Busca

Categoria: Eu e meu pet


12:33 · 18.04.2018 / atualizado às 12:48 · 18.04.2018 por
O Vetmóvel terá médicos veterinários para consultas, castrações, hemogramas, vacinas e palestras

Agora é pra valer! No próximo dia 16 de maio, o Vetmóvel começa a funcionar em Fortaleza! Quem garante é a coordenadora especial da Coordenadoria de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), Toinha Rocha, que hoje concedeu entrevista exclusiva para o Blog Bem-Estar Pet, exatamente na data em que a Coepa completa seis meses de atividades em favor dos animais na Capital cearense.

“O Vetmóvel iniciará os trabalhos na Regional I, no Cuca da Barra do Ceará, com os serviços de consultas, hemogramas, castração, vacinas e palestras“, afirma Toinha Rocha. Hoje, a Prefeitura já divulgou o resultado da seleção para contratar os quatro veterinários que atuarão no Vetmóvel. Serão um clínico geral, dois cirurgiões e um anestesista. Pela relação divulgada, os primeiros colocados foram os médicos veterinários Ricardo Ribeiro Garcia (clínico), Júlio César dos Reis Saraiva e Omar Cirino Duarte (cirurgiões) e Thiago Antônio Rodrigues Vasconcelos (anestesista). Os demais colocados ficam no contingente de reserva.

Prefeito Roberto Cláudio e Toinha Rocha em solenidade na qual foi anunciado pacote de políticas públicas de bem-estar animal

Nos seis meses de trabalho, a Coepa vem construindo uma grande rede de proteção e bem-estar animal em Fortaleza. Pelo balanço feito por Toinha Rocha, já são cerca de 50 reuniões realizadas no período, com universidades e faculdades de Medicina Veterinária, grupos empresariais, entidades de classe, ONGs e protetores independentes, Polícia Militar Ambiental, secretarias de governo, entre outros.

Foram promovidos cursos para mais de 500 multiplicadores, entre facilitadores da Rede Cuca, agentes de endemias, policiais do Batalhão da PM Ambiental, estudantes e professores de Veterinária, entre outros.

Com a Coepa, o prefeito Roberto Cláudio inaugura um novo tempo em Fortaleza, com a meta de ampliar as políticas públicas de proteção e bem-estar animal. Somente para este ano, a Coepa já tem assegurados no Orçamento do Município R$ 3,4 milhões, aqui incluídos os R$ 500 mil para construção da primeira Clínica Veterinária Popular, que funcionará ao lado do Abrigo São Lázaro.

Segundo Toinha Rocha, a Clínica Popular deverá ser entregue à população e seus animais a partir de dezembro. Até o fim de julho, estão previstas a definição do projeto e licitação da obra, para inicio da construção a partir de agosto”, afirma ela. E a ampliação e melhoria do Abrigo São Lázaro, outro benefício assegurado pela Prefeitura, contam com parceria do Curso de Arquitetura da Faculdade Estácio de Sá, na elaboração do projeto-piloto.

Primeira equipe da Coepa: Rosania Ramalho, José Alberto Thiers, Toinha Rocha, Marcel Girão e Thais Câmara

“Nesses seis meses da Coepa, como todo órgão em seu início, enfrentamos algumas dificuldades. Mesmo assim, superamos todas e, com muita força de vontade, criatividade e parcerias com as ONGs, protetores, e demais envolvidos na causa, estamos construindo essa grande rede de proteção animal em Fortaleza”, afirma a médica veterinária Rosania Ramalho, braço direito de Toinha Rocha na Coepa, que também conta com os integrantes José Alberto Thiers, veterinária Thaís Câmara e Júlio César. Até este mês, o economista e protetor Marcel Girão também fazia parte da equipe, mas precisou se desincompatibilizar em cumprimento às exigências da legislação eleitoral.

