Busca

Tag: Crato


15:19 · 20.09.2017 / atualizado às 15:26 · 20.09.2017 por

Crato. A rede de coletivos “O Crato Tem Dança!” lançou, na última terça-feira (19), uma campanha de arrecadação online para a realização do festival Caldeirão das Danças, que deverá acontecer entre os dias 12 e 14 de outubro. Na sua quarta edição, o evento  procura efetivar diálogos e troca de experiências entre grupos de dança locais. Além disso, o ação irá proporcionar apresentações gratuitas no centro da cidade.

A “vaquinha” online é destinada para a locação de som, luz, palco e arquibancada, incluindo, também, despesas de logística, produção e recepção dos grupos que irão visitar o Crato. A campanha espera atingir R$ 7 mil. Atualmente, o evento não conta com nenhum apoio financeiro do poder público ou de iniciativa privada. A rede, também, está vendendo camisas do festival para atingir a meta.

“Foi a forma que encontramos para possibilitar que o festival aconteça. Até o momento, não temos apoio e precisamos de colaboração”, explica Junnior Pessoa, diretor do coletivo O Crato Tem Dança!. Para contribuir com a campanha, o interessado pode doar, através da plataforma online, qualquer valor. O pagamento pode ser feito com cartão de crédito ou boleto bancário. A arrecadação vai até o dia 30 de setembro e você pode ajudar pelo site do Vakinha.

O Caldeirão das Danças não tem fins lucrativos e já recebeu grupos de outras cidades do Ceará, além de Pernambuco e da Paraíba, totalizando uma média de até 30 apresentações por edição. O evento também realiza oficinas e ações formativas. O festival não terá caráter competitivo e será aberto a pequenos e grandes grupos de dança que realizaram inscrição.

Mais informações: (88) 99976-0341

09:58 · 12.09.2017 / atualizado às 22:07 · 12.09.2017 por
O projeto da Areninha no Parque Dois Irmãos, em Fortaleza. (Foto: Reprodução)

O governador Camilo Santana anunciou, ontem (11), na Arena Castelão, em Fortaleza, a construção de 40 areninhas de futebol no Ceará, 38 delas no interior. As obras serão executadas pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), em parceria com as prefeituras. A região do Cariri será contemplada em quatro municípios: Barbalha, Brejo Santo, Crato e Juazeiro do Norte. Ao todo, serão R$ 70 milhões investidos.

As cidades receberão campos de futebol com gramado sintético, bancos de reserva, alambrados, rede de proteção, vestiários, depósito para materiais esportivos, iluminação, rampa de acesso para cadeirantes, paisagismo e pavimentação. O objetivo é promover a inclusão social, criar uma nova dinâmica de convívio nestes lugares e transformar a vida de jovens por meio do esporte.

Em Barbalha, a Areninha será dentro do Parque da Cidade; já Brejo Santo, o bairro escolhido foi o Morro Dourado, comunidade carente e que possui 16 equipes de futebol amador. Na cidade de Crato o estádio será construído no bairro Seminário; enquanto Juazeiro do Norte, o bairro contemplado foi o Timbaúbas e a obra será realizada na Praça Teodoro de Jesus Germano, que fica na Avenida Humberto Bezerra.

Na ocasião do lançamento, Camilo Santana revelou que licitações de 31 Areninhas já foram feitas e, até o fim do mês, devem receber ordem de serviço. As outras nove estão concluindo trâmites para ser licitadas. De acordo com o Chefe do Executivo, as cidades que não receberem as Areninhas serão contempladas com outro projeto com campos society, em outros 100 lugares. A seleção dos municípios se deu segundo nota técnica do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece). A base usada no processo foi o tamanho da população de 15 a 29 anos de idade da zona urbana.

10:48 · 11.09.2017 / atualizado às 10:59 · 11.09.2017 por

Crato. A secretaria de Cultura do Município do Crato realiza, nesta segunda-feira (11), na Biblioteca Municipal, a primeira edição do Alpendre Literário. Com o tema “O Uso de Aplicativos para Leitura Digital: Uma Nova Perspectiva”, o objetivo do evento é movimentar o espaço da biblioteca e incentivar a prática da leitura na população cratense. A atividade, que começa às 15h30, é destinada para todas as idades e conta com apoio Universidade Federal do Cariri (UFCA), Instituto Federal do Ceará (IFCE), ENACTUS e da ONG Conecta Bibliotecas.

