Bem-Estar Pet

Busca


Encontro de Border Collie na Estância Kirst

Publicado em 18/10/2014 - 12:45 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle

Para quem quer conhecer melhor as aptidões do Border Collie, não pode perder evento neste sábado (18), na Estância Kirst. Confiram!

Fortaleza. O I Encontro da Raça Border Collie do Estado do Ceará será realizado neste sábado (18), na Estância Kirst, localizada no município de Caucaia. A proprietária do local e criadora da raça, Andrea Câmara, diz que o evento é aberto ao público. “É voltado para criadores, proprietários e admiradores da raça Border Collie”, afirma.

RegionalEla explica que é um evento para mostrar toda funcionalidade deste cão, por meio de palestras e demonstrações em pista. Para quem for levar a criançada, haverá espaço infantil com pula-pula, inflável, pipoca e algodão doce. “Vamos ter sorteios de brindes”, diz Andrea.

A programação tem início a partir das 16 horas, com apresentação de Agility Show das Escolas Estância Kirst e EAOS, de Olivier Soulier. Em seguida, acontece palestra sobre Bem-Estar com a médica Karla Renata, da Universidade Federal do Ceará, e tira-teima com o especialista em comportamento animal Olivier Soulier.

Os cães dos canis Estância Kirst e Dunas Flecheiras farão apresentação de Pastoreio. Em seguida, haverá palestra sobre Nutrição, com a veterinária da Purina Pro Plan, Carolina Sales.

Estância Kirst, EAOS e The Dogs farão apresentação de Showdog e Frisbee, seguida de palestra sobre Suplementação, com o veterinário da Vetnil, Océlio Silva. O encontro será finalizado com abertura da pista de Agility Show para a confraternização de todos os participantes.

Regional“Resolvemos promover o evento por vários motivos. O Border Collie é o cão mais inteligente do mundo e mais funcional. O Encontro será para mostrar e divulgar a raça e toda a sua funcionalidade. Muitas pessoas compram um cão desta raça, mas desconhecem o potencial dele, não criam da maneira correta ou não exploram sua capacidade”, explica Andrea.

Por isto, segundo destaca, o Encontro reúne profissionais e informações para enriquecer ainda mais o conhecimento de todos sobre a criação, alimentação,desenvolvimento e estimulação da inteligência do cachorro.

Mais informações:  I Encontro Estadual da Raça Border Collie, sábado (18), 16h, Estância Kirst – Rua Luíza Menezes Muniz, 163 – Mestre Antônio – Caucaia www.Estanciakirst.Com.Br
(85) 3342.3596/ 8846.3596

Tags: ,

Gateiras de Fortaleza promovem novo mutirão de castração de animais na Pet Saúde

Publicado em 08/10/2014 - 11:05 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle

O Grupo Gateiras de Fortaleza está programando mais um mutirão de castração de animais para o próximo dia 19 de outubro. A voluntária do grupo, Ana Cristina Ramos, informa que, no último mutirão que fizeram, foram castrados 130 animais. As cirurgias são feitas pela Dra. Ana Karinne Paiva, da Clínica Pet Saúde, que utiliza a Técnica Minimamente Invasiva.

Gente, castrar  animalzinho de estimação é uma atitude responsável e de amor! A cirurgia é simples, sem dor e com rápida recuperação! Sem falar que, no mutirão,  é de baixo custo, feita por uma médica veterinária  super competente, a Dra. Ana Karinne!

mutirão de castração 10723487_627197214057557_68749086_n

Curso de Handler foi um sucesso

Publicado em 02/10/2014 - 15:57 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle
Participantes do Curso de Handler no Dog Society Resort Club FOTO: Claudio da Cruz

Participantes do Curso de Handler no Dog Society Resort Club FOTO: Claudio da Cruz

O Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), presidido por Roberto C.F. Bezerra, está empenhado em qualificar ainda mais a cinofilia no Estado. Palestras com juízes especializados nas raças e cursos estão entre as iniciativas realizadas pela entidade, que está em contagem regressiva para a comemoração dos seus 50 anos. A data será marcada por um grande Festival de Cinofilia no Centro de Eventos do Ceará, dias 15 e 16 de novembro.