Nesta quarta-feira, a Coepa estará presente na terceira edição do Largo dos Bichinhos, que acontece toda terceira quarta-feira do mês, no Largo dos Tremembés, Praia de Iracema, a partir das 17h, numa promoção da Prefeitura de Fortaleza, Secretaria de Turismo do Município, Coepa e Instituto Iracema. Haverá adestramento de cães, Cantinho da Adoção, vacinação anti-rábica e teste de calazar, vacinação de tétano e hepatite, feira de produtos pet e massoterapia. O evento é gratuito e aberto ao público.

MAIS INFORMAÇÕES: 3ª Edição do Largo dos Bichinhos, hoje, 18, 17h, no Largo dos Tremembés, Praia de Iracema, aberto ao público. Coepa (85) 3272.3386

14:50 · 09.03.2018 / atualizado às 14:50 · 09.03.2018 por
Denise Falcão, Niobe Raposo e “Mamá”: experiência de casa conquistou o mercado com inovação em alimento natural para pets FOTO: Cãopcake

As empresárias da Cãopcake, Denise Falcão e Niobe Raposo, nos envia esta informação maravilhosa! Para nós, que sempre estamos em busca de dar o melhor para nossos amadinhos de quatro patas, é tudo de bom! Confiram:

A Cãopcake® obteve agora março o primeiro registro do Norte e Nordeste no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), tornando-se a única empresa da região autorizada a fabricar alimentação natural para animais de estimação.

O registro no MAPA assegura que o estabelecimento possui instalações em perfeitas condições higiênico-sanitárias e que seu processo de fabricação segue as rigorosas normas estabelecidas pela legislação, garantindo que os produtos fabricados levem, além de muito sabor, segurança para o consumidor, evitando contaminação e possíveis danos à saúde dos animais.

“O mercado de alimentação natural pet está em expansão no Brasil. Muitas pessoas recorrem a essa alternativa visando proporcionar melhor qualidade de vida a seus animais de estimação. Contudo, é necessário muito cuidado na hora de escolher o produto, já que a alimentação e os petiscos naturais não podem ser elaborados por pessoas leigas e sem formação profissional adequada”, explica Denise Falcão.

A Dra. Daniele Falcão, responsável técnica pela Cãopcake, explica que apenas um médico veterinário ou um zootecnista estão habilitados a elaborar produtos para alimentação de animais. “Existem cuidados específicos da seleção dos ingredientes à rotina de fabricação. Nem todo alimento natural pode ser ingerido pelos animais. É necessário verificar a composição e balancear os nutrientes. Um produto mal preparado pode trazer inúmeros prejuízos à saúde de seu animalzinho, podendo, inclusive, leva-lo à desnutrição”, alerta ela.

Registro da Cãopcake junto ao Ministério da Agricultura é o primeiro do Norte e Norte

De mães para filha

Criada em 2015, a Cãopcake nasceu da experiência da advogada Denise Falcão e da web designer Niobe Raposo com a cadela Mamá, que se negava a comer ração. “Preparamos petiscos naturais e ela adorou. Depois de compartilhar a história e os petiscos com amigos, vimos uma oportunidade de inovar no mercado com um produto que une sabor e saúde para os nossos filhos peludos”, conta Denise.

As empresárias comemoram o registro no MAPA como um reconhecimento dos processos de qualidade e segurança da empresa, que também é a única do Ceará com registro no Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV/CE).

MAIS INFORMAÇÕES: Cãopcake / (85) 99912.5945. fb.com/caopcake / caopcake.com.br – MAPA

Ministério da Agricultura atestou a qualidade da Cãopcake
13:36 · 06.03.2018 / atualizado às 13:36 · 06.03.2018 por
“Leo” e sua nova mamãe italiana Sara. Das ruas do Cumbuco para vida de príncipe em Gênova / FOTOS: Alessandra Couto

