Busca

20:11 · 22.02.2016 / atualizado às 20:11 · 22.02.2016 por
"Isabelle" é uma das "cãodulas" no Open de Tênis. Ela está apta à adoção
“Isabelle” é uma das “cãodulas” no Open de Tênis. Ela está apta à adoção

Você já ouviu falar em “cãodulas”? Não? Pois foi unindo o útil ao agradável que a Premier Pet, empresa especialista em alimentos super premium para cães e gatos, teve uma grande sacada para apoiar a ONG  Associação Bem-Estar Animal Amigos da Célia (Abeac) durante os jogos do Brasil Open de Tênis 2016, que acontece de hoje, 22, a domingo 28, no Esporte Clube Pinheiros (SP). A empresa está levando cães para atuar como gandulas, ao lado dos melhores tenistas do mundo. São os cães Isabelle, Frida, Mel e Costela, da Abeac, que estão aptos à adoção. Para se apresentarem aos interessados, os “cãodulas” estarão pegando as bolinhas fora da quadra.

Qual a brincadeira preferida dos cães? Você joga uma bolinha e lá vão eles buscar como se fosse a missão mais importante da vida! E onde, senão em uma quadra de tênis, essas bolinhas pulam para lá e para cá? Pensando nisso, a Premier Pet está levando o time “cãodulas” muito especial para se divertir durante os jogos de tênis. Afinal, somente cães que recebem uma alimentação de alta qualidade têm saúde, disposição e energia para tanta atividade!

"Frida" aguarda um novo lar. Enquanto isso, vai brincar como "cãodula"
“Frida” aguarda um novo lar. Enquanto isso, vai brincar como “cãodula”

A Premier Pet, há anos, subsidia a alimentação de milhares de cães e gatos de ONGs por todo Brasil, através do Instituto Premier Pet. Uma das ONGs beneficiadas com seus produtos é a Abeac, que abriga mais de mil cães e gatos e foi convidada a participar desse projeto com a empresa, levando seus queridos cães.

O torneio acontece de 22 a 28 de fevereiro, no Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo, com participação de alguns dos melhores tenistas do mundo, como Fabio Fognini e Thomaz Bellucci. As estrelas das quadras vão dividir a atenção do público com Frida, Costela, Mel e Isabelle, cães que adoram correr atrás de bolinhas e vão se divertir apanhando aquelas que saírem fora da quadra.

“Nosso objetivo ao levar os cãodulas às quadras é mostrar que os cães que aguardam por um lar em ONGs só precisam de afeto, cuidado e nutrição de alta qualidade. Não importa a origem ou idade, quando amados e alimentados corretamente podem ser maravilhosos companheiros para o homem, brincar, aprender coisas novas e realizar grandes feitos. Esta é mais uma iniciativa da Premier Pet para apoiar a causa da adoção”, afirma Madalena Spinazzola, diretora de marketing corporativo e planejamento estratégico da empresa.

"Mel" é outra "cãodula" que está disponível para adoção
“Mel” é outra “cãodula” que está disponível para adoção

“Esperamos que esta ação nos ajude a conquistar adotantes e escrever uma nova história para esses animais”, afirma Marli Scaramella, presidente da Abeac.

Confira a Programação dos “cãodulas” no Brasil Open de Tênis

25.02.16 – quinta-feira – no Kid´s Day, das 9h às 10h

25.02.16 – quinta-feira – às 17h, durante bate-bola de aquecimento do jogo das 18h30

28.02.16 – domingo – na cerimônia de premiação, por volta das 17h30

Mais informações: Brasil Open de Tênis – de 22 a 28 de fevereiro de 2016, Esporte Clube Pinheiros (SP). www.brasilopen.com.br

"Costela" completa o time de "cãodulas" no Brasil Open de Tênis. Também à espera de uma nova família
“Costela” completa o time de “cãodulas” no Brasil Open de Tênis. Também à espera de uma nova família

