Busca

Tag: acidente


10:32 · 04.06.2018 / atualizado às 15:05 · 04.06.2018 por
A vítima foi socorrida pelo SAMU e levada ao Hospital Regional do Cariri. (Foto: Felipe Azevedo)

Juazeiro do Norte. Uma mulher, identificada como Antônia Alves de Oliveira, de 52 anos, foi atropelada pelo Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), o popular Metrô do Cariri, na manhã desta segunda-feira (04). O acidente aconteceu nas proximidades da EEEP Raimundo Saraiva Coelho, na Avenida Paulo Maia, onde fica uma das estações. Ela foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no fim da manhã.

O acidente aconteceu por volta das 8h50. Segundo testemunhas, Antônia tentava atravessar os trilhos quando foi colhida pelo veículo. A vítima trabalhava como empregada doméstica próximo ao local da colisão. O maquinista chegou a acionar os freios de emergência, mas não foi suficiente para evitar o choque. A mulher foi atingida na parte lateral do corpo e ficou caída até receber o atendimento.

Rapidamente, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi até o local socorrer a mulher, que foi levada ao Hospital Regional do Cariri (HRC) em estado grave. Ela faleceu às 11h49. Segundo a assessoria o Hospital, Antônia teve trauma craniano grave e fratura exposta no tornozelo.

O VLT faz, diariamente, o trajeto entre Juazeiro do Norte e Crato, ao longo de 13,6 km. No total, são nove estações. Em alguns trechos, há cancelas para evitar a passagem de veículos.

Em nota, a Cia Cearense de Transportes Metropolitano informou que o VLT estava operando dentro dos padrões, não havendo nenhuma alteração em seu funcionamento, mas abriu processo de investigação do caso. Além disso, conforme o órgão, os procedimentos de emergência foram realizados, com acionamento de buzina e de freios, na tentativa de evitar o acidente.

22:30 · 11.04.2018 / atualizado às 11:08 · 13.04.2018 por
Moto ficou com a frente toda destruída. (Foto: VC Repórter)

Crato. Por volta das 18h, desta quarta-feira (11), um grave acidente na CE-292, nas proximidades do campus local do IFCE, matou um casal que vinham numa motocicleta. O veículo se chocou com um carro Fiat Uno na cor prata, que capotou. Antônia Félix de Lima e José Erivaldo, ambos do Município, morreram no local. O motorista do carro foi socorrido com escoriações.

O casal descia a caminho de Crato, enquanto o carro seguia no sentido oposto. Erivaldo guiava a moto quando aconteceu a colisão. Seu corpo e de sua esposa foram mutilados com o impacto da batida. Já o outro veículo capotou e ficou com os pneus para cima. O motorista foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e levado ao Hospital São Camilo.

Os familiares do casal estiveram no local e identificaram as vítimas. Antônia Félix de Lima era professora da rede municipal e ensinava na Escola Otacílio Correia de Lima, no distrito de Santa Fé. Já seu marido, José Erivaldo, trabalhava como pedreiro.

O acidente atraiu muitos curiosos e o trânsito chegou a ficar paralisado em alguns momentos. A perícia chegou ao local no início da noite. A CE-292 está sendo reformada, a pista foi ampliada e a pavimentação já tinha sido concluída. Neste trecho, conhecido como “ladeira das Guaribas”, já aconteceram vários acidentes. Em dezembro de 2015, por exemplo, quatro pessoas morreram quando um caminhão ficou sem freio e colidiu com quatro carros e uma moto.

10:32 · 30.03.2018 / atualizado às 15:27 · 30.03.2018 por
Fiat Uno ficou completamente destruído ao atingir poste. (Foto VC Repórter)

Juazeiro do Norte. Um grave acidente, na manhã desta sexta-feira (30), matou dois jovens e deixou outros três feridos, no bairro São José. Por volta das 6h, um carro modelo Fiat Uno na cor verde sobrou numa curva, na Avenida do Contorno, no recém-inaugurado Anel Viário, que liga o Município ao Crato. O veículo atingiu um poste de energia elétrica que caiu sobre ele. A colisão matou o motorista José Antônio Lucas das Chagas, de 19 anos, e Wesley Victor dos Santos Souza, 18.