Um verdadeiro conto de fadas! Ou melhor… “Conto de Patas”: um gatinho é abandonado nas ruas do Cumbuco com apenas 2 meses, entre a vida e a morte. É resgatado por um casal italiano e hoje mora em Gênova, com todo o amor e carinho que todo animal merece. Só que no meio dessa história – uma verdadeira saga, digna de roteiro de cinema – tem a participação especial da protetora independente, Alessandra Couto. Sim, o gatinho, batizado de “Leo”, não pode viajar imediatamente com os papais italianos. Precisou passar o período de quarentena no Brasil e o tempo necessário para resolver toda a burocracia da viagem. Quem viabilizou tudo: Alessandra, claro! Ela contou com uma rede de amigos e do veterinário Dr. Rafael Borges. E no dia 24 de janeiro último, a convite dos papais italianos, ela embarcou junto com o “Leo” para o final feliz desse “Conto de Patas”.

E “Conto de Patas” é a série de livros que Alessandra está escrevendo, a partir da primeira história, a do Gato “Leo”. O livro está em fase de finalização, e em busca de patrocínios. Serão 150 páginas com toda a aventura do gatinho abandonado nas ruas do Cumbuco e adotado pela família italiana. O lançamento está previsto para julho. Um segundo livro da série, também contando a história de outro gato, o Zé Carioca, já está no roteiro.

Alessandra Couto e “Leo” na bolsa de viagem para a Itália

Alessandra Couto faz proteção animal há mais de 12 anos. Tem 30 gatos adotados. Também é proprietária do Hotel Cheiros e Lambeijos, só para gatos, na Cidade dos Funcionários. Foi por ter o hotel que o casal de italianos, Sara Fazio e Enea Cerri, chegou até a protetora, por recomendação do Dr. Rafael Borges, da Clínica Veterinária Garra. Eles já rodavam de táxi há cerca de uma semana, entre Cumbuco e Fortaleza, providenciando a papelada de viagem para o Leo: vacinas, chip etc. Daí Dr. Rafael alertou sobre a exigência do período de quarentena, indicando o hotel de Alessandra.

O encontro dos italianos com a protetora foi só emoção, desde o início. “Eu não falo nada de italiano e quando eles chegaram na minha casa/hotel, no dia 12 de agosto do ano passado, foi só choro de emoção ao ver a situação do Leo”, relembra Alessandra. O casal retornou em seguida para Gênova, ficando à espera da chegada do novo “filho”. Em dezembro passado, Sara convida Alessandra para acompanhar o “Leo” na viagem. Somente em janeiro último toda a burocracia de viagem foi superada, inclusive o passaporte de Alessandra. A correria foi grande, mas tudo deu certo!

“Leo”, Sara e Alessandra, já na Itália: uma história de amor internacional

No dia 25 de janeiro Alessandra chega com o “Leo” em Milão, sendo recepcionada por Sara e familiares. No aeroporto, Sara segurava um cartaz com a inscrição “Leo”. Foi só choro de emoção mais uma vez. Após 10 horas de voo entre Brasil e Itália, e mais duas horas de trem entre Milão e Gênova, o gatinho “Leo” chega em sua nova família. Alessandra permanece com os novos amigos por uma semana. “Fiquei impressionada com o amor dos familiares e amigos de Sara e Enea na acolhida ao Leo. Ele foi recebido como um filho humano, e não como um filho felino, tão grandes eram o amor e atenção de todos”, conta Alessandra.

O “Conto de Patas do Leo” tem muito mais emoção e aventura. Aguardem o livro em julho! O primeiro de uma série que promete ficar na história da proteção animal mundial!

Novos papais do gato “Leo”, Sara Fazio e Enea Cerri
Gato “Leo” leva hoje uma vida de príncipe na Itália

MAIS INFORMAÇÕES: Alessandra Couto, escritora, protetora independente e proprietária do Hotel Cheiros e Lambeijos, só para gatos. (85) 8781.5412

 

 

12:49 · 27.02.2018 / atualizado às 12:49 · 27.02.2018 por

Será neste domingo, 4, a quarta edição da Cãomiada! Realizado pelo Movimento São Francisco de Defesa de Animais, cachorros e gatinhos, acompanhados dos seus tutores, bem como defensores da causa animal estão convidados para o evento, às 16h, no Aterro da Praia de Iracema, com saída em frente ao Boteco Praia.

