Busca

Categoria: Saúde


10:40 · 17.08.2018 / atualizado às 10:40 · 17.08.2018 por
O espaço terá 1,579,03 m² divididos em salas planejadas e climatizadas de acordo com a funcionalidade de cada uma. (Foto: Divulgação/Prefeitura)

Crato. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) anunciou a reforma do Centro de Especialidades, o popular “posto da grota”, localizado no bairro Pinto Madeira. A reconstrução do equipamento objetiva uma integral transformação para que o local se torne referência em atendimentos em saúde para os cratenses e cidades circunvizinhas. O valor total da obra é de R$ 3.449.872,11.

A nova unidade de saúde será composta por um centro cirúrgico, clínica integrada, três salas de clínica geral, duas de atendimento médico, uma de repouso, sala de espera, recepção e dois SAMEs (Serviço de Arquivo Médico e Estatística), além de espaços especializados para endoscopia, cardiologia, neurologia, ortopedia e reumatologia, pneumologia, otorrinolaringologia, nutrição, assistência social, psicologia, dermatologia, endocrinologia, ultrassonografia, geriatria, mastologia,  ginecologia, obstetrícia, fisioterapia, raio x.

O ambiente projetado conta com uma área total construída de 1,579,03 m² divididos em salas planejadas e climatizadas de acordo com a funcionalidade de cada uma. O Centro possuirá os elementos indispensáveis para a acessibilidade, no propósito de garantir o acesso a todos, sem restrições.

Segundo o secretário Municipal de Saúde, André Barreto, além da reforma do Centro de Especialidades, a gestão está trabalhando na melhoria da saúde de uma forma geral, através do programa “Crato Cuidando de Você”.

O Governo Municipal trará ferramentas de melhorias, como o Cartão Saúde, que terá foto e biometria; acesso a saúde através da informatização dos processos; teleagendamento de consultas nas Unidades Básicas de Saúde, prontuário eletrônico do cidadão; ampliação das cirurgias eletivas, melhoramentos nas estruturas das unidades de saúde e certificação de qualidade em unidades de saúde.

11:30 · 15.08.2018 / atualizado às 11:30 · 15.08.2018 por
Cerca de 220 crianças estão sendo atendidas. (Foto: Divulgação/Prefeitura)

Juazeiro do Norte. Desde a última segunda-feira (13), a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) está realizando atendimentos médicos para alunos de escolas da rede municipal. Serão 220 consultas ofertadas para crianças que foram encaminhadas pela Secretaria Municipal de Educação (Seduc), a partir da suspeita de possuírem alguma deficiência cognitiva, emocional ou social.

Os atendimentos estão sendo feitos por médicos da Atenção Primária e ocorrerão durante duas semanas, no Centro Regional de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST). O objetivo é identificar as crianças que precisam ser encaminhadas para consultas na Atenção Secundária, com especialistas, como neuropediatra, psicólogo e psiquiatra, por exemplo. Os diagnósticos irão ajudar as famílias na descoberta e tratamento de possíveis deficiências.

A titular da Sesau, Francimones Albuquerque, ressalta que essa ação representa a forma de trabalhar da gestão, integrando os serviços das secretarias em prol da população. “Esse suporte da Secretaria de Saúde é no sentido de melhorar a qualificação dessas crianças, para que elas possam ter um nível de aprendizagem melhor”, completa Francimones.

Para a secretária de Educação, Maria Loureto Lima, esses atendimentos fortalecem ainda mais a parceria da Seduc com a Sesau, que através do Programa Saúde na Escola (PSE) já realiza uma série de atividades nas escolas da rede municipal voltadas para o cuidado com a saúde dos alunos.

A dona de casa Renata Gonçalves acompanhou o filho de nove anos no atendimento médico. “Eu gostei muito desse atendimento porque eu vi a preocupação da escola, que viu o problema dele e encaminhou para cá. A gente foi para a escola e trouxeram a gente. Foi facilitado. Fazia tempo que ele precisava desse atendimento”, afirmou Renata. Com o diagnóstico e tratamento correto para a necessidade do filho ela acredita que o rendimento dele na escola irá melhorar, assim como o comportamento em casa.

