Categoria: Juazeiro do Norte


16:47 · 07.03.2019 / atualizado às 16:53 · 07.03.2019 por
Parque passa por obras, inclusive, no seu sistema de drenagem. (Foto: Antonio Rodrigues)

Durante as obras de revitalização do Parque Natural Municipal das Timbaúbas, em Juazeiro do Norte, os técnicos da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinfra) detectaram alguns despejos irregulares de esgoto na rede de drenagem de águas pluviais das avenidas Padre Nestor Sampaio e Ailton Gomes. Cerca de 50 residências próximas são responsáveis pelo esgotamento ilegal.

A Pasta enviou ofícios à Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos (Semasp), à Autarquia Municipal de Meio Ambiente (Amaju), à Procuradoria Geral do Município (PGM), ao Ministério Público do Estado Ceará (MPCE) e à Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), a fim de que tomem conhecimento da situação.

Todos os moradores responsáveis também foram notificados com prazo para regularização da situação que pode acontecer das seguintes formas: ligação domiciliar de redes coletoras com destinação à estação de tratamento ou, não havendo essa condição, na construção de fossa séptica e sumidouros.

Essas especificações encontram amparo legal na Lei 2571/2000, do Código de Obras e Posturas do Município. Após o prazo estipulado, os moradores que não adotarem qualquer uma das medidas sugeridas, a Seinfra irá interromper a ligação clandestina dos infratores à rede de drenagem pluviais deste Município.

Única área verde dentro da cidade, o Parque das Timbaúbas está no Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (SNUC) e no Sistema Estadual de Unidades de Conservação do Ceará (SEUC), que garante sua proteção integral nas três esferas governamentais. Lá, estima-se que seja responsável pelo abastecimento de 70% do Município.

Obra

A Unidade de Conservação passa por obras de revitalização desde agosto de 2018 e deve ser concluído até junho deste ano. Orçado em R$ 2,8 milhões, o projeto dispõe da criação de playgrounds, duas academias, banheiros públicos, recuperação e instalação de iluminação no local. Além disso, será criada uma pista com três extensões: 800m, 1,5 km e 3 km. Ao redor, também terá uma área de passeio público com a ampliação da calçada, que passará de 1,5 m para 3m de largura.

17:00 · 26.02.2019 / atualizado às 17:03 · 26.02.2019 por
(Foto: Isaac Macedo)

“Saúde não se vende, se defende”, “Erro médico e mau atendimento também é crime”, “Estamos de luto. Queremos justiça”, diziam alguns dos cartazes trazidos por familiares e amigos de Sthefany Alves Duarte, de 15 anos, que morreu no último dia 19. O grupo de aproximadamente 30 pessoas protestou, na tarde desta terça-feira (26), contra a morte da adolescente que, para eles, foi vítima de negligência pelo Hospital Maternidade São Lucas de Juazeiro do Norte.

A caminhada iniciou em frente ao 2º Batalhão da Polícia Militar e seguiu pela Rua São Pedro – principal via comercial da cidade – em direção à Câmara Municipal de Juazeiro do Norte, onde aconteceu sessão ordinária. Porém, os manifestantes não puderam usar o microfone. Além dos familiares de Sthefany, haviam outra mães que se diziam vítimas de negligência da unidade.

A dona de casa Damiana Alves, mãe da adolescente, disse que está muito triste com morte da filha. “Tudo que quero é justiça”, garante. Desde a semana passada, a mulher não se alimenta direito. “A vontade é de morrer também para estar perto de minha filha”, desabafa.

O caso

Sthefany Alves Duarte foi internada no dia 2 de fevereiro no Hospital Maternidade São Lucas, em Juazeiro do Norte, para dar à luz ao filho cinco dias depois. Após o parto, a garota começou a sentir dores, sangrar muito e sofrer febre. Mesmo assim, ela recebeu alta e voltou para casa. Dias depois, a jovem retornou, pois, os sintomas não passaram e, segundo Damiana, os médicos disseram que se tratava de gases intestinais.

