Busca

Categoria: Polícia


13:28 · 21.02.2018 / atualizado às 13:29 · 21.02.2018 por
Com 18 anos de idade, Juliana estudava Economia. (Foto: Reprodução/Facebook)

Assaré. Após 12 dias do incêndio que chocou o os moradores deste Município no Cariri cearense, a estudante Juliana Oliveira, faleceu na manhã de hoje (21). Ela estava internada desde o dia 10 de fevereiro no Centro de Tratamento de Queimados, no hospital Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza. Com 18 anos de idade, ela estudava Economia na Universidade Regional do Cariri (URCA).

Juliana sofreu queimaduras de 1º e 2º graus em 88% do corpo e acabou não resistindo. Enquanto seu pai, o agricultor João Batista de Oliveira, faleceu na madrugada de ontem (20). Ele teria ateado fogo na sua própria casa, atingindo sua esposa, de 50 anos, e seus dois filhos. O homem teve seu 90% do seu corpo queimado, enquanto a mulher e o garoto de 11 anos sofreram queimaduras mais leves. Ela permanece internada em Barbalha, enquanto a criança está sob cuidados de familiares.

O caso

Segundo testemunhas, por volta das 18h30 do último dia 9 de fevereiro, o homem chegou bêbado em casa e ateou fogo no domicílio com toda sua família dentro. Ele não teria aceitado o pedido de separação da mulher. O agricultor teria jogado gasolina nos filhos e, depois, no próprio corpo. Ao ver a fumaça, os vizinhos arrombaram a porta e conseguiram retirar a família da casa em meio às chamas.

Os quatro sofreram queimaduras e foram atendidos, de imediato, no hospital de Assaré. No entanto, com ferimentos mais graves, a filha e seu pai, chegaram, a princípio, no Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte. Juliana chegou a ser transferida de helicóptero no dia seguinte, pela Coordenadoria Integrada De Operações Aéreas (Ciopaer), para o Centro de Tratamento de Queimados, no hospital Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza.

05:05 · 20.02.2018 / atualizado às 03:22 · 20.02.2018 por
A operação especial atuou também nas rodovias. (Foto: Divulgação/PMCE)

Juazeiro do Norte. A “Operação Ressaca”, iniciada na última quinta-feira (15), logo após o carnaval, se estendeu até o último domingo (18), com diversas ações de segurança realizadas pela Polícia Militar. As abordagens e saturações nas principais vias do Município resultaram na apreensão de duas armas de fogo, na recuperação de quatro veículos roubados, duas prisões por embriaguez ao volante, duas prisões por roubo e uma prisão por tráfico de drogas.

Durante a operação foram retirados de circulação um revólver calibre 32, apreendido durante uma abordagem realizada no bairro Lagoa Seca, e um rifle de calibre 22, apreendido durante uma averiguação de denúncia de ameaça no bairro Franciscanos.

Além disso, cerca de 0,320kg de entorpecentes foram apreendidos no bairro Pedrinhas juntamente com outros objetos como balança de precisão, um aparelho celular, embalagens para acondicionamento de drogas e dinheiro. A ação decorreu de uma denúncia de tráfico de drogas resultando na prisão de Anderson Silva Alencar, 25 anos, conhecido como ‘Ganso’. O mesmo foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil de Juazeiro do Norte.

Carnaval

Durante o feriado prolongado, a região do Cariri apresentou mais um número positivo em relação ao mesmo período do ano passado. Este ano, apenas um homicídio foi registrado, enquanto em 2017, seis foram contabilizados nas 25 cidades da Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19).

 

09:54 · 15.02.2018 / atualizado às 09:54 · 15.02.2018 por
Policiais acompanham o ‘Carnaval Cultural’ de Juazeiro do Norte. (Foto: Antonio Rodrigues)

Juazeiro do Norte. Iniciada na última sexta-feira (9), a Operação Carnaval 2018 registrou uma redução significativa no índice de homicídios durante o período carnavalesco na Área Integrada de Segurança (AIS 19), que integra 25 cidades do Cariri. Até o início da quarta-feira de cinzas (14), um crime desta natureza foi contabilizado, enquanto no ano passado, seis homicídios ocorreram no feriado prolongado.