08:20 · 13.08.2018 / atualizado às 11:30 · 13.08.2018 por
28 animais foram adotados em um único dia. (Foto: Divulgação/Prefeitura)

Juazeiro do Norte. A Secretaria Municipal de Saúde, através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), promoveu o 4º evento de adoção de cães e gatos, no último sábado (11), na Praça dos Ourives. Na ação, 28 animais foram adotados. Lá, também foi disponibilizada vacina antirrábica, com 300 doses aplicadas.

Os eventos de adoção estão sendo realizados desde janeiro deste ano para possibilitar que os animais que não estejam doentes possam deixar o CCZ. Já que o mesmo não funciona como abrigo para animais saudáveis. Já chega a 106 o número de cães e gatos que ganharam um lar durante os eventos.

A dona de casa, Cícera Josefa, ficou sabendo do evento e foi com filho escolher um cachorro. Eles levaram um animal já adulto. Segundo ela, optou pela adoção para que o filho tivesse companhia para brincar. No ato da adoção as pessoas recebem orientações com os profissionais do CCZ sobre posse responsável e como prevenir as zoonoses, que são as doenças que os animais podem transmitir aos seres humanos.

É importante ressaltar que o CCZ não recebe cães e gatos saudáveis e que abandono e maus-tratos aos animais é crime, previsto na lei Lei Federal nº. 9.605 de 1998, Art. 32.

11:38 · 10.08.2018 / atualizado às 11:38 · 10.08.2018 por
Ação já acontece no bairro Mirandão. (Foto: Antonio Rodrigues)

Crato. A Secretaria Municipal de Esporte e Juventude (SEJU) inaugura mais um polo do projeto ‘Crato em Movimento’. Agora é a vez da comunidade da Batateira receber as atividades de dança e ginástica, todas as terças e quintas, das 18h30 às 19h30. Ao todo, oito bairros cratenses recebem a ação.

Além de oferecer oportunidades à população com os serviços de saúde e lazer, o projeto pretende promover o fortalecimento de vínculos na comunidade. O titular da SEJU, Lamar Lima, comemora o sucesso e aceitação por parte da população. “Estamos sempre aumentando os polos atendendo o maior número de pessoas. Esse é o oitavo polo onde pretendemos oferecer saúde e lazer às comunidades menos assistidas”, frisou Lamar.

O ‘Crato em Movimento‘ surgiu na Encosta do Seminário, há mais de um ano, a principio, como projeto, levando aulas gratuitas de ginástica e dança para a comunidade. Hoje, mais de 1.600 pessoas são atendidas. O Programa conta com educadores físicos acompanhando e incentivando o grupo que, em sua maioria, é formado por mulheres adultas. Aberto ao público, crianças e idosas também participam.

Horários das aulas em cada bairro:

ALTO DA PENHA EM AÇÃO, das 17h às 18h – Alto da Penha (Salão Paroquial, ao lado da igreja):

Terça-feira – Ginástica/ Funcional

Quinta-feira – Ginástica/ Dança

MIRANDÃO ATIVO, das 17h às 18h e das 18h às 19h – Mirandão (Praça da Igreja):

Terça-feira – Ginástica/ Funcional

Quinta-feira – Ginástica/ Dança

ENCOSTA EM MOVIMENTO, das 17h às 18h e das 18h às 19h – Encosta do Seminário:

Segunda-feira – Aeróbico/ Ginástica

Quarta-feira – Funcional/ Ginástica Localizada

Sexta-feira – Dança (Livre)

VILA LOBO É SAÚDE, das 17h às 18h – Vila Lobo (Praça do bairro):

Segunda-feira – Ginástica/ Funcional

Quarta-feira – Ginástica/ Dança

ROMUALDO É MAIS SAÚDE, das 18h30 às 19h30

Segunda-feira e Quarta-feira – Dança e Ginástica

POLO GESSO – GESSO ATIVO das 8h às 9h

Quartas e Sextas – Dança e Ginástica

PÓLO BATATEIRA – MEXE BATATEIRA, das 18h30 às 19h30

Terças e Quintas – Dança e Ginástica

11:09 · 06.08.2018 / atualizado às 11:09 · 06.08.2018 por
Ação social aconteceu no bairro Frei Damião – terceiro bairro mais populoso – com 14.677 habitantes. (Foto: Divulgação/Prefeitura)

Juazeiro do Norte. A Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (Sedest) em parceria com as secretarias de Saúde (Sesau) e  Esporte e Juventude (Sejuv) realizaram uma ação social, no último sábado (04), que atendeu mais de 1.500 pessoas do bairro Frei Damião. O Polo de Convivência Social Dra. Rosiane Limaverde contou com atendimento em saúde e lazer.