A Enel teve que ser acionada para desligar a energia, pois os fios foram arrancados no local, por conta da colisão, e ficaram soltos na pista. O Corpo de Bombeiros teve de conter um princípio de incêndio no veículo, que ficou completamente destruído, antes de resgatar os sobreviventes. Todos foram levados ao Hospital Regional do Cariri. Dois adolescentes apresentavam apenas escoriações, enquanto outro teve fratura no fêmur e precisou passar por cirurgia.

Wesley Victor Souza, que vinha no banco do carona, ao lado do motorista, ficou preso nas ferragens, mas chegou a ser resgatado com vida. Segundo a assessoria do Hospital, por volta do meio-dia, ele foi transferido para o bloco cirúrgico, mas não resistiu aos ferimentos. O garoto apresentava fraturas nos membros superiores e inferiores.

Os cinco são naturais da cidade vizinha de Crato e estavam voltando da Colina do Horto, local que, tradicionalmente, recebe muitas pessoas no feriado de Sexta-feira da Paixão. Este foi o sétimo acidente com vítima, em 2018, registrado em Juazeiro do Norte.

11:39 · 23.03.2018 / atualizado às 15:11 · 23.03.2018 por
Veículo capotou com 13 passageiros, mas ninguém se feriu gravemente. (Foto VC Repórter)

Juazeiro do Norte. Um acidente com uma topic, por volta das 7h, desta sexta-feira (23), deixou várias pessoas feridas na Avenida Virgílio Távora, que liga os bairros Aeroporto e Centro, neste Município no Cariri cearense. Além do motorista, 13 passageiros vinham no veículo, mas ninguém se feriu gravemente.

A topic saiu do bairro Aeroporto à caminho do Centro. Segundo os passageiros, o acidente aconteceu após o veículo tentar ultrapassar uma motocicleta, próximo ao Riacho das Timbaúbas. O motorista perdeu o controle do carro que capotou para fora da avenida, ficando caído ao lado da pista. Neste trecho, a ultrapassagem não é permitida em nenhum dos dois sentidos.

Os passageiros foram retirados do veículo com a ajuda de moradores que estavam no local, que quebraram os vidros laterais do carro. A maioria dos feridos eram mulheres e crianças. Duas ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram ao local atender as vítimas. Elas foram levadas ao Hospital Regional do Cariri e à Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

A avenida Virgílio Távora ficou interditada por cerca de três horas para o atendimento das vítimas. Neste mesmo local, outros acidentes já aconteceram, principalmente, envolvendo motocicletas. Desde o ano passado, o fluxo de veículos aumentou porque esta mesma via dá acesso à CE-292, rodovia pavimentada no ano passado, ligando Juazeiro do Norte à Missão Velha.

12:00 · 06.03.2018 / atualizado às 12:00 · 06.03.2018 por
A colisão aconteceu na comunidade Bezerra dos Maciel, em um trecho conhecido como “ladeira dos bois”. (Foto: Reprodução)

Assaré. Um acidente na CE-176 entre um Fiat Uno e uma van da Cooperativa de Transporte Alternativo do Araripe (Cootrape-CE) deixou um homem morto e outras pessoas feridas na madrugada desta terça-feira (06). O motorista do carro, Fernando Peixoto, que morava no distrito Dom Leme, em Santana do Cariri, morreu imediatamente.

A colisão ocorreu por volta das 04h30. Segundo policiais militares do destacamento de Assaré, a colisão aconteceu na comunidade Bezerra dos Maciel, entre o distrito de Aratama e a sede do Município, em um trecho conhecido como “ladeira dos bois”, onde já ocorreu outros acidentes.

O encontro entre os dois veículos aconteceu no final da ladeira, próximo à curva. O Fiat Uno ficou destruído e deixou Fernando preso às ferragens. Enquanto a van teve estrutura danificada na parte lateral e perdeu um dos pneus com o impacto, ficando a cerca de 100 metros do local da colisão. O motorista da topic abandonou o local.

O transporte alternativo lavava passageiros até Araripe, que estavam na festa de aniversário de 109 anos de Patativa do Assaré. Enquanto o carro, conduzido por Fernando, vinha de Santana do Cariri. O homem trazia produtos para vender na feira local.

