Busca

Tag: Aceccine


11:56 · 16.01.2017 / atualizado às 13:08 · 16.01.2017 por
Livro reúne textos críticos dos 100 filmes mais importantes do cinema brasileiro
Livro reúne textos críticos dos 100 filmes mais importantes do cinema brasileiro

O Cinema do Dragão-Fundação Joaquim Nabuco promove, nos dias 17 e 18 de janeiro, dois encontros para refletir sobre cinema, especialmente sobre a produção nacional. O primeiro acontece no dia 17, a partir das 16h, na Sala 1, com a exibição de “Eles Não Usam Black Tie” (1981). Após a sessão, será feito o lançamento oficial do livro “Os 100 Melhores Filmes Brasileiros”. O encontro continua às 19h30, com a exibição de “São Bernardo” (1972), seguida de debate com críticos locais que participaram da publicação: Ailton Monteiro, Daniel Herculano, Diego Benevides, Marcelo Ikeda e Pedro Martins Freire, além do crítico pernambucano Luiz Joaquim.

O livro foi idealizado pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) em parceria com o Canal Brasil e a editora Letramento. De confecção luxuosa, em formato de livro de arte e fartamente ilustrada, a publicação reúne textos dos mais importantes críticos e estudiosos de cinema em atividade sobre os filmes que mais se destacaram na história de nossa cinematografia, sem distinção de período, gênero ou metragem.

São 100 autores, entre associados da entidade criada em 2011 e convidados, que buscaram um viés ensaístico, resultando em análises que certamente se tornarão referência no estudo dos filmes selecionados, partindo de “Limite”, a mais antiga produção presente na lista, lançada em 1931. A escolha dos filmes teve como base uma votação promovida pela Abraccine em 2016.

Entre os que têm suas obras analisadas no livro estão Glauber Rocha, Leon Hirszman, Nelson Pereira dos Santos, Eduardo Coutinho, Paulo Cezar Saraceni, Rogério Sganzerla, Anselmo Duarte, Joaquim Pedro de Andrade, Luiz Sergio Person e Carlos Reichenbach, nomes das mais importantes fases do cinema nacional. Os 100 selecionados também incluem produções recentes, como “Cidade de Deus”, “Central do Brasil”, “Que Horas Ela Volta?”, “O Céu de Suely”, entre outros.

O segundo encontro está marcado para o dia 18 de janeiro, a partir das 15h, no auditório do Porto Iracema das Artes. O debate reunirá os críticos cearenses André Bloc, Arthur Gadelha e Camila Vieira, membros da Associação Cearense de Críticos de Cinema (Aceccine), que farão uma retrospectiva sobre os filmes brasileiros que foram lançados no circuito comercial em 2016.

Serviço

Lançamento do livro “Os 100 Melhores Filmes Brasileiros”
Local: Cinema do Dragão- Fundação Joaquim Nabuco (Rua Dragão do Mar, 81, Praia de Iracema)
Data: 17 de janeiro (terça-feira)
Horário: 16h (início da sessão do filme “Eles Não Usam Black Tie”) seguido de lançamento do livro; 19h30 (início da sessão do filme “São Bernardo”) seguido de debate com a Abraccine
Ingresso de cada sessão: R$14 (inteira) e R$7 (meia)

Debate Retrospectiva do Cinema Brasileiro em 2016
Local: Auditório do Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, 160, Praia de Iracema)
Data: 18 de janeiro (quarta-feira)
Horário: a partir das 15h
Entrada gratuita.

13:39 · 10.11.2016 / atualizado às 13:39 · 10.11.2016 por

A Associação Cearense de Críticos de Cinema (Aceccine), criada no início do ano com o objetivo de promover a reflexão crítica das obras audiovisuais, participará do 10º For Rainbow – Festival de Cinema e Cultura da Diversidade Sexual e do 15º NOIA – Festival do Audiovisual Cearense. A Aceccine concederá o prêmio da crítica para as melhores produções brasileiras.

A entidade premiará o melhor curta/média e o melhor longa-metragem brasileiros do For Rainbow, que acontece de 10 a 17 de novembro no Cinema do Dragão-Fundação Joaquim Nabuco. Compõem o júri os críticos Ailton Monteiro (Blog Diário de um Cinéfilo), Arthur Gadelha (Site Quarto Ato) e Diego Benevides (Jornal Diário do Nordeste).

Agendado para acontecer de 22 a 27 de novembro na CAIXA Cultural Fortaleza, o NOIA exibirá 19 produções universitárias na competição principal e o júri escolherá o melhor curta/média em exibição. Os jurados do Festival serão Arthur Grieser (Site Cinema com Rapadura), George Pedrosa (Site Clube Cinema) e Thiago Siqueira (Site Cinema com Rapadura).

Os filmes escolhidos pelos críticos receberão certificado e serão divulgados no site e na fan page da entidade. Os jurados também escreverão uma justificativa para cada escolha e posteriormente um dossiê com um panorama geral das obras exibidas em cada festival.

Em junho, a Aceccine também concedeu o prêmio da crítica na Mostra Olhar do Ceará do 26º Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema. A escolha do júri foi o curta “Antes da Encanteria”, dirigido por Elena Meirelles, Gabriela Pessoa, Jorge Polo, Lívia de Paiva e Paulo Victor Soares.