Professores Oiram Filho e Pablo Henrique, comigo e minhas Chihuahuas Amora e Anita

Professores Oiram Filho e Pablo Henrique, comigo e minhas Chihuahuas Amora e Anita FOTOS: Giselle Sucupira

Tive a oportunidade de participar de um desses cursos, o Curso Básico para Apresentação de Cães, ministrado dias 27 e 28 de setembro, pelos handlers de projeção nacional, Pablo Henrique e Oiram Filho, numa parceria entre o KCEC e o Dog Society Resort Clube, da empresária e criadora de Golden Retriever, Giselle Sucupira.

Juiz cinófilo e vice-presidente do KCEC, Luiz Eduardo Matos, e professores handlers  Pablo Henrique e Oiram Filho

Juiz de cinofilia e vice-presidente do KCEC, Luiz Eduardo Matos, e professores handlers Pablo Henrique e Oiram Filho

O evento foi muito bem planejado, com aulas teóricas e práticas.

Pablo Henrique falou sobre o papel do handler e com funcionam as exposições de cinofilia

Pablo Henrique falou sobre o papel do handler e com funcionam as exposições de cinofilia

Recebemos apostilas com conteúdos que não se limitaram ao básico. Pelo contrário, para leigos como eu, até que foram aprofundados em muitos aspectos.

Oiram Filho falou sobre estrutura e dinâmica dos cães

Oiram Filho falou sobre estrutura e dinâmica dos cães

Tivemos aulas práticas nos dois dias. No último dia, participamos de uma exposição simulada de cães, que contou com a participação do juiz e vice-presidente do KCEC, Luiz Eduardo Matos Mendes. Este momento foi especial para todos os participantes, mesmo para aqueles que já tinham entrado em pista oficial.

Aula prática sobre apresentação de cães

Aula prática sobre apresentação de cães

O KCEC e seu presidente Roberto Bezerra estão de parabéns por mais esta iniciativa, que teve êxito graças ao empenho e talento da equipe organizadora: Pablo Henrique, Oiram Filho, Giselle Sucupira e Luiz Eduardo.

Aqui a opinião de alguns dos participantes:

A participante Ivna Fontenele diz que o curso foi bom tanto para leigos como para quem já participa de exposições

A participante Ivna Fontenele diz que o curso foi bom tanto para leigos como para quem já participa de exposições

Ivna Fontenele: “Achei o curso muito bem preparado e desenvolvido. Tivemos uma visão geral de tudo que é envolvido numa exposição, bem como a parte prática de apresentar cães em pista. Foi uma iniciativa muito boa tanto para os leigos, quanto para os que estão no ramo há algum tempo. Tivemos a oportunidade de esclarecer dúvidas, aprender alguns macetes importantes, treinar várias vezes como se apresenta um cão etc. Todos estão de parabéns pelo esforço e dedicação dados a este projeto! Obrigada!”

A programação foi iniciada com aulas teóricas

A programação foi iniciada com aulas teóricas

Gustavo Nogueira: “Achei muito interessante e engrandecedor para cinofilia cearense. Eu já apresentei alguns cães do meu Canil em exposições, mas no curso o Pablo e o Oiram souberam passar pequenas dicas que fazem toda a diferença na hora da apresentação. O espaço disponibilizado pelo Dog Society, da Giselle, é excelente e acho que só fez somar para que o curso tenha sido um sucesso. Espero que venham muitos outros!”

Yoná Maia: “Iniciativa muito válida do KCEC, principalmente porque o mercado tem carência handlers e propicia também ao criador que deseja apresentar seu próprio cão. Gostei também da interação entre criadores que sabemos que existem, mas muita vezes não temos contato”.