13:07 · 28.12.2017 / atualizado às 19:27 · 28.12.2017 por
Após tombar, caminhão gerou várias explosões. (Foto: VCRepórter)

Nova Olinda. Um grave acidente aconteceu na manhã desta quinta-feira (28), por volta das 9h30, na CE-292, que liga o Município até o Crato. Segundo testemunhas, o veículo, que transportava gasolina, perdeu o controle, tombou na curva e, imediatamente, pegou fogo. O motorista, identificado como Francisco das Chagas da Silva Couto, de 42 anos, natural de Tauá, morreu carbonizado dentro da cabine.

A Polícia suspeita que ele tenha ficado sem freios. Ao chegar na curva, tentou desviar de uma van que vinha no sentido oposto, de Nova Olinda a Crato e jogou o veículo fora da pista. Segundo moradores, após tombar fora da rodovia, as chamas começaram, atingindo 20 metros de altura e provocando três grandes explosões.

Por volta das 10h, equipes do Corpo de Bombeiros de Crato e Juazeiro do Norte foram acionadas, tentando evitar que o fogo se alastrasse. Primeiro, as chamas na cabine foram controladas para recuperar o corpo. Em seguida, os homens protegeram outras áreas, já que o produto é inflamável e o combate com água é inviável. Segundo a equipe, neste casos, a ação direta pode gerar outros tipos de explosões.

 

13:34 · 30.10.2017 / atualizado às 09:30 · 02.11.2017 por
A lesão aconteceu após desentendimento entre a criança e sua a prima, de 11 anos. (Foto: VCRepórter)

Barbalha. Internada há três dias no Hospital Maternidade Santo Antônio, a menina Dávila Chaylane Duarte, de oito anos, faleceu na última sexta-feira (27), após ser atingida na cabeça por um tamanco de madeira. De acordo com o Hospital, ela sofreu traumatismo craniano encefálico (TCE).

Segundo a Polícia Civil, a lesão aconteceu dentro de casa, no bairro Malvinas, em Barbalha.  Após passarem a tarde brincando a criança, de 8 anos, e sua prima, de 11, se desentenderam. A mais velha arremessou o tamanco e a atingiu.

A criança deu entrada, na tarde da última terça-feira (24), desmaiada e foi levada diretamente a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). No entanto, ela não resistiu a pancada, que causou o traumatismo e morreu por volta das 14h30, na última sexta-feira (27).

O corpo de Dávila Chaylane foi sepultado na manhã de domingo. A Delegacia Regional de Barbalha está apurando os fatos. No entanto, as medidas socioeducativas não serão aplicadas, já que a criança, autora da agressão, tem apenas 11 anos. De acordo  Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), Lei nº 8.069 de 13 de Julho de 1990, diz que menores de 12 anos são considerados crianças e são inimputáveis penalmente, ou seja, não podem sofrer nenhum tipo de penalidade. Enquanto as medidas socioeducativas podem ser aplicadas apenas para adolescentes, que são os menores de 12 a 18 anos.

10:11 · 23.07.2017 / atualizado às 10:40 · 23.07.2017 por
Foto: VcRepórter

Juazeiro do Norte. Uma mulher de 69 anos de idade e seus dois filhos, morreram na noite deste sábado (22), em uma grave acidente de trânsito, no cruzamento das Avenidas Deputado Duarte Júnior com Virgílio Távora, bairro Aeroporto, neste Município, a 490 quilômetros de Fortaleza. Segundo testemunhas, o acidente teria sido ocasionado após um suposto “racha” entre dois veículos.

De acordo com a Polícia, a aposentada Maria Angelita da Silva, e sua filha, a professora Socorro Lucilene Marques Silva, 41 anos, tiveram morte imediata. Ambas ficaram presas às ferragens. Elas seguiam num veículo Gol, de placas HVD-2798, que era conduzido pelo segundo filha de Angelita, o jovem Gleyson Wesleu Soares Rocha. Ele foi socorrido por um equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Regional do Cariri (HRC), no entanto, não resistiu aos ferimentos e morreu antes mesmo de ingressar no centro cirurgico.