A Polícia Militar avalia positivamente as ações de segurança desencadeadas no período. Dados levantados pelo 2º BPM apontam que além da redução dos crimes contra a vida, a Polícia Militar retirou de circulação 20 armas de fogo nesse período, realizou sete prisões por tráfico de drogas e apreendeu mais de 2,256kg de entorpecentes, entre maconha, crack e cocaína em toda a Região do Cariri.

Para o Comandante do 2º BPM, Major Luciano Rodrigues, os resultados obtidos decorrem do compromisso da Polícia Militar com a segurança da população. “A Operação Carnaval de 2018 foi uma das mais exitosas dos últimos anos, não só porque vidas foram salvas, mas, sobretudo, porque o combate à criminalidade continuou sendo uma estratégia para a promoção da paz social”, afirmou o Oficial.

As cidades caririenses, que nessa época do ano realizam festejos carnavalescos, como Barbalha, Crato e Juazeiro do Norte, tiveram seu efetivo policial militar reforçado e distribuído em locais e horários que concentram grande fluxo de pessoas. A pé e motorizados, várias viaturas e motocicletas atuaram ostensivamente de forma preventiva.

12:02 · 10.02.2018 / atualizado às 16:59 · 10.02.2018 por
Juliana, filha do acusado, foi transferida para Fortaleza. (Foto: VCRepórter)

Assaré. Uma tragédia familiar assustou moradores deste município, no Cariri cearense, há 480 km da capital, Fortaleza, nesta sexta-feira (9). Por volta das 18h30, um homem, identificado como o agricultor João Batista de Oliveira, de 49 anos, teria ateado fogo na sua casa, atingindo sua esposa, de 50 anos, e seus dois filhos, uma jovem de 18 anos e um garoto de 11 anos.

Os quatro sofreram queimaduras e foram atendidos, de imediato, no hospital de Assaré. No entanto, com ferimentos mais graves, a filha e o suspeito, vieram a ser transferidos para o Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte. Juliana Alves de Oliveira sofreu queimaduras de 1º e 2º graus em 88% do corpo e está em estado grave. Enquanto seu pai, está em estado gravíssimo e teve 90% do seu corpo queimado.

Por volta das 12h30, de hoje (10), Juliana foi transferida de helicóptero, pela Coordenadoria Integrada De Operações Aéreas (Ciopaer), para o Centro de Tratamento de Queimados, no hospital Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza. A jovem já está na capital. Já João Batista, permanece em Juazeiro do Norte, já que seu estado clínico é instável e, por isso, não é recomendado a remoção do paciente neste momento.

O caso

Segundo testemunhas, o homem chegou bêbado, em casa, no momento do crime. Ele não teria aceitado o pedido de separação da mulher. O agricultor teria jogado gasolina nos filhos e, depois, no próprio corpo. Ao ver a fumaça, os vizinhos arrombaram a porta e conseguiram retirar a família da casa em meio às chamas.

10:09 · 09.02.2018 / atualizado às 10:11 · 09.02.2018 por
Efetivo de policiais será maior nas cidades com concentração de brincantes. (Foto: Divulgação/PMCE)

Juazeiro do Norte. A Polícia Militar desencadeou hoje (9) a Operação Carnaval 2018, na Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19), que compreende 25 municípios da região do Cariri. O objetivo é garantir a segurança e a tranquilidade da população durante as festas de carnaval. A ação da polícia se estenderá até o dia 14 de fevereiro.

As cidades caririenses, que nessa época do ano realizam festejos carnavalescos, terão seu efetivo policial militar reforçado e distribuído em locais e horários que concentram grande fluxo de pessoas. As cidades do triângulo CRAJUBAR devem concentrar a maior parte do efetivo, mas as demais cidades também serão assistidas pelo policiamento local.

De acordo com o Comandante da Companhia de Juazeiro do Norte, Major Adailton da Silva, o efetivo policial será empregado a pé e motorizado, sendo este distribuído em viaturas e motocicletas, e atuará ostensivamente de forma preventiva e repressiva, quando for o caso, sempre visando à segurança da população.