Célio Studart, idealizador do Movimento São Francisco de Defesa de Animais, que promove a Cãomiada para cães, gatos e seus tutores

O idealizador do encontro, Célio Studart, destaca que o principal objetivo é cobrar medidas enérgicas contra os maus tratos aos animais e reivindicar um Hospital Público Municipal e uma Delegacia de Defesa Animal no Estado do Ceará. “Será mais um grande evento que irá ajudar milhares de animais carentes. Um encontro para toda a família e para todos os anjos de 4 patas”, ressalta.

A 4° Cãomiada Fortaleza é aberta ao público e estará ajudando os abrigos São Lázaro e Lar Tin Tin. As ONGs estarão vendendo uma camisa, por R$ 20,00, no local do evento.

MAIS INFORMAÇÕES: 4ª edição da Cãomiada Fortaleza. Espigão da Av. Rui Barbosa, em frente ao Boteco Praia, Domingo, 4, 16h.

 

 

 

17:39 · 22.02.2018 / atualizado às 17:39 · 22.02.2018 por

Ainda é o mês da Folia de Momo. Assim, o grupo Dálmatas Ceará Oficial promove neste sábado, 24, a partir das 16h30, o “Carnavau 2018”.  O grupo é coordenado pelas criadoras Ana Victoria Moura e Ellen Gomes. Ana Victoria garante que a programação está recheada de atrações! E o melhor: a festa tem caráter beneficente!

A entrada é a doação de 2kg de ração (por pessoa, levando até dois animais). A ração será entregue à ONG Abrace Uma Causa Animal, presidida pela professora Cristiane Angélica. A festa acontece no Hotel Ada Traning, do adestrador André Damasceno.

Ana Victoria explica que o evento é realizado pelo Dálmatas Ceará Oficial mas o “Carnavau” é aberto a todas as raças e SRDs (Sem Raça Definida).

Haverá sorteio e demonstração de produtos dos patrocinadores: Dog on Foot, Ibasa, Guabi Natural, Gran Plus, Vetcom, Avert Laboratórios, Patas e Manhas Pet Store e Ada Training.

A presidente da Abrace, Cristiane Angélica, estará apresentando o trabalho de proteção animal feito pela ONG. Cães resgatados pela entidade, já completamente recuperados e saudáveis, participam de desfile. Não terá evento de adoção, mas os interessados poderão adotar os animais apresentados.

MAIS INFORMAÇÕES: Dálmatas Ceará Oficial 2018 (85) 9 9940.1012.

15:58 · 16.02.2018 / atualizado às 16:10 · 16.02.2018 por

Um assunto que muito interessa à cinofilia é Reprodução Canina. Pensando nisto, o Dog Society Club Resort, da cinófila Giselle Sucupira Mesquita, sedia neste sábado, 17, de 8 às 12h, palestra sobre o tema, numa realização dos Canis especializados na raça Labrador, Marinheiro Labs (CE), de propriedade de Steffson Marinheiro, e Canil Zuo´s (MG), de Daniel Oliveira.

Daniel Oliveira é um dos palestrantes, juntamente com o médico veterinário, Dr. Herlon Rodrigues. Daniel é criador há mais de 20 anos da raça Labrador. Já o Dr. Herlon é especialista em Reprodução e criador da raça Cocker Spaniel.

As vagas ofertadas foram limitadas e, rapidamente, preenchidas, mas os interessados em uma possível segunda edição do evento podem entrar em contato com os organizadores.

O evento conta com o apoio do Dog Society e da Royal Canin. Para participar, foi solicitada uma saca de 10kg de ração, a ser doada para um abrigo de proteção animal. Os participantes vão concorrer a sorteio de uma sessão de fotos com o fotógrafo especializado em cinofilia, Nilton Novaes.

