Busca

Tag: Pastor Alemão


21:25 · 28.05.2018 / atualizado às 21:25 · 28.05.2018 por

Dez ONGs de proteção animal do Ceará recebem apoio durante o grande evento cinófilo Américas e Caribe 2018, que acontece de 31 de maio a 3 de junho no Centro de Eventos do Ceará. São duas iniciativas: uma da Prefeitura de Fortaleza e sua Coordenadoria de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa); outra do Kennel Clube do Estado do Ceará, juntamente com seis fotógrafos especializados em cães. As ONGs beneficiadas são Abrace, Deixa Viver, Abrigo do Duda, São Lázaro, Abrigo da Estela, Novelo de Lã, Upac, Lar Tintin, GPA e Manda Chuva.

Em cada dia do evento, as ONGs se revezarão no estande oficial da Prefeitura/Coepa, divulgando seus trabalhos e realizando bazar com renda revertida para as atividades de proteção animal de cada entidade (confira cartaz ao lado). A coordenadora da Coepa, Toinha Rocha,  destaca a responsabilidade social na parceria. “Nossa parceria com as ONGs no evento internacional foi, principalmente, para dar visibilidade ao trabalho que essas instituições fazem na defesa e proteção animal. Mostrar que aqueles que criam cães de raças também podem se sensibilizar com os animais sem raça definida que estão, na sua grande maioria, sofrendo, passando fome, sede, calor e sem afeto. Um evento dessa grandiosidade tem que ter seu papel social. A Prefeitura de Fortaleza vai dividir com as ONGs seu espaço para que as mesmas mostrem seu trabalho, conquistem padrinhos e possam vender seus produtos. É a responsabilidade social do evento”.

A presidente da Abrace, Cristiane Angélica, também comemora. “Esse apoio dado pela Prefeitura de Fortaleza às ONGs, através da Coepa, e do Kennel Clube do Ceará e fotógrafos no evento internacional Américas e Caribe, é uma grande vitória para a proteção animal no nosso Estado, e porque não dizer, em nosso País. Por ser um evento de grande projeção, coloca ONGs e protetores ao lado de grandes expositores, abrindo portas para que os animais carentes tenham oportunidade de serem vistos de uma maneira digna. É importante que a proteção animal desperte a compaixão e a atitude das pessoas, e não apenas a piedade. Dessa forma, poderemos dar as mãos e aliar forças em prol do bem-estar animal, trazendo benefícios de forma duradoura e coerente, alinhada ao nosso projeto maior que é lutar em favor dos animais, contra o abandono e os maus-tratos. É a razão e o coração imbuídos de um propósito maior: o amor aos animais“.

Fotografias de arte

Outra iniciativa de grande impacto nesse apoio é a exposição de fotografias de arte, tendo os cães como tema, na autoria dos fotógrafos Nilton Novaes, Bibbo Camargo, Bruno Santana, Johnny Duarte, João Alexandre e Edmilson Reis. São 40 quadros que ficam em exposição durante os quatro dias de evento, disponíveis à venda, com renda revertida para os trabalhos das dez ONGs participantes da programação. Cada imagem configura verdadeira obra de arte em forma de fotografia. Confira a seguir uma pequena mostra, de encher os olhos!

Fotografia de Nilton Novaes

Fotografia de Bibbo Camargo

Fotografia de Bruno Santana

Fotografia de Johnny Duarte

Fotografia de João Alexandre

Fotografia de Edmilson Reis

A Exposição Américas e Caribe 2018  é promovida pela Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), presidida por Sérgio de Castro, e Federação Cinológica Internacional (FCI), que tem Rafael De Santiago como presidente, com apoio logístico do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), tendo na presidência Roberto Bezerra. A Américas e Caribe, presidida por José Luiz Payró, é uma das Seções da FCI.

MAIS INFORMAÇÕES: Exposição Américas e Caribe 2018, de 31 de maio a 3 de junho, a partir das 9h, no Centro de Eventos do Ceará. Entrada gratuita.

12:42 · 27.05.2018 / atualizado às 12:42 · 27.05.2018 por

Tudo pronto para o grande evento cinófilo Américas e Caribe 2018, de 31 de maio a 3 de junho no Centro de Eventos do Ceará. Estão inscritos 1.235 cães de cerca de 100 raças, vindos de diversos países do mundo. Handlers, criadores e cães já começam chegar a Fortaleza. A Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), que promove o evento, com apoio logístico do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), divulgou comunicado confirmando a realização do evento dentro da normalidade, e confiando em solução breve para a paralisação dos caminhoneiros. As exposições têm entrada gratuita.

