Busca

Categoria: Cultura


16:06 · 16.06.2017 / atualizado às 16:06 · 16.06.2017 por

A tradição das quadrilhas chega à Unidade Juazeiro do Norte do Sesc na terça-feira (20), com o início do Circuito Sesc de Mostra Junina. O evento recebe apresentações de 17 grupos de diversas cidades do Ceará, que em três dias de muita festa animam o Ginásio da Unidade. A entrada é gratuita.

Contribuindo para a preservação da memória cultural cearense e do movimento junino, o Circuito premia os destaques. Os três melhores grupos recebem premiação em dinheiro e troféus e os quesitos individuais (casal de noivos, marcador, casamento, rainha e repertório musical) são agraciados com medalhas. Os troféus e medalhas são elaborados pelo Mestre Espedito Seleiro.

SERVIÇO
Circuito Sesc de Mostra Junina
Local: Unidade Juazeiro do Norte do Sesc (Rua da Matriz, 227)
Data: 20, 21 e 22/6
Informações: (88) 3512.3355

17:04 · 14.06.2017 / atualizado às 17:04 · 14.06.2017 por

Juazeiro do Norte. O Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri apresenta o espetáculo Sebastiana e Severina, baseado no livro homônimo do pernambucano André Neves. A montagem conta com adaptação dramatúrgica e encenação de Claudio Lira e foi contemplada com o Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2013. As apresentações acontecem nesta sexta-feira, dia 16, às 19h30, e sábado, 17 de junho, às 15h30.

O enredo relata a história das rendeiras Sebastiana e Severina que, apesar de não possuírem mais o frescor da juventude, ainda acalentam o desejo de se casar. Sebastiana e Severina, já não dispunham da beleza da juventude, mas tinham um sonho: encontrar “um príncipe encantado”.

A chegada do forasteiro Chico, na cidade de Umbuzeiro (PB), desperta logo o interesse das duas moças. O moço era bonito, alto e inteligente e para cativar o coração do visitante valia tudo: cantar belas canções, fazer a renda mais bonita da festa e até, invocar os poderes mágicos da grande feiticeira da cidade, D. Zefinha. Mas o destino lhes prega uma peça, através do feitiço de amor que a benzedeira propôs às duas. É neste momento que as rendeiras descobrem o valor da verdadeira amizade.

A história é temperada com elementos da cultura do sertão brasileiro e, ainda, com o clima festivo das comemorações do dia do padroeiro da cidade de São Sebastião do Umbuzeiro, na Paraíba: São Sebastião. O espetáculo é indicado para todas as idades, com recomendações para crianças a partir dos oito anos de idade.

As apresentações acontecem no Teatro do Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri, localizado na Rua São Pedro, 337, Centro de Juazeiro do Norte. Os ingressos são distribuídos na recepção a partir das 13h.

10:24 · 13.06.2017 / atualizado às 10:24 · 13.06.2017 por
Foto Patrícia Silva

Barbalha. Iniciada no último dia 28 de maio, a festa de Santo Antônio, padroeiro deste município, chega ao fim hoje (13), com missa solene realizada nesta manhã e, a tarde, procissão pelas principais ruas de Barbalha. Os festejos deste ano tiveram por tema de reflexão “Santo Antônio, servo fiel da Virgem Maria”. A celebração solene da Missa na Paróquia de Santo Antônio foi presidida por dom Gilberto Pastana de Oliveira.

A tarde, acontece a tradicional procissão que marca o encerramento da festa do Santo Casamenteiro. O cortejo terá início às 16 horas, com saída da residência de Marciano Teles Duarte. O percurso segue pela Avenida Cel. João Coelho; Avenida Paulo Mauricio; na Avenida Pio Sampaio; rua T 06; rua Lídio de Freitas; rua Adão Apolinário; rua Padre Ibiapina; rua Pedro Coelho; rua Neroly Filgueira; rua Padre Ibiapina; rua da Matriz.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

09:15 · 07.06.2017 / atualizado às 09:15 · 07.06.2017 por

Nesta quinta e sexta-feira, a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) promove a Caravana da Cultura Região do Cariri, atividade composta por Reuniões Setoriais da Cultura na Macrorregião do Cariri e pela abertura do primeiro Escritório Regional da Secult no interior do Estado, sediado na Vila da Música.

