Busca

Crueldade nunca mais!

14:16 · 18.01.2012 / atualizado às 14:16 · 18.01.2012 por

O movimento nacional contra a crueldade em animais realiza no domingo, 22, em diversas cidades brasileiras, manifestações de protesto e sensibilização da sociedade em favor dos bichos. Faixas e cartazes deverão defender bandeiras como “Os animais pedem justiça!”, “Crueldade contra animais: leis mais rígidas e cadeia!”, “Os animais não votam, mas nós sim!”, “Crime contra animais devem ser punidos com rigor!”, “Chega de impunidade para crimes contra animais!” e “Brasil, mostra a tua cara limpa de crueldade!”.

O movimento reivindica a penalização correta e efetiva para quem comete crueldades e  maus-tratos aos animais. Considera que a lei atual é branda e não pune devidamente quem comete crimes contra animais. A manifestação é o início de uma série de ações para uma penalização correta contra a crueldade aos animais. A petição oficial do movimento (abaixo assinado) tem por objetivo coletar 1 milhão e meio de assinaturas em todo país, e já está sendo elaborada. Para assiná-la, cadastre seu e-mail no site www.crueldadenuncamais.com.br e aguarde contato.

A manifestação está programada para diversas capitais e demais cidades brasileiras. Em Fortaleza (CE), acontecerá na Av. Beira-Mar, das 9 às 12h, em frente ao McDonalds. Mais informações pelos telefones (85) 8582.1508/ 8810.6388/ 8794.8914.

Comentários 2

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Edislânia

21/10/2012 as 22:0119

Antes tarde do que nunca, hoje as pessoas estão muito insensivéis com a crueldade,a perversidade esta banalizada.
Já viram o que acontece com os jumentos, os cavalos, no interior do Ceará,aqui mesmo na região metropolitana há maus tratos,já vi um cavalo todo cortado na barriga com uma espora após uma exaustiva subida de uma serra,mas o que eu não me conformo é a sociedade atual permitir o que aconteça nos rodeios, nas vaqueijadas,as rinhas de galo, de cães.

rebeca

18/07/2012 as 19:0119

Que sejamos as vozes dos animais, pois eles sentem como nós..

*NÃO à crueldade animal