Busca

Tag: Padre Cícero


08:52 · 06.05.2017 / atualizado às 12:27 · 06.05.2017 por

Juazeiro do Norte. A cobertura de uma loga de baterias e pneus, localizada na Avenida Padre Cícero, neste município, desabou no final da tarde de ontem. De acordo com o gerente da Loja RR Alencar Pneus, Baterias e Alinhamentos, Júnior Maia, “quando os funcionários retornaram do almoço, eles ouviram alguns estralos na estrutura do prédio, mas, como se trata de um edifício um pouco antigo, pensaram que não era nada de mais grave. No fim da tarde, escutamos outro estrondo, dessa vez maior e logo em seguida o teto desabou”.

Ainda conforme, nenhum dos funcionários se feriu. “Todos conseguiram correr e sair ilesos. Apenas eu, quando estava saindo do prédio, fui atingindo por um fio de energia na cabeça, mas graças a Deus ele já estava sem energia. Foi só o susto mesmo e os danos materiais”, acrescentou. Na hora do desabamento, não havia nenhum veículo dentro do comércio, no entanto, um carro que estava estacionado à frente da loja foi atingido.

“Eu ouvi o barulho na hora. Pensei que fosse cair tudo, inclusive meu restaurante, que fica ao lado”, conta Lucas Hebert, proprietário do veículo atingido e dono do restaurante vizinho a loja de baterias. “O prejuízo material não importa. Todos conseguem recuperar com trabalho, o importante mesmo é ninguém ter se ferido”, concluiu Hebert.

De acordo com Maia, devido ao prédio ser antigo, periodicamente ele passava por manutenção. “A gente sempre tinha essa preocupação, inclusive o imóvel passou por reforma há cerca de três meses”, finaliza. Segundo Eugênio Dentes, tenente do Corpo de Bombeiros de Juazeiro do Norte, o teto pode ter rompido por não aguentar o peso das cobertas. “São dois galpões e apenas um deles desabou, justamente o que tem a coberta de telha, o mais antigo. O outro está aparentemente intacto, a engenharia será feito para constar, de fato, como ficou a estrutura do prédio em si”, pontuou.

O Corpo de Bombeiros isolou a área por cerca de duas horas. Equipes do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) de Juazeiro auxiliaram o fluxo de veículos que ficou lento por algumas horas.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

06:35 · 24.03.2017 / atualizado às 06:36 · 24.03.2017 por

Juazeiro do Norte. Cerca de 20 mil pessoas participaram, na noite de ontem, 23, das comemorações de aniversário dos 173 anos do Padre Cícero Romão Batista, no largo do Socorro. O bolo gigante e o concurso do mais bonito, além da distribuição de cerca de 4 mil copos do caldo da Nair, seresta para o público e shows musicais foram as principais atrações, que este ano ganharam um contorno especial, com a organização da festa, aberta no último dia 20. O evento contou com organização e realização da Prefeitura Municipal e famílias do Socorro.

Missa tradicional
Na manhã desta sexta-feira, acontece a tradicional celebração religiosa de aniversário, às 6 horas, e, às 15 horas, a procissão das Flores, saindo do CSU. Um público considerado recorde para o evento foi avaliado pelos organizadores. O momento dos parabéns foi um dos mais esperados, às meia-noite. No palco principal esteve presente o prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, Vice-Prefeito, Giovanni Sampaio, Secretários municipais e o bispo Diocesano, Dom Gilberto Pastana, além do pároco, Cícero José, da Basílica de Nossa Senhora das Dores. Eles destacaram a importância desse momento para a cidade, por estar saudando o seu grande líder, padre Cícero.

Nesta sexta-feira, estará sendo encerrado, dentro da programação, o V Simpósio Internacional sobre o Padre Cícero com o tema “Reconciliação… E Agora?”, aberto no último dia 20, com estudiosos do Brasil e exterior. O evento será encerrado com a conferência do filósofo e escritor, Leonardo Boff, sobre “Padre Cícero à luz do Papa Francisco”.