O primeiro município atendido pelas ações segurança é a cidade do Crato que realiza anualmente o tradicional “Desfile das Virgens”. O bloco carnavalesco sairá às ruas nesta sexta-feira, 09. O poder público de Juazeiro do Norte promoverá entre os dias 10 e 13 de fevereiro, eventos no entorno do Teatro Marquise Branca. A cidade de Barbalha realizará seu carnaval de rua no Parque de Eventos, nos Distritos  de Arajara, Caldas e Sítio Estrela a partir do dia 09 de fevereiro. Além disso, o município de Caririaçu também receberá efetivo para o carnaval no período de 10 a 13 de fevereiro.

08:56 · 08.02.2018 / atualizado às 09:35 · 08.02.2018 por

 

Os três presos foram levados para a Delegacia Regional de Juazeiro do Norte. Foto: Antônio Rodrigues

Ao todo, são expedidos 28 mandados, cumpridos em Juazeiro do Norte, Crato, Brejo Santo e Icó

A Polícia Civil do Ceará deflagrou, na manhã desta quinta-feira (8), a operação Juazeiro Pacífico, com o objetivo de combater a criminalidade em Juazeiro do Norte. A ação, que conta com 40 policiais, prendeu três pessoas.

Um dos detidos é Antônio Cláudio Jacó da Silva, acusado de matar e degolar um homem no ano passado. Ele estava foragido desde que fugiu da Cadeia Pública de Barbalha no ano passado. Ele já respondia por latrocínio e homicídio em Crateús.

Ao todo, foram expedidos 28 mandados de busca e apreensão e de prisão, cumpridos em Juazeiro do Norte com o apoio das regionais de Crato, Brejo Santo e Icó e da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

Os três presos foram levados para a Delegacia Regional de Juazeiro do Norte. Mais detalhes serão repassados pela Polícia ainda na manhã desta quinta.

16:03 · 02.02.2018 / atualizado às 16:10 · 02.02.2018 por
Ano passado teve aumento de efetivo e a chegada de 34 viaturas na região. (Foto: Relações Públicas do 2º BPM)

Juazeiro do Norte. Com 25 municípios, a Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19) registrou 22 homicídios no mês de janeiro de 2018, enquanto, no mesmo período do ano passado, 34 foram contabilizados. Isso representa uma redução de 35% nos índices de crimes dessa natureza.

Em Juazeiro do Norte, a maior cidade do interior sul do Estado, a redução de homicídios foi de 83% quando comparado ao ano anterior. Em 2017, foram registrados 12 homicídios, enquanto em 2018 o número caiu para 2. Além de atuar em prol da preservação da vida, a Polícia Militar tem envidados esforços no sentido de desarticular a criminalidade combatendo o porte ilegal de arma, o tráfico de drogas, o roubo a pessoa e o furto de veículos.

De acordo com o Comandante da  AIS 19, Major Luciano Rodrigues, os dados apresentados são preliminares e devem ser consolidados ao longo do mês pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). No entanto, é importante ressaltar a redução dos crimes contra a vida na Região do Cariri e que estes resultados se devem ao compromisso da Polícia Militar com a sociedade, além da integração entre esta corporação e os demais órgãos da segurança pública.

Apreensões

Só no ano passado, o Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) retirou de circulação 150 armas de fogo, no Cariri, enquanto, em 2016, 96 armas foram apreendidas. Um aumento de mais de 50%. Além disso, foram encontradas cerca de 900 munições. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, a região é a que apresenta mais eficácia no combate a criminalidade no Ceará.

Aumento de efetivo

No final do ano passado foi lançado a base do BPRaio em Crato, que acrescentou mais 37 policiais, divididos em seis equipes, com auxílio de 16 motos e uma viatura 4×4. No entanto, segundo o secretário de Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, até junho de 2018 outra unidade será criada em Barbalha. A chegada da equipe faz parte do programa de interiorização que amplia a atuação nas cidades com população acima de 50 mil habitantes.

10:24 · 01.02.2018 / atualizado às 10:27 · 01.02.2018 por
Ao todo, 30 câmeras serão instaladas no Crato. (Foto: Divulgação/Prefeitura)

Crato. Na última semana, foram instaladas as primeiras câmeras de vigilância no Município. Elas estão sendo colocadas em locais estratégicos, com maior movimento, como, por exemplo, na Rua Bárbara de Alencar, no Centro. O equipamento foi adquirido pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em parceria com a Prefeitura Municipal.