Realizada nos municípios de Brejo Santo e Crato, a Caravana da Cultura é um convite a todos os envolvidos e interessados em apresentar e debater com o secretário da Cultura do Estado, Fabiano dos Santos Piúba, suas demandas para a área cultural na Região do Cariri. Participam ainda da atividade, os gestores da Secult e dos municípios, representantes dos pontos de cultura, regentes de bandas e demais agentes culturais.

Dois meses após a inauguração da Vila da Música, o primeiro equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará no interior do Estado, o secretário Fabiano dos Santos Piúba retorna à Região com a Caravana da Cultura. Em Brejo Santo, a atividade ocorre no dia 8/6, das 8h às 17h, no Cine Teatro Professor Júlio Macedo Costa, com o lançamento do primeiro Escritório Regional da Secult no Cariri, a apresentação da Política Cultural do Estado e os debates sobre as principais demandas da região para a área.

Já no Crato, a Caravana será sediada na Vila da Música, no dia 9/6, das 8h às 22h, com a assinatura dos termos de cooperação entre a Secult e instituições Locais, a apresentação da Política Cultural do Estado, o lançamento do Escritório Regional do Cariri, as Reuniões Setoriais, e ainda com a abertura da exposição de Xilogravura “Mestres e Mestras da Cultura do Ceará” do poeta, cordelista e xilógrafo, Otávio Menezes.

Concluindo estes dois dias de atividade no Cariri, haverá também, às 19h, de uma terreirada com apresentações culturais para entrega das carteiras dos Mestres e Mestras da Cultura da Região do Cariri. As inscrições para as atividades estão abertas de até 7 de junho, através da plataforma Mapa Cultural do Ceará: http://bit.ly/reuniaocariri. Após esta data, os interessados em participar das atividades poderão realizar suas inscrições, presencialmente, em Brejo Santo (8/6) e Crato (9/6), nos respectivos locais em que ocorrerão as Reuniões Setoriais.

Fortalecimento
“Inaugurar o Escritório Regional da Secult no interior do Estado é um compromisso do governador Camilo Santana, já em seu plano de governo. Este é o primeiro instalado na região do Cariri e os outros serão em Quixadá,Sobral e um dos municípios do Vale do Jaguaribe, buscando atender outras regiões do Estado, num contexto de interiozação das políticas públicas”, destaca o secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano dos Santos Piúba.

“Esses escritórios têm como função primordial a articulação institucional da Secult com os outros municípios, com produtores, artistas e outros agentes culturais. Um outro objetivo é o de formação, sendo um espaço para realização de oficinas na área de gestão e formulação de projetos culturais e políticas públicas”, complementa o gestor.

Cultura cearense
Na ocasião da Caravana da Cultura, os mestres e mestras da cultura da região do Cariri receberão sua carteira de identificação. A atividade está inserida numa política de valorização dos tesouros vivos da cultura cearense, como afirma o secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano dos Santos Piúba.

“No último encontro dos Mestres do Mundo, realizado em Limoeiro do Norte, realizamos um diálogo em que cada um dos mestres e mestras puderam expor suas ideias sobre em o programa voltado a eles poderia melhorar. Umadas demandas deles foi essa carteira de identidade cultural, que é o que estamos entregando nessa ocasião”, ressalta.

Termo de cooperação 
Também durante a Caravana, a Secult estará assinando o termo de cooperação com a Universidade Regional do Cariri (Urca), para o desenvolvimento de ações no campo de pesquisa e formação, como a realização no próximo ano de um a curso de especialização em patrimônio e a execução do projeto Escolas com os Mestres, que está inserido dentro do programa Escolas da Cultura da Secult, visando a criação de um espaço de rodas de saberes com os mestres e mestras da cultura.

Exposição e apresentações culturais
Apresentações culturais e uma exposição estão marcadas para acontecer durante o evento. Em Brejo Santo, quem se apresenta é a Banda de Música Municipal Maestro Olivio Lopes Angelí. No Crato, é a vez da Orquestra Solibel Jovem e do grupo musical “Distinto Duo” subirem ao palco da Vila da Música, abrindo as manhãs de reunião.

A exposição do “Mestres e mestras da Cultura do Estado”, do poeta, cordelista, xilógrafo, Otávio Menezes, que esteve em cartaz durante a XII Bienal Internacional do Livro do Ceará, terá abertura na Vila da Música, às 19h. A mostra traz 57 xilogravuras que talham os traços de cada um dos Tesouros Vivos do Ceará e estará em cartaz durante todo o mês de junho, no equipamento localizado no Crato.