 

Tags: , ,

Mutirão de castração será no domingo

Publicado em 23/09/2014 - 8:36 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle

Gente, posse responsável de nossos amados bichinhos inclui a castração. É uma cirurgia rápida e minimamente invasiva. Se você não é “cinófilo” ou “gatófilo”, ou seja, aquele criador que se dedica a desenvolver uma determinada raça de cão ou gato, dentro dos critérios do bem-estar animal e com base nos padrões definidos pelos Kennels Clubes e demais entidades afins, deve castrar o seu animalzinho para que todos tenham uma vida plena e feliz.

A protetora animal Ana Cristina Ramos está divulgando mutirão de castração, que acontecerá no domingo, (28/09), na Clínica Pet Saúde. Vamos apoiar!

Mutirão castração 1940308_619795698131042_416616687_n

Tags: ,

Curso de Handler no fim de semana

Publicado em 22/09/2014 - 9:06 por | Comentar

Categorias: cinofilia, Geral
  • Enviar para o Kindle

Quem quer conhecer mais sobre as exposições de cães de raça promovidas pelo Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), uma boa pedida é o Curso Básico de Handler que acontecerá sábado (27) e domingo (28) no Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Handler 1544473_10204353338224211_1988151275785081459_nHandler é o profissional que apresenta os cães em pista, para avaliação dos juízes da cinofilia. O curso será ministrado por Pablo Henrique e Oiram Filho, handlers de projeção nacional, com larga experiência na área e responsáveis por vários cães que se tornaram campeões nas pistas.

Criadores, proprietários de cães e pessoas com interesse no mundo dos cães podem participar. A programação prevê aulas teóricas, no sábado, e práticas no domingo. Na última semana, divulgamos o curso na Página de Bem-Estar Animal do Diário do Nordeste (publicada toda terça-feira).

Pagina curso handlerAs inscrições podem ser feitas no Kennel Clube do Estado do Ceará – fones 3265.5040/ 3265.1533

O evento é uma parceria com a Dog Society Pet Resort e o Kennel Clube do Estado do Ceará.

Tags: ,

Estância Kirst tem pista oficial para a prática de Agility Show no Ceará

Publicado em 08/09/2014 - 15:30 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle

Para quem quer se exercitar e, ao mesmo tempo, se divertir com seu amiguinho peludo, o mais certo é praticar Agility Show. No Ceará, a Estância Kirst inaugurou a primeira pista oficial para a prática deste esporte. Recentemente, publiquei matéria sobre o tema na nossa Página de Bem-Estar Animal (editada toda terça-feira no Diário do Nordeste). Agora, você pode conferir a integra a entrevista com a Andrea Câmara, instrutora e praticante de Agility Show, e proprietária da Estância Kirst, junto com seu marido Ricardo Kirst. Confiram, com fotos de Helosa Araújo:

Regional1 – Como está equipada a pista do Agility na Estância?

Andrea Câmara: Atualmente, a pista de Agility da Estância Kirst é a única no Ceará com padrões e tamanho oficiais regulamentados de acordo com a Comissão Brasileira de Agility (CBA), Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC) e federação Cinológica Internacional (FCI). A pista tem uma área de 800m² (40mx20m) e com todos os obstáculos em tamanhos oficiais. Está apta para prática de campeonatos. Está equipada com todos os obstáculos oficiais para disputa de campeonatos em tamanho e padrões oficiais seguindo todos os critérios de segurança da CBA para que o cão não se machuque. Os obstáculos são os de salto: Salto simples, salto duplo, salto em distância, Muro. O túneis: Túnel Aberto ou Túnel, Túnel Fechado ou Casa. Os de Zona de Contato: Gangorra, Rampa em A ou rampa, Passarela e o Slalom que é considerado o mais complexo, sendo o último obstáculo a ser ensinado.

2 – Quem pode participar?

