Busca

Tag: Romaria de Nossa Senhora das Dores


15:28 · 15.09.2018 / atualizado às 15:30 · 15.09.2018 por
Celebração emocionante encerrou romaria que reuniu mais de 200 mil pessoas. (Fotos: Antonio Rodrigues)

Juazeiro do Norte. A Basílica Santuário ficou pequena, no início da tarde deste sábado (15), para o número de romeiros que aproveitaram o último dia de romaria para celebrar Nossa Senhora das Dores, padroeira do Município. A tradicional bênção dos chapéus emocionou milhares de devotos que se despediram da Terra do Padre Cícero. Mais tarde, às 17h, a festa toma as ruas da cidade durante a procissão de encerramento. 

Leia Mais: Procissão enche Juazeiro de cores

A programação da Romaria de Nossa Senhora das Dores – a segunda maior do Ceará – começou desde o dia 25 de agosto. A Basílica de Nossa Senhora das Dores estima que mais de 200 mil pessoas passaram por Juazeiro do Norte até este sábado. Pelos número oficiais, romeiros de 10 estados estiveram no evento religioso. 

Com lágrimas nos olhos, a comerciante Silvia Souza, viajou para Juazeiro do Norte pelo trigésimo ano consecutivo. Natural de Maceió (AL), ela atribui a emoção a gratidão que tem à “Mãe das Dores” e ao “padrinho”, que realizaram muitas graças na sua vida.  “A cura de leucemia da milha filha. Ela está em tratamento, mas não toma mais medicação. Está curada, graças a Deus”, garante. Criada por seus avô, que fretava transporte para a romaria, Silvia deu continuidade a tradição. “Eu venho desde criança em janeiro e setembro”, completa.

‘Inexplicável’

O bispo da Diocese de Crato, dom Gilberto Pastana, que celebrou a bênção dos chapéus, acredita que a vivência dos romeiros é difícil de explicar, mas demonstra nos sentimentos, nas lágrimas, a presença de Deus em suas vidas. “A gente não explica aquilo a gente vive. A gente interpreta aquilo que se vive. O que a gente experimenta é essa vivência de alegria, felicidade, pureza de coração”, descreve.

Na celebração, o sacerdote demonstra a expectativa dos romeiros para as próximas romarias. “É difícil para eles viver essa distância de um ano. É preciso estar sempre próximo. O romeiro é aquele que se aproxima, gosta de estar junto, é solidário. É isso que esperamos da romaria”, pede o dom Gilberto.

Premiação

Durante a celebração, foram entregues os troféus para as melhores decorações apresentadas pelos veículos durante a Procissão dos Transportes dos Romeiros, realizada ontem. A família da dona-de-casa Joana D’Arc Corrêa foi uma das vencedoras. A romeira, natural de Maceió (AL), conta que foram três horas para enfeitar o caminhão. “Somos devotos de Nossa Senhora de gerações. Já vem dos nossos avós, nossos pais e há mais e 10 anos viemos para cá. A gente faz a decoração do carro com muito amor, carinho para homenagear a Virgem Santíssima”, explica.

15:50 · 10.09.2018 / atualizado às 15:50 · 10.09.2018 por
A medida afetará 17 bairros da cidade. (Foto: Bruno Gomes)

Juazeiro do Norte. A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) vai operar de forma especial na Romaria de Nossa Senhora das Dores, que acontece de 13 a 15 de setembro. A operação consiste na realização de procedimentos técnicos para equilibrar o abastecimento de alguns bairros, de forma a garantir a distribuição de água para toda a população local e também para os visitantes.

Para garantir o abastecimento de água em Juazeiro do Norte durante a Romaria de Nossa Senhora das Dores, Durante o procedimento, os seguintes bairros poderão ter redução no tempo de abastecimento: Triângulo, João Cabral, Romeirão, Pirajá, Jardim Gonzaga, Lagoa Seca, Timbaúbas, Pio XII, Limoeiro, Vila Fátima, Antônio Vieira, Santa Teresa, Leandro Bezerra, Parque São Geraldo, Almino Loiola, parte do Novo Juazeiro e parte do Salesianos.

Durante o evento, a Cagece orienta a população que a água seja consumida com moderação, sempre priorizando as atividades essenciais e o consumo humano.

Para qualquer reclamação ou solicitação, a Cagece orienta aos clientes que entrem em contato com a companhia pelos canais de atendimento disponíveis, como a Central de Atendimento (0800.275.0195), o aplicativo Cagece Mobile (disponível para Android e iOS) ou por meio Gesse, a assistente virtual da companhia, que atende pelo site.

13:24 · 01.09.2018 / atualizado às 13:30 · 01.09.2018 por
Imagem de Nossa Senhora das Dores, movida no carro de boi, tomou a frente de centenas de cavalos. (Fotos: Antonio Rodrigues)

Juazeiro do Norte. Sob sol forte, cerca de 600 cavaleiros, vaqueiros e carroceiros deram início aos festejos da Romaria de Nossa Senhora das Dores – a segunda maior do Município -, na manhã deste sábado, dia 1º. Com a imagem da padroeira à frente, conduzida pelo tradicional carro de boi,  a cavalgada partiu da Praça do Giradouro até a Praça dos Romeiros, percorrendo algumas das principais ruas e avenidas da Cidade.