MAIS INFORMAÇÕES: Palestra “Reprodução Canina”, sábado, 17, de 8 às 12h. Dog Society Club Resort. Contato da organização (85) 9 9736.1928.

12:14 · 15.02.2018 / atualizado às 12:14 · 15.02.2018 por

Ainda no ritmo da Folia de Momo, a proteção animal não para em Fortaleza (CE). E não vai parar nunca, se depender da Cristiane Angélica, presidente da ONG Abrace – Uma Causa Animal, e da Gabriela Moreira, presidente da Deixa Viver. No fim de semana, as ONGs organizam Eventos de Adoção na Mundo Pet, dos empresários Luis André Nóbrega e Alain Michael; e no Makro. Cristiane Angélica informa que serão cerca de 10 cães e 10 gatos disponibilizados para a adoção em cada um dos eventos.

A Mundo Pet já é parceira certa das duas ONGs quando o assunto é apoiar a proteção animal. A Abrace sempre está presente na loja organizando eventos de adoção. Desta vez, os interessados em levar um amorzinho pra casa podem ir na Mundo Pet neste sábado, 17, e domingo, 18, a partir das 14h. Abrace e Deixa Viver estão juntas neste evento.

Já no Makro, o evento de adoção acontece neste sábado, 17, de 9 às 14h. Também haverá Bazar para a venda de produtos diversos, com renda revertida para os trabalhos da ONG. Você pode doar roupas, calçados, artigos em geral para o bazar.

Vale destacar que os animais resgatados pela Abrace estavam em situação de abandono e maus-tratos. A ONG não possui abrigo, mas Lar Temporário. Uma vez trazidos para o lar, os cães recebem cuidados veterinários em clínicas parceiras, são vacinados, vermifugados e castrados (caso já estejam da idade certa para a cirurgia). Somente quando estão com a saúde em equilíbrio é que os cães são levados para os eventos de adoção.

A Abrace tem um número limitado em sua proteção. Apenas 30 cães. Quando eles vão sendo adotados, o Lar Temporário recebe novos animais resgatados. Para os gatos, a Abrace faz parceria com outras ONGs que cuidam dos pequenos felinos, como a Deixa Viver, presidida pela protetora Gabriela Moreira.

Vale destacar também a parceria que a Abrace faz com a Cão Cidadão, do consultor em comportamento animal Alexandre Rossi, o famoso Dr. Pet. No Ceará, a Cão Cidadão está representada pela adestradora Priscila Furlan.

Durante o eventro de adoção, os interessados passam por entrevista onde comprovam as condições para receber o novo membro da família. A pessoa deve apresentar documentos pessoaiscomprovante de endereço, telefone etc. Após a adoção, a Abrace continua em contato com a família, para ter a certeza de que o animal está bem adaptado.

MAIS INFORMAÇÕES: Eventos de Adoção da Abrace, sábado e domingo, Mundo Pet, 14h, Av. Senador Virgílio Távora, 1400. Sábado, no Makro, Av. Alberto Craveiro, 507, de 9 às 14h. Interessados podem doar roupas, calçados e produtos diversos para o Bazar na ONG. (85) 9 8812.8654/ 9 9988.3699

11:57 · 31.01.2018 / atualizado às 11:57 · 31.01.2018 por

O Carnaval está chegando, deixando os corações mais apaixonados! E nesta onda de alegria, a Wellpet Clínica & Petshop promoverá no próximo domingo, dia 04, a partir das 15h, o CarnaPet para garantir a folia dos pets e seus tutores. “Teremos uma programação especial para que todos os pets e tutores se divirtam em um ambiente descontraído”, garantem a veterinária Juliana Furtado, coordenadora técnica da clínica, e Rosalina Frota, diretora administrativa da empresa.