Sobre a Premier Pet: Pioneira na fabricação de alimentos Super Premium no Brasil, é uma empresa 100% nacional, especialista em nutrição de alta qualidade para cães e gatos. Com 19 anos de atuação, está presente em todas as regiões do país e possui uma das mais modernas fábricas da América Latina. Constantes investimentos em tecnologia, pesquisa e desenvolvimento de produtos propiciam à empresa uma atuação marcada pela inovação. Foi a primeira empresa no mundo a desenvolver uma linha alimentos para Raças Específicas, pioneira na produção da linha Ambientes Internos no Brasil, e é a única que detém a tecnologia DUO, que permite variar o cardápio de cães e gatos sem a realização da troca gradativa. Suas mais recentes inovações são a linha de alimentos coadjuvantes Premier Nutrição Clínica e a linha Premier Seleção Natural, com proteína de frango Korin. O portfólio da marca inclui mais de 180 itens, comercializados exclusivamente em pet shops e clínicas veterinárias. Mais informações no site www.premierpet.com.br ou pelo Premier Responde: 0800 55 6666 (de segunda à sexta das 8h30 às 17h30).

Sobre a Abeac: A Associação Bem Estar Animal Amigos da Célia é uma ONG legalmente estabelecida que atua no amparo e na proteção a animais abandonados. A entidade nasceu em 2003 para salvar a vida de 300 cães que ficaram órfãos após a morte de Célia Sciumbata, sua protetora. Inicialmente abrigados no sítio da família Sciumbata, os animais foram transferidos em 2008 para um novo terreno, em Caucauia do Alto (SP), registrado em nome da Abeac e construído a partir das doações de seus colaboradores. Atualmente, o espaço conta com cerca de 257 canis, divididos em alas (Amarela, Azul, Central, Equilíbrio, Parelheiros, Verde e 300 Anjos, que acomodam cerca de 3 cães em cada canil), por critérios como porte, temperamento e idade. Para manter a estrutura funcionando, um time de funcionários trabalha diariamente para a Abeac, cuidando e dando carinho a cerca de 1 mil cães. A ONG é uma entidade sem fins lucrativos e se sustenta por meio de doações, apadrinhamentos e eventos para obtenção de recursos. Não existe qualquer ajuda pública ou de empresas privadas, mas apenas a de contribuintes pessoas físicas. Saiba onde encontrar mais informações sobre os cães para adoção da Abeac pelo www.abeac.org.br

10:19 · 18.02.2016 / atualizado às 10:22 · 18.02.2016 por

gato da leticia amaral 12743569_813157302147198_8939293121867004524_nA jornalista Letícia Amaral postou em sua página do Facebook um dos post mais difíceis de escrever, segundo destacou. Ela vai passar por um tratamento de saúde e está tendo que doar os seus dois gatinhos para adoção. Os lindos felinos já estão castrados, vermifugados e são muito amáveis. Contatos pelo fone 85- 99756.9504 ou em sua página no Facebook. Será muito bom aparecer um interessado que adote os dois juntinhos, daí eles permanecem como irmãos. Mas todo auxílio será muito bem-vindo!

gato da leticia amaral 12742090_813157338813861_2475387511912809073_nVejam o que ela escreveu sobre os lindos bichanos: “É com muita dor no meu peito que faço esse post para uma possível adoção de dois dos três gatinhos que crio. Eles tem um ano e meio, são saudáveis, vermifugados e castrados. São muito amorosos e nunca apresentaram nenhum tipo de comportamento que não fosse de pura cordialidade e inocência… O pretinho com branco gosta de fazer cafuné. O amarelinho joga futebol com qualquer bolinha improvisada… Esta decisão de oferece-los para adoção só está sendo feita por mim depois de um chato diagnóstico de hérnia de disco na região da minha cervical… Mal estou tendo forças para cuidar de mim. E será um tratamento meio demorado… Aos interessados prometo ajudar em tudo o que for preciso para eles: ração e etc. Agradeço a quem puder compartilhar. Este foi o post mais difícil e triste que já escrevi na vida. Quem quiser ajudar compartilhando, eu agradeço muito. Beijos da Le, que ama os bichos e queria ser dona de um latifúndio só para acolher todos os inocentes animais sem lar”gato da leticia amaral 12742417_813157382147190_6323915585728428188_n