Pelo menos 530 pessoas passaram por orientações médicas, aplicação de flúor e vacinas, testes rápidos para hepatite, HIV e sífilis, atendimento da casa do povo, bolsa família, massoterapia, fisioterapia, atendimento jurídico, jogos e muito mais.

A ação, organizada pela Proteção Social Básica da Sedest, terá continuidade em outros bairros e equipamentos socioassistenciais do município. Segundo a secretária de Saúde, Francimones Albuquerque, as ações intersetoriais proporcionam um processo de interação maior entre a administração e a sociedade, com uma atuação mais enérgica nos pontos mais fragilizados, proporcionando assim condições dignas de saúde a população juazeirense.

13:56 · 24.07.2018 / atualizado às 14:48 · 24.07.2018 por
Na última sexta-feira (20), técnicos da Anvisa estiveram em Juazeiro do Norte realizando a capacitação. (Foto: Divulgação/Prefeitura)

Juazeiro do Norte. A Secretaria Municipal de Saúde, começou a emitir, a partir desta segunda-feira (23), o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP).  Com isso, o Município é a primeira cidade do interior do Ceará a emitir o documento, que é exigido para entrada em alguns países e comprova a vacinação contra doenças, conforme Regulamento Sanitário Internacional.

A emissão do CIVP está sendo feita no Departamento de Vigilância Sanitária (VISA), localizado no Centro de Dermatologia, de segunda à sexta-feira, no horário de 8h30 às 11h30 e de 14h às 16h. O documento é emitido na hora, mediante apresentação do cartão nacional de vacinação, documento de identificação original com foto e comprovante de viagem ou escala/conexão em país com exigência do certificado.

Capacitação

Na última sexta-feira (20), técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) estiveram em Juazeiro do Norte realizando a capacitação da equipe de Vigilância Santinária municipal para emissão do CIVP.

A expedição do certificado não é exclusiva para quem mora em Juazeiro do Norte, mas sim para todos aqueles que necessitarem. A implantação do serviço irá facilitar e agilizar as viagens de quem antes precisaria se deslocar até Fortaleza ou outra capital para emitir o certificado.

11:07 · 19.07.2018 / atualizado às 11:07 · 19.07.2018 por
São 20 vagas oferecidas para participar de diversas ações. (Foto: Hannah Monteiro)

Crato. O Sesc neste Município receberá inscrições gratuitas de novos integrantes do Trabalho Social com Idosos (TSI), na próxima segunda-feira (23). Pela iniciativa do Programa de Comprometimento e Gratuidade, homens e mulheres acima de 50 anos podem participar de bailes temáticos, dinâmicas, oficina de informática, de trabalhos manuais, palestras, seminários, grupo de estudos sobre o Estatuto do Idoso, entre outras ações.

Para participar, basta apresentar a documentação na Unidade e ter renda familiar de até três salários mínimo. Ao todo, 20 vagas são oferecidas. Em cinco cidades cearenses, o Sistema Fecomércio promove assistência social para a população idosa, com intuito de estimular socialização, autoestima, envelhecimento ativo e fortalecimento de vínculos familiares.

Há 19 anos o Sesc atua no Crato com ações voltadas para a cidadania e qualidade de vida da população com mais de 60 anos, que, no município, passa de 13 mil pessoas, de acordo com o censo do IBGE de 2010. Semanalmente, o grupo de idosos tem atividades educativas e terapêuticas no Centro Pastoral Coração de Jesus, no Bairro Seminário, momentos em que são fortalecidos os vínculos de amizade, a saúde física e emocional dos participantes.

