Busca

Categoria: Polícia


13:02 · 17.08.2017 / atualizado às 13:02 · 17.08.2017 por

Ações de combate do tráfico de drogas realizadas pelos órgãos de segurança na Região do Cariri apresentou resultados positivos durante o último mês. Desde que assumiu o comando do 2º BPM em meados julho, o Tenente-Coronel Cícero Nelson Cordeiro de Brito, tem envidado esforços no sentido de integrar as ações da Polícia Militar aos demais órgãos de segurança que atuam no combate à criminalidade na Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19).

Segundo dados estatísticos divulgados pela Secretaria da Defesa Pública e Defesa Social (SSPDS), durante o mês de julho foi apreendido um total de 43,9 kg de entorpecentes na AIS 19, ou seja, na Região do Cariri. A maior apreensão foi de maconha, sendo registrado um total de 38,9 kg. Registrou-se ainda, as apreensão de 2,8 kg de cocaína e 2,19 kg de crack.

Além da AIS 19, o interior sul do Estado ainda possui mais quatro áreas, sendo que a AIS 18 abrange municípios da região de Russas, a AIS 20 abrange cidades da região de Quixadá, a AIS 21 é responsável por municípios da região de Iguatu e a AIS 22 abrange a região de Tauá. Em julho de 2017, o interior sul contabilizou a apreensão de 51,9 kg de entorpecentes. Dessa forma, a Região do Cariri contribuiu com 84% das apreensões de drogas nesse período.

De acordo com o Comandante do 2º BPM, Tenente-Coronel Cícero Nelson Cordeiro de Brito, a Polícia Militar tem desarticulado diversos pontos de venda de drogas em toda a Região do Cariri, bem como tem intensificado as ações de repressão ao tráfico de entorpecentes, através da parceria com a sociedade que contribui com o trabalho policial ao realizar denúncias anônimas através do telefone 190.

14:47 · 09.08.2017 / atualizado às 14:47 · 09.08.2017 por
No primeiro semestre do ano, a Polícia Militar registrou a apreensão de 97 armas de fogo na cidade de Juazeiro do Norte. Segundo os dados estatísticos produzidos pelo 2º BPM, os três bairros com maior número de apreensões nesse período são João Cabral, Triângulo e Santa Teresa. De janeiro a julho, foram retiradas de circulação 27 armas de fogo nesses três bairros.
No mês de julho, houve registro de 10 apreensões de arma de fogo em Juazeiro do Norte, sendo registradas três apreensões no bairro Frei Damião, duas no Horto e uma nos bairros João Cabral, Centro, Lagoa Seca, Timbaúbas e Triângulo, respectivamente. Os principais tipos de armas apreendidos são pistolas, espingardas e, em grande maioria, revólveres.
De acordo com o comandante do 2º BPM, Tenente-Coronel Cícero Nelson Cordeiro de Brito, os resultados obtidos advém do planejamento e execução de ações realizadas pela Polícia Militar. Além disso, o empenho dos policiais militares tem sido fundamental para o êxito das abordagens e saturações realizadas nos diversos bairros da cidade. Segundo o Oficial, a estratégia para o combate ao porte ilegal de arma é dispor o policiamento nos locais e horários com maior incidência de delitos, visando o objetivo maior que é proteger a sociedade.
18:08 · 08.08.2017 / atualizado às 18:12 · 08.08.2017 por

Juazeiro do Norte. Detentos da Penitenciária Industrial Regional do Cariri (PIRC), neste Município, se rebelaram na manhã desta terça-feira contra um grupo de internos da facção criminosa Comando Vermelho. De acordo com a Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado, a rebelião iniciou por volta das 9h30 e não deixou nenhum preso ferido. Segundo Carlos Eduardo de Brito, diretor do Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindasp-CE), presos de três vivências da unidade prisional (2, 3 e 4) quebraram celas e pularam os muros em direção a outra vivência, conhecida com Bopil, “onde se encontravam os detentos de uma facção rival”.

Ainda conforme o diretor do Sindasp, a rebelião foi contida, inicialmente, por 16 agentes penitenciários que estavam de plantão, com apoio de uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). “Nossa penitenciária fica muito distante da área central. Não podíamos simplesmente esperar o reforço policial para só depois agirmos. Nossa função é zelar a integridade do preso”, conta. Os internos do Comando Vermelho (CV) foram isolados em outra área da Pirc até a chegada de policiais do Comando Tático Rural (Cotar) e Força Tática de Apoio.

Precariedade
Brito destaca o “heroísmo” dos agentes penitenciários que atuaram “com total precariedade de material de trabalho”. Segundo afirma, dos 40 agentes que participaram da contenção da rebelião, incluindo profissionais que estavam de folga e de outras unidades, apenas dez possuíam armas não letais.

“Foi um ato de heroísmo. Muitos agentes tiveram que utilizar armas particulares, para proteger a própria vida, embora não tenha sido preciso efetuar nenhum disparo contra os detentos. Os agentes que possuíam armas não letais tinham poucas munições e muitos utilizaram coletes vencidos”, criticou Brito. Durante a ação, alguns agentes penitenciários ficaram levemente feridos. “Nada grave, apenas escoriações. Os presos da Bopil jogaram pedras e paus”, acrescenta.

Transferência
Sessenta e sete presos da facção criminosa Comando Vermelho foram transferidos, ao fim da noite, para a Cadeia Pública de Juazeiro do Norte, de acordo com a Sejus. Após o controle da rebelião, os agentes penitenciários, com apoio da Polícia Militar, realizaram revistas nas celas. “Encontramos inúmeros cossocos, que são armas de fabricação artesanal, paus e muitas barras de ferro”, detalhou Carlos Eduardo. De acordo com a Sejus, outra motivação da rebelião seria uma tentativa de fuga. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria, “internos de duas vivências tentaram efetuar fuga pela parte superior da unidade após quebrarem celas e queimarem colchões”

08:53 · 07.08.2017 / atualizado às 08:53 · 07.08.2017 por

A Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19), que abrange a Região do Cariri, registrou uma redução de 21% no número de homicídios durante o mês de julho. Nesse período, foram contabilizados 18 crimes dessa natureza enquanto em julho de 2016, o total foi de 23 homicídios.

O atual comandante do 2º BPM, Tenente-Coronel Cícero Nelson Cordeiro de Brito, que assumiu o cargo no dia 18 de julho, vem adotando novas estratégias no emprego do policiamento ostensivo geral nas cidades do Cariri cearense. O objetivo é dinamizar as ações da Polícia Militar e garantir uma segurança púbica de qualidade em toda a AIS 19.

11:32 · 26.07.2017 / atualizado às 14:07 · 26.07.2017 por
Fotos: Divulgação

Juazeiro do Norte. Policiais Civis das Delegacias Regionais de Juazeiro e Crato fecharam no final da tarde de ontem (26) um bingo eletrônico que funcionava de forma irregular, na rua São Pedro, no centro deste Município. De acordo com inspetor-chefe, Diego Morais Vasconcelos, a operação ocorreu após denúncias anônimas.

No local, ainda segundo Morais, foi apreendido vasto material utilizado para prática de jogos de azar, como computadores, globo, bolas e cartelas. Mais de dez pessoas que estavam no estabelecimento, no momento da operação, foram conduzidas para a Delegacia Regional de Juazeiro do Norte (20ª Região) para prestarem esclarecimentos e liberadas em seguida.

O proprietário do bingo eletrônico, identificado como Maikon Gonçalves Pereira, de 38 anos, foi preso e atuado no Artigo 50, da lei de Contravenção Penal. De acordo com Diego, Maykon já responde pelo mesmo crime, quando há quatro anos foi flagrado com uma casa de bingo na cidade de Crato. Ele também responde por formação de quadrilha, organização criminosa e crime contra a ordem tributária.

10:50 · 26.07.2017 / atualizado às 10:50 · 26.07.2017 por

Durante a manhã dessa terça-feira, 25, o novo comandante do 2º BPM, Tenente-Coronel Cícero Nelson Cordeiro de Brito, esteve reunido com os oficiais supervisores do Policiamento Ostensivo Geral (POG) que atuam em toda a Região do Cariri.

A reunião contou ainda com a presença do Subcomandante da Unidade, Major Victor Emanuel e do Comandante do 5º BPCOM, Major Adailton da Silva, que também exerce a função de coordenador do Policiamento Ostensivo Geral (POG). O objetivo do encontro foi alinhar as diretrizes operacionais, realizadas através da Polícia Militar em toda a Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19), com a filosofia de trabalho do novo comandante do 2º BPM.

De acordo com o Tenente-Coronel Brito, a intenção do comando é manter as estratégias que estão dando certo em relação ao combate da criminalidade, bem como executar um planejamento de atuação voltado para a redução dos crimes contra a vida e contra o patrimônio através de ações que fortaleçam a segurança pública na Região do Cariri.

A passagem de comando da unidade foi realizada na última sexta-feira, 21, durante solenidade realizada no 2º BPM. Após dois anos e quatro meses à frente do 2º BPM, o Tenente-Coronel Hermann entregou o cargo ao Tenente-Coronel Brito, que já havia atuado como subcomandante da unidade durante os anos de 2013 e 2015.

12:07 · 14.07.2017 / atualizado às 12:07 · 14.07.2017 por

Em solenidade a ser realizada na praça Padre Cícero, no próximo sábado, às 9 horas, o Governados do Estado, Camilo Santana, estará entregando aos municípios da região, novas e modernas viaturas para fortalecer o trabalho da segurança nos municípios. Na ocasião, estará presente o Prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra.

Durante a entrega, serão repassadas as cidades da região, 32 viaturas militares. Em Juazeiro do Norte, do total de viaturas do Governo, estarão sendo entregues 15 veículos. Com isso, dando melhores condições de atuação para a segurança no interior do Estado, com maior aparato de trabalho por parte dos agentes, beneficiando a população de Juazeiro do Norte e do Cariri.