O grande evento cinófilo é promovido pela Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), presidida por Sérgio de Castro, e Federação Cinológica Internacional (FCI), que tem Rafael De Santiago como presidente, com apoio logístico do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), tendo na presidência Roberto Bezerra. A Américas e Caribe, presidida por José Luiz Payró, é uma das Seções da FCI.

O vice-presidente do KCEC, Luiz Eduardo Matos Mendes, diz que os participantes da exposição já se hospedam em hotéis e canis da cidade. Na próxima quarta-feira, 30, serão abertos os acampamentos no Centro de Eventos do Ceará. As exposições acontecem em oito pistas simultâneas, e 41 juízes de diversos países fazem a avaliação dos cães.

O evento conta com patrocínio e apoio da Royal Canin, Prefeitura de Fortaleza, Dra. Myrza Melo, Mundo Pet, Honda Nova Luz, Hiseg Soluções Tecnológicas e Gestart Condomínios.

Confira a programação das Exposições no Centro de Eventos do Ceará, com entrada gratuita:

30/05/2018 (Quarta-feira): Abertura dos acampamentos e credenciamento.
31/05/2018 (Quinta-feira): Exposições especializadas e nacionais de raça, assembleia de delegados da seccional e congresso de juízes.
01/06/2018 (Sexta-feira): Abertura oficial do evento, exposição geral CBKC.
02/06/2018 (Sábado): Exposição geral comemorativa ao aniversário da CBKC.
03/06/2018 (Domingo): Exposição das Américas y el Caribe.

No dia 31, acontecem as Exposições Especializadas. Confira algumas pistas (veja a programação completa no site do evento):

No dia 01 de junho, após a Abertura Oficial do evento, acontece a Exposição Geral. Veja algumas pistas:

No dia 02 de junho, a Exposição Geral marca o aniversário da CBKC. Confira algumas pistas:

No dia 03 de junho, será a vez da Exposição da Seção Américas e Caribe, da FCI. Veja algumas pistas:

 

Mais informações: Exposição Américas e Caribe. FCI/CBKC/KCEC

12:42 · 01.05.2018 / atualizado às 12:42 · 01.05.2018 por

Contagem regressiva meesmoo! As inscrições de cães para o grande evento cinófilo Américas e Caribe 2018 terminam sexta-feira, dia 4. O evento acontecerá de 31 de maio a 3 de junho no Centro de Eventos do Ceará, com mais de 1.000 cães de 100 raças em média.

O grande evento cinófilo é promovido pela Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), presidida por Sérgio de Castro, e Federação Cinológica Internacional (FCI), que tem Rafael De Santiago como presidente, com apoio logístico do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), tendo na presidência Roberto Bezerra. A Américas e Caribe, presidida por José Luiz Payró, é uma das Seccionais da FCI.

O presidente da CBKC, Sérgio de Castro, foi o grande responsável pela decisão de trazer para Fortaleza a Américas e Caribe 2018. E, de acordo com o vice-presidente da CBKC, Fábio Amorim, a Capital cearense foi escolhida para sediar o evento porque possui instalações e logística adequadas. “Além do fato de o KCEC estar realizando exposições caninas com excelente número de cães e elevado profissionalismo há bastante tempo”, destaca ele.

Segundo adianta o vice-presidente do KCEC, Luiz Eduardo Matos Mendes, a programação do evento traz muitas novidades. Já contará com as mudanças de acordo com o novo Regulamento de Exposições da CBKC, uma forma de adequação ao modelo da FCI. E terá, entre outras inovações, a competição em Classes Opcionais (Parelhas ou Duplas; Grupo de Criação; Progênie).

A terceira edição da Revista Bem-Estar Animal, do Diário do Nordeste, a ser lançada durante o grande evento cinófilo, trará reportagens especiais sobre o evento, com entrevistas exclusivas com as presidências da FCI, CBKC, Américas e Caribe e KCEC. Também apresenta todas as novidades da programação.

Luiz Eduardo garante que o público conferirá ampla programação de desfiles de cães, em pistas gerais e especializadas de raças; apresentações de adestramentos nas modalidades Dog Show (Border Collie) e Segurança (Pastores Alemão e Belga de Malinois) nos intervalos das competições, além de  contar com uma completa infraestrutura de arquibancadas com 600 lugares; área para acampamento dos handlers e cães; três praças de alimentação; atendimento veterinário de urgência 24h para os cães participantes; e muito mais. Tudo isso em ambiente climatizado 24h.

Os criadores e proprietários de cães terão seus animais avaliados por um quadro de árbitros da FCI, de alta excelência, oriundos de países como Estados Unidos, Suíça, China, Bulgária, México,  Argentina, Costa Rica, Peru, Uruguai, Chile, entre outros.

Podem participar cães com pedigree, a partir de 4 meses e um dia de idade. Cerca de 12 raças já confirmaram presença para as Exposições Especializadas: Akita, Australian Cattle Dog, Boxer, Buldogue Campeiro, Buldogue Francês, Chihuahua, Dálmata, Fila Brasileiro, Mastiff, Pastor Alemão, Rottweiler, Spitz Alemão e Staffordshire Bull Terrier.

Entre as novidades da programação, será o anúncio da criação do Conselho Brasileiro da Raça Chihuahua (CBRC), oficializado recentemente pela CBKC, tendo como presidente a criadora e juíza cinófila, Paloma Pegorer, e na vice-presidência o criador e diretor do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), Benon Linhares.

A Confederação Brasileira de Cinofilia está priorizando a criação de Conselhos de Raças no País. Recentemente também instituiu a Coordenadoria dos Conselhos de Raças, que tem como titular o árbitro e presidente do Doberman Clube de São Paulo, Renato Almada.

Com todas essas novidades, é impossível ficar fora deste grande evento. E se você quer apresentar o seu próprio cão durante as exposições, o Kennel Clube do Ceará promoverá nova edição do Curso Básico para Apresentação de Cães, com certificado do KCEC. Será nesse fim de semana, dias 5 e 6, ministrado pelos handlers Pablo Henrique e Oiram Filho. A aula teórica acontecerá na Universidade Paulista (Unip), na Av. Treze de Maio, 389, no sábado, 5; ficando a parte prática para o domingo, 6, no Hotel Dog Fortaleza, bairro Lagoa Redonda.

Então é correr para as inscrições do Curso e das Américas e Caribe!

MAIS INFORMAÇÕES: Exposições Américas e Caribe (Inscrições no site). Curso Básico para Apresentação de Cães, KCEC 3265.5040. contato@kcec.com.br

 

MAIS INFORMAÇÕES:

12:12 · 29.01.2018 / atualizado às 12:12 · 29.01.2018 por

 

Vice-presidente do Kennel Clube do Ceará, Luiz Eduardo Matos Mendes, falará sobre as principais mudanças nas exposições de cães. FOTO: Nilton Novaes

O Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC) promoverá nesta quinta-feira, 1º de fevereiro, a palestra “Novo Regulamento de Exposições: Principais mudanças”, a ser proferida pelo vice-presidente da entidade, Luiz Eduardo Matos Mendes, também juiz cinófilo. A palestra é destinada a expositores e handlers, e demais interessados no tema. Está marcada para as 19h na Universidade Paulista (Unip), da Av. Treze de Maio.

“Nós, árbitros, tivemos essa palestra com o Conselho de Árbitros da Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC) e na palestra vou repassar os principais pontos para nossos expositores”, explica Luiz Eduardo.

A palestra já entra na contagem regressiva para a Exposição das Américas e Caribe, que acontecerá em Fortaleza, de 31 de maio a 3 de junho, no Centro de Eventos do Ceará. Trata-se de um dos maiores eventos da cinofilia mundial, que após 15 anos volta a se realizar no Brasil. Está prevista a participação de mais de mil cães de 100 raças em média. Serão 8 pistas simultâneas de julgamento, 27 exposições especializadas de raças, 41 juízes convidados e uma estimativa de público de 15 mil pessoas nos quatro dias de evento.

Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), presidida por Sérgio de Castro, a Federação Cinológica Internacional (FCI), que tem Rafael de Santiago como presidente, e a Seção Américas e Caribe da FCI, com José Luiz Payro na presidência, realizam as exposições, com apoio logístico do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), presidido por Roberto Bezerra.

As inscrições para os cães participantes estão previstas para começar também nesta quinta-feira.

Em março, está programada uma Exposição Especializada da Raça Rottweiler, no Campo da Unifor, com o árbitro Pablo Piazza (Argentina). O evento será uma prévia da programação oficial das Américas e Caribe, em maio/junho, como forma de testar o local para raças como Rottweiler e Pastor Alemão.

MAIS INFORMAÇÕES: Palestra “Novo Regulamento de Exposições: Principais mudanças”, com o vice-presidente do KCEC, Luiz Eduardo Matos Mendes. Quinta-feira, 1º de fevereiro, 19h, na Unip, Av. Treze de Maio, 389. Aberta ao público.

 

14:09 · 19.01.2018 / atualizado às 14:24 · 19.01.2018 por

Atenção cinófilos e apaixonados por cães!! A partir de 1º de fevereiro começam as inscrições pelo Kennel Clube do Estado do Ceará para o grande evento internacional Américas e Caribe, que acontecerá em Fortaleza de 31 de maio a 3 de junho, no Centro de Eventos do Ceará. A programação geral já pode ser conferida no site do evento.

A Exposição das Américas e Caribe é um dos maiores eventos da cinofilia mundial, que após 15 anos volta a se realizar no Brasil. Está prevista a participação de mais de mil cães de 100 raças em média. Serão 8 pistas simultâneas de julgamento, 27 exposições especializadas de raças, 41 juízes convidados e uma estimativa de público de 15 mil pessoas nos quatro dias de evento.

A Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), presidida por Sérgio de Castro, a Federação Cinológica Internacional (FCI), que tem Rafael de Santiago como presidente, e a Seção Américas e Caribe da FCI, com José Luiz Payro na presidência, realizam as exposições, com apoio logístico do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), presidido por Roberto Bezerra.

O vice-presidente do KCEC, Luiz Eduardo Matos Mendes, explica que as principais mudanças no regulamento da CBKC já são válidas para todas as exposições a partir deste ano são: Machos entram antes das fêmeas; volta da Classe Inicial; Filhote e Jovem tiram grupo antes do BIS; Filhote não pode mas ganhar a raça; Jovem agora é até 18 meses (antes era até 15 meses); e criação da Classe Intermédia (que vai de 15 a 24 meses).

Entre as pistas especializadas, estão das raças Akita, American Staffordshire, Basenji, Boxer, Buldogue Francês, Buldogue Campeiro, Chihuahua, Dálmata, Dogue Alemão, Golden Retriever, Pastor Alemão, Pug, Schnauzer Miniatura, Spitz Alemão Anão e Staffordshire Bull Terrier. Cinco raças das Especializadas são chanceladas por seus Conselhos na CBKC. São elas: Australian Cattle Dog, Dachshund, Fila Brasileiro, Rottweiler e Terrier Brasileiro.

Juízes de diferentes países da Ásia, Europa e das Américas foram convidados. Entre eles Barbara Muller (Suíça), David Miller (EUA), Denis Kuzelj (Bulgária), Franki Leung (China), Augusto Benedicto Santes (Filipinas), Gopi Krishnan (Malásia), Ilaria Ciabati (Peru), José Luis Payro (México), Miguel Angel Martinez (Argentina), Eugenio Aguiló (Chile) e os brasileiros Sergio de Castro, Jayme Martinelli, Clarice Oliveira e Gutenberg Soares.

Sobre as inscrições, Luiz Eduardo informa que o KCEC está desenvolvendo um sistema em separado que será acessado por meio do site do evento. “Começará em fevereiro. Vale lembrar que até o dia 4 de abril, a inscrição tem preço menor. Outra coisa importante é a data de encerramento, 4 de maio. Portanto, quatro semanas antes do evento”, ressalta ele.

A Exposição Américas e Caribe tem a Royal Canin como patrocinadora oficial, e a Prefeitura de Fortaleza e Honda Cidade Luz como apoiadores. Outros patrocínios serão divulgados brevemente.

A segunda edição da Revista Bem-Estar Animal, do Diário do Nordeste, já trouxe reportagem especial no ano passado sobre o evento. A terceira Revista será uma edição especial com os principais cinófilos, para circulação dentro do evento.

A infraestrutura do evento contará com 1.200m² de áreas de competição, 350m² de arquibancadas, duas áreas de alimentação, uma praça de convivência, ambulância, brigadistas, seguranças, entre outros equipamentos de infraestrutura, como o ambulatório veterinário, sob responsabilidade do Dr. Daniel Couto Uchoa, que funcionará 24 horas.