“Com esses talhos, Otávio revelou não só os veios das marcas temporais em seus rostos, mas também as veias e vias das artes e ofícios, dos saberes e fazeres dos Mestres e Mestras da Cultura que transmitem nos mais diversos rincões do Ceará seus conhecimentos milenares e comunitários, pois a cultura é uma saber/fazer comum e solidário, como a vida desses mestres e como essa bela exposição de Otávio Menezes que, na verdade, é uma celebração à cultura popular e tradicional do Ceará”, descreve o secretário da Cultura do Estado, Fabiano dos Santos Piúba.

09:33 · 06.06.2017 / atualizado às 09:33 · 06.06.2017 por

 

Reconhecendo a importância do aprendizado de uma segunda língua, bem como do desenvolvimento de estudos para além da sala de aula, o Sesc abre inscrições para Curso de Inglês e Projeto Habilidades de Estudo (PHE) no Crato. As inscrições seguem até o preenchimento das vagas.

O Curso de Inglês é destinado para crianças com faixa etária pré-estabelecida de, no mínimo, 7 a 13 anos e adolescentes e adultos a partir de 14 anos. As aulas acontecem uma vez por semana na Unidade Crato do Sesc, tendo como objetivo contribuir no processo educacional, inserindo o aluno no mercado de trabalho e deixando-o capacitado para desenvolver o que foi aprendido, buscando, assim, a qualificação contínua.

No caso do Projeto Habilidades de Estudo (PHE), as aulas acontecem de segunda a sexta-feira pela manhã. A atividade é voltada para dependentes de comerciários que cursem do 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental. Durante as aulas, as crianças realizam leituras, aprendem a organizar o tempo de estudo e fazem trabalho em grupo, valorizando o conhecimento coletivo. O projeto inclui ainda a participação em uma série de atividades pedagógicas integradas com diversas ações de Esporte, Lazer e Cultura.

Para os interessados em integrar as turmas do PHE, é necessário apresentar o registro de nascimento, cópias do RG, CPF e comprovante de residência com o CEP, declaração escolar informando a série em que a criança está cursando, e, por fim, a Carteira Sesc atualizada. Já para o Curso de Inglês basta apresentar a Carteira Sesc, também atualizada. Em ambos os casos, a vaga é garantida com o pagamento da taxa.

SERVIÇO

Inscrições cursos – Crato

Inglês

Local: Relacionamento com Clientes (Rua André Cartaxo, 443)

Horário: 8h às 20h

PHE

Local: Secretaria da Escola Educar Sesc Crato (Rua André Cartaxo, 443)

Horário: 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30

Período: Até o preenchimento das vagas

Informações: (88) 3523.4444/ 3586.9177/ 3586.9168

19:25 · 02.06.2017 / atualizado às 19:25 · 02.06.2017 por

A tradicional banda cabaçal cratense Irmãos Aniceto se apresentará entre os dias 3 e 5 de junho na capital nacional Brasília no 2° Encontro de Pífanos, realizado pelo grupo Mestre Zé do Pife e as Juvelinas. O evento, que acontecerá na Feira da Torre de TV, é aberto ao público de todas as idades e tem entrada gratuita.

Os Irmãos Aniceto realizarão oficina de danças cabaçais, de 9h às 12h no próximo domingo, 4 e a apresentação do grupo acontecerá às 20h30 do mesmo dia. Também se apresentam na data Carlos Malta (Rio de Janeiro), Chau do Pife (Alagoas) e banda, Mestre Zé do Pife e as Juvelinas (Distrito Federal) e Duo Alvenaria (Distrito Federal).

A cultura das bandas cabaçais do Brasil se concentra em sua maioria no Cariri cearense, no Pernambuco e na Paraíba. As danças e instrumentos são oriundos da tradição indígena que se reinventou época após época aderindo costumes e movimentos do homem agricultor. A Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto há mais de 200 anos marca a história cultura popular brasileira ao ressignificar o costume que passa de geração a geração na família Aniceto.

14:24 · 01.06.2017 / atualizado às 14:24 · 01.06.2017 por

O Sesc recebe, a partir de hoje, as inscrições para a 19ª Mostra Sesc Cariri de Culturas, que acontece de 10 a 14 de novembro na região Sul do estado. Grupos e artistas nas áreas das artes cênicas (teatro, circo, dança), audiovisual, artes visuais, literatura e música interessados em participar podem se inscrever gratuitamente, somente pela internet, através do preenchimento de ficha on‐line, disponível no endereço eletrônico até o dia 30 de junho.