O trio teria sido atingido por um veículo Passat Villace, de placas BRL-9761 (inscrição de Natal-RN), que trafegava pela Avenida em alta velocidade, num suposto “racha” – corrida ilícita praticada em áreas urbanas, também conhecida popularmente como “pega”. O condutor, que ainda não teve seu nome divulgado, está internado, em estado grave.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

12:48 · 19.07.2017 / atualizado às 13:23 · 19.07.2017 por
Criança teve morte imediata (Foto André Costa)

Juazeiro do Norte. Uma criança de apenas cinco anos de idade morreu atropelada por um micro-ônibus na Avenida Padre Cícero, neste Município, por volta do meio-dia desta quarta-feira (19). De acordo com a mãe do jovem, ela estava parada no semáforo, com a criança na garupa da motoneta, uma Yamaha Crypton 50 cilindradas, quando ao sair, foi colhida pelo veículo. “Assim que o sinal ficou verde, nós saímos pelo acostamento e eu senti a pancada da batida”, contou Marciele Botelho, em estado de choque.

O jovem Jorchua Botelho, teve morte imediata. Ele usava capacete e um cinto de segurança infantil para moto. “Após a pancada, o micro-ônibus passou por cima do garotinho”, acrescentou uma testemunha. A mãe da vítima sofreu apenas escoriações leves pelo corpo e foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Jorchua era o único filho dela.

Apesar dos equipamentos de segurança, segundo o Código Brasileiro de Trânsito, é proibido “conduzir motocicleta, motoneta e ciclomotor transportando criança menor de sete anos ou que não tenha, nas circunstâncias, condições de cuidar de sua própria segurança”.

O motorista do micro-ônibus de placas OCJ-5027, pertencente a Cooperativa dos Transportes Alternativos de Santana do Cariri. (Coopertasc), identificado como Cícero Alcione Soares, permaneceu dentro do veículo até a chegada da polícia. Ele temia ser linchado por populares. O condutor foi encaminhado a Delegacia Regional de Juazeiro do Norte (20ª Região). Questionado sobre como teria ocorrido o acidente, Cícero disse que só falaria ao Delegado plantonista.

De acordo com agentes do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) de Juazeiro do Norte, será feito uma perícia para identificar as reais causas do acidente. “Não podemos afirmar, de imediato, quem estava errado”, pontuou o agente.

Mortes no trânsito
No Brasil, o trânsito é a principal causa de morte “acidental” entre crianças de zero a 14 anos de idade. De acordo com dados do Ministério da Saúde, há três anos, 1.654 crianças dessa faixa etária morreram devido a esse tipo de incidente no país. A ONG Criança Segura mostrou, através de estudo, que, naquele ano, a média nacional de mortes no trânsito desse segmento da população foi de 3,76 a cada 100 mil crianças e adolescentes de zero a 14 anos.

“No Brasil, aproximadamente quatro crianças morrem todos os dias vítimas de acidentes de trânsito. Esse número poderia ser muito menor se algumas medidas de prevenção fossem adotadas, como a redução do limite máximo de velocidade nas vias e o aumento da fiscalização do uso da cadeirinha”, explica Mariana Lorencinho, coordenadora de projetos da Criança Segura.

Entre 2014 e 2015, no entanto, houve discreta redução nos dados. Ainda conforme a ONG, a redução foi de 16,02%. Entretante, apesar dos números alcançado diante o trabalho de prevenção e conscientização acerca da importância da segurança, o trânsito ainda continua sendo a principal causa de morte de crianças e adolescentes até 14 anos. Entre 2001 e 2015, por exemplo, a redução foi de 42%.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

13:04 · 22.06.2017 / atualizado às 13:28 · 22.06.2017 por

Caririaçu/Juazeiro do Norte. Duas pessoas ficaram feridas nesta manhã (22) em um acidente de trânsito na Rodovia Padre Cícero (CE-060), entre os municípios de Caririaçu e Juazeiro. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o motorista da camionete teria saído da pista e caído em uma ribanceira ao perder o controle do veículo. O condutor seguia viagem de Fortaleza com sua irmã. Ambos ficaram presos nas ferragens do automóvel e foram retirados com apoio do Corpo de Bombeiros.

O homem foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a mulher pelo helicóptero Fênix 02, da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) para o Hospital Regional do Cariri (HRC), em Juazeiro do Norte. As vítimas estão conscientes. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), as vítimas, que não tiveram suas identidades reveladas, estão conscientes e não correm risco de morte.

Foto André Costa