AC: O Agility pode ser praticado por todas as pessoas e cães de todos os tamanhos e idades, com ou sem raça definida, com ou sem pedigree, mas que sejam sociáveis, saudáveis e aptos a prática de atividade física. Para competir torneios da CBA, o cão deve ter pedigree e ter uma idade acima de 18 meses. Se a competição for no exterior, além dos requisitos anteriores, o cão deverá ser microchipado. Assim, pessoas de todas as idades e tamanhos que estejam aptas à prática de atividade física. Hoje, na Hungria, há o paragility, onde pessoas portadoras de algumas limitações praticam o esporte e, por forçar a pessoa a memorizar o circuito, caminhar e ter uma ligação afetiva com um cão, acredito que, futuramente, será uma iniciativa terapêutica muito importante assim como a equoterapia. Cães de todas as idades, todos os tamanhos, com raça ou sem raça definida, desde que sejam sociáveis, saudáveis e aptos a pratica de atividade física
Regional3 – Como a equipe da Estância foi capacitada?

AC:  Há anos que a equipe Estância Kirst (Ricardo Kirst e Andrea Câmara) vem estudando e fazendo cursos para a prática e ensino do Agility em São Paulo, Paraná e Pernambuco. Muitos foram cursos particulares, específicos e voltados apenas para a equipe da Estância Kirst. Não podemos deixar de destacar o grande apoio e incentivo que recebemos das escolas pernambucanas Canil Oatã Border, de Miguel Vilas Boas e Moab Ordônio, e Canil Woods Nook, de Alexandre Borges, árbitro da CBA.
4 – Vamos ao básico: o que é o Agility?

AC: Agility é um esporte no qual participa uma dupla, condutor e cão. Consiste em a pessoa conduzir o cão por um percurso composto por vários obstáculos numerados sem errar nenhum deles e sem extrapolar o tempo máximo estabelecido para o percurso. Ganha a dupla que for mais ágil (não errar nenhum obstáculo). Mas se houver empate, a dupla que tiver feito o percurso no menor tempo vence. Então, o Agility é, principalmente, uma prova de agilidade.
5 – Qual o objetivo deste esporte?

AC: O objetivo é a agilidade, como o nome já faz menção. A dupla deve fazer o percurso sem errar nenhum obstáculo. O tempo é um fator secundário. Apenas no caso de um empate que vencerá a dupla que tiver feito o percurso no menor tempo.

Regional6 – Como o Ceará se posiciona na prática deste esporte (ainda é muito novidade)?

AC: Apesar de já haver algumas pistas recreativas, o esporte ainda é novidade no Estado do Ceará. A pista da Estância Kirst está na mira da CBA para futuros campeonatos e etapa de circuitos. Como iniciamos nossas atividades há apenas 3 meses, estamos formando alunos a nível de competição para representar o Ceará no Brasil e exterior. Após essa primeira fase de no Ceará ter duplas a nível de competição que daremos início a segunda fase que é a promoção de campeonatos.

7 – O que é preciso para participar desse esporte?

AC: Ter um cão no qual você tenha um laço afetivo. Esse cão ter disposição e saúde para praticar o esporte e ser sociável. E a pessoa ter saúde, estar apta a prática de atividade física e se identificar com o esporte.

8 – Qual a meta da Estância em promover a prática deste esporte?

AC: Nossa meta é formar campeões, promover campeonatos e difundir o esporte. Fazer campeonatos cearenses, nordestino e brasileiro. Estamos trabalhando e preparando mais nossos alunos. Como a prática do Agility ainda é novidade no Ceará, primeiro, vamos capacitar nossos alunos para então realizar e promover campeonatos para que nosso Estado esteja bem representado.
9 – Quais horários, dias e custo para participar do esporte na Estância?

AC: Em um ambiente seguro e familiar, as aulas ocorrem todas as quintas, sextas e sábados, das 8 às 11 horas, e das 15 às 22 horas. O valor é R$ 200,00 por mês, com direito a 3 aulas por semana e o tempo de duração da aula é indeterminado, varia de acordo com a necessidade e resistência da dupla inscrita. Cada aluno recebe uma carteirinha que lhe dá direito a descontos exclusivos nos serviços oferecidos pela Estância e em parceiros. Há sábados que tem confraternização entre os alunos que é o Agility + Churrasco.

Regional10 – Como surgiu o Agility?

AC:  O Agility começou como uma maneira de entreter as platéias durante os intervalos das exposições caninas e demais competições. O que era pra ser apenas um “show do intervalo” acabou fazendo tanto sucesso que se tornou o esporte canino mais praticado no mundo. Inspirada nas provas hípicas, essa atividade requer bastante concentração e habilidade, e claro, quanto mais rápido for feito o percurso, melhor. No Brasil, o Agility se formou realmente no final dos anos 90. A primeira competição oficial aconteceu em São Paulo, no parque da Água Branca, em 1998. A Comissão Brasileira de Agility (CBA) é a responsável pela regulamentação dos campeonatos nacionais e pela participação do Brasil em campeonatos internacionais. A CBA é ligada à Confederação Brasileira de Cinofilia, a CBKC.

15 – Como é a prática desse esporte no Brasil?

AC:  No Sul e Sudeste, o Agility é uma febre. No mundo também, principalmente na Europa e América Latina. No Nordeste, há forte prática em Pernambuco. Mas ainda é um esporte desconhecido.  O Agility é um esporte para família, por isso há um código de ética seguido e respeitado por cada Clube e seus integrantes. Respeito para com o cão e para com o próximo é o que mais se preza e a boa educação. Vestimentas respeitosas e ambiente amigável e familiar. O Agility traz vários benefícios para o cão, o dono e a convivência de ambos. Vou citar algumas. O cão e o dono (condutor) praticam atividade física. O cão gasta energia e libera hormônios do bem-estar em uma atividade prazerosa e, com isso, fica mais tranquilo e equilibrado dentro do lar. No Agility, é natural o cão ter a obediência para seguir os comandos do condutor durante o percurso. Há um aumento do laço afetivo entre cão e dono. O Agility é praticado com estímulos positivo o que torna uma atividade prazerosa. O cão fica mais sociável. O Agility trabalha agilidade e flexibilidade do cão e do condutor. Estimula o raciocínio do cão e do condutor e melhora a coordenação motora.

Mais informações: Facebook Estância Kirst

Tags:

Dog Society: Primeiro Club Resort para cães é instalado no Ceará

Publicado em 26/08/2014 - 8:38 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle

Na Página Bem-Estar Animal, publicada no Diário do Nordeste, toda terça-feira, trago hoje reportagem sobre o primeiro Club Resort para cães do Ceará. Trata-se do Dog Society Club Resort, no município do Eusébio, Região Metropolitana de Fortaleza.

Página Dog SocietyO empreendimento foi idealizado pela psicóloga e enfermeira Giselle Sucupira Mesquita e seu esposo, Gerardo Mesquita. Giselle também é especializada em Terapia Assistida por Animais (TAA) e coordena o projeto Cão, Vida, que leva cachorros para atividades com crianças hospitalizadas.

A novidade do Dog Society é que os canis, ou melhor, os apartamentos onde os cães ficam hospedados estão instalados em contêineres marítimos, totalmente adaptados para a função. Música ambiente, climatizados e decoração que deixam os peludinhos bem à vontade, como se estivessem em casa. Um luxo só!

Também há apartamentos em outro bloco de alvenaria. A infraestrutura é formada ainda por piscina rasa e pista de Agility Recreativo para os amiguinhos de quatro patas se divertirem durante o dia.

Giselle Sucupira também é criadora de cães Golden Retriever e Australian Shepherd, raças bem adaptadas ao trabalho de Terapia Assistida por Animais.

Confiram reportagem completa no http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/regional/eusebio-tem-club-resort-para-caes-1.1086314

Mais informações
Dog Society Club Resort
Rua São Francisco, 301
Guaribas – Eusébio
Para conhecer mais o site é www.dogsocietyclubresort.com.br

 

 

 

 

Tags: , , ,

KCEC promove exposições de cães em Fortaleza neste fim de semana

Publicado em 15/08/2014 - 13:50 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle

Fortaleza. Em contagem regressiva para os seus 50 anos de fundação, a serem comemorados em novembro, o Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC) realiza amanhã e domingo, nesta Capital, as penúltimas exposições cinófilas de 2014. A novidade deste evento é que acontecerão sete competições especializadas, para cães das raças American Pit Bul Terrier, American Staffordshire Terrier, Buldogue Francês, Fila Brasileiro, Golden Retriever, Pinscher Miniatura e Rottweiler.