(Foto: Reprodução)

Insatisfeitos com isso, os parentes levaram a adolescente ao Hospital São Vicente de Paulo, em Barbalha. Lá, foi feita uma ultrassonografia, que detectou uma infeção no útero de Sthefany. A jovem teve que passar por uma cirurgia de alto risco para a retirada do órgão.

Apesar de sofrer duas paradas cardíacas, conseguiu sobreviver à intervenção. Contudo, a infecção já tinha se espalhado pelo corpo da adolescente, que faleceu na Unidade de terapia intensiva (UTI) no último dia 19. No dia seguinte, em seu cortejo de sepultamento, dezenas de pessoas depredaram o São Lucas quando o corpo de Sthefany passava em frente à unidade médica, antes de chegar ao cemitério.

Em nota, o Instituto Médico de Gestão Integrada (IMEGI), que gerencia o Hospital Maternidade São Lucas, disse que irá abrir uma sindicância médica para apurar o ocorrido no caso da adolescente.

14:45 · 26.02.2019 / atualizado às 14:45 · 26.02.2019 por
(Foto: Divulgação)

A Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos de Juazeiro do Norte iniciou a instalação de mais de 600 novas luminárias de LED no bairro Campo Alegre. A primeira via a receber a iluminação é a Avenida Maria Letícia Pereira – a principal daquela localidade. Ao todo, 30 ruas serão contempladas na comunidade.

A ação faz parte do projeto Juazeiro Iluminada, que tem levado melhorias no sistema de iluminação pública da cidade e, consequentemente, na segurança durante o tráfego noturno dos moradores. De acordo com o secretário Luiz Ivan Bezerra, o objetivo é que o Município tenha todas as ruas iluminadas por Led, que são mais sustentáveis e econômicas.

Os técnicos da Pasta têm realizado, junto da Cosampa Serviços Elétricos, um mapeamentos das áreas consideradas prioritárias para receber a nova iluminação. A previsão é que no final de março as novas lâmpadas do Campo Alegre já estejam instaladas.

Esse trabalho de instalação de novas lâmpadas e substituições das convencionais por iluminação de Led já pode ser visto nas principais avenidas de Juazeiro do Norte e áreas com equipamentos públicos, além dos bairros que estão sendo beneficiados.

14:35 · 26.02.2019 / atualizado às 14:35 · 26.02.2019 por
(Foto: Antonio Rodrigues)

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) concluiu, na última semana, a ativação de um novo poço com a finalidade de otimizar o abastecimento em Juazeiro do Norte. Os bairros contemplados são: Novo Juazeiro, Tiradentes, Betolândia e Parque Brasília. O poço incrementa a vazão na rede de água que abastece estas localidades, garantindo a continuidade do serviço para aproximadamente 5 mil pessoas.

A rede de abastecimento injetada diretamente ao poço ativado faz com que a água seja distribuída com maior vazão e rapidez, diminuindo o tempo de pressurização. Além disso, esta iniciativa da companhia evita ocorrências de baixa pressão em alguns pontos dos bairros.

De acordo com o coordenador de operações industriais da Cagece, Renato Silva, a ação foi pensada de modo a complementar o sistema de abastecimento de água já existente dos bairros Tiradentes e Novo Juazeiro, que se tratam de bairros de população numerosa e em expansão na cidade.

Segundo Renato, a ativação do poço já tem apresentado resultados positivos. “Estes bairros já dispunham de um sistema de abastecimento, com quatro poços e um reservatório. Nós ativamos outro poço para que pudesse complementar e melhorar a distribuição de água, reduzindo os casos de baixa pressão em algumas localidades. Os resultados já são positivos e nosso objetivo é este: garantir a qualidade dos serviços para os nossos clientes”, concluiu.