“Certamente poderia resumir o TSI em uma única palavra: renascimento. Ao longo desses 19 anos de trabalho no município do Crato, temos transformado a vida de inúmeros idosos. Nosso objetivo principal é valorizar o idoso, estimulando-o a participar de atividades diversas, respeitando suas particularidades e destacando suas potencialidades”, explica Heliane Aragão, analista assistencial do Sesc no Crato.

Renascer na velhice   

Aos 74 anos, Sônia Gomes subiu ao palco para interpretar a palhaça Carinhosa e não nega o orgulho que sentiu de si mesma “me achei o máximo”, lembra ela. A idosa faz parte do grupo de Teatro Raio de Sol, umas das várias atividades do Trabalho Social com Idosos (TSI) que o Sesc realiza no Crato. Foi lá que se tornou contadora de histórias, praticou atividades físicas e viajou pelo Brasil com seus amigos e amigas dos grupos de idosos.

“Me abri e comecei a ter coragem lá, renasci e aprendi muito. Quando fui para o Sesc, tive coragem de ter essas novas experiências. No Sesc, o sangue correu de novo nas minhas veias, é bela a velhice, apesar das limitações”, diz Sônia.

Os 13 anos de participação no TSI transformaram uma senhora tímida em uma artista que não tem medo de novas experiências. Sônia percebe que o relacionamento com amigos e familiares também melhorou, principalmente por receber deles liberdade e confiança. “Digo aos meus filhos: não me proíbam, enquanto eu puder me deixem andar, me deixem ir”. Aos futuros amigos que chegarão em breve no grupo do Sesc, ela promete: “recebo com muito carinho e mostro o quanto me fez e faz bem”.

Serviço

Inscrições gratuitas para Trabalho Social com Idosos – Crato

Data: a partir de 23/7, até o preenchimento das 20 vagas

Horário: 8h às 18h Local: Unidade Sesc do Crato (Rua André Cartaxo, 443)

Documentação: Identidade, CPF e comprovante de residência

Perfil: Programa Comprometimento de Gratuidade (PCG) – homens e mulheres acima de 50 anos com renda familiar de até três salários mínimos

06:05 · 12.07.2018 / atualizado às 06:07 · 12.07.2018 por
Cerca de 70 pessoas participaram da palestra ministrada pelo médico Antônio Marlos Duarte. (Foto: IACC)

Missão Velha. “Fique de olho: pode ser câncer infantojuvenil”, este foi o tema do treinamento, realizado na última segunda-feira (09), que o Instituto de Apoio à Criança com Câncer de Barbalha (IACC) promoveu na Câmara Municipal deste Município. A palestra foi voltada para os agentes comunitários de saúde da cidade, com o objetivo de orientar e habilitar esses profissionais para que possam colaborar no diagnóstico precoce do câncer em crianças e adolescentes.

Cerca de 70 agentes de saúde participaram da capacitação ministrada pelo médico Antônio Marlos Duarte. Durante a palestra, os participantes foram informados sobre os sinais e sintomas do câncer infanto-juvenil, as formas de detectar esses sinais e sintomas e as atitudes a serem tomadas diante de um quadro de suspeita da doença. Além disso, os agentes foram orientados sobre como abordar os pais diante de um quadro de suspeita, reduzindo o tempo entre a apresentação dos sintomas e o início do tratamento.

De acordo com IACC, através dos relatos das mães de crianças em tratamento, percebe-se que grande parte das garotos com câncer inicia o tratamento muito tarde. Isso acontece por causa da dificuldade de diagnóstico da doença. Muitas delas recebem outros diagnósticos e realizam outros tratamentos antes de serem diagnosticadas, fato que faz com que o paciente perca um tempo precioso.

O Câncer Infantojuvenil

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), estima-se que mais de 70% das crianças com câncer possam ser curadas quando ocorre o diagnóstico precoce. O Instituto estima 12.500 novos casos da doença para 2018, sendo que as regiões Sudeste e Nordeste apresentarão os maiores números de casos novos. O câncer infanto-juvenil já representa a primeira causa de morte (8% do total) por doença entre crianças e adolescentes de 1 a 19 anos.

