhes como estes também serão observados. Depois disso tem a entrevista e o exame sanguíneo”, explicou Monstro.

Além de Caio, que luta até 84 kg, outros cearenses participam da seleção.  Na categoria pena figuram Cristovão de Souza Balieiro (Índio), Godofredo Pepey, Jamil Silveira,  João Luiz Nogueira (Andrezinho), João Victor, Leandro Rodrigues Pontes (Naja). Já na médio estão Anderson Melo (Son), Arimarcel Santos (Chocolate), Peterson Chacal e Renée Forte Teixeira de Oliveira.

O vencedor do programa recebe o título de Ultimate Fighter e um contrato milionário com o UFC. A temporada brasileira começa a ser filmada em fevereiro e terá produção da empresa Floresta, de São Paulo.

Lutadores profissionais de 21 a 35 anos, com, no mínimo, três lutas profissionais (e duas vitórias) puderam se inscrever. Após as etapas de testes, os candidatos serão reduzidos a um grupo 16 participantes, que irão se mudar para a casa do TUF e competir entre si até chegarem à grande final.

Vitor Belfort e Wanderley Silva

A primeira edição internacional da série, transmitida pela Rede Globo, terá como treinadores as lendas do Ultimate Fighting Championship e do PRIDE Wanderlei Silva e Vítor Belfort. Ao final da edição, em junho, os pesos médios se enfrentarão em uma revanche. Os dois já haviam lutado em São Paulo, em 98, quando Belfort nocauteou Silva no Ultimate Brazil.

10:32 · 06.12.2011 / atualizado às 10:38 · 06.12.2011 por

Dessa vez, a combinação futebol e luta pegou pesado. O lutador Chael Sonnen, maior desafeto de Anderson Silva, patrocinado pelo Corinthians, enfim recebeu o presente enviado pela torcida alviverde: uma camisa do Palmeiras! O falastrão vestiu pela primeira vez o uniforme e, através de um vídeo gravado por seus amigos, elogiou a atuação do time na última rodada do brasileiro e prometeu ganhar o título dos pesos-médios no ano que vem.

Chael e o presentinho palmeirense

– Palmeiras, aqui é o Chael Sonnen dos Estados Unidos. Queria parabenizar vocês pela temporada. Sou um fã de todas as horas, não apenas quando vocês ganham. Foi um bom campeonato e um bom jogo (contra o Corinthians). Estou muito orgulhoso de vocês. Eu sei que o time não levou o título nacional, mas eu vou conseguir o título mundial e colocar o Palmeiras onde merece – disse o lutador.

Chael Sonnen ganhou destaque na mídia por falar mal do Brasil e provocar alguns lutadores brasileiros no UFC, principalmente Anderson Silva, contratado neste ano pelo Corinthians. Para contrariar Spider, o americano se declarou palmeirense, e isso motivou o clube alviverde a presenteá-lo.

Nesta semana, o UFC anunciou o combate de Sonnen contra Mark Muñoz, dia 28 de janeiro. O vencedor do combate deve ganhar o direito de disputar o título da categoria com Anderson. E aí, será que vai rolar uma final de Campeonato Brasileiro no octógono?

YouTube Preview Image

16:19 · 05.12.2011 / atualizado às 16:19 · 05.12.2011 por
 

Caio Magalhães é campeão sul-americano no Shooto Brasil 27. Foto: Divulgação

 

A cada campeonato no mundo das artes marciais, o Ceará vem se destacando e apresentando seus grandes talentos para o mundo. O ‘Shooto Brasil 27’, que aconteceu na última sexta-feira (2), no Ginásio Nilson Nelson, em Brasília, consagrou o lutador cearense Caio “Monstro” Magalhães como campeão sul-americano na categoria até 84 Kg.

A emocionante disputa pelo cinturão ficou por conta do nosso atleta, que derrotou  Ismael Marmota pelo título. Faixa-preta de Jiu-Jitsu, atual campeão do Rio International Open e já classificado ao World Professional Championship 2012, Caio arrebentou no tatame. “Foram três rounds intensos, o cara troca muito bem, levei desvantagem no primeiro round. Mas a partir do segundo round, coloquei para baixo, montei e fiz meu jogo de chão, mas não fugi da trocação, foi guerra”, contou Caio, que já coleciona os cinturões do Shooto Brasil, Amazon Fight e Iron Man e continua invicto, em cinco lutas. 

   

Caio é campeão invicto em cinco lutas. Foto: Divulgação
 
10:21 · 28.10.2011 / atualizado às 10:21 · 28.10.2011 por
Boa notícia para quem quer conferir, de perto, o UFC no Brasil! Foto: Divulgação

Para quem é fã de lutas, notícia boa logo no comecinho do dia! Dana White,  presidente do UFC, confirmou ontem a volta do evento para o Rio de Janeiro já no início do ano que vem. “O UFC vai sim para o Brasil em janeiro. Nós estamos trabalhando no próximo UFC Rio agora mesmo. O Lorenzo (Fertitta – um dos donos do UFC) esteve no Brasil nas últimas semanas e ele tem ido resolver estas questões. Estamos correndo para fechar o card e acertar os últimos detalhes”, disse Dana, em entrevista a um site de notícias brasileiro.

Dana afirmou, no primeiro momento, que ainda não poderia dar mais detalhes sobre as negociações. “Eu não posso divulgar mais informações sobre isso, mas posso dizer que fechamos tudo muito rápido, em tempo recorde.

A data ainda não foi fechada, mas já se sabe que o evento acontecerá na Cidade Maravilhosa em janeiro de 2012. “Vamos realizar o máximo possível de eventos no Brasil no ano que vem. O mercado brasileiro é excelente para nós, sem contar que estar lá foi uma experiência incrível. O Brasil é certamente um dos nossos focos para o ano que vem”, declarou, na mesma entrevista.

O presidente do UFC falou, também, sobre eventos que poderão ocorrer em Recife e Brasília, ainda no próximo ano, mas não divulgou datas. “Ainda estamos fazendo algumas visitas e negociações, mas sim, estas cidades estão entre os possíveis locais para onde queremos levar o evento ano que vem”, disse.