12:20 · 22.02.2019 / atualizado às 13:13 · 22.02.2019 por

Os moradores da Rua Padre Manoel Germano, no bairro Jardim Gonzaga, em Juazeiro do Norte, encontraram uma forma irreverente de protestar. Com apitos na boca e nariz de palhaço, um grupo de nove pessoas fez um bolo de aniversário e cantou “Parabéns pra você”, na tarde de ontem (21) para buraco formado na via há, pelo menos, 15 anos.

Segundo a empresária Edvânia Fernandes, o protesto foi “uma forma de chamar atenção”, conta. Além do grande do problema na pavimentação, os moradores também convivem com falta de saneamento básico. “A gente fica até em água. Nunca é resolvido”, acrescenta.

Ontem, o problema se agravou com a chuva de 42 milímetros que caiu em Juazeiro do Norte. Um carro caiu dentro do buraco e só foi retirado com ajuda de um guincho.

Carro foi ‘sugado’ ontem pelo buraco no meio da rua. (Foto: VC Repórter)

Mesmo fora dos períodos de chuva, Edvânia garante que é impossível que carros menores transitem na rua. “É muita areia, pedra solta”, descreve. “O prefeito falou e conseguiu uma verba com governador. Só que ano passado foi a mesma conversa”, completa.

Em nota, a Secretaria de Infraestrutura de Juazeiro do Norte informou que já foram realizados estudos técnicos da necessidade de uma drenagem na área da Rua Padre Manoel Germano, mas que envolve grandes investimentos para sanar totalmente a situação. “A administração vem buscando recursos junto aos governos estadual e federal para dar uma solução definitiva ao problema”, disse.

Porém, a Pasta disse que hoje mesmo serão enviadas máquinas para resolverem o problema provisoriamente.

11:38 · 22.02.2019 / atualizado às 13:21 · 22.02.2019 por

Um vendedor quase foi arrastado pela correnteza em decorrência das chuvas na rua Edgar Coelho, no bairro São José, em Juazeiro do Norte, na noite da última quinta (21). Um vídeo registrou o momento que o homem tenta atravessar a via, mas a força da água impede que permaneça de pé. Na travessia, acabou perdendo seus óculos.

O vendedor estava em um bar no momento que começou a chuva. Ao atravessar, desequilibrou-se e caiu em buraco. Depois da queda, fez todo o trajeto engatinhando. Apesar do susto, o homem disse que não se machucou. “Foi só um escorregão”, garantiu.

Chuva de 42mm e vários registros de alagamentos

A chuva de 42 milímetros que caiu em Juazeiro do Norte, por volta das 21 horas, pegou muitos moradores de surpresa. Em vários pontos da cidade foram registrados alagamentos. Um dos mais recorrentes é o bairro São José. Na Avenida Padre Cícero (CE-292), que liga o município ao Crato, o volume de água fez muitos veículos boiarem na pista.

Já na Avenida Leão Sampaio (CE-060), que liga Juazeiro do Norte e Barbalha, mais uma vez a água impediu a passagem de veículos e ciclistas nas proximidades do bairro Lagoa Seca. Muitos tiveram que esperar por quase duas horas para seguirem o trajeto.

Previsão do tempo

A previsão da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) para o final de semana é de céu nublado com chuvas em todas as regiões do Ceará.

17:57 · 21.02.2019 / atualizado às 17:57 · 21.02.2019 por
(Foto: Divulgação/Prefeitura)

A Secretaria da Saúde de Juazeiro do Norte está instalando ponto eletrônico nas 49 Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Município. A partir de março, o dispositivo também será instalado nos demais equipamentos municipais da Saúde. Nesta quarta-feira (20), foi iniciado treinamento dos seus profissionais para que aprendam a utilizar o ponto e saibam como devem proceder em casos de dificuldades.