O objetivo da instalação é aprimorar a segurança pública dentro do município, além de colaborar com o trabalho dos militares que terão maior acesso às ações dos indivíduos, objetivando o combate à criminalidade. Todos os municípios contemplados com os equipamentos possuem população acima de 50 mil habitantes, também receberão reforço do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), com uma central de monitoramento para acompanhar as câmeras em tempo real.

Estão sendo instaladas no município do Crato, 16 câmeras de vídeo monitoramento. Porém, em virtude da necessidade de cobertura do grande espaço geográfico urbano da cidade, e de fazer fronteira com o Estado do Pernambuco, o Governo Municipal solicitou mais 14 câmeras, totalizando 30 equipamentos.

As câmeras estarão conectadas com a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (CIOPS). Além disso, já foi criado um sistema integrado que detecta a presença de carros e motos furtados. Alguns dos sensores já estão espalhados no Município. Inclusive, veículos já foram recuperados. “Os policiais poderão atuar guiados, já abordando os veículos corretos”, garante o secretário de Segurança Pública e Defesa Social, André Costa.

05:49 · 26.01.2018 / atualizado às 03:53 · 26.01.2018 por
A expectativa é que Juazeiro do Norte receba 250 mil pessoas. (Foto: Elizângela Santos)

Juazeiro do Norte. A Romaria de Nossa Senhora das Candeias, que se estende do do dia 29 de janeiro até o dia 02 de fevereiro de 2018, terá um esquema de atuação integrada com os demais órgãos da segurança pública estadual e municipal. O policiamento ostensivo atuará diuturnamente em locais com grande fluxo de pessoas como igrejas, praças, museus, mercados, terminal rodoviário e Colina do Horto.

Em relação ao efetivo empregado durante o evento, além dos policiais militares que atuam em Juazeiro do Norte, foi disponibilizado reforço, tanto de outras cidades do Cariri, como do Batalhão de Policiamento de Eventos (BPE), oriundo da capital do Estado.

De acordo com o Comandante do 2º BPM, Major Luciano Rodrigues, um oficial será designado, exclusivamente, para coordenar as ações de segurança da Romaria de Nossa Senhora das Candeias. O objetivo maior é garantir a tranquilidade das pessoas que residem e visitam a terra do Padre Cícero durante os festejos religiosos.

Segundo o comandante da 1ª companhia do 2º BPM (Juazeiro do Norte), Major Adailton da Silva, a Polícia Militar deve atuar com policiamento motorizado, através de viaturas e motocicletas, além do policiamento a pé, visando dinamizar o serviço operacional e o atendimento de ocorrências, quando for o caso.

13:12 · 25.01.2018 / atualizado às 13:12 · 25.01.2018 por
Ana Lúcia já tem passagens por tráfico de drogas. (Fotos: VCRepórter)

Juazeiro do Norte. A Polícia Militar prendeu, na noite de ontem (24), Ana Lúcia de Souza, 62, acusada de tráfico de drogas. Ela mora no bairro José Geraldo da Cruz e foi encontrada com 133 trouxas de maconha, prontas para comercialização, em sua residência. A equipe chegou até a mulher através de denúncia anônima.

Por volta das 20h, três viaturas foram até o local. Com Ana Lúcia encontraram além da droga, três celulares, dois relógios, dois rádios HTS, uma balança de precisão e a quantia de R$ 236,50. Todo material e a acusada foi conduzida à Delegacia Regional de Juazeiro do Norte (20ª Região). 

Segundo o Major Luciano, que orientou a operação, a acusada já é conhecida pela polícia, inclusive, com passagens por tráfico de drogas. “Ela já é conhecida nossa. Chamam ela de ‘Vovó do Tráfico’. Ela havia se mudado recentemente”, afirmou o oficial.

Apreensões

Em 2017, sete toneladas de drogas foram apreendidas no Ceará, a maior quantidade desde 2013, de acordo com o relatório da Secretaria de Segurança Pública. Só de maconha, 6.557 quilos foram tirados de circulação.