O primeiro Alpendre Literário usará a obra consagrada de Antoine de Saint-Exupéry, “O Pequeno Príncipe”, como proposta de leitura, e será ministrada pela estudante do curso de Biblioteconomia da UFCA, Fabíola da Silva Costa, e pelo aluno Wédson Aguiar, do curso de Sistemas da Informação do IFCE.  Os dois terão o apoio e supervisão do bibliotecário responsável pela gestão da Biblioteca Municipal do Crato, Cícero Silva.

Para participar, é necessário que os interessados compareçam a atividade portanto smartphone, notebook ou tablet para maior aprofundamento sobre como utilizar aplicativos úteis para a leitura digital. Serão utilizados na ação aplicativos como Kobo Ebooks, Foxit Mobile PDF e Adobe Reader.

A Biblioteca Municipal de Crato funciona de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h e possui um acervo de mais de 15 mil obras entre literatura geral, literatura infantil, livros técnicos, cordéis, revistas, DVDS, livros em Braille e gibis à disposição do público em geral. É possível, inclusive, que os usuários da biblioteca levem até dois exemplares para casa por até 15 dias. Na biblioteca também são realizados cursos, oficinas, palestras, pesquisas escolares e acadêmicas.

Serviço
I Alpendre Literário
Data: 11 de setembro (segunda-feira), às 15h30
Local:  Biblioteca Municipal de Crato, Largo da RFFSA, Rua Teopisto Abath, S/N, Centro, Crato.

Mais informações: (88) 35232365

 

 

21:33 · 01.09.2017 / atualizado às 21:33 · 01.09.2017 por

Crato. Os festejos em homenagem à Nossa Senhora da Penha, padroeira da cidade, se encerram na noite desta sexta-feira (01), feriado municipal, com a celebração religiosa e a tradicional procissão. Após 14 dias de festas, a Praça da Sé Catedral lotou de fiéis e devotos que carregaram velas, cantando e orando pelas principais ruas da cidade. Segundo a Diocese de Crato cerca de 50 mil pessoas participaram da festa.

A festa de Nossa Senhora da Penha, que completou 249 anos de celebração no Crato, foi acompanhada pelo prefeito do município, José Ailton, que destacou a procissão como um momento de reunir a comunidade cratense. “A grande maioria das famílias vêm à Catedral da Sé agradecer pela proteção, fé cristã. Hoje é um dia de orgulho, paz e dia de fazer uma reflexão íntima sobre as nossas vidas”, acrescentou.

Além da festa religiosa, a Praça da Sé Catedral recebeu, nas duas últimas semanas, bandas locais que atraíram o público jovem. O tradicional forró pé-de-serra, bandas cabaçais e o forró eletrônico animaram as noites. Para o funcionário público, Eduardo Aguiar, a festa ganha uma nova cara e, cada vez mais, um público maior. “É uma oportunidade de rever os amigos que moram em outras cidades. A nossa casa fica lotada, recebendo gente de fora”, exalta o cratense.

Por outro lado, o trajeto teve problemas apontado pelos devotos que acompanharam a procissão. O andor – altar móvel que recebeu a imagem de Nossa Senhora da Penha – teve dificuldades passar entre os carros estacionados nas vias laterais.  “Faltou mais organização. Medir o tamanho do andor. A procissão sempre ocorreu nas ruas mais largas.”, lembra a aposentada Francisca Eunice dos Santos.  Com isso, a chegada na Praça da Sé atrasou, em pouco mais de meia hora, o encerramento da festa.

Governador presente

O governador do estado do Ceará, Camilo Santana, natural do município, esteve no encerramento dos festejos de Nossa Senhora da Penha. Acompanhado de secretários do governo, assessores e dos prefeitos de Crato, José Ailton, e de Juazeiro, Arnon Bezerra, Camilo participou da celebração, pela tarde, e de toda procissão, durante a noite. Mais cedo, o chefe do Executivo visitou as obras da Transposição do Rio São Francisco em Salgueiro, Pernambuco, e Penaforte, Ceará. Em seguida, seguiu para Brejo Santo e Missão Velha, onde visitou as obras do Cinturão das Águas. As visitas dessas obras estão sendo feitas mensalmente por decisão do governador.