Premiação
A premiação do concurso do bolo mais bonito foi realizada também na noite de ontem, tendo como ganhadores do primeiro lugar, Mensageiros da Mãe das Dores; em segundo lugar, Ciclistas do Meu Padim. A bibliotecária Cícera Marília Lima Oliveira, afirma que este ano o evento está bem mais organizado, com maior estrutura física, mais novidades na programação. Segundo ela, há uma dinâmica e uma participação maior do público. “A festa está bem maior do que nos outros anos, e com uma melhor organização”, disse. O psicólogo Tomás Edison dos Santos, do Mensageiros, afirma que o trabalho foi muito bom poder participar da festa e ter o bolo da sua equipe mensageiros campeão. A inspiração veio na defesa da natureza, lembrando dos preceitos do Padre Cicero.

A festa iniciada por famílias do Socorro, os afilhados do Padre Cícero, como Nair Silva, remete a uma tradição. O Prefeito Arnon Bezerra, destacou o momento de encontro das famílias juazeirenses, além dos 29 anos de distribuição do caldo. “É uma alegria para os juazeirenses de nascimento e de coração”, disse. O Chefe do Executivo ainda destacou a gratidão ao Padre Cícero, por ser a razão maior de Juazeiro do Norte, como um símbolo da prosperidade, da família, do desenvolvimento. “Por tudo isso, Padre Cícero, meu muito obrigado”, agradece o gestor, dedicando parabéns ao sacerdote.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

09:36 · 20.03.2017 / atualizado às 09:36 · 20.03.2017 por
Foto André Costa

Juazeiro do Norte. A semana alusiva às comemorações dos 173 anos de aniversário do Padre Cícero irá mobilizar, entre hoje, dia 20 e domingo, 26 de março, mais de 50 mil pessoas, numa vasta programação. Hoje de manhã, a tradicional missa do dia 20, realizada na Capela do Socorro, marcou o início das comemorações, que terá abertura oficial no Memorial Padre Cícero, às 19 horas.

Simpósio
Esse ano a semana em comemoração aos 173 do patriarca terá uma nova configuração, ao incorporar o V Simpósio Internacional sobre o Padre Cícero, realizado pela Universidade Regional do Cariri (URCA), com mais de 600 participantes inscritos. Os maiores nomes nacionais e internacionais relacionados aos estudos do Padre Cícero e à religiosidade estarão presentes durante a semana, contando com pesquisadores e escritores como Candace Slater, dos Estados Unidos; Luitigarde Barros, da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), além do escritor Leonardo Boff, que fará a conferência de encerramento, “Padre Cícero à luz do Papa Francisco”, no dia 24.

O presidente de honra do Evento Será Dom Fernando Panico, que proferirá a palestra de abertura, sobre “Questionamentos e Perspectivas Pastorais sobre o “E Agora”, da Reconciliação do Padre Cícero. O credenciamento dos participantes começa a partir das 8h30, no Memorial Padre Cícero, ainda com vagas para inscrições. Às 14h30, acontece programação cultural, com a apresentação do Espetáculo ‘Padim de Nós Todos’, com Nação Nacult, e a apresentação da Banda Cabaçal Santa Edwirgens.

Uma programação científica, cultural, esportiva e religiosa, durante toda a semana, foi preparada para esse momento, envolvendo grandes apresentações de artistas da região e grupos de tradição popular. O simpósio contará com a realização de conferências, palestras, mesas redondas, além de apresentação de mais de 150 trabalhos acadêmicos inscritos, se configurando num recorde para todas as edições já realizadas, além de lançamentos de livros. A maioria das apresentações culturais acontece no largo do Socorro, com coordenação e parceria da Secretaria de Turismo e Romaria de Juazeiro do Norte, Coordenação de Cultura e SESC.

Na quinta-feira, 23, às 20 horas, acontece a tradicional seresta da Padre Cícero, com a participação dos seresteiros da cidade, seguido pelo 3º concurso de bolo do Padre Cícero, show e canto de parabéns, além da 29ª edição da distribuição do Caldo da Nair. A organização deste ano decidiu inovar com a distribuição de 2 mil copos como lembrança, numa parceria da Prefeitura Municipal, por meio da Setur, com a coordenação do evento, na distribuição de caldo para cerca de 4 mil pessoas.

