Blog de Cinema

Busca


RANKING EUA/2014 – FROZEN volta à liderança

Publicado em 05/01/2014 - 22:16 por | Comentar

Categorias: Geral

  • Enviar para o Kindle

Animação da Disney mostrou que ainda não perdeu o fôlego e reassumiu o topo das bilheterias na América do Norte. Por sua vez, o terror Atividade Paranormal: Marcados pelo Mal deixou claro que a franquia de horror não tem mais a mesma força de antes, mas continua lucrativa 

Banner internacional de FROZEN: UMA AVENTURA CONGELANTE

Banner internacional de FROZEN: UMA AVENTURA CONGELANTE

Diferente do que aconteceu nos últimos dois anos, o primeiro ranking das bilheterias norte-americanas de 2014 não teve como campeão um filme de terror. Em cartaz nas telonas locais há mais de um mês, a divertida animação Frozen: Uma Aventura Congelante colocou um fim nessa tradição ao gelar a concorrência e assegurar o título de primeira líder de arrecadação do ano com elogiáveis US$ 20,72 milhões, quantia que representa uma queda de apenas 27% em relação à semana passada e que elevou o total acumulado da produção para empolgantes US$ 297,83 milhões. É extremamente raro um filme liderar as bilheterias no seu sétimo final de semana, sendo este um feito realizado por longas como Avatar e, voltando um pouco mais no passado, Lendas da Paixão. Mas é ainda mais raro um filme retornar ao topo dos mais rentáveis tanto tempo após sua estreia, escreveu ao site ABC News o analista Jake Coyle sobre a performance de Frozen que, por sinal, detém atualmente o posto de segunda maior bilheteria da Disney Animation, ficando atrás apenas de O Rei Leão (US$ 422,78 milhões).

Banner internacional de ATIVIDADE PARANORMAL: MARCADOS PELO MAL.

Banner internacional de ATIVIDADE PARANORMAL: MARCADOS PELO MAL

Abaixo de Frozen aparece o único lançamento de porte da semana, o terror Atividade Paranormal: Marcados pelo Mal (Paranormal Activity: The Marked Ones) que, apontado como o favorito à liderança do ranking, acabou ficando em segundo lugar ao faturar nos seus três primeiros dias em exibição US$ 18,20 milhões, resultado um tanto abaixo das expectativas de mercado (que indicavam uma renda na casa dos US$ 20 milhões) e que ainda transformou o filme na pior abertura da franquia até o momento, título que antes pertencia à Atividade Paranormal 4 (Paranormal Activity 4, EUA, 2012), que abriu com US$ 29 milhões. No entanto, mesmo com o desempenho não muito animador de Marcados pelo Mal, os executivos da Paramount não têm muito do que reclamar, tendo em vista que, com um orçamento estimado em US$ 5 milhões, o filme já está garantindo lucros ao estúdio.

Assista ao trailer de Atividade Paranormal: Marcados pelo Mal.

Imagem de Amostra do You Tube

Descrito como um primo latino da franquia Atividade Paranormal,  acompanha a história de Jesse (Andrew Jacobs), um adolescente que, após encontrar uma misteriosa mordida em seu corpo, começa a vivenciar uma série de eventos aterrorizantes e logo descobre foi marcado para ser possuído por uma entidade maligna. Marcados pelo Mal chega aos cinemas nacionais no dia 10 de janeiro.

Cena de O HOBBIT: A DESOLAÇÃO DE SMAUG

Cena de O HOBBIT: A DESOLAÇÃO DE SMAUG

Campeã da lista dos mais rentáveis por três semanas consecutivas, a aventura O Hobbit: a Desolação de Smaug registrou uma queda de 44% e escorregou para a terceira colocação, com US$ 16,25 milhões arrecadados de sexta a domingo. No total, a segunda parte da aventura de Bilbo Bolseiro acumula uma renda de US$ 229,63 milhões, o que faz os analistas acreditarem que a produção dificilmente irá seguir os passos de O Hobbit: Uma Jornada Inesperada (The Hobbit: An Unexpected Journey, EUA/Nova Zelândia, 2012) e alcançar a marca de US$ 300 milhões em bilheteria na América do Norte.

Na esquerda, cena de O LOBO DE WALL STREET e na direita cena de TRAPAÇA

Na esquerda, cena de O LOBO DE WALL STREET e na direita cena de TRAPAÇA

O quarto lugar do ranking ficou com o drama O Lobo de Wall Street, que faturou US$ 13,40 milhões e com isso venceu uma disputa acirrada com o thriller Trapaça, que terminou na quinta colocação com US$ 13,20 milhões. Em 12 dias, O Lobo de Wall Street contabiliza uma bilheteria de US$ 63,29 milhões, enquanto Trapaça soma em quatro semanas US$ 88,70 milhões.

Confira abaixo o ranking completo com as dez maiores bilheterias deste final de semana nos Estados Unidos e Canadá:

Ranking

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Comentários


Páginas

Facebook

Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999