Roberto C.F. Bezerra é presidente do KCEC

Roberto C.F. Bezerra é presidente do KCEC

Segundo o presidente do KCEC, Roberto C.F. Bezerra, devem participar do evento cerca de 250 cães de 55 raças nas pistas especializadas (sábado), e nas gerais (domingo). “Esse número de cães representa um aumento nas inscrições médias dos anos anteriores”, afirma ele.

Segundo adianta, as raças que deverão ter o maior número de cães inscritos são as que estarão sendo avaliadas nas pistas especializadas do sábado, no caso, American Staffordshire, Bulldogue Francês, Fila Brasileiro, Golden Retriever, Pinsher Miniatura, Pitbull e Rottweiller. “O KCEC vem tentando, em caráter experimental, concentrar as especializadas em um único dos três eventos realizados anualmente aqui em Fortaleza, por questões logísticas e organizacionais”, explica ele.

Para isto, conforme aponta, a escolha das raças que deverão fazer parte de exposições especializadas é antecedida por uma negociação prévia entre criadores, expositores e “handlers” com a diretoria do KCEC. “Nessa negociação é levado em conta a garantia de que, no mínimo, 15 cães de cada raça deverão ser inscritos no evento a ser realizado”, diz Roberto Bezerra.

As exposições do fim de semana vão contar com os juízes Enrique Graziano, Fernando Bretas, Flávio Ramos, João Luiz Lopes Machado, Luiz Francisco Tiradentes Abreu, Ricardo Oliveira Dias (todos do Brasil), e também Jorge Luis Patiño Fernandez  e Maritza de La Vega Herandez (ambos do México). Tem o Dr. Daniel Couto Uchôa como médico veterinário e Luiz Eduardo Matos Mendes como superintendente da Exposição.

Com o crescimento da cinofilia no Ceará, o perfil de expositores está mais variado. O presidente do KCEC diz que abrange desde canis de pequeno porte, onde apenas uma raça é mantida, até os grandes canis, onde são criadas diferentes raças, com um número bem maior de exemplares.

“O que vem estimulando a organização das exposições por parte do KCEC é a participação de cães de praticamente todos os Estados do Nordeste, do Pará e do Amazonas e, em alguns eventos, cães do Sul e Sudeste. Vale destacar que a cinofilia cearense vem apresentando um regular crescimento com cerca de 3/4 das inscrições sendo do nosso Estado”.

Handlers

As exposições cinófilas têm um show à parte com o trabalho dos handlers, profissionais que apresentam e preparam os cães para as competições em pista. Dois deles já fazem história no Estado e no País. Há 25 anos na atividade, Wladyr Uchoa já apresentou cães em eventos no Brasil, Argentina e Estados Unidos.

Handler Wladyr Uchoa, com cão campeão  do Sunland Boxers

Handler Wladyr Uchoa, com cão campeão do Sunland Boxers FOTO: Bruno Santana

Neste fim de semana, ele levará 15 cães das raças Boxer, Mastiff, Bulldog Inglês, Schnauzer, Yorkshire, Dachshund, Spitz, Beagle, Cocker Inglês, Golden Retriever, Bulldog Francês, Pitbull. “Para as exposições do KCEC, as expectativas são sempre boas, pois sempre são organizadas, com bom número de cães e em local apropriado para o evento”, afirma ele, que estará com exemplares de grandes e renomados canis, mas também cães de novos criadores em busca de reconhecimento.

Para quem quer iniciar na cinofilia, Wladyr orienta buscar um criador com experiência e qualidade para adquirir o filhote e seguir a orientação de pessoas mais experientes, além de “amar os cães acima de tudo”.

Outro handler de reconhecimento nacional é Pablo Henrique Studart. Ele está há 15 anos na atividade, e já participou de exposições por todo o Brasil e América do Sul. Dentre as viagens, esteve na Exposição Mundial na Argentina.