Na Paróquia Sé Catedral Nossa Senhora da Penha, o Governador do Ceará, Camilo Santana, acompanhou a missa ao lado dos prefeitos José Ailton, de Crato, e Arnon Bezerra, de Juazeiro do Norte.   (Foto: Antonio Rodrigues)
10:14 · 29.08.2017 / atualizado às 10:15 · 29.08.2017 por

Juazeiro do Norte é a segunda cidade do Ceará a receber o sistema de transporte da Uber. A partir desta terça feira (29), às 14 horas, motoristas cadastrados já poderão operar com a plataforma. As viagens poderão ser iniciadas, também, em Crato e Barbalha.

A empresa disponibilizou um cupom de desconto para os novos usuários de até R$ 25 na primeira viagem. Após o cadastro, o cliente deverá usar  um código promocional (UBERJUAZEIRO) que dá direito à dedução. O código é válido até o dia 31 de outubro de 2017.

A empresa norte-americana presta serviço de transporte particular por meio de aplicativo. Em Fortaleza, o serviço começou a ser oferecido em abril de 2016. Apesar de não ter regulamentação na capital cearense, alguns motoristas conseguiram autorização da Justiça para realizar o transporte de passageiros sem a interferência da fiscalização exercida pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) e Autarquia Municipal de Trânsito (AMC).

Os motoristas podem dirigir seus próprios carros, um carro de outra pessoa ou mesmo um veículo alugado. Segundo a empresa de transporte, são mais de 50 mil motoristas cadastrados. Além de Fortaleza, o serviço está presente em outras 60 cidades do país.

Para se cadastrar, é preciso acessar o site da Uber e seguir o passo a passo. Além de incluir o número da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), o motorista precisa apresentar observação Exerce Atividade Remunerada (EAR), que pode ser tirada em um posto do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

O veículo cadastrado deve cumprir alguns pré-requisitos, como ser do ano 2008 ou mais novo, com quatro portas e ar-condicionado.

Para se cadastrar, clique aqui.

10:22 · 19.08.2017 / atualizado às 10:22 · 19.08.2017 por
Camilo Santana participou da solenidade de inauguração da segunda maior ciclovia do Ceará (Fotos André Costa)

Dezessete quilômetros de extensão. Três cidades cortadas. A segunda maior ciclovia do Ceará foi inaugurada neste sábado, data em que é comemorada o dia nacional do Ciclista. A solenidade aconteceu no início da manhã e contou com a presença do Governador do Estado, Camilo Santana (PT). O chefe do executivo destacou que a obra atende uma demanda antiga da população. “É um compromisso meu com o povo do Cariri. O corredor será bem iluminado e contemplará quem fizer o deslocamento entre o Crato, Juazeiro e Barbalha. Além disso, será um estímulo para a prática de atividade física”, disse. Ainda segundo Camilo, os órgãos de trânsito farão constante fiscalização na ciclovia para garantir a segurança dos ciclistas.

Iniciada em abril de 2016, a obra teve investimento total de R$ 2.925.429,43, oriundos do Tesouro Estadual.  Com a conclusão do projeto da Secretaria das Cidades que fora executado pelo Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran), o governo objetiva que seja facilitado o descolamento entre estas cidades de pessoas que utilizam a bicicleta como transporte, por lazer ou a trabalho. De acordo com a pasta, quase 500 mil pessoas serão beneficiadas com a nova ciclovia.

A via liga as cidades de Barbalha, Juazeiro do Norte e Crato, no canteiro central da CE 060 e CE 292, conhecidas como Avenidas Leão Sampaio e Padre Cícero, respectivamente. A ciclovia conta com pavimento asfáltico, sinalização vertical e horizontal. A ciclovia do Cariri fica atrás apenas do equipamento em  Fortaleza, na Avenida Whasington Soares, com 30 km de extensão, e ao lado da ciclovia de Sobral, que também 17 km.

457.253 pessoas na região do Cariri serão beneficiadas com a Ciclovia, de acordo com a Secretaria de Cidades do Estado

Ciclofaixa
Os adeptos carirenses a este tipo de transporte já contam, desde o ano de 2015, com uma ciclofaixa, a primeira do interior do Estado. A ciclofaixa de lazer corresponde a um trecho de seis quilômetros da CE-060, na avenida Leão Sampaio, que liga os municípios de Juazeiro do Norte a Barbalha. Aos domingos, os ciclistas ganham uma faixa exclusiva na Rodovia, separada por cones. Estima-se que cerca de 500 pessoas usufruam do espaço todos os domingos.

Mudança
Para João Almeida, vice-presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Juazeiro do Norte e ciclista há seis anos, a ciclovia irá “fomentar o uso desse modal de transporte, expandido seu uso para além do lazer, mas também para transporte”. João lembra que “a ciclofaixa, apesar de importante, é algo pontual, portanto a região já necessitava há muito tempo da criação de uma ciclovia”. Conforme avalia, a estrutura física vai possibilitar maior segurança a quem utiliza a bicicleta, “fazendo assim com que novas pessoas, outrora receosas com a falta de segurança nas avenidas, comecem a praticar o esporte”.

Somente em Juazeiro do Norte, são pelo menos, cinco grandes grupos de ciclistas. Com tanta gente pedalando e, agora, dispondo de equipamentos com ofertam segurança ao ciclista, Almeida acredita que o comércio irá se beneficiar.  A vendedora Valéria Cristine Santiago, que além de praticar ciclismo trabalha numa loja especializada na venda bicicletas, diz que a procura pelas bikes aumentou muito nos últimos anos. “As pessoas compram principalmente para o lazer”, afirma. Para João Almeida, “os lojistas estimam um crescimento nas vendas com a conclusão da ciclovia e a consolidação dessa prática”.

09:29 · 28.07.2017 / atualizado às 09:29 · 28.07.2017 por

Crato/Nova Olinda. Iniciada no segundo semestre do ano passado, a obra de revitalização da estrada do distrito de Santa Fé, em Nova Olinda, chega a uma nova etapa, com a construção de pavimento em concreto, também chamado de pavimento rígido. Em função disso, o Departamento Estadual de Rodovias (DER) anunciou que cerca de 15 km serão interditados já a partir da próxima quinta-feira, dia 3 de agosto.

De acordo com a engenheira Talita Leite, o processo exige a total paralisação do tráfego. “Será feito a melhoria nos alargamentos e construção do pavimento rígido, obra que exige tempo para construção e cura”, explica. O trecho será da CE-292 ficará interditado por cerca de oito meses. O desvio, ainda conforme o DER, será em uma estrada carroçável, entre a comunidade de Manoel Coco e o Colégio Agrícola.

“O trecho de aproximadamente 13km exige velocidade baixa, os veículos devem trafegar numa média de 30km/h. Trará morosidade ao tráfego, mas é necessário para a obra”, acrescenta Talita. Com a interdição, o percurso entre as cidades de Crato e Nova Olinda, por exemplo, deve aumentar em cerca de 1 hora.

Obra
Ao todo, 58 quilômetros recebem serviços de pavimentação, revestimento asfáltico e rígido (concreto), drenagem, obras d’arte correntes, sinalizações horizontal e vertical, além de proteção ambiental. O investimento é de R$ 75.436.162,95, do Tesouro do Estado e Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

20:00 · 16.07.2017 / atualizado às 20:02 · 16.07.2017 por
Cerca de 100 mil pessoas visitaram o Parque de Exposição neste final de semana (Foto André Costa)

Crato. A 66ª edição da Exposição Centro-Nordestina de Animais e Produtos Derivados (Expocrato-2017) chega ao fim com recorde de público na área dos shows e grande número de visitantes nos corredores do Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti, situado no bairro Pimenta, neste Município. A organização da feira estima que mais de 400 mil pessoas tenham passado pelo local durante os oito dias de exposição. Somente neste final de semana, a projeção de público foi de 100 mil visitantes.