09:53 · 14.02.2016 / atualizado às 09:53 · 14.02.2016 por
A mais premiada do Brasil, Polly exibe estrutura e movimentação impecáveis, segundo comemoram seus proprietários Angélica e Benon - Fotos: Nilton Novaes
A mais premiada do Brasil, Polly Dareta exibe estrutura e movimentação impecáveis, segundo comemoram seus proprietários Angélica e Benon – Fotos: Nilton Novaes

A cinofilia cearense está em alta mesmo. A Chihuahua pelo curto mais premiada do Brasil é do Ceará. Trata-se da pequenina Polly Pocket Doll Dareta, de 15 meses, do Canil  Bennetag’s Kennel, dos cearenses Benon Linhares e Angélica Miranda. “Ela é a primeira chihuahua do Brasil a ganhar o título de Jovem Vencedor Nacional”, comemora Angélica.

Polly 12735601_1135700056461587_75080231_nPolly tem o invejável mérito de ter sido mais de 50 vezes premiada em exposições no Brasil e no Exterior, em países como Chile e Paraguai. Já chegou ao máximo de 11 títulos, em todas as categorias como filhote, jovem e adulta. O seu currículo brilha com títulos como 1º Filhote 2015 Ranking Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC);  1º Jovem 2015 Ranking CBKC; 2º Adulto 2015 Ranking CBKC; 1ª Fêmea Adulta 2015 Ranking CBKC; Jovem Vencedor Nacional; Jovem Campeã Americas e Caribe 2015; Jovem Campeã Brasileira; Jovem Campeã Andina 2015; Jovem Campeã Chilena 2015; Jovem Campeã Paraguaia 2015; e Campeã Filhote.

Angélica aponta alguns motivos para o recorde em premiações. “Ela tem todas as características físicas e comportamentais exigidas pelo padrão da raça, além de possuir uma estrutura e movimentação que se aproxima do ideal buscado pelos criadores”, explica ela, complementando que o feito soma-se aos treinos com os Handlers Oiram Filho, do Ceará, na fase filhote; e Andrea Tofanetto, de São Paulo, na fase jovem.

Além de todos os títulos, Polly também já foi cinco vezes primeiro lugar nos Best in Show Jovem (quando escolhe-se o melhor de todas as raças do grupo), e foi mais de 15 vezes de segundo a quinto lugares em Best in Show Filhote, Jovem e Adulto.  “A todos os árbitros que vêm premiando esta linda exemplar, nosso muito obrigado e reconhecimento. Um agradecimento especial a todos que contribuíram de um modo ou de outro para esta fabulosa campanha, Andrea Tofanetto, Estúdio Nelson Reis, Areta R. Teixeira, Nilton Novaes e Oiram Filho”, afirma Angélica.

Angélica Miranda e Benon Linhares com sua criação exemplar de Chihuahuas
Angélica Miranda e Benon Linhares com sua criação exemplar de Chihuahuas

Polly é originária do Canil de outra grande criadora de Chihuahua no Brasil, Areta R. Teixeira, de São Paulo. No Ceará, aumenta o número de criadores interessados em desenvolver estes pequeninos cachorros, famosos por serem conhecidos como os menores cães do mundo.

Mais informações: Canil Bennetag’s Kennel. Fones: (85) 9 99762317 Vivo; 9 88039616 Oi; 9 91332729 Claro
benon.linhares@gmail.com

09:12 · 03.02.2016 / atualizado às 09:12 · 03.02.2016 por

Vai viajar neste feriadão? E o seu pet vai ficar com quem? Não se preocupe! Já existem em Fortaleza excelentes oportunidades de serviço em petsitter (babá de animais) ou hospedagem. Confiram duas opções maravilhosas!

Raquel Pedrosa 12576265_177005919328685_109739247_nA Raquel Pedrosa, formada em Direito, e a Carol Alencar, formada em Marketing, oferecem serviços de petsitter (babá de animais). “Para poder cuidar desses que tanto amamos, decidimos virar Pet Sitter Profissional, onde fizemos curso na área e nos especializamos no mundo pet. Assim, criamos a Pet Sitter Star, onde inicialmente atendemos ao público de Fortaleza”, explica a Raquel.

O trabalho da Pet Sitter Star consiste em cuidar dos pets quando seus pais não possuem tempo para passear ou precisam se ausentar. São três tipos de serviços:

1ª opção – DOG WALKER: O dono do pet contrata a petsitter somente para passear, quando ele não tem tempo ou não gosta de fazer isso. Pode ser quantas vezes o dono desejar, durante a semana;

2 ª opção – PET SITTER e DOG WALKER: Além do passeio, a petsitter faz visitas na própria residência do animalzinho, alimenta, troca a água, limpa o local que o pet utiliza como banheiro, penteia e brinca, para que ele sinta-se feliz, mesmo na ausência dos papais;

3º opção – TAXI PET – Quando o dono precisa levar o pet ao veterinário, pet shop, ou algum outro local, e não tem como, é feito o serviço de Taxi Pet, deixando e pegando o animal onde for preciso, e levando às consultas ou demais locais desejados.

A Raquel Pedrosa diz que atende coelhos, porco da índia, pássaros, gatos e cachorros, independente de raça ou tamanho.

Raquel Pedrosa 12647746_177010412661569_2004015079_n“Importante: Nas três opções, o dono pode receber fotos e vídeos. Independente da escolha, fazemos uma entrevista completa com o dono sobre o comportamento, manias, brincadeiras preferidas, alimentação e demais detalhes, para que ele se sinta bem e feliz. Nesta visita, se possível já o conheço. Caso necessário, antes do início do trabalho, fazemos outra visita, para que possamos ficar mais tempo com ele”, diz Raquel.

Ela também informa que para prestar este serviço, elas fizeram diversas pesquisas, viajaram para São Paulo, onde participaram de curso de especialização com um dos profissionais pioneiros no Brasil, e especializado em formação de Pet Sitter, Dog Walker e Adestramento, Flávio Tamaio. “Não somos pioneiras no Ceará, porém desconhecemos que outros profissionais se qualificaram com curso de capacitação específico”, atesta ela.

“A aceitação do serviço é excelente, inclusive, para algumas datas, não temos mais disponibilidade para atendimento. O pet fica na própria residência, sem alterar em nada sua rotina e sem estranhar o espaço ou demais animais que possam ter que vir a conviver. Como a visita é domiciliar, ele tem atenção exclusiva, e individual, respeitando sua rotina e locais preferidos”, diz Raquel.

A Pet Sitter Star é indicada pelos principais sites especialistas em cuidados de animais do Brasil, como o Agenda Pet, Pet Hub e Pet Sitters do Brasil.

Mais informações: www.petsitterstar.com.br, facebook Pet Sitter Star e Raquel Pedrosa Babá de Animais e Instagram @petsitterstar.

Especialista em Comportamento Canino, Olivier Soulier
Especialista em Comportamento Canino, Olivier Soulier

Outro serviço ótimo, desta vez para hospedagem de animais é a Escola de Adestramento Olivier Soulier (EAOS), do especialista em comportamento canino, Olivier Soulier. “A hospedagem com recreação na EAOS supre todas as necessidades ocupacionais, de atividades físicas, de socialização com os amigos e boa parte das regras de convívio que todo cachorro precisa. Sem falar da tranquilidade que proporciona aos “pais adotivos” enquanto podem curtir o carnaval sossegados. Ter a certeza que o dia a dia das suas crias caninas é divertido, equilibrado e muito bem preenchido, com brincadeiras entre os animais e atividades de condicionamentos específicas, seguindo as orientações prescritas pelo médico veterinário do animal quando for o caso”, explica Olivier.
Ele informa que a equipe de profissionais da EAOS possui uma formação especializada para dar um melhor atendimento ao cão. Cada hóspede tem o seu próprio dormitório com seus pertences, sua ração e água fresca. Os dormitórios são telados e cão protegido contra o flebótomo, o mosquito transmissor do calazar.
Na EAOS, durante o dia, o pet fica no playground em um local aberto para o lazer e um amplo espaço gramado para correr, brincar, tomar sol, se exercitar, relaxar e fazer novas amizades. “Como no caso do colégio dos nossos filhos humanos, temos todos os cuidados para evitar a transmissão de infecções durante o período de hospedagem”, diz Oliviver, e complementa “nenhum animal poderá ingressar na nossa pensão sem estar devidamente imunizado contra as principais doenças infectocontagiosas, protegido contra ectoparasitas internos e externos (carrapatos, pulgas e vermes) e todos deverão apresentar um certificado, do médico veterinário responsável, atestando do seu excelente estado de saúde. Isso tudo num espaço exclusivo e seguro, num local central, a cinco minutos dos shoppings Iguatemi e Via Sul e dez minutos do shopping Rio Mar”. A EAOS tem apoio da FCM, distribuidora de rações.

Mais informações: falar com a Kelly, secretária da EAOS: (85)30213441/ 986994492/ 999085782/ 991084492 – HORÁRIOS COMERCIAIS.

11:21 · 22.01.2016 / atualizado às 11:25 · 22.01.2016 por

Pela primeira vez no Ceará, o juiz especializado em Agility Show, Aurélio Schubert, ministra, neste fim de semana (dias 23 e 24), curso sobre este esporte, na Escola de Adestramento Olivier Soulier (EAOS), em Fortaleza.

Agility 12571418_1266260166721266_2137681255_nO evento é destinado a todos os criadores de cães interessados. Eles poderão participar com ou sem os animais. Organizado pelo especialista em comportamento canino, Olivier Soulier, e pela médica e criadora da raça Border Collie, Rita Moura, o curso objetiva capacitar os condutores e seus cães, com a meta de, posteriormente, formar uma equipe cearense de competidores.

O Agility é um esporte onde o cão é treinado para correr ultrapassando obstáculos, sob o comando de seu condutor. Muitos pensam que este esporte destina-se mais para raças como Border Collie, Labrador ou Golden Retriever. Mas não. Segundo explica Olivier, todas as raças podem praticar a corrida com obstáculos. Inclusive os cães de pequeno porte como Yorkshire e Chihuahua.

As exigências para participar são: o cão deve estar saudável, com vacinação e controle de pulgas e carrapatos em dia. Também deve ter uma socialização mínima. Cães agressivos e sem controle do condutor não podem participar (eles precisam primeiro passar por adestramento de obediência).

Especialista em Comportamento Canino, Olivier Soulier
Especialista em Comportamento Canino, Olivier Soulier

“O curso é uma excelente oportunidade para conhecer o Agility de “A a Z”. O que é, como funciona, se tem condição de participar, de treinar ou até competir com o seu xodó, quais os benefícios, entre outras informações serão passadas durante o curso teórico e prático”, afirma Olivier.

Ele diz que os benefícios são inúmeros para a saúde do cão e do condutor. Viabiliza a educação, a socialização e equilíbrio psicológico do cão, fortalecendo o vínculo entre a dupla. Além de garantir o bem-estar para ambos. O método segue o reforço positivo no ensino/aprendizagem.

Médica e praticante de Agility Show, Rita Moura, também criadora de Border Collie
Médica e praticante de Agility Show, Rita Moura, também criadora de Border Collie

Rita Moura diz que já pratica o esporte com seus cães. Mas tem interesse em divulgar o Agility no Estado para aumentar o número de praticantes. A meta é que o Estado tenha uma equipe de competidores.

O juiz Aurélio Schubert tem vários títulos nacionais e internacionais, entre eles, o de 3° lugar no Mundial de Agility Show realizado na Noruega em 2007, juntamente com a equipe Midi do Brasil; é instrutor da famosa Amigo Cão, a maior escola de Agility Show do Rio Grande do Sul.

O curso tem apoio do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC) e da FCM Distribuidora.

Mais informações: Escola de Adestramento Olivier Soulier, (85) 3021.3441/ 9 9908.5782/ 9 86994492.