A Mostra Sesc Cariri de Culturas desenvolve o processo de seleção por meio de edital e a partir da análise de uma equipe de curadoria composta por técnicos de cultura da instituição, além de artistas e profissionais de notório saber.

No campo das culturas populares, o artista ou grupo será convidado pelo Sesc, não sendo necessária a inscrição neste instrumento de seleção.

Sobre a Mostra Sesc Cariri de Culturas
Idealizado pelo Departamento Regional do Sesc Ceará, a Mostra Sesc Cariri de Culturas, palco de difusão das mais diversificadas manifestações artísticas e culturais, chega com sucesso a sua 19ª edição. A mostra cultural acontece no Cariri, que se transforma em cenário para apresentações de espetáculos de teatro, dança, exposições, shows, rodas literárias, performances poéticas e mostras de cinema e vídeo.

A Mostra não tem caráter competitivo e se apresenta como espaço de estímulo à produção nas diversas áreas artísticas, com proposta de intercâmbios interdisciplinares para desenvolvimento de projetos colaborativos nas mais variadas categorias.

SERVIÇO
Inscrições 19ª Mostra Sesc Cariri de Culturas
Período: 1º a 30/6
Inscrições pelo site www.mostracairi.com.br
Informações: inscricao@mostracariri.com.br ou (85) 3452.9066

18:26 · 28.05.2017 / atualizado às 17:05 · 29.05.2017 por
Festa de Santo Antônio, padroeiro de Barbalha, foi aberto oficialmente neste domingo (foto André Costa)

Barbalha. “A Festa de Santo Antônio; Em Barbalha é de primeira; A cidade toda corre; Pra ver o Pau da Bandeira; Olha quanta alegria, que beleza, a multidão faz fileira, hoje é o dia; Vamos buscar o Pau da Bandeira; Homem, menino e mulher, Todo mundo vai a pé”. A canção do músico caririense Alcymar Monteiro, cantada na voz marcante de Luiz Gonzaga, retrata bem a importância cultural que reveste a Festa de Santo Antônio, iniciada oficialmente neste domingo, dia 28.

Mais de 200 mil pessoas lotaram as ruas da cidade para participar da abertura dos festejos alusivos ao padroeiro de Barbalha. O tradicional cortejo do Pau da Bandeira começou por volta das 11 horas. Cerca de 300 homens conduziram o mastro pesando mais de duas toneladas até a Praça da Matriz, que leva o nome do padroeiro. O percurso de quase 8 km, com saída do Sítio Flores, local onde foi selecionada a árvore Jatobá de 25 metros de comprimento, durou cerca de seis horas.

Cortejo do Pau da Bandeira levou mais de 200 mil pessoas as ruas de Barbalha (foto André Costa)

“Capitão do Pau” há 15 anos, Rildo Teles, destaca que a condução do mastro é uma demonstração de fé, persistência, força e espírito coletivo. Como diz a tradição, nos intervalos de descanso dos carregadores durante o percurso, as mulheres se aproximaram para pegarem no mastro que será erguido a bandeira do Santo casamenteiro. “Além de pegarem no tronco, diz à lenda que elas também podem sentar ou até mesmo retirar suas lascas para fazer chás, óleos e lembranças. Tudo em busca de um companheiro”, explica Rildo.

Simbolismo
O hasteamento do tronco aconteceu às 17h50. Esse ato marca o início da festa que prosseguirá até o dia 13 de junho, data do Padroeiro. De acordo com a Secretaria de Cultura e Turismo de Barbalha, até o dia do encerramento devem passar 500 mil pessoas pela cidade. A festa de Santo Antônio é considerada a maior do país em louvor ao santo. Para a segurança do evento, o efetivo policial foi reforçado. Além dos seguranças contratados, serão 150 homens da Polícia Militar, além de agentes do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran).

Segundo a tradição, a condução do mastro é uma demonstração de fé, persistência, força e espírito coletivo (Foto André Costa)

Tradição
Dois anos após ter sido reconhecida pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), como patrimônio imaterial brasileiro, a festa tem fortalecido a tradição e buscado o resgate da originalidade presente no início dos festejos, ainda no século XVIII, antes mesmo do surgimento da cidade. São mais dois séculos de tradição, cultura, fé e devoção, levando às ruas de Barbalha, mais de 40 grupos folclóricos e cerca de 500 brincantes que desfilam com os seus grupos de maneiro-pau, incelenças, penitentes, reisados, quadrilhas, bacamarteiros, entre outros.

Homenagens
Este ano, grandes mestres da cultura popular estão sendo homenageados na Festa de Santo Antônio. Os palcos das apresentações musicais levam os nomes do Capitão Zé Veloso, Carregador Careca e Mestre Tico Neves. José da Costa Veloso, o Capitão Zé Veloso, também conhecido como Pavão, começou a participar do carregamento do Pau da Bandeira aos 10 anos e tornou-se o “animador do Pau” com suas músicas e tiradas surpreendentes.

 

Hasteamento do pau, de 25 metros, simboliza a abertura dos festejos alusivos ao Santo casamenteiro (Foto André Costa)

Cícero Ricart, o Careca, perdeu sua vida em 2015, aos 39 anos, fazendo o que mais gostava: carregando o Pau da Bandeira, o que ocorria há 15 anos, com dedicação e alegria. Há dois anos, com o cortejo já próximo à Matriz, sofreu um acidente e morreu. O mastro caiu por sobre seu corpo.

Francisco Belizário dos Santos, o Mestre Tico Neves, era um líder e brincante do Reisado do Sítio Lagoa, com atuação de mais de quatro décadas. Com sua morte, em 2011, o grupo passou a se chamar Reisado de Congo Mestre Tico Neves. Tem apresentações não só em Barbalha mas em diversas cidades da Região do Cariri.

Noitários
Os noitários, que também fazem parte da tradição, iniciam hoje, com visitas da imagem do santo a instituições, residências, entidades, comunidades e escolas. No dia 13 de junho, acontece a tradicional procissão que marca o encerramento da festa alusiva ao padroeiro da cidade.

Shows
Nove atrações musicais se apresentaram após o cortejo do pau em três espaços distintos. No Marco Zero, tocaram as Bandas Cabloco Nordestino, Flávio Leandro e Alcymar Monteiro. No palco ao lado da Igreja do Rosário, Dorgival Dantas, Pra Xotear e Chambinho do Acordeom animaram a multidão e, na Praça da Estação, se apresentaram Santanna, Forró Tapera e a grande atração da noite, Solange Almeida.

Ao todo, a festa do padroeiro da cidade vai reunir mais de 20 bandas, em cinco dias de festa. A programação no Parque de Eventos, que inicia no próximo dia 7 de junho, contará com os mais variados estilos. Serão quatro ações por noite, com destaque para Xandy Aviões, Leo Santana, Jonas Esticado, Toca do Vale, Victor e Léo, Thiaguinho, Pablo e muito mais.

Confira as imagens do Cortejo (clique para ampliar):

 

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

11:53 · 27.05.2017 / atualizado às 11:53 · 27.05.2017 por
Festa deve atrair mais de 500 mil pessoas; 300 mil só neste domingo (Foto André Costa)

Barbalha. Começa amanhã um dos festejos culturais e religiosos mais tradicionais do interior do Estado, a festa de Santo Antônio, popularmente conhecida como Pau da Bandeira. A festa do Padroeiro de Barbalha será aberta oficialmente com o cortejo do Pau da Bandeira. A expectativa de público para o evento, que se estende até o dia 13 de junho, é de mais de 500 mil pessoas, segundo Rildo Teles, vereador e capitão do pau. “Mais de 300 mil só neste domingo”, pontua.

O Cortejo do Pau acontece a partir do meio-dia, percorrendo 8km da zona rural, local onde foi cortada a árvore, até o centro cidade. A previsão de chegada do Pau da Bandeira, um Jatobá de 25 metros pesando mais de duas toneladas, que será carregada por 250 homens, é no final da tarde, quando será erguido em frente à Igreja Matriz o mastro da bandeira do Santo casamenteiro, que sinaliza o começo da festa.

Assim como no ano passado, as medidas de seguranças adotadas após a morte de um dos carregadores do pau, que teve sua cabeça atingida pela árvore, continuam na edição deste ano. “Vamos aprimorar e trazer ainda mais segurança a todos”, afirmou Rildo. Conforme conta, serão confeccionadas camisas e pulseiras para os carregadores, além de ser proibido o consumo de bebidas alcoólicas por parte dos integrantes antes e durante o cortejo.

Haverá também seguranças isolando o pau da bandeira com cordão frontal e lateral. “No momento de descanso dos carregadores, a corda vai ao chão e o público pode ir em direção ao pau, como já é tradição”, acrescenta Teles.

Shows
Nove atrações musicais se apresentam após o cortejo do pau em três espaços distintos. No Marco Zero, tocam as Bandas Cabloco Nordestino, Flávio Leandro e Alcymar Monteiro. No palco ao lado da Igreja do Rosário, Dorgival Dantas, Pra Xotear e Chambinho do Acordeom e, na Praça da Estação, se apresentam Santanna, Forró Tapera e a grande atração da noite, Solange Almeida.

Ao todo, a festa do padroeiro da cidade vai reunir mais de 20 bandas, em cinco dias de festa. A programação no Parque de Eventos conta com os mais variados estilos. Serão quatro ações por noite, com destaque para Xandy Aviões, Leo Santana, Jonas Esticado, Toca do Vale, Victor e Léo, Thiaguinho, Pablo e muito mais.

Efetivo
Para a edição deste ano, o efetivo policial será reforçado. A Polícia Militar deve trabalhar em parceria com o Detran, Demutran, Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Guarda Municipal, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros. O policiamento se concentrará, com maior efetivo, nos locais de maior aglomeração de pessoas. A segurança será feita diuturnamente.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

14:41 · 17.05.2017 / atualizado às 14:41 · 17.05.2017 por
O cortejo do pau da bandeira é realizado na abertura da festa de Santo Antônio, em Barbalha, tradição que se repete a cada ano. Foto Elizangela Santos

A Câmara dos Deputados promove, amanhã, 18, através da Comissão de Cultura da Casa, audiência pública para debater uma das maiores manifestações de fé popular do Ceará: a Festa do Pau da Bandeira de Santo Antonio de Barbalha. O objetivo é fortalecer, em nível institucional, o importante evento cultural do Cariri cearense, atualmente reconhecido como patrimônio imaterial brasileiro, ao lado de manifestações como o Bumba-Meu-Boi, do Maranhão, e do Senhor Bom Jesus do Bonfim, na Bahia.

Autor do requerimento para a realização da audiência, o deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE) destaca que o debate dará maior visibilidade aos festejos, com vistas à expansão da tradição do regional para o nacional. “O Pau da Bandeira de Barbalha pode se transformar em um grande atrativo turístico de abertura das comemorações juninas do Nordeste”, avalia o parlamentar. Para Gomes de Matos, o fortalecimento da festa potencializará parcerias e apoios dos ministérios da Cultura e do Turismo.

Foram convidados para a audiência pública o prefeito de Barbalha, Argemiro Sampaio Neto, o capitão do Pau da Bandeira, Expedito Rildo Cardoso, representante da Universidade Regional do Cariri (CE), e representantes dos ministérios da Cultura, do Turismo e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), entre outros.
A festa do Pau da Bandeira chega a reunir cerca de 300 mil pessoas na cidade de Barbalha e movimenta toda a Região Metropolitana do Cariri, que tem cerca de 600 mil habitantes. A região possui aeroporto e rede de transportes públicos, com metrô de superfície, além de rede hoteleira de classificação diversa e atrativos turísticos variados.

Tradição e fé
Os festejos a Santo Antônio ocorrem desde o final do século XVIII, quando foi erguida uma capela em devoção ao santo, dando origem ao Município de Barbalha. A festa do Pau da Bandeira da forma como é conhecida, atualmente, porém, acontece desde 1928.

São treze dias de festa em homenagem ao padroeiro. A data central é o domingo mais próximo de 31 de maio – o Dia do Carregamento e Hasteamento. A atividade consiste em cortar e transportar o tronco de árvore, previamente escolhido. São percorridos cerca de sete quilômetros. No trajeto, forma-se uma espécie de irmandade, em que centenas de homens se revezam para levar o pau sobre os ombros até a frente da Igreja Matriz de Barbalha, onde é hasteado com a bandeira de Santo Antônio.

À frente vão os mais fortes, fisicamente. No meio, seguem os veteranos e, logo atrás, os mais novos, que estão se iniciando. Além da demonstração de fé e devoção a Santo Antônio, o Pau da Bandeira carrega a crença, segundo a qual as mulheres que conseguem pegar no tronco de madeira conseguirão um casamento, brevemente.