Uma novidade realizada pelo KCEC são as aulas gratuitas com os handlers Oiram Filho, Cláudio Cruz e Pablo Henrique, para os proprietários interessados em apresentar os próprios cães nas exposições.

“As aulas gratuitas são uma iniciativa do Kennel com apoio dos handlers. Queremos potencializar a participação dos cães, pois se os proprietários apresentarem também aumenta a possibilidade de participação. Além do que os handlers têm um limite de número de cães que conseguem apresentar”, explica Luiz Eduardo. A primeira aula será no dia 28 de janero, 17h, na Praça da OAB, para todos os Bulls (Inglês, Francês, Campeiro etc).

MAIS INFORMAÇÕES: Exposição Américas e Caribe, de 31 de maio a 3 de junho, Centro de Eventos do Ceará. contato@kcec.com.br / Aberto ao público.

 

 

 

 

americasyelcaribe2018.com.br

12:21 · 09.06.2017 / atualizado às 12:21 · 09.06.2017 por

O Diário do Nordeste publica toda semana esta seção Dr. Disciplina. Os consultores caninos Jackson Maciel e  Henrique Silva, a cada quinzena, se revezam tirando dúvidas sobre o comportamento de cães.

Tira-dúvida #12: Pastor Alemão medroso!  O que fazer?

Hoje vamos responder a pergunta de Matheus Henrique. “Eu tenho uma cadela da raça Pastor Alemão. Ela é muito medrosa! O que eu posso fazer para ela perder esse medo?”

Dr. Disciplina, Henrique Silva: “Vamos lá, respondendo à pergunta do Matheus. Em primeiro lugar, o que ele deve fazer é não forçá-la a ter contato com ele. Deixar ela vir naturalmente para ele. E para isso ele pode treinar utilizando o alimento (ração ou petiscos). Quando ela sentir fome, o alimento deve estar com ele, de forma que a Pastora vá até ele para comer. Ele vai ganhar a confiança dela devagarinho, colocando a ração (ou petisco) no chão de forma a atraí-la para ele. Quando esta confiança for conquistada, já poderá partir para outros treinamentos. Por exemplo: passear com ela na rua, evitando lugares muito movimentados. Assim, o Matheus vai conquistar mais a confiança dela. A partir de mais essa nova confiança conquistada, ele poderá partir para passear com ela em locais mais movimentados. O que ele pode fazer é sempre alimentá-la na rua. Com isso, ela vai gostar de ir para ambientes externos. Daí sempre quando ela forma se alimentar, será em locais diferentes. Assim, ela vai associar a rua como algo agradável. Tudo isso estará fortalecendo o vínculo entre o Matheus e sua Pastora. Isso vai dar mais confiança a ela e ele poderá andar com ela em mais locais diferentes. Outra dica importante: levá-la para escolinhas de cães, que tem o day care, onde ela poderá brincar solta com outros cães. Também ter contato com pessoas diferentes, além dele. A meta é deixá-la se soltar da forma mais natural possível, no ritmo dela. Uma coisa a observar é evitar cães com temperamento forte perto dela. Por que isso? Porque vai reforçar nela o temperamento submisso, e não é essa a nossa meta. O treino deve ser para ela se soltar, ganhar confiança como Pastor Alemão. O cão com temperamento forte sempre vai deixá-la mais assustada, mais medrosa. Então ela deve estar entre cães tranquilos, com temperamento mais equilibrado. Outra coisa a destacar, a alimentação também pode ser feita com petiscos variados. Então quando chegar uma pessoa diferente em casa, é bom ter petiscos em mãos, para motivá-la a se comportar com confiança. A pessoa pode dar para ela. Não precisa colocar na boca dela, basta jogar no chão e esperar ela vir buscar. Esses exercícios vão fazer com que ela melhore muito o comportamento medroso. E para um trabalho mais eficiente, o Matheus pode buscar o trabalho de um profissional especializado em comportamento canino. Boa sorte!”

O que é o Dr. Disciplina?

A seção conta com a participação dos consultores em comportamento canino Jackson Maciel  e sua esposa Kátia Saraiva, sócios no trabalho de adestramento de cães e proprietários do Casa Hotel (pet service e hospedagem); e também de Henrique Silva, da Adestramento e Comportamento Edukdog. Toda segunda-feira, eles dão dicas e recomendações sobre o que fazer com cães com distúrbios de comportamentos, tais como:

  • latidos excessivos;
  • ataques caninos a móveis, calçados, roupas e demais objetos em casa;
  • ciúme ou possessividade em relação a algum membro da família, brinquedos, alimento ou móveis da casa;
  • auto-mutilação, lambendo patas ou mordendo a cauda até ferir;
  • mesmo sendo cães de companhia, se comportam como se fossem cães de guarda, atacando visitas;
  • entre outros distúrbios que comprometem uma convivência pacífica com a família
Henrique Silva, da Adestramento e Comportamento Edukdog

Vale destacar que as dicas são orientações gerais. Para casos mais graves de distúrbios de comportamento, tais como agressividade extrema, o correto é contratar um profissional especializado para um trabalho semanal ou, até mesmo, diário. Boa sorte!

TEM SUGESTÃO PARA ALGUM TEMA? OU DÚVIDA? Se você tem alguma dúvida sobre o comportamento canino, envie pergunta para este blog nos comentários ou ainda pelo WhatsApp (85) 9 9996.9946.

14:52 · 01.12.2016 / atualizado às 14:57 · 01.12.2016 por

KCEC15107461_1262124857187053_1150702325510104667_nNeste fim de semana, dias 3 e 4,  tem 3º Festival de Cães 2016 do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), com entrada gratuita no Siará Hall, a partir das 9 horas. O vice-presidente do KCEC, Luiz Eduardo Matos Mendes, informa que estão inscritos 367 cães de 70 raças. Maior participação de Buldogue Francês (37), Golden Retriever (33) e Pastor Alemão (23).

“A nossa expectativa é de mais um grande evento cinófilo,para toda a família fortalezense. Para isso foi preparado um ambiente climatizado , com vários stands com tudo para a os pets, restaurante, enfim, um evento adequado e animado para quem gosta de cães”, comemora Luiz Eduardo, também juiz cinófilo.

Pastor Alemão está entre as raças com maior participação. "Blue" do Canil Cidade Luz, com Henrique Silva e Alex Júlio. Foto: Nilton Novaes
Pastor Alemão está entre as raças com maior participação. “Blue” do Canil Cidade Luz, com Henrique Silva e Alex Júlio. Foto: Nilton Novaes

Uma curiosidade desta exposição é a participação de dois cães da raça Terrier Alemão de Caça (Jagd), segundo aponta o vice-presidente do KCEC.

A Revista Bem-Estar Animal, do Diário do Nordeste, estará no evento, prestigiando este grande festival cinófilo.

Nas exposições, os cães são avaliados em estrutura e beleza. Kennedy Pim, com cão Schnauzer do Borgo Fortezza, está entre os handlers presentes no Festival. Foto: Daniel Borgo Fortezza
Nas exposições, os cães são avaliados em estrutura e beleza. Kennedy Pim, com cão Schnauzer do Borgo Fortezza, está entre os handlers presentes no Festival. Foto: Daniel Borgo Fortezza

Para julgar os cães em pista, foram convidados os juízes David Miller (EUA), Mukul Vaid (Índia), Ilária Bionde de Ciabatti (Peru), Fernando Madeira Rodrigues (Portugal) e Gabriel Valdez (Colômbia). José Alberto Brás Thiers (Brasil) é o árbitro reserva do festival, que tem como superintendente Rafael Mendonça Bezerra Moreno, e como médica veterinária Juliana Furtado Lima Verde.

No sábado, 3, a partir das 8 horas, acontecem as exposições especializadas das raças Buldogue Francês, Buldogue Inglês e Pug. No mesmo dia, a partir das 11 horas, começam as exposições gerais de alguns grupos de raças caninas (grupos 2, 4, 6, 7, 10 e 11). O evento prossegue no domingo, 4, a partir das 9 horas, com as exposições gerais (grupos 1,3,5,8 e 9), e finais (filhote, jovem e adulto).

Aumenta a participação de criadores que apresentam os próprios cães, como Ed Laranjeira, especializado na raça Spitz Alemão (Lulu da Pomerânia). Foto: Arquivo pessoal
Aumenta a participação de criadores que apresentam os próprios cães, como Ed Laranjeira, especializado na raça Spitz Alemão (Lulu da Pomerânia). Foto: Arquivo pessoal

MAIS INFORMAÇÕES: 3º Festival de Cães KCEC 2016, sábado, 3, e domingo, 4, Siará Hall, Av. Washington Soares, 3199, Bairro Edson Queiroz, Fortaleza (CE), a partir das 9 horas. Entrada gratuita

 

11:20 · 24.11.2016 / atualizado às 11:33 · 24.11.2016 por
19:58 · 23.04.2016 / atualizado às 19:58 · 23.04.2016 por

blog 4 12963739_1166450780033868_1603723044657968557_nO Ceará está entre os Estados brasileiros que mais importam cães da raça Pastor Alemão, com exemplares vindos diretamente de seu País de origem, a Alemanha. No Norte/Nordeste, ocupa a primeira posição. São cães de alta linhagem que podem ser apreciados neste domingo, 24, durante as competições do Campeonato Brasileiro 2016 – 126ª Exposição de Estrutura e Criação de Cães Pastores Alemães, com entrada gratuita no Parque Adahil Barreto. O evento é promovido pela Sociedade Cearense de Criadores de Cães Pastores Alemães (SCCCPA) e pela Sociedade Brasileira de Cães Pastores Alemães (SBCPA) e conta com 87 cães em pista.

Cães de todo o País e do Exterior estarão no evento. Na foto, Milton Malheiros e "Marlon" do Rosas de Ouro
Cães de todo o País e do Exterior estarão no evento. Na foto, Milton Malheiros e “Marlon” do Rosas de Ouro

“Contamos com cães de diversos Estados brasileiros, bem como vários animais importados de grandes centros pastoreiros como Alemanha, Itália e Argentina”, afirma o presidente da SCCCPA, Alex Júlio Lima de Oliveira. Parte da programação já começou no sábado, 23, quando houve pela manhã a seleção de animais para reprodução. Dos dez cães avaliados pelo juiz Milton Malheiros, oito foram aprovados. Eles são analisados nos quesitos estrutura, temperamento e adestramento, com aprovação para serem reprodutores no próprio plantel e entre os canis interessados.

"Quantum Muhramel" de Emídio Viana e João Batista - Foto: Nilton Novaes
“Quantum Muhramel” de Emídio Viana e João Batista – Foto: Nilton Novaes

Também presente no evento o presidente da SBCPA, José Walter Santos Ferro. Ele é criador da raça há 45 anos (Canil Hirten Der Nacht) e é fundador da Sociedade Fluminense de Cães Pastores Alemães. Segundo explica, podem participar das provas de seleção cães com mínimo de 18 meses. Eles devem atender dois pré-requisitos: Raio X A (isenção de displasia coxofemoral) no pedigree; e prova de adestramento mínimo CAB (Cão com Adestramento Básico). Nesta prova, são observadas a obediência e a coragem do animal. Após cumpridas essas exigências, o cão é avaliado em anatomia e movimentação.

"F Sheik", do Canil Casa de Lucca, que é conduzido pelo handler Mauro Studart
“F Sheik”, do Canil Casa de Lucca, que é conduzido pelo handler Mauro Studart

“O Ceará é hoje no Norte/Nordeste o maior importador de cães diretamente da Alemanha e sob orientação do juiz especializado e criador, Milton Malheiros. Com seleção rigorosa na origem e linhas de sangue, o Ceará caminha junto com a Alemanha”, destaca Walter Santos.

Uma das principais criadoras do Ceará é Tereza Cristina Cirino, do Canil Cidade Luz. Ela participa do Campeonato com 12 cães, entre machos e fêmeas. Afirma que se dedica à raça desde a infância, quando herdou o amor pelos Pastores Alemães do pai, Paulo Cirino, um grande criador do Estado, com o então Canil Sapupara. O handler e responsável pela venda do plantel, Henrique Silva, destaca que o Cidade Luz está entre os primeiros do Norte/Nordeste. Na recente exposição do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), a cadela Blue do Cidade Luz ficou em 5º lugar no Best in Show de todas as raças.

Caio Pessoa e "Champ" estão entre os participantes das provas no Parque Adahil Barreto
Caio Pessoa e “Champ” estão entre os participantes das provas no Parque Adahil Barreto

O evento conta com a participação dos árbitros Walter Santos Ferro (que avaliará os cães machos); Paulo Roberto Simplício (Fêmeas); Wilson Roberto Protásio de Lima (Grupos de Canil e de Protgênie); e Milton Pinto Malheiros Neto (Seleção).

Como figurantes, participam das provas Átila Rodrigues de Oliveira, Gerdivan Rodrigues Pessoa, João Paulo Menezes e Laelson Souza.

Nas provas de seleção, o cão é avaliado em estrutura, temperamento e adestramento, com a participação de figurantes como Átila Rodrigues
Nas provas de seleção, o cão é avaliado em estrutura, temperamento e adestramento, com a participação de figurantes como Átila Rodrigues

O evento tem patrocínio da Magnus Rações, Atraente Móveis Planejados e Canil Cidade Luz, com apoio do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), Singular Administrações de Condomínios e Canil Ceará Terra da Luz.

Nas provas deste domingo, os cães são avaliados em conformação e temperamento, segundo explica Alex Júlio. “Do Campeonato Brasileiro, só podem concorrer cães nascidos no Brasil”, diz ele.

Mais Informações: Sociedade Cearense de Criadores de Cães Pastores Alemães (SCCCPA), presidente Alex Júlio – (85) 9 9617.7766/ 9 8916.4161 – Parque Adahil Barreto – Rua Major Virgílio Borba, nº 50, Bairro Cocó, Fortaleza (CE).

10:14 · 21.04.2016 / atualizado às 10:14 · 21.04.2016 por
Cães de todo o País e do Exterior estarão no evento. Na foto, Milton Malheiros e "Marlon" do Rosas de Ouro
Cães de todo o País e do Exterior estarão no evento. Na foto, Milton Malheiros e “Marlon” do Rosas de Ouro

Em Fortaleza, o fim de semana será espetacular para quem gosta de cães, especialmente Pastor Alemão! Já está tudo pronto para realização do Campeonato Brasileiro 2016 – 126º Exposição de Estrutura e Criação de Cães Pastores Alemães, que acontece no sábado, 23, e domingo, 24, no Parque Adahil Barreto, local-sede da Sociedade Cearense de Criadores de Cães Pastores Alemães (SCCCPA), entidade promotora do evento, juntamente com a Sociedade Brasileira de Cães Pastores Alemães (SBCPA). O presidente da SCCCPA, Alex Júlio Lima de Oliveira, avisa que “o tapete verde já está em condições de receber os astros caninos”. O Campeonato é aberto ao público.

blog 4 12963739_1166450780033868_1603723044657968557_nAlex Júlio destaca que cerca de 80 cães, divididos em 14 categorias (conforme a idade e o sexo), devem participar das provas. “Contaremos com cães de diversos Estados brasileiros, bem como vários animais importados de grandes centros pastoreiros como Alemanha, Itália e Argentina”, afirma o presidente da SCCCPA.

Caio Pessoa e "Champ" estão entre os participantes das provas no Parque Adahil Barreto
Caio Pessoa e “Champ” estão entre os participantes das provas

No sábado, 23, de 10h ao meio-dia, haverá somente seleção de animais para reprodução. Esta parte da programação é de grande interesse dos criadores.

No domingo, 24, acontecem a exposição e o Campeonato Brasileiro 2016. Belíssimos Pastores Alemães estarão em campo.

O tapete verde do Parque Adahil Barreto já está pronto para receber os astros caninos
O tapete verde do Parque Adahil Barreto já está pronto para receber os astros caninos

O evento conta com a participação dos árbitros Walter Santos Ferro (que avaliará os cães machos); Paulo Roberto Simplício (Fêmeas); Wilson Roberto Protásio de Lima (Grupos de Canil e de Protgênie); e Milton Pinto Malheiros Neto (Seleção).

Como figurantes, participam das provas Átila Rodrigues de Oliveira, Gerdivan Rodrigues Pessoa, João Paulo Menezes e Laelson Souza.

O evento conta com patrocínio da Magnus Rações, Atraente Móveis Planejados e Canil Cidade Luz. Tem apoio do Kennel Clube do Estado do Ceará (KCEC), Singular Administrações de Condomínios e Canil Ceará Terra da Luz.

Mais Informações: Sociedade Cearense de Criadores de Cães Pastores Alemães (SCCCPA), presidente Alex Júlio – (85) 9 9617.7766/ 9 8916.4161 – Parque Adahil Barreto – Rua Major Virgílio Borba, nº 50, Bairro Cocó, Fortaleza (CE).