E para a folia ficar ainda mais animada, por toda esta semana a Wellpet está recebendo doações de rações que serão entregues à ONG Abrace Uma Causa Animal. Vale muito participar desta ação beneficente! No domingo, a presidente da ONG, Cristiane Angélica, e sua equipe de voluntários estarão prestigiando este grande evento.

Na programação também haverá folia com os integrantes do Baquetas e Grupo Maravilha e desfile de fantasia e prêmios incríveis. Se você gosta de vestir seu pet como um divertido folião, esta é a hora de usar a criatividade!

MAIS INFORMAÇÕES: CarnaPet na Wellpet. Domingo, dia 4, de 15 às 19h. Por toda esta semana a loja está recebendo doação de ração para a ONG Abrace. Av. Barão de Studart, 715, bairro Meireles. Fortaleza (CE) – (85) 3111.5500

14:38 · 23.01.2018 / atualizado às 14:38 · 23.01.2018 por

Criadores de Chihuahua estão se mobilizando no País para criar o Conselho da Raça junto à Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC). Como forma de viabilizar a proposta, a movimentação já começa em nível dos Estados, junto às entidades cinófilas. O Rio Grande do Sul parte na frente, com a criação do Departamento Gaúcho do Chihuahua (DGC), junto à Federação Cinológica daquele Estado (FECIRS). Mas as mobilizações também acontecem em São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará, entre outros, para a criação de departamentos estaduais.

O Blog Bem-Estar Pet conversou com alguns criadores e também com a árbitra da CBKC, Paloma Pegorer, especializada na raça. “Temos muitos criadores interessados em fazer a raça crescer em número e em qualidade no Brasil. Vejo com bons olhos essa união e mobilização, acredito que, com o apoio de todos, em breve teremos boas notícias!”, declara ela (confira entrevista completa ao final do texto).

Américas e Caribe

Vale destacar que durante o grande evento cinófilo, Américas e Caribe, de 31 de maio a 3 de junho no Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza, acontecerá, entre as Exposições Especializadas, a da Raça Chihuahua, com a expectativa de reunir cerca de 50 cães. “Não vejo a hora! A Exposição Américas e Caribe será uma importante prévia para a Mundial 2022. Acredito muito no trabalho que o Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC) vem realizando e tenho certeza que será um show memorável onde espero ver muitos chihuahuas!”, afirma Paloma Pegorer.

O maior criador de Chihuahua no Ceará, com cães campeões em pista, Benon Linhares, também está com boa expectativa em relação à Exposição. “Esperamos que esta Exposição Especializada venha chamar a atenção de vários cinófilos e criadores de outras raças para passarem a criar Chihuahuas, tanto como sua raça principal quanto como uma segunda raça, aumentando assim o número de criadores daqui, além de contribuir para que os atuais criadores da raça passem a criar com mais aperfeiçoamento, de acordo com o padrão técnico da raça definido pela Federação Cinológica Internacional (FCI) e suas tendências atuais”, afirma ele, proprietário do Bennetag’s Kennel junto com a esposa Angélica Miranda. Benon também integra a nova diretoria do KCEC, como membro do Conselho Disciplinar da entidade.

Gaúchos na frente

Partindo na frente, o Departamento Gaúcho do Chihuahua (DGC) está assim constituído: Coordenadora, Carla Verrone Souza Lima; Marketing, Karina Carvalho; Tesoureiro, Lucas Monteiro; diretora técnica, veterinária Ana Paula Bina; Divulgação e Arrecadação de Fundos, Perla Fraga.

Criadores durante fundação do Departamento Gaúcho do Chihuahua (DGC), da Federação Cinológica do Rio Grande do Sul (FECIRS)

“O Departamento será uma ferramenta de estudos e conhecimento da raça através de encontros, palestras, cursos e também faremos exposições especializadas e machs. Ainda temos muitas coisas a definir e ajustar mas ficamos felizes em dar este grande passo para a raça”, afirma Carla Verrone.