O IACC

A instituição que realizou a capacitação foi o Instituto de Apoio à Criança com Câncer, de Barbalha, que é uma organização não governamental e sem fins lucrativos que atende às necessidades psicossociais dos portadores de câncer entre zero e dezenove anos de idade, oferecendo suporte também aos seus cuidadores. A capacitação dos agentes de saúde faz parte de uma série de ações da instituição no esforço de tornar o diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil um ponto forte da região do Cariri. Outras capacitações como esta serão realizadas nas outras cidades da região.

05:26 · 10.07.2018 / atualizado às 16:24 · 10.07.2018 por
Em relação a 2016, ano passado houve uma queda de mais de 30% no Crato. (Foto: Divulgação/Ministério da Saúde)

Crato. De acordo com dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade do Ministério da Saúde, este Município do Cariri cearense teve, em 2017, sua menor taxa de mortalidade infantil da história. Assim, pela primeira vez, a cidade atinge uma taxa de apenas um dígito: 9,97.

De acordo com a gerente da Célula da Vigilância Epidemiológica e Imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Danielle de Norões, em 2017 houve uma redução superior a 30% em relação ao ano anterior. “No ano de 2016, o índice de mortalidade infantil do município do Crato foi de 14,96, em 2017, nossos números baixaram. Isso é uma grande conquista que advém de um trabalho diário e em conjunto”, comemora.

A mortalidade infantil é indicador das condições de vida e saúde da população, as causas dos óbitos são, na maioria, potencialmente evitáveis por ação oportuna e adequada dos serviços de saúde. “Estaremos trabalhando para que esses números diminuam ainda mais, com muita atenção a qualidade da assistência disponibilizada para os cratenses”, destaca o secretário de Saúde, André Barreto.

De acordo com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), da gestação ao parto, o nascimento de uma criança envolve dezenas de pessoas, familiares, amigos e profissionais, tornando-se um grande acontecimento social, que quase sempre desperta alegria, esperança e responsabilidade.

Proteger esse novo ser é tarefa de todos, já que a criança é protagonista de seu próprio desenvolvimento, ou seja, desde a gestação ela não é propriedade de alguém e sim uma pessoa com direitos, capaz de modificar os ambientes e as reações dos indivíduos em sua volta e que, portanto, necessita ser ouvida em suas diferentes manifestações.

12:56 · 06.07.2018 / atualizado às 12:56 · 06.07.2018 por
Caso não cumpra, prefeito Júnior Macêdo será multado em R$ 1 mil por dia. (Foto: Renato Brito)

Aurora. O juiz de Direito da Comarca local, João Pimentel Brito, determinou, na última quarta-feira (4), que o prefeito Júnior Macêdo disponibilize psicólogo, psicopedagogo, terapeuta ocupacional, fonoterapeuta e neuropsicólogo para acompanhar o desenvolvimento de uma criança autista e outras em situações semelhantes identificadas pela Secretaria de Saúde. Caso não cumpra em 30 dias, receberá multa diária de R$ 1 mil.

A decisão, em caráter liminar, atende a uma Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), através do promotor de Justiça Luiz Alexandre Cyrilo Pinheiro Machado Cogan. A ação requereu a destinação de uma equipe multidisciplinar, promovida pelo município de Aurora, para acompanhar crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA), bem como os medicamentos e nutrição necessários ao controle da patologia. O Município deve, ainda, organizar e estruturar a atenção básica a tornar apta ao atendimento multidisciplinar.

Na ação, o promotor de Justiça solicita que seja concluído, no edital de concurso público municipal, os profissionais mencionados, com vagas e salário de mercado, tudo sob pena de multa diária. O inquérito civil público que originou a ação apurou ausência de fonoterapeuta, psicoterapeuta, psicopedagogo e terapeuta ocupacional naquele município, o que tem prejudicado o desenvolvimento educacional de crianças com deficiência.

Luiz Cogan buscou resolver a questão de forma extrajudicial, contudo o município acionado não o fez, afirmando que restou frustrada a contratação dos profissionais, como também disse que havia outras crianças e adolescentes em situação semelhante. O promotor de Justiça acrescentou que não foram disponibilizadas vagas para o cargo de psicopedagogo, bem como foi ofertada uma vaga para o cargo de terapeuta ocupacional. Todavia, não houve aprovados, tudo no processo seletivo realizado pelo Poder Público.