Grandiosidade
O sucesso de umas das maiores feiras agropecuárias do Nordeste pode ser medida pela presença de expositores de diferentes regiões do país, conforme avalia a organização da Expocrato. Considerada cada vez mais uma vitrine de negócios, os expositores que outrora vinham geralmente do Norte e Nordeste, este ano também surgiram da região Sudeste, o que evidencia a importância do evento agropecuário. Os números oficias da movimentação financeira em torno de todos os setores deve ser divulgado ao longo da semana. Estima-se, no entanto, que o montante gire em torno das cifras registradas no ano passado, quando foi comercializado cerca de R$ 50 milhões.

O encerramento oficial da feira, considerada a maior do Estado e uma das maiores do gênero em todo o país, aconteceu na manhã deste domingo (16). Ao meio dia, o Presidente do Grupo Gestor do Evento, Luiz Gonzaga de Melo, fez um breve discurso no Picadeiro, para uma plateia formada basicamente por criadores, expositores e tratadores, e encerrou a exposição mostrando-se feliz com o volume de vendas e a quantidade de pessoas que visitaram o parque ao longo dos oito dias de evento. Ainda durante a cerimônia, Gonzaga premiou os criadores que se destacaram com seus animais.

28 bandas se apresentaram durante a Expocrato (Foto Fred Fontes )

Shows
Na área de shows, recordes quebrados. Durante os oito dias de evento, se apresentaram 28 bandas. Os ritmos foram variados e para todos os gostos, desde o tradicional forró ao reggae, rock, e sertanejo universitário. Hoje a dupla Jorge e Matheus, Dorgival Dantas, Matheus e Kauã e Jonas Esticado encerram o evento, com estimativa de 30 mil pessoas.

Ontem (15), a cantora baiana Ivete Sangalo e o forrozeiro Wesley Safadão se apresentaram para mais de 40 mil pessoas, recorde em todas as edições da Expocrato. Em entrevista ao Diário do Nordeste, Wesley disse que “quando chega a Expocrato, toda a agenda é voltada para deixar o sábado livre, para que possa me apresentar aqui. Já virou tradição, acho que já são cinco anos seguidos cantando no sábado, que é o dia que reúne uma multidão. Venho com muito prazer, me sinto realmente em casa”.

Balão com o Safadão
No dia após o show, Wesley permaneceu no Cariri, para realizar o sonho de um fã. A carioca Flávia Castro, fã de Wesley, ganhou uma viagem de balão com o astro forrozeiro na promoção “No balão com o Safadão”. Foram mais de 10 minutos nas alturas com o ídolo e uma amiga.

Crédito Fred Fontes

Sortuda, ela conta que cadastrou apenas um código e foi sorteada. Código este que foi dado de presente pela amiga Flaviane Alves. “Nós duas somos muito fãs do Safadão e quando soubemos pelo instagram dele da promoção não pensamos duas vezes. A Flaviane disse que compraria a cerveja para adquirir o código e eu cadastraria, para dar sorte, e deu”, contou empolgada.

As duas se conheceram pela internet e até então não tinham se visto pessoalmente. “Nosso encontro não podia ser de forma mais mágica”, detalha Flavia, que tem vivido muitas emoções nos últimos dias como viajar de avião pela primeira vez. “Ganhar essa promoção foi um grande presente pra mim. Conheci meu grande ídolo, o nordeste, encontrei pessoalmente minha amiga, andei de balão, enfim, foi uma emoção única”, acrescenta a carioca.

Cobertura especial
A TV Verdes Mares, emissora oficial da ExpoCrato 2017, realizou mais uma cobertura especial do evento pelo terceiro ano consecutivo. As TVs Verdes Mares e Verdes Mares Cariri exibiram matérias nos programas jornalísticos e flashes em sua programação ao longo de toda a semana do evento. Nos dois últimos dias, assim como ocorrerá hoje, no encerramento, os show tiveram transmissão ao vivo.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

22:52 · 09.07.2017 / atualizado às 22:52 · 09.07.2017 por
Fotos André Costa

Crato. Multidão e otimismo. Foi assim a noite da abertura oficial da 66ª Exposição Centro-Nordestina de Animais e Produtos Derivados (ExpoCrato 2017). A maior feira agropecuária do Estado e umas das maiores do Brasil foi aberta oficialmente com público estimado em 30 mil pessoas, que lotaram Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante, neste Município.

A solenidade de abertura iniciou com os hasteamento das bandeiras do Crato, Ceará e do Brasil, seguido pelos respectivos hinos. Pela manhã, Padre Monteiro celebrou uma missa campal no parque, além de ter sido realizada a 4ª edição da cavalgada “O chão vai tremer”. Segundo um dos organizadores, Manoel Costa, mais de 600 cavaleiros participaram da marcha. O grupo percorreu as principais avenidas entre os municípios de Barbalha e Crato, até o local da exposição.

Grandiosidade
O governador Camilo Santana (PT) ressaltou que a Expocrato tem apresentado notório crescimento ano após ano, tanto em montante negociado quanto em quantidade de visitantes ao parque e ressaltou que “essa será a maior Exposição de todos os tempos”. O chefe do executivo lembrou que a Expocrato passou a ser um patrimônio não só do Crato, mas de todo o Ceará e afirmou que “já é a maior feira agropecuária do interior do Nordeste”.

Camilo mostrou-se confiante quanto a movimentação financeira da Exposição e considerou que a escassez de chuvas dos últimos anos não afetará os negócios. “Há uma expectativa de que esse ano todos os números sejam superados. A feira reúne múltiplos negócios, desde o conhecimento de novas tecnologias para a agropecuárias, leilões, enfim, é uma oportunidade muito grande de fazer negócios. É uma exposição que já está consolidada”, disse.

O presidente grupo gestor do Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante, Luiz Gonzaga de Melo, compartilha da mesma expectativa do Governador e afirma esperar uma movimentação financeira, durante os oito dias de evento, superior a R$ 50 milhões envolvendo todos os segmentos. “Somente no agronegócio, acreditamos que as vendas fiquem em torno dos R$ 10 milhões”, completou Gonzaga.

Diversidade
Criada em 1944, a feira chega a sua 66º edição ininterrupta, com foco diversidade nos stands do parque. As cerca de 400 mil pessoas que são esperadas até o dia do encerramento, 16 de julho, poderão contar com dezenas de stands erguidos com os mais variados temas, que vão desde a cultura popular a comercialização de maquinários pesados para agricultura. Ao lado do comércio de bijuterias, artesanatos artigos de couro e produtos característicos do sertão, a gastronomia também se destaca. Um dos pontos mais visitados dentro do Parque é o tradicional engenho de cana-de-açúcar, presente na feira há 17 anos. Os proprietários estimam que sejam moídos 145 toneladas de cana.

Exposição
A Expocrato acontece em uma área com mais de 2,5 milhões de hectares, dividido entre o local dos shows, que reúne atrações regionais e artistas nacionais, e local para exposição de bovinos, equinos e caprinos. Os animais ficarão em 10 galpões, com uma média de 400 baias.  A novidade da edição deste ano será a primeira etapa do Campeonato da Associação Brasileira de Ovinos. Além disso, a Expocrato contará com exposição nacional de cavalos da raça Campolina, considerada uma linhagem nobre de equinos marchadores.  A edição também traz exposições inéditas com répteis exóticos, como jacarés, jiboias, píton e lagartos.

Camilo Santana destacou ainda, ainda este ano, o Parque deverá receber um “grande projeto de revitalização”. “Vamos dialogar com diversos setores e nossa intenção é tornar esse Parque utilizável durante todo o ano e não somente durante a Exposição. Queremos integrar o parque com a cidade. Espero até o fim deste ano finalizar esse projeto e licitar para que na próxima Expocrato o parque já esteve de cara nova”, concluiu.

Shows
Durante os oito dias de evento, se apresentarão 28 bandas. Os ritmos são variados e vão desde o tradicional forró ao reggae, rock, e sertanejo universitário. A abertura dos show será feita hoje a noite, pelo grupo de pagode Sorriso Maroto e, amanhã, segunda-feira, o cantor baiano Léo Santana, promete agitar a multidão em um supershow. Até o dia do encerramento, ainda se apresentam na Expocrato 2017 artistas como Gusttavo Lima, Gabriel Diniz, Aviões do Forró, Bell Marques, Ivete Sangalo, Jorge e Mateus, Dorgival Dantas e Wesley Safadão. A área dos shows tem capacidade para receber 40 mil pessoas por noite.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

 

11:08 · 30.06.2017 / atualizado às 11:15 · 30.06.2017 por
Diário do Nordeste noticiou a venda de um produto vencido no último domingo (Foto Reprodução)

Crato. Durante inspeção realizada pela Vigilância Sanitária deste Município, fiscais do órgão encontraram mais produtos com prazo de validade vencido no Pasárgada Hotel. De acordo com Ana Lígia, gerente de célula da Vigilância em Crato, “quatro latas de refrigerantes, com prazo vencido, foram encontradas dentro de uma geladeira”.

Ainda conforme Lígia, outros freezers e geladeiras não puderam ser vistoriados por se encontrarem fechados. “Chegamos ao local por volta da 17h30 e fomos informados que o restaurante já estava fechado. Ao solicitarmos a abertura de outras geladeiras, a gerência disse que o estoquista, que reside na cidade de Juazeiro do Norte, detinha o poder das chaves”.

A gerente do hotel, Natalia Leiva, explicou ao Diário do Nordeste que, devido à baixa demanda durante a semana, o restaurante permanece aberto somente até às 17 horas. “Após esse horário, os hospedes podem pedir alimento de fora, já que nossas dependências ficam fechadas”. Quanto aos produtos vencidos, Leiva justificou dizendo que se trata de uma “geladeira interna, exclusiva para os funcionários”.

Ainda conforme a gerente, “todo o estoque do Hotel já tinha sido inspecionado. Essas quatro unidades encontradas pela Vigilância não seriam vendidas ou consumidas, foi um falha de um dos nossos servidores que não fez o devido descarte dos produtos. Faremos uma reunião com os funcionários reforçando a importância do imediato descarte dos produtos vencidos, que obviamente são impróprios para venda ou consumo”.

A Vigilância Sanitária deu prazo de 15 dias para que o Pasargada Hotel “se readequasse”. “Já tínhamos mostrado interesse em esclarecer tudo e nossas dependências estavam e permanecem à disposição para qualquer vistoria. Conforme disse, foi um caso isolado, todo nosso estoque foi revisado. Estou indo hoje mesmo me reunir com os fiscais da Vigilância para resolver esse problema”, acrescentou. Segundo Ana Lígia, uma nova inspeção, sem aviso prévio, será realizada nos próximos dias nas dependências do Hotel.

Entenda
A inspeção foi motivada após um cliente do Hotel denunciar, no último domingo, dia 25, que um produto fora vendido com prazo de validade ultrapassado. De acordo com o músico Gustavo Alencar, o refrigerante de baixa caloria “Aquarius Fresh Limão” estava vencido há mais de 20 dias. “Quando identifiquei a data de validade, chamei a atendente e solicitei esclarecimentos sobre o produto vencido”, relatou o músico. A data de validade do produto era 04 de junho de 2017, conforme gravado na embalagem.

Dois dias após a denúncia, o Hotel reconheceu que o produto estava com prazo de validade vencido, no entanto, ressaltou se tratar de um caso “isolado, sem precedentes na história do Pasárgada”. Em nota, enviada a reportagem do Diário do Nordeste, a administração “salientou que se trata de um caso específico sem precedentes na história do nosso hotel” e reiterou “que nas dependências há um rígido controle de qualidade e periodicamente fazemos um descarte sustentável dos produtos sem uso”.

Saiba Mais
De acordo com o Decreto nº 6871 de 2009, o prazo de validade é “o tempo em que os produtos mantêm suas propriedades, em condições adequadas de acondicionamento, armazenagem e utilização ou consumo”. Este prazo é determinado pelo próprio fabricante e fiscalizado pela ANVISA e deve estar indicado no produto. Para estabelecer o tempo de validade de cada produto, são realizados testes de estabilidade do produto, observando-se quanto tempo decorre para que ocorram mudanças físico-químicas, microbiológicas e sensoriais.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br