Como integrante do DGC, Karina Carvalho observa que o Departamento segue a legislação da CBKC/FCI, entidades das quais a FECIRS é filiada. Vale destacar que Karina, junto com a mãe, Heloísa Carvalho, no Canil Wooki, foram consideradas como Melhor Criador de Chihuahua Pelo Longo, de acordo com o Ranking DogShow 2017. O mesmo ranking apontou como Melhor Criador Pelo Curto o Canil R&R Blanche (SP), dos criadores Renato Perestrelo e Adolfo Arrayago.

Sobre a Especializada da Raça em Fortaleza, Carla está otimista: “Acho que a Especializada da Américas e Caribe será uma grande oportunidade onde criadores e proprietários poderão confraternizar, discutir sobre a raça em um evento de tamanha importância”, afirma ela.

Já no Ceará, Benon Linhares informa que os criadores vão postular junto ao presidente do KCEC, Roberto Bezerra, a criação de um Departamento ou Núcleo da Raça Chihuahua.

Paloma Pegorer: otimismo na mobilização

Árbitra da CBKC e criadora de Chihuahua, Paloma Pegorer

Confira a entrevista completa da Árbitra da CBKC, Paloma Pegorer, sobre a proposta de criação do Conselho Brasileiro da Raça Chihuahua (CBRC). Ela é juíza cinófila desde 2012 e atualmente julga cães dos Grupos 4, 9 e 10. Além de Chihuahua cria cães das raças Griffon de Bruxelas e Cão de Crista Chinês no Canil Lapinus de São Roque (SP). Já julgou exposições na Europa e Austrália, o que lhe permitiu ter uma visão global, principalmente da criação de cães de companhia como o Chihuahua.

Blog Bem-Estar Pet – O que você acha da mobilização nacional dos criadores de Chihuahua para fundar o CBRC?

Paloma Pegorer – Temos muitos criadores interessados em fazer a raça crescer em número e em qualidade no Brasil. Vejo com bons olhos essa união e mobilização, acredito que com o apoio de todos em breve teremos boas notícias!

Blog- O que é este Conselho?

Paloma- Um Conselho de Raça é um órgão diretamente ligado a CBKC, responsável pela regulamentação na criação de uma certa raça, organização de exposições especializadas e tudo que possa levar ao crescimento da raça no país.

Blog- O que vai melhorar para a raça?

Paloma – Primeiramente acredito que o intercâmbio de conhecimentos e de linhas de sangue entre os criadores pode contribuir consideravelmente para o melhoramento da qualidade da raça no Brasil. Lembrando que o objetivo é crescimento com qualidade, não nos interessa o aumento do número de cães se a qualidade não acompanhar. Queremos que o Brasil se destaque no cenário mundial de criação da raça chihuahua.

Blog – O que é preciso para criar um Conselho de Raça junto à CBKC?

Paloma – Até pouco tempo bastava provar junto a CBKC que a criação do Conselho seria benéfico para a raça e aguardar a aprovação. Recentemente foram estabelecidas algumas regras.

Blog – Como você avalia a criação de Chihuahua no Brasil?

Paloma – Eu acho que a raça ainda é bastante heterogênea. Vemos em pista muitos tipos diferentes. Houve importações importantes por parte de vários criadores, mas vejo acasalamentos sendo realizados sem muito critério, um pai Best In Show (BIS) com uma mãe BIS não produzirá necessariamente filhotes BIS. Resumindo, acho que temos no país uma base muito boa, com padreadores e matrizes de alta qualidade e das melhores linhas de sangue do mundo. Basta agora, através da união entre criadores, produzir aqui cães tão bons quanto os que foram importados.

Blog – Que orientações você pode dar para os canis recentes na raça?