Aniversário do ‘Patriarca do Nordeste’
O dia 24, data da festa de aniversário do Padre Cícero, começa com a grande celebração religiosa no largo do Socorro, às 6 horas. Às 15 horas ocorre o enceramento do Simpósio, com palestra do escritor Leonardo Boff, e a Procissão das Flores, com saída do CSU até o Largo do Socorro. O cortejo encerra com a entrega de certificação às Tiradeiras de Renovação e apresentação dos grupos de tradição.

35ª Corrida Padre Cícero encerra programação
Para este ano, além de aumentar o número de atletas, a 35ª Corrida Padre Cícero amplia a logística de realização. Serão 1.200 atletas, com largadas simultâneas em três locais, por categorias. Cerca de 400 pessoas estarão atuando na organização. A promoção é da administração Municipal, por meio da Secretaria de Esporte, Juventude e Cultura. A largada acontece em Crato, às 7 horas, com cerca de 900 atletas de diversos estados do Brasil, e chegada na Praça Padre Cícero, em Juazeiro do Norte. Às 9h30 será a entrega de troféus e medalhas.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

18:03 · 09.02.2017 / atualizado às 18:21 · 09.02.2017 por

Juazeiro do Norte. A Colina do Horto, principal ponto turístico da região do Cariri, ganhará a implantação de um bondinho, conforme anunciou o governado do Estado Camilo Santana. Nesta quinta-feira, ele aprovou o projeto e garantiu recursos do Tesouro Estadual para a construção do teleférico e urbanização do Horto do Padre Cícero, neste município.

“Essa será uma obra importantíssima para o Horto. Vai melhorar a acessibilidade, trazer mais conforto e segurança para os romeiros e alavancar ainda mais o turismo em toda a região do Cariri”, citou o governador do Ceará, sobre a importância do teleférico e de reurbanizar a Colina do Horto.

O governo não divulgou quando as obras terão início, bem como não informou o valor do investimento.

 

Caldas, Barbalha
Com a construção do equipamento na Colina do Horto, a Região Metropolitana do Cariri (RMC) passará a contar com dois teleféricos. O primeiro está sendo construído em Barbalha, na localidade Vila do Caldas. As obras foram iniciadas em setembro do ano passado e a previsão de conclusão é para outubro deste ano. De acordo com o Governo do Estado, o equipamento foi orçado em R$ 14 milhões e estrutura terá capacidade prevista para transportar 660 pessoas por hora.

O objetivo da obra, segundo a Secretaria de Cidades, é “desenvolver o potencial turístico da região e promover a interação das pessoas com o meio ambiente da Chapada do Araripe, possibilitando ações de educação, proteção, preservação e conservação do local”.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

09:20 · 25.01.2017 / atualizado às 23:12 · 24.01.2017 por
Foto Samuel Macedo
Foto Samuel Macedo

Juazeiro do Norte. O Ministério Público Estadual (MPCE) realizou ontem, audiência pública com a presença de representantes do poder público municipal, da concessionária de energia, Enel, e da administração da área da Colina do Horto, para tratar da iluminação da Colina do Horto. Esperava-se definir quem seria responsável pela manutenção das contas de energia do local, no entanto, nada ficou definido.

Mesmo sem a definição, a Prefeitura Municipal se propôs a manter o pagamento da taxa de iluminação da estátua do Padre Cícero, monumento turístico do Horto, um dos mais visitados do Brasil, “levando em conta a importância do Monumento do Padre Cicero para Juazeiro do Norte”. Porém, para dar continuidade ao convênio, será preciso realizar ajustes, com respaldo na lei.

A Promotora de Justiça que mediou a audiência, Alessandra Magna Monteiro, fez observações relevantes sobre a falta de sensibilidade da empresa concessionária de energia, que, segundo ela, também falhou na comunicação e em sua conduta.