Logo cedo, às 6h, deu início a concentração, reunindo vaqueiros das comunidades rurais de Juazeiro do Norte e de localidade vizinhas como Brejo Santo, Missão Velha e Jardim. Às 8h, o grupo deu início a cavalgada que durou cerca de uma hora e meia, terminando com a bênção sob os pés da Basílica de Nossa Senhora das Dores. No trajeto, outros cavaleiros se uniram e foram saudados pelas população que acompanhou nas calçadas. “É meu primeiro ano. Vim pela fé, mas a gente se diverte”, exalta o o carroceiro Cícero Damião Coelho.

Cavalos ocuparam espaço ao lado de lojas na Rua São Pedro.

Segundo o padre Cícero José da Silva, pároco da Basílica de Nossa Senhora das Dores e idealizador da cavalgada, o evento busca resgatar a tradição e história de Juazeiro já que as primeiras romarias aconteciam graças ao transporte animal. “O carro de boi foi o primeiro meio de transporte usado pelo Padre Cícero como também pelos romeiros.  Queremos fazer presente a história desse povo e, ao mesmo tempo, uma homenagem aqueles que hoje como vaqueiros, amantes da vaquejada, pedem a bênção a Deus e ao Padre Cícero”, justifica.

Para os vaqueiros, a cavalgada já é parte de uma tradição. No caso da vaqueira Maria Auxiliadora Gonçalves, por exemplo, ela já participou de encontros em Brejo Santo, Farias Brito e Missão Velha. Como moradora de Juazeiro do Norte, dessa vez aproveitou e trouxe toda a família. “Marido, filho, neto, nora. É lazer, tradição. A gente gosta e sempre dá vontade de ir. Vai cantando, conversando, todo mundo junto. Família unida. Ano passado vim e daqui pra frente vou continuar. Vou pedir pra Nossa Senhora saúde, força e coragem para próximo ano está aqui”, antecipa.

Já o aposentado Raimundo Menezes e seu amigo, o artesão Mauro Seleiro, o encontro é uma forma de manter a tradição e reencontrar com o parceiros de outras vaquejadas.  “Isso é a cultura do nosso sertão”, explica Raimundo. “Como trabalho no couro, eu abraço essa causa. Faz parte de minha profissão. Eu trabalho para os vaqueiros. É uma coisa que a gente deve resgatar. Tudo era transportado nos lombos de animais. Nossos netos não sabem o que é isso. Não podemos deixar morrer uma coisa que sempre foi nossa”, justifica Mauro.

Romaria

De 10 a 15 de setembro, são esperados cerca de 400 mil romeiros em Juazeiro do Norte. Na programação, além das missas diárias, haverão os noitários e algumas procissões nas comunidades. “Espera-se que seja uma romaria recorde, porque Juazeiro tem se preparado a cada ano. Agora, mais do que nunca, através de sua gente e com nosso suporte, será bem melhor”, acredita o prefeito Arnon Bezerra.

Toda programação religiosa pode ser acessada AQUI.

09:41 · 26.09.2017 / atualizado às 09:41 · 26.09.2017 por
O secretário de Cultura, Alemberg Quindins, esteve avaliando a participação de sua pasta, responsável por levar os grupos de tradição popular à Romaria. (Foto: Samuel Macedo)

Juazeiro do Norte. Visando os preparativos para as próximas romarias, aconteceu nesta segunda-feira (25) a reunião para avaliar a Romaria de Nossa Senhora das Dores, que abriu o ciclo de turismo religioso no Município. O encontro, realizado no Círculo Operário São José, foi uma iniciativa da Secretaria de Turismo e Romaria (Setur) e envolveu setores responsáveis pelo plano de ação e que possibilitaram maior organização durante o período festivo. Os serviços realizados durante o evento religioso receberam avaliação positiva.

Representantes das Secretarias municipais, que este ano trabalharam de forma integrada a Setur, estiveram presentes. Cada órgão apresentou os resultados do trabalho executado e levantaram considerações importantes para os próximos eventos religiosos da cidade.

Para as próximas romarias, o Secretário de Turismo e Romaria, Júnior Feitosa, pretende dar continuidade em projetos inovadores na promoção do turismo na cidade e receptividade ao romeiro, como o City Tour, realizado em ônibus apropriados, com guias de turismo credenciados pela Embratur e totalmente gratuito.

O Secretário falou ainda sobre as ações para melhor atender os motoristas de ônibus que trazem romeiros de diversas cidades do Nordeste, como serviços oferecidos pelo Sest/Senat e Secretaria de Saúde, como cortes de cabelo, palestras sobre os fatores de risco ocupacional e orientações sobre a prática de exercício laboral e verificação de pressão e glicemia. O estacionamento para embarque e desembarque dos romeiros também recebeu revitalização. Oito banheiros foram construídos no local e feita a recuperado da iluminação, além de adequação em diversos pontos, e intensificação do trabalho de limpeza pela municipalidade, entre outras ações no período das festividades religiosas.

Reconhecimento

Em ofício enviado pela Câmara Municipal de Juazeiro do Norte, a vereadora Auricélia Bezerra, com coautoria da vereadora Rita de Cássia Monteiro, apresentou congratulações pelo excelente trabalho realizado na Romaria pela Gestão Municipal, destacando a disponibilidade de transporte coletivo para que os romeiros visitassem os pontos turísticos locais.