Paloma – Primeiro escolha um tipo! Vejo canis com cães de linhas e tipos totalmente diferentes e que acabam por não produzir nada especial. Segundo, sejam humildes. Ao invés de importar filhotes sem saber o que vão se tornar, tentem usar alguns excelentes padreadores que já temos por aqui. Terceiro, acredito que para se escolher um cão para fazer parte do plantel, muitas vezes temos que segurar a ninhada inteira para somente depois poder escolher o melhor. A raça muda muito com a idade, muitos filhotes promissores acabam ficando com mordida errada, aprumos ruins… isso é algo difícil de fazer quando se trata de raças grandes, mas é perfeitamente possível com os chihuahuas.

Blog – Para uma boa criação, você acha essencial os cães irem para as exposições cinófilas?

Paloma – Eu acho muito importante mas não é regra. Conheço excelentes criadores que há anos não pisam em uma exposição. Porém, acho essencial para iniciantes, para conhecer pontos de vista diferentes, conhecer outros criadores. Muitas vezes, o cãozinho que temos em casa e que julgamos ser espetacular, quando vai a uma exposição não se sai tão bem assim. As exposiçoes são importante para nos livrar da “cegueira de canil”.

Blog – Quais as principais linhagens de chihuahua desenvolvidas no Brasil?

Paloma – Como eu disse acima, importamos “ de tudo um pouco” para o Brasil. Há alguns anos, só encontrávamos cães de linhas mexicanas e americanas. Já hoje, vejo mais cães europeus (ingleses, italianos, espanhois e russos principalmente). Precisamos focar em um tipo!

MAIS INFORMAÇÕES: Para saber mais sobre o Padrão da Raça Chihuahua, ver CBKC.

11:10 · 19.01.2018 / atualizado às 11:10 · 19.01.2018 por
Richard Gere no filme “Sempre ao seu lado”. Adotar um animal é viver um amor de cinema todo dia

Para quem quer conhecer um amor verdadeiro, daqueles de cinema, tipo “Sempre ao seu lado”, esta é a oportunidade! Neste fim de semana, a Abrace – Uma Causa Animal realiza eventos de adoção de animais. No sábado, 20, será no Makro, de 9 às 14h. No domingo, 21, será na Animale, do Shopping RioMar, às 15h. A presidente da Abrace, professora Cristiane Angélica, informa que estão disponíveis para receber uma nova família cães e gatos, adultos e filhotes.

No Makro, além do evento de adoção, haverá bazar de roupas, calçados e objetos em geral. A renda é revertida para os trabalhos realizados pela ONG. Se você tem objetos para doar, entra em contato com a Abrace. A ONG também precisa de doação de ração para seus animais.

Os animais resgatados pela Abrace estavam em situação de abandono e maus-tratos. A ONG não possui abrigo, mas Lar Temporário. Uma vez trazidos para o lar, os cães recebem cuidados veterinários em clínicas parceiras, são vacinados, vermifugados e castrados (caso já estejam da idade certa para a cirurgia). Somente quando estão com a saúde em equilíbrio é que os cães são levados para os eventos de adoção.

A Abrace tem um número limitado em sua proteção. Apenas 30 cães. Quando eles vão sendo adotados, o Lar Temporário recebe novos animais resgatados. Para os gatos, a Abrace faz parceria com outras ONGs que cuidam dos pequenos felinos, como a Deixa Viver, presidida pela protetora Gabriela Moreira.

Durante o eventro de adoção, os interessados passam por entrevista onde comprovam as condições para receber o novo membro da família. A pessoa deve apresentar documentos pessoais, comprovante de endereço, telefone etc. Após a adoção, a Abrace continua em contato com a família, para ter a certeza de que o animal está bem adaptado.

Por todos estes cuidados, a Abrace é uma das ONGs do Estado que mais realiza a proteção animal de forma responsável e solidária. Parabéns a todos os voluntários protetores de animais, em especial das ONGs Abrace e Deixa Viver.

MAIS INFORMAÇÕES: Eventos de Adoção de animais da Abrace, sábado, 20, de 9 às 14h, no Makro. Domingo, 21, 15h, no Pet shop Animale, do RioMar Papicu. Aberto ao público. (85) 9 8812.8654/ 9 9988.3699