“Houve várias falhas nesse processo por parte da companhia. Deixar um monumento tão importante às escuras foi um risco até para a aviação, que tem como rota para pouso a estátua. Deveria ter comunicado aos administradores do Horto sobre a desvinculação das contas realizada em 16 de setembro de 2016”, explica.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

08:26 · 21.01.2017 / atualizado às 08:28 · 21.01.2017 por
(Foto: Reprodução Verdes Mares Cariri)
(Foto: Reprodução Verdes Mares Cariri)

Juazeiro do Norte. Nos últimos dias, um dos mais emblemáticos símbolos do turismo religioso do Nordeste perdeu, literalmente, o brilho. Desde quinta-feira a Estátua do Padre Cícero e toda a Colina do Horto tiveram o fornecimento de energia cortado devido a atrasos no pagamento. Ontem, porém, prefeitura e administração do Horto firmaram um acordo para quitar o pagamento das contas de energia referentes aos meses de novembro, dezembro e janeiro.

>> Horto do Padre Cícero tem fornecimento de energia cortado por falta de pagamento

Apesar do pagamento, a estátua de 27 metros do Padim não foi reiluminada na noite desta sexta-feira. Isso porque, segundo o Horto, “para que isso ocorresse teria que pagar mais um mês, com vencimento apenas no dia 20 de fevereiro”.  Como medida, o Secretário de Turismo e Romaria, Júnior Feitosa, e outros órgãos da administração, alocaram um gerador de energia para ficar permanente no Horto. Neste final de semana, a administração da Colina espera reabrir o espaço para visitação.

Impacto
Devido ao cancelamento do fornecimento de energia, a visitação no Casarão do Horto, onde está o Museu do Padim, foi prejudicado. Centenas de romeiros que visitaram o local nos últimos quatro dias tiveram que fazer o tour no Casarão às escuras. “Vim de muito longe e vou ter que voltar para casa com os registros só na memória”, lamenta mostrando as fotos escuras em seu celular, a romeira pernambucana Maria Oliveira das Graças e Silva.

A visitação à noite, ao monumento que é o quarto maior do mundo em concreto armado foi suspenso desde a última quinta. A expectativa é que nesta segunda-feira o problema seja totalmente resolvido por parte da Enel. As contas quitadas em atraso somam R$ 23. 620,84.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

12:16 · 29.12.2016 / atualizado às 12:43 · 29.12.2016 por
158 militares foram promovidos em cerimônia realizada no Horto do Padre Cícero
158 militares foram promovidos em cerimônia realizada no Horto do Padre Cícero

Juazeiro do Norte. Policiais e bombeiros militares foram promovidos pelo Governo do Ceará na noite de ontem, neste município. O evento foi realizado no Horto do Padre Cícero e reuniu 158 profissionais, 133 PMs e 25 BMs, para graduação. Além da região, militares de Tauá e Iguatu participaram da solenidade de ascensão nas corporações, fechando o calendário de promoções do Estado, totalizando 1.700 trocas de patente no Ceará.

O governador Camilo Santana avaliou que os aumento no número de militares contemplados com promoção vem graças à aplicação da lei que institui um fluxo regular e automático na carreira dos oficiais e praças estaduais. O documento foi sancionado pelo governador no dia 25 de maio de 2015, data de comemoração dos 180 anos da Polícia Militar do Ceará.

“Ser policial é uma das profissões que exige mais coragem e determinação. Colocam a vida deles em risco para defender a vida do povo cearense. E as promoções eram algo que havia uma reivindicação muito antiga de policiais que passavam de 10 a 20 anos sem uma promoção. Assumi o compromisso que, no meu governo, eu faria uma nova lei para que todo policial que ingresse já saiba que vai ser promovido, pois não há limitação de vaga. Isso garantiu que do ano passado pra cá a gente tivesse mais de 12 mil promoções de policiais e bombeiros”, destacou.

No ano passado, foram promovidos 8.891 militares, a maior promoção da história das duas corporações, com 10 cerimônias realizadas em nove cidades: Fortaleza, Sobral, Crateús, Canindé, Itapipoca, Juazeiro do Norte, Iguatu, Russas e Quixadá. Apenas 29 militares seriam beneficiados em 2015 sem a existência da lei.