Handler Pablo Henrique Studart, com campeão "Legend" e equipe Samyr Pinto e Melk Santiago

Handler Pablo Henrique Studart, com campeão “Legend” e equipe Samyr Pinto e Melk Santiago

Para o evento do KCEC do fim de semana, Pablo vai levar cerca de 40 cães para as exposições gerais e especializadas, exemplares de cerca de 12 raças, tais como Australian Shepherd, Mastino Napolitano, Pinscher, Shar Pei, Schnauzer, American Staff, Bull Terrier, Akita Americano, Golden Retriever, Labrador, Poodle, Chihuahua, Pitt Bul, dentre outras.

“Acho uma iniciativa excelente do KCEC, uma forma de os cães serem melhor reconhecidos pelos juízes especializados. Como sempre, as expectativas são as melhores, pois as exposições aqui do Kennel, sempre estão dentre as melhores do Brasil.

Handler Jean Carnib,  com a Fila Brasileiro campeã "Glória", do Canil Singular, de Harrison Pinho

Handler Jean Carnib, com a Fila Brasileiro campeã “Glória”, do Canil Singular, de Harrison Pinho

O handler  Jean Carnib também figura entre os destaques. Está há mais de 20 anos está na atividade. Ele vai levar 11 cães, das raças Fila Brasileiro, Buldogue Francês e Australian Catle Dog. “A expectativa é sempre muito boa, pois o evento de Fortaleza é o melhor e o maior do Norte e Nordeste, e um dos maiores e mais organizados do Brasil.A qualidade dos cães é muito boa, sem dúvida uma atração para famílias, crianças e adultos”, afirma ele.
Mais informações

Exposições do KCEC – cães de raça

Sábado e domingo (16 e 17/11)

Colégio Farias Brito Central

Rua Barão do Rio Branco, 2680

Fortaleza – entrada gratuita

Tags: , , , , ,

Bazar em favor dos animais

Publicado em 08/08/2014 - 15:15 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle

A protetora Rúbia Bernardes está divulgando este evento que acontece amanhã, promovido pelo grupo Voluntários Independentes de Proteção Animal (Vipa). Toda a renda é revertida para o trabalho feito pelo grupo em benefício dos animais abandonados. Vale conferir!

Vipa 10574416_1529075507323856_868587902616896787_n

Tags: ,

Bulldogueiros fazem campanha em favor da Arca de Noé

Publicado em 25/07/2014 - 12:13 por | Comentar

  • Enviar para o Kindle
Régia Germano e seu Bulldog Francês, Gaston, oriundo do Canil La Dolce Vita

Régia Germano e seu Bulldog Francês, Gaston

A criadora de Bulldog Francês Régia Germano, que também administra no Facebook o grupo Bulldog Francês de Fortaleza, lança campanha em favor do animais do Abrigo Arca de Noé. “Resolvi lançar esta campanha no grupo de Bulldog Francês de Fortaleza, para juntos, arrecadarmos uma determinada quantia e realizarmos a castração de 20 cadelas de rua que hoje se encontram abrigadas no Arca de Noé”.

Ela diz que o grupo tem sido parceiro na ajuda da causa animal e apoiado sempre que possível. “No mês de abril passado doamos uma média 300kg de ração arrecadados em um evento fechado para Bulldog Francês. Isso é uma forma de conscientização para a importância da castração, do não abandono e a obrigação de ajudar os abrigos que vivem de doações. É uma causa nobre, disso somos cientes, e estamos felizes em poder ajudar”, diz ela.

As cirurgias de castração serão realizadas pelos Médicos Veterinários Victor Madeira e Cynthia Barata. “Nossos bulldoguinhos orelhudos são abençoados, por terem comida, água, lar e muito amor. E o mínimo que podemos fazer é realmente ajudar”, destaca Régia.

Mais informações: Régia Germano – Administradora do Grupo de Bulldog Francês de Fortaleza no Facebook. (85) 9945.7828

Tags:

Página 1 de 5712345...102030...Last »

Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999