Busca

Tag: Missão Velha


10:01 · 08.05.2017 / atualizado às 10:01 · 08.05.2017 por

O fim de semana foi de festa para os moradores de Jardim e Missão Velha, na Região do Cariri. Isso porque o Governo do Ceará realizou a entrega de brinquedopraças e aparelhos de ginástica. A primeira-dama do Estado, Onélia Leite de Santana, e o secretário-adjunto do Gabinete do Governador, Fernando Santana, participaram da entrega dos equipamentos.

A primeira-dama Onélia Leite de Santana esteve em Jardim e disse que vai continuar trabalhando com foco nas crianças do Estado. “O Programa Mais Infância Ceará foi idealizado para atender as necessidades das crianças do nosso Estado. Hoje, estamos entregando esse espaço totalmente adequado para receber a garotada do município. Mas a ideia é levar para os 184 municípios alguma ação voltada para o desenvolvimento infantil, como a Praça Mais Infância, brinquedocreches e a brinquedopraça”, informou.

Em Missão Velha, o secretário-adjunto do Gabinete do Governador, Fernando Santana, disse que é preciso focar nas crianças para auxiliar na formação pessoal. “É importantíssimo essa sensibilidade da primeira-dama Onélia Leite. Ela, como mãe, pensou logo na primeira infância. Nós temos que ensinar e instruir nossas crianças, pois é a formação delas que está em curso e é a partir do brincar que nossos pequenos aprendem isso”, enfatizou.

A brinquedopraça, espaço voltado para crianças de dois a 12 anos, faz parte das ações do Programa Mais Infância, especificamente do pilar Tempo de Brincar, que assegura o direito das crianças ao desenvolvimento de suas capacidades físicas, cognitivas e psicológicas através do ato de brincar. O novo espaço é cercado e possui uma área de 150m² com brinquedos como casinha dupla com dois escorregadores, casinha dupla com um escorredor, duas gangorras, dois cavalinhos de mola e escorregador com balanço triplo.

O casal Hugo Leal, 25, e Rafaela Alves, 29, que reside em Jardim, levou o pequeno Saulo, de dois anos, para brincar no novo equipamento. “Esse espaço muda muito a rotina das crianças do nosso município, pois, como não tínhamos lugares como esse, elas ficavam muita entretidas na Internet”, afirmou a professora. “Agora, temos um local para passar o tempo, conversar com os vizinhos e ainda divertir nosso filho”, afirmou o agricultor.

Já os equipamentos de ginástica de baixo impacto são aparelhos de alongamento direcionados principalmente à terceira idade e pessoas com deficiência. A ação faz parte do Programa Ceará Acessível e tem a proposta de transformar os espaços públicos em lugares de convivência. Foi o que percebeu o morador de Missão Velha, o aposentado Valdereis Rodrigues Silva, de 74 anos, que disse que “pra manter a idade com saúde é preciso praticar exercício físico” Segundo ele, “os aparelhos de ginástica vieram para auxiliar nesse cuidado”.

O prefeito de Jardim, Aniziário Costa, destacou a atuação do Poder Executivo. “O Governo do Ceará muito nos orgulha, por ser exemplo para o Brasil de uma gestão bem administrada. E essa atenção dada pelo Estado à infância é muito importante para nosso município”. Quem também parabenizou o trabalho voltado para garotada foi o prefeito de Missão Velha, Diego Gondim. “Quero parabenizar a ilustríssima primeira-dama do Estado, a senhora Onélia Leite, que idealizou esse projeto da brinquedopraça, do Programa Mais Infância Ceará. Foi de uma sensibilidade incrível essa iniciativa, que tem a parceria da prefeitura municipal”, salientou.

A contrapartida das prefeituras é garantir a praça em bom estado de conservação, arborização do local e manutenção dos brinquedos. A população de Crato, Itaitinga, Juazeiro do Norte e Caririaçu já foi contemplada com o equipamento. Ao todo, 40 brinquedopraças serão entregues neste ano pelo Governo do Ceará.

09:30 · 17.03.2017 / atualizado às 09:40 · 17.03.2017 por
Em Juazeiro do Norte amanheceu mais uma vez chovendo. A chuva de 31 milímetros deixou novamente algumas ruas alagadas durante a manhã desta sexta-feira (Foto André Costa)

Juazeiro do Norte. Choveu em mais de cem municípios cearenses nas últimas 24 horas conforme dados do boletim diário da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Todas as regiões do Estado foram banhadas, com destaque para o Cariri, Litoral Norte e Sertão Central. Os três maiores volumes foram observados nestas regiões. Missão Velha, com 74 milímetros, liderou, seguido por Cruz (56 mm) e Ibaretama (56 mm).

Na região da Ibiapa, a cidade de Pires Ferreira teve o maior índice, com 51 mm. Na Jaguaribana, o município de Jaguaretama liderou com 33.4 mm e no Maciço do Baturité, Redenção, com 50.4 mm, foi o destaque. Já no Cariri, além de registrar a maior chuva do Estado, outros 15 municípios foram banhados pelas chuvas.

Este é o quinto dia consecutivo que amanhece chovendo na região. Abaiara (38 mm), Juazeiro do Norte (31 mm), Cariús (31 mm), Jucás (20 mm), Barbalha (18 mm) e Crato (16.4 mm), foram as cidades com maiores índices pluviométricos das últimas horas no Cariri. A previsão para hoje, segundo a Funceme, é de nebulosidade variável com eventos de chuva ao longo do dia no maciço de Baturité e nos litorais do Pecém e Fortaleza. Nas demais regiões, céu nublado com chuva. O fim de semana também deve ter chuvas isoladas em todo o Estado.

Açudes
Ainda que esteja em situação crítica, o nível dos reservatórios cearenses continua a apresentar elevação com as chuvas de março. Segundo dados da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos do Estado do Ceará (Cogerh), o volume subiu de 8,06% na quarta-feira para 8,5% nesta sexta. Já são quatro açudes sangrando: Acaraú Mirim, em Massapê; Caldeirões, na cidade de Saboeiro; Maranguapinho, em Maranguape; e o Tijuquinja, na cidade de Baturité. Em contrapartida, outros 123 reservatórios ainda estão com volume inferior a 30%.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

18:37 · 03.03.2017 / atualizado às 18:37 · 03.03.2017 por
Clique para ampliar

Juazeiro do Norte. Acadêmicos deste município desenvolveram um aplicativo cujo objetivo é maximar a venda de produtos dos agricultores da região do Cariri. Segundo os alunos, o “Du Sítio” é o primeiro aplicativo social para venda de produtos agrícolas. “Ele liga produtores diretamente aos consumidores diminuindo os custos agregados aos produtos e garantindo sua procedência”. Os produtos são entregues na casa do consumidor ou no estabelecimento comercial e o pagamento é realizado apenas quando o consumidor recebe o produto. “Desta forma é ainda mais segura a comercialização”, acrescentam.

Os jovens integram o time Enactus Leão Sampaio, um projeto internacional sem fins lucrativos presente em 36 países, que é formado por estudantes, acadêmicos e líderes de negócios que estão comprometidos a usar o poder da ação empreendedora para promover o desenvolvimento comunitário através de projetos sociais que visam o desenvolvimento econômico, social e ambiental das comunidades.

A aplicativo foi criado a partir de dois projetos desenvolvidos pelos jovens. Segundo conta, o “Viver de Terra” e o “Sonhos de Maria” foram os propulsores do app “Du Sítio”. O “Viver de Terra”, projeto que é realizado na comunidade do sítio Salobra, em Missão Velha, tem o objetivo de capacitar agricultores para a produção de frutas, hortaliças e peixes de forma sustentável, através do uso de materiais recicláveis e de alternativas naturais para o plantio, auxiliando assim, na redução dos impactos ambientais causados por essas atividades.