“Todo profissional gosta de ser reconhecido e estimulado. A promoção é algo muito valioso para o profissional de segurança pública, subir de patente. Isso tem refletido muito no trabalho da segurança pública do Ceará. Em 2015 e em 2016, nós conseguimos reduzir o número de homicídios no Estado depois de 17 anos. Não tenho dúvida que também é parte do reflexo desse reconhecimento e dessa motivação que temos procurado dar”, ressaltou Camilo Santana.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

 

18:24 · 18.12.2016 / atualizado às 18:38 · 18.12.2016 por
Grupo de 50 cavaleiros percorreu 140 km até o Horto do Padre Cícero
Grupo de 50 cavaleiros percorreu 140 km até o Horto do Padre Cícero

Juazeiro do Norte. A pré-estação invernosa chegou trazendo chuva e esperança aos sertanejos nordestinos que há cinco anos consecutivos convivem com os duros efeitos da estiagem. Entretanto, apesar dos registros de pluviosidade em vários municípios do Ceará – sobretudo no sul do Estado – Bahia, Piauí e Paraíba, muitos temem que, mais uma vez, o inverno fique abaixo da média história.

Diante do temor e da incerteza, as obras hídricas em execução nestes Estados, são vistos, por muitos, como a única salvação. A Transposição do Rio São Francisco é a mais importante delas. No entanto, a obra que irá beneficiar cerca de 12 milhões de pessoas já se arrasta por quase uma década, acumula problemas e teve o orçamento redimensionado. O novo prazo estabelecido pelo governo federal é até o primeiro semestre do próximo ano.

f2Porém, diante dos sucessivos adiamentos, há quem se mostre reticente, como é o caso de um grupo de 50 cavaleiras da cidade de Cajazeiras, na Paraíba. Eles percorreram mais de 140 quilômetros a cavalo, até a Colina do Horto, em Juazeiro, para fazerem orações ao Padre Cícero, considerado Santo por muitos nordestinos. “Cansamos de reivindicar às autoridades. Agora estamos apelando ao nosso Padim. Pedimos que ele interceda por nós”, pontuou o paraibano Mário Gusmão de Macedo.

O grupo saiu da Paraíba ontem à noite, pernoitou em Barbalha, no Cariri cearense, e no início da manhã deste domingo, seguiu até a estátua de 27 metros do patriarca juazeirense. “Vamos nos apegar à fé e aos grandes feitos do Padre Cícero. Se o próximo ano não tiver chuva, nossa única salvação será a transposição”, disse Oliveira Gonçalves. “Tem muito gado morrendo e as pessoas vão passar sede”, acrescentou outro cavaleiro, Josias Barroso da Silva. De acordo com o Governo do Estado da Paraíba, quase 90% dos municípios estão em situação de emergência por causa da estiagem.

Incerteza
Em outubro, a obra chegou a 90,5% de execução, segundo o Ministério da Integração Nacional. Porém, na última quinta-feira, dia 15, o Ministério Público do Trabalho (MPT) pediu a suspensão imediata das obras no Eixo Leste, na Paraíba. No documento emitido pelo órgão, os procuradores pediram a suspensão imediata das obras do Túnel Monteiro, devido ao grave risco de acidente de trabalho no local.

De acordo com o grupo que participou de força-tarefa na região, o serviço no túnel está em desacordo com a legislação que trata de trabalho em ambiente confinado. Os procuradores explicam que o não atendimento à recomendação implicará na adoção de medidas administrativas e judiciais. Eles esclarecem também que somente poderão ser desenvolvidas atividades necessárias à correção das irregularidades apontadas, desde que adotadas medidas de proteção adequadas dos trabalhadores envolvidos.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214. Sua sugestão também pode ser enviada para o e-mail: andre.costa@diariodonordeste.com.br

 

10:50 · 08.12.2016 / atualizado às 16:30 · 08.12.2016 por

estatua vermelhaJuazeiro do Norte. Dando continuidade à adesão de campanhas sociais, que visam a prevenção e combate de doenças que matam milhares de pessoas todos os anos do Brasil, a estátua do Padre Cícero, na Colina do Horto, recebeu iluminação vermelha em alusão ao “Dezembro Vermelho”, uma campanha de prevenção à Aids. Nos meses de outubro e novembro, o monumento recebeu as cores rosa e azul, respectivamente.

Ao longo deste mês, haverá uma série de atividades de prevenção contra o vírus da AIDS, incluindo rodas de conversas, palestras, blitz educativas, fórum temático e ainda a entrega da primeira comenda laço vermelho.

As ações visam reduzir o alto número de casos registrados em Juazeiro do Norte, maior município do Cariri. De acordo com o Coordenador do Programa DST/AIDS, Ronildo Oliveira, “três diagnósticos de novos casos por semana são registrados em média na cidade”. Conforme explica, “muitos portadores do vírus HIV que nem mesmo sabem da doença”.

Em todo o Brasil, já são mais de 825 mil pessoas vivendo com o vírus HIV, enquanto uma estimativa aponta que cerca de 110 mil não sabem que estão infectados.

No Crato, dois novos casos, em média, são diagnosticados por semana. O número elevado se dá pelo fato de as duas cidades serem referência para outros municípios circunvizinhos. A maior parte dos infectados são jovens com idade entre 15 e 24 anos. Entre os anos de 1983 a 2014, a região apresentou 14.732 casos da doença. Ainda segundo o coordenador do Centro de Infectologia de Juazeiro, o motivo do aumento é, sobretudo, pela ausência no uso de preservativos durante as relações sexuais.

“Falta informação e conscientização dos perigos dessa doença silenciosa que ainda mata 12 mil pessoas por ano no Brasil”, acrescenta Romildo. A tonalidade avermelhada instalada na estátua de 27 metros, terceira maior estátua em concreto do mundo, permanece até o final do ano quando a campanha se encerra.

Imagens produzidas por Jean Marcel da “Imagens Aéreas”.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018 ou ligue para nossa redação: (88) 3572-4214

10:28 · 01.12.2016 / atualizado às 12:03 · 01.12.2016 por
Imagem que circulou nas redes sociais, segundo a administração da Colina do Horto, "não procede"
Imagem que circulou nas redes sociais, segundo a administração da Colina do Horto, “não procede”


Juazeiro do Norte.
A estátua do Padre Cícero, na Colina do Horto, que costuma receber iluminação de acordo com datas pontuais, como o “Outubro Rosa” e “Novembro Azul”, desta vez, não foi iluminada na cor verde, em homenagem às vítimas do acidente com o avião da Chapecoense.

Segundo a administração do Horto, “já estava prevista a iluminação na cor vermelha para o mês de dezembro”, fato que impossibilitou a homenagem no monumento do patriarca juazeirense, considerado Santo por muitos nordestinos católicos.

Nas redes sociais, no entanto, circula uma imagem da estátua na cor verde. “Não procede. A homenagem seria justa, mas a estátua não ficou verde nesses dias”, afirma Iolanda Oliveira, da administração da Colina do Horto. Neste mês, o monumento de 27 metros recebe a cor vermelha, em alusão ao mês marcado pela prevenção da AIDS, apoio e tratamento aos portadores do HIV.

Onda de comoção
As homenagens prestadas às vítimas do acidente com o avião do time da Chapecoense não param de se multiplicar Brasil afora. A tragédia que deixou 71 mortos, dentre os quais, 19 eram jogadores da equipe catarinense, gerou uma onda de solidariedade ao redor do mundo.

Monumento do patriarca juazeirense ficará na cor vermelha, em alusão ao período natalino
Monumento do patriarca juazeirense ficará na cor vermelha, em alusão ao tratamento do HIV 

As homenagens são diversas. Vigílias, orações e minutos de silêncio em jogos de vários campeonatos do mundo emocionaram. Estádios e monumentos foram iluminados na cor verde, em alusão ao “Chape”. O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro; o estádio Wembley, em Londres e o Palácio do Planalto, em Brasília; são alguns exemplos das homenagens.

Ontem, milhares de pessoas compareceram ao estádio Atanasio Girardot, em Medellín, na Colômbia, para prestar homenagem às vítimas. O estádio seria o local da partida entre o Chapecoense e o Atlético Nacional, o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana.

No horário em que começaria o jogo, às 21h45 (horário de Brasília) o estádio já estava em sua capacidade máxima, com pessoas vestidas de branco e com uma vela acesa.

No fim das homenagens, crianças entraram em campo com balões brancos e os soltaram enquanto os apresentadores liam os nomes das 71 vítimas. Da arquibancada, o público jogou flores no campo.

Faça o Diário Cariri conosco, envie sugestões de reportagens através do WhatsApp (85) 9.8736.2018