O horário de funcionamento padronizado das UBS é de 7h30 às 11h30 e de 13h30 às 17h30. Em algumas unidades, localizadas em áreas consideradas de risco, o horário será modificado, sendo de 8h às 12h e de 13h às 17h. Já na zona rural o funcionamento dos postos é de 8h às 14h. Ao final de cada mês será emitido relatório informando os horários cumpridos por todos os profissionais.

A secretária da saúde, Francimones Albuquerque, acredita que esta medida, implantada diante da existência de um Termo de Ajuste de Conduta (TAC), auxiliará a gestão a acompanhar melhor o cumprimento da carga horária, que deve ser de acordo com o que é estabelecido na Política Nacional da Atenção Básica, o que poderá reduzir filas de espera na UPA e hospitais.

14:36 · 20.02.2019 / atualizado às 15:23 · 20.02.2019 por
Hospital Maternidade São Lucas, onde adolescente esteve internada. (Foto: Antonio Rodrigues)

A morte da adolescente Sthefany Alves Duarte, de 15 anos, ocorrida ontem, revoltou familiares e amigos que protestaram na frente do Hospital Maternidade São Lucas, em Juazeiro do Norte, na manhã desta quarta-feira (20). A garota foi internada no dia 2 de fevereiro naquela unidade para dar à luz ao filho cinco dias depois. Porém, começou a sentir complicações após o parto e faleceu após sofrer uma infeção no útero. A família acredita que os médicos foram negligentes.

De acordo com uma parente da adolescente, após ter o parto normal, no dia 7 de fevereiro, Sthefany continuou internada e começou a sangrar muito, sentir febre e uma dor na barriga muito forte. “Avisei a enfermeira e ela disse que era normal”, conta a familiar que não quis se identificar.

(Foto: Reprodução)

Após receber alta, a garota voltou a reclamar de dores e sua família a trouxe de volta ao Hospital São Lucas. Lá, os médicos disseram que a dor abdominal era causada por gases intestinais. Insatisfeitos com isso, os parentes levaram a adolescente ao Hospital São Vicente de Paulo, em Barbalha. Lá, foi feita uma ultrassonografia, que detectou uma infeção no útero de Sthefany.

A jovem teve que passar por uma cirurgia de alto risco para a retirada do órgão. Apesar de sofrer duas paradas cardíacas, conseguiu sobreviver à intervenção. Contudo, a infecção já tinha se espalhado pelo corpo da adolescente, que faleceu na Unidade de terapia intensiva (UTI) na manhã de ontem. “Isso aconteceu por irresponsabilidade do São Lucas”, protestou uma amiga em uma rede social.

Dezenas de amigos e parentes de Sthefany lamentaram e denunciaram o Hospital morte nas redes sociais e também fizeram protesto em frente à unidade de saúde.

O sentimento de revolta também tomou conta do seu sepultamento, hoje de manhã (20), quando o corpo da jovem passou em frente à unidade de saúde onde teve seu filho. Muitas pessoas desceram do ônibus, que seguia em cortejo até o cemitério, e depredaram as portas e paredes do São Lucas.

Em nota, o Instituto Médico de Gestão Integrada (IMEGI), que gerencia o Hospital Maternidade São Lucas, disse que irá abrir uma sindicância médica para apurar o ocorrido no caso da adolescente.

16:27 · 19.02.2019 / atualizado às 16:27 · 19.02.2019 por
Como meia maratona, corrida chega a sua segunda edição. (Foto: Divulgação)

A 37ª edição da Corrida Padre Cícero – a segunda como meia maratona – foi lançada, na noite de ontem (18), em solenidade realizada no Cariri Garden Shopping. Ao todo, serão 22 categorias, 11 femininas e 11 masculinas, todas dentro dos quatro percursos, 21km, 10km, 5km e 3km. A prova acontecerá no dia 24 de março, com largada simultânea às 6h. Cada competidor receberá um kit composto por chip, numeração de peito, garrafa e camisa.