11:58 · 14.07.2017 / atualizado às 11:58 · 14.07.2017 por

Durante o mês de junho, houve uma redução de 20% nos crimes contra a vida em comparação ao mesmo período do ano passado quando foram registrados 34 crimes dessa natureza, segundo a Polícia Militar. De acordo com o Tenente Coronel Paulo Hermann Fernandes, o empenho e a integração das forças de segurança que atuam na AIS 19 foi essencial para a obtenção desses resultados.

Os dados estatísticos apontam também que houve redução de homicídios no segundo trimestre de 2017 quando foram registrados 82 homicídios. Esse total representa uma redução de 5,7% quando comparado ao mesmo período de 2016.

Ainda conforme Hermann, “além do esforço para salvar vidas, a dinâmica do policiamento ostensivo foi reelaborada para atuar de forma sistemática também no combate ao tráfico de drogas e na apreensão de armas de fogo com o objetivo de garantir a segurança da sociedade caririense”.

10:39 · 12.07.2017 / atualizado às 10:41 · 12.07.2017 por

A Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19), localizada na Região do Cariri, lidera as apreensões de armas de fogo no Estado do Ceará durante o primeiro semestre do ano. De janeiro a junho, já foram retiradas de circulação 391 armas de fogo, segundo os dados estatísticos divulgados pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Os dados apontam que o mês de março teve o maior índice de apreensão, ou seja, 96 armas de fogo foram retiradas das ruas. Em janeiro foram registradas 73 apreensões, em fevereiro foram contabilizadas 77, em abril o total foi de 52, em maio e junho foram apreendidas 45 e 48 armas, respectivamente. Entre os principais tipos de armas apreendidos pela Polícia Militar estão os revólveres, pistolas e espingardas.

De acordo com o comandante do 2º BPM, Tenente Coronel Paulo Hermann Fernandes Macedo, o trabalho da Polícia Militar em 2017 tem sido intenso no sentido de combater a criminalidade e garantir a tranquilidade da população. Segundo o Oficial, as ações de combate ao porte ilegal de arma de fogo são realizadas através de abordagens e saturações em locais e horários estratégicos, além da averiguação de denúncias por parte da população.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

05:28 · 12.07.2017 / atualizado às 09:08 · 12.07.2017 por
Foto:s VcRepórter/Diário do Nordeste

Nova Olinda. A agência do Banco do Brasil, deste Município, no Cariri cearense, foi atacada por uma quadrilha fortemente armada na madrugada desta quarta-feira, 12. O ataque ao banco, que fica a menos de 300 metros da Delegacia da cidade, na rua Alvi Alves, centro, aconteceu por volta de 1 hora. Segundo a Polícia, mais de dez bandidos invadiram a cidade em posse de armas de grosso calibre e explosivos.

Os assaltantes foram primeiro ao destacamento da cidade e efetuaram vários tiros para inibir a ação policial. Em seguida, se deslocaram para a agência bancária, onde dinamitaram o setor dos caixas eletrônicos. Com a explosão, parte do banco ficou destruído. De acordo com populares que moram próximo ao banco, “cerca de oito pessoas foram enfileiradas em frente a agência para protegerem os bandidos da linha de tiros”.

Policiais da Força Tática de Apoio e do Batalhão de Divisas foram acionados ao local e houve perseguição. Os bandidos fugiram utilizando um veículo S10 e motocicletas. Na fuga, a quadrilha efetuou vários disparos. De acordo com o Sargento Everardo Cruz Landim, comandante da unidade policial militar local, dez pessoas foram feitas reféns. Elas teriam sido libertadas próximo a cidade de Exu (PE). Segundo o comandante do 2º BPM, Tenente Coronel Paulo Hermann Fernandes Macedo, os criminosos não conseguiram levar nenhuma quantia em dinheiro.

Até o momento, ninguém foi preso ou identificado. A informação é de que a quadrilha teria fugido em direção a cidade de Exu, no Pernambuco. Policiais Militares das cidades de Juazeiro do Norte e Crato estão fazendo buscas na região na tentativa de localizar o grupo.

Ataques
Esse já é o 35º ataque a banco registrado no Ceará somente em 2017. Na região do Cariri, o último crime foi cometido há um mês. A agência do Banco do Brasil de Assaré, foi alvo de explosões na madrugada do último dia 11 de junho. De acordo com relatos de moradores, durante a ação criminosa, também houve troca de tiros.

Só este mês já foram três ataques. O primeiro, na cidade de Baixio, também no Cariri. Em 03 de julho, o bando explodiu um caixa-eletrônico do Banco do Brasil. O crime ocorreu durante a madrugada. Segundo informações da Polícia, a quadrilha invadiu a cidade e se dirigiu ao prédio da Prefeitura, onde não encontrou resistências para chegar ao caixa-eletrônico. O equipamento foi destruído com a explosão de um artefato, mas, segundo a Polícia, os ladrões não conseguiram roubar o dinheiro.

Seis dias depois um banco da cidade de Ipueiras, na região Norte do Estado foi atacado e, no dia seguindo, a agência do Banco do Brasil, no município de Redenção, foi alvo dos criminosos.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br