Já o “Sonhos de Maria”, que tem seu foco voltado para a capacitação e o empoderamento de mulheres também residentes da comunidade do sítio Salobra, surgiu para minimizar o desperdício de alimentos no transporte e pós-venda dos produtos do Projeto Viver da Terra, que chegavam à cerca de 30%, foi implantada a cozinha Sonhas de Maria, que produz 20 produtos diferentes, tais como: bolos, doces e salgados.

Atualmente o aplicativo está em funcionamento apenas na cidade de Juazeiro do Norte, mas os alunos já estudam a expansão para as demais cidades do Cariri.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

10:00 · 05.02.2017 / atualizado às 17:01 · 05.02.2017 por
Dupla suspeita de participar dos ataques aos bancos de Missão Velha (Foto: Divulgação)

Juazeiro do Norte. O cerco policial e as intensas buscas pela quadrilha que explodiu duas agências bancárias na madrugada da última sexta-feira em Missão Velha, no Cariri, estão surtindo efeito. Dois suspeitos de participarem da ação violenta foram presos na tarde de ontem, por volta das 16 horas, na zona rural entre as cidades de Jardim e Missão Velha.

De acordo com o comandante do Comando de Policiamento do Interior (CPI), Coronel Francisco Souto, a prisão aconteceu após denúncias anônimas. “Ligaram informando que alguns homens suspeitos estavam na localidade de Morro de Areia, entre Brejo Santo e Jardim. Quando os policiais foram ao local, eles se embrenharam numa mata bastante fechada, com difícil visualização inclusive pelo helicóptero. Então mudei a estratégia e ordenei que quatro policiais a paisana fizessem rondas em duas motos”,  detalha.

A ação surtiu efeito. Os policiais primeiro capturaram o vigilante Nadeilson Wisardi dos Santos (foto short azul) que foi apontado, pelo Tenente Coronel, Paulo Hermann, comandante do 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM), como responsável por bloquear os acessos à cidade, impedindo a chegada do reforço policial.

O suspeito mora em Pernambuco e é filho de um sargento da reserva daquele estado. Ele já tem várias passagens pela polícia, dentre os crimes, tráfico de drogas e assaltos. Com a prisão de “Preto”, como o suspeito é popularmente conhecido, os policiais chegaram ao paradeiro de Leonardo dos Santos Domingos (foto: short vermelho), que alegou ser inocente e justificou ter sido feito refém pelo bando. Porém, o Coronel Francisco Souto, afirmou que “os dois possuem ativa participação nos ataques”.

>> Releia: Quadrilha fortemente armada ataca dois bancos e troca tiros com a PM em Missão Velha

“Esses bandidos do crime organizado dificilmente confessam a participação nos crimes. Mas não há dúvida que os dois participaram, possuímos vários indícios”, acrescentou o comandante do CPI. Na casa de Leonardo, na zona rural de Missão Velha, os policiais encontraram um fuzil 5.56 com 186 munições; uma pistola .40, com 179 munições e dois carregadores; 10 cartuchos de 9mm; uma farda do exército e uma pequena quantia em dinheiro.

Além da captura dos suspeitos, a polícia apreendeu vasta munição e armas (Foto Divulgação)

A dupla foi conduzida a Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte e, posteriormente, “por determinação do Secretário de Segurança do Estado, André Costa, será encaminhada para Fortaleza”, informou Cel. Souto. O Comandante do CPI ressaltou  ainda que as buscas pela quadrilha seguem de forma intensa. “O cerco está formado e já estamos em posse de várias informações que possam levar ao paradeiro desses bandidos, inclusive já temos os nomes de quase todos”, pontuou.

Apreensões
A caçada pelo bando, iniciada na madrugada da última sexta, logo após os ataques, já resultou na apreensão de “um arsenal”, conforme classificou Cel. Souto. Já foram apreendidos três fuzis, uma escopeta, quatro pistolas, três coletes a prova de bala, dinheiro, farda do exército, balaclavas e muita munição de vários calibres. “A quantidade de bala que já foi apreendida dava para fazer uma guerra”, destacou o Comandante, mostrando o poder de fogo que a quadrilha tinha nas mãos.

Dinheiro roubado
Após contabilidade realizada pela agência do Bradesco, foi constatado que a quadrilha não conseguiu roubar nada, ainda conforme Francisco Souto. Já a gerência do Banco do Brasil está fazendo um balanceamento do dinheiro subtraído, estima-se algo em torno de R$ 400 a 600 mil. A contabilidade deve ser finalizada até o fim da próxima semana. Nenhuma linha de investigação foi descartada, no entanto, acredita-se que a maioria dos integrantes da quadrilha seja do Pernambuco, estado escolhido para rota de fuga.

Foto VcRepórter

Assalto
Era por volta de 1h30 da sexta-feira (03) quando um grupo entre 15 e 20 integrantes invadiu a cidade de Missão Velha. O bando se dividiu em dois. Uma parte da quadrilha ficou responsável por fechar as entradas da cidade, colocando caminhões e pregos na pista. Esse mesmo grupo também cercou o destacamento policial. Paralelo a essa ação, os outros integrantes da quadrilha invadiram e explodiram as duas agências bancárias da cidade, que ficam bem próximas, no centro da cidade.

>> Releia: Quadrilha abandona dinheiro, fuzil, explosivos e munições após ataque a banco

Na fuga, houve troca de tiros com policiais e com uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). Apesar do apoio de outros destacamentos de cidades vizinhas, os assaltantes conseguiram fugir. Na fuga, eles abandonaram um carro 4X4 em uma estada carroçável. Dentro do veículo, os policiais encontraram armas de grosso calibre, bastante munição, coletes a prova de bala, e muito dinheiro. Havia também manchas de sangue nos bancos e nas armas, o que se faz supor que, durante a troca de tiros, os suspeitos ficaram feridos.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

12:07 · 03.02.2017 / atualizado às 12:09 · 03.02.2017 por
Foto VcRepórter

Cerca de oito horas após o ataque aos Bancos do Brasil e Bradesco, na cidade de Missão Velha, a Força Tática de Apoio (FTA) do Crato, recuperou um veículo modelo trailblazer utilizado na fuga de parte dos integrantes da quadrilha. O carro de placas PDN – 0871 (inscrição de Petrolina-PE) estava abandonado numa estrada vicinal.

Dentro do veículo havia bastante munição (umas intactas e outras deflagradas), armas de grosso calibre, pistolas, coletes a prova de bala, bananas de dinamite e muito dinheiro. A polícia investiga se o carro tinha sido tomado de assalto. Diante do arsenal encontrado, a polícia acredita que a quadrilha é especializada em ataques a banco.

> Quadrilha fortemente armada ataca dois bancos e troca tiros com a PM em Missão Velha

Foto VcRepórter

Ataque
Era por volta de 1h30 quando um grupo com cerca de 15 integrantes invadiu a cidade. O bando se dividiu em dois. Um ficou responsável por fechar as entradas da cidade, colocando caminhões e pregos na pista. Esse mesmo grupo também cercou o destacamento policial. Os outros integrantes da quadrilha invadiram e explodiram as duas agências bancárias da cidade, que ficam bem próximas, no centro da cidade.

Na fuga, houve troca de tiros com policiais e com uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). Apesar do apoio de outros destacamentos de cidades vizinhas, os assaltantes conseguiram fugir. Em um dos carros, a polícia encontrou manchas de sangue, o que se faz supor que, durante a troca de tiros, os suspeitos ficaram feridos.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br