As inscrições estão disponíveis no site da Prefeitura, no site da Meia Maratona ou no stand da corrida instalado no Cariri Garden Shopping. Estão disponibilizadas 1.500 vagas para o evento até o dia 1º de março ou até esgotar as vagas. A inscrição é realizada em troca de três quilos de alimentos não perecíveis que devem ser entregues no ato de retirada do kit.

Com o objetivo de diminuir o número de candidatos que fazem a inscrição e não fazem a retirada do kit. Os competidores que estiverem inscritos na prova e não retirarem o kit serão penalizados com dois anos de suspensão da Meia Maratona.

Para o prefeito Arnon Bezerra, a segunda edição da Meia Maratona com percurso de 21 km é uma prova do crescimento da tradicional Corrida Padre Cícero. “Tudo que a gente tem feito é para que as coisas começam, se fixam e adquirem o crescimento. A corrida cresceu, virou Meia Maratona. Estamos consolidando o evento, fortalecendo o esporte, o turismo de nossa cidade”, destacou.

Já o titular da Secretaria de Esporte e Juventude (Sejuv), Luciano Bazílio, afirma que a gestão está no caminho certo, fomentando o esporte com um evento de tamanha magnitude. “Nos mobilizamos para transformar esta corrida numa referência em nível nacional. Atraindo atletas não só da região, mas de todo o país. A Meia Maratona veio para ficar e as inscrições estão abertas e dia 24 de março esperamos todos nessa grande festa em homenagem ao fundador de Juazeiro do Norte”, afirmou.

05:20 · 19.02.2019 / atualizado às 20:32 · 18.02.2019 por
(Foto: Divulgação/Prefeitura)

A Secretaria de Esporte e Juventude de Juazeiro do Norte (Sejuv) beneficiou quase 80 entidades com a doação de material esportivo. O material foi entregue para equipes e agremiações das zonas urbana e rural, em várias modalidades como futebol, futsal, vôlei, basquete, handebol, tênis de mesa. Além da doação de material esportivo, os equipamentos esportivos, como o Romeirão e o Ginásio Poliesportivo, foram disponibilizados para os praticantes.

Foram doadas 140 bolas, 107 coletes, 23 redes de campo, uma mesa de tênis, duas redes de tênis de mesa, 7 xadrez, 7 damas, 10 bambolês, 6 bombas, 24 redes de futsal, 50 colchonetes, 9 cronômetros, 4 placas comemorativas, 4 apitos, 1 jogo de cartão, 1 suporte de mesa de tênis de mesa, 4 pares de trava de campo, 4 pares de traves de futsal, 2 redes de vôlei,  1 par de antena pra rede de vôlei, 78 medalhas, 4 troféus, 80 camisas e uma peteca.

O titular da Sejuv, Luciano Basílio, destacou as parcerias entre o poder público e as entidades firmadas para o desenvolvimento do esporte em Juazeiro do Norte. “Já fizemos muita coisa, mas precisamos avançar ainda mais. Todas essas pessoas e principalmente a população juazeirense fazem com que o esporte se fortaleça cada vez mais em nossa cidade”, afirmou.

Já o prefeito Arnon Bezerra destacou que é importante levar às crianças e aos jovens a prática do esporte saudável e de qualidade e a disposição da administração em investir cada vez mais neste setor, além de promover a ocupação dos espaços para a prática das mais diversas modalidades esportivas.

Melhorias

O Estádio Mauro Sampaio, o Romeirão, vem passando por obras de manutenção e pela substituição dos refletores nas suas quatro torres. A medida visa melhorar a qualidade da iluminação dos eventos antes da grande reforma de ampliação e modernização, prevista para começar este ano. Além disso, a Sejuv anunciou que todos os campos amadores do Município serão iluminados, para que haja atividades também no período noturno.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Diário Cariri

Belezas naturais, fé, trabalho e cultura. Sob os pés da Chapada do Araripe, aqui você encontra as principais notícias dos municípios da região. Por Antônio Rodrigues.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags