Busca

11:49 · 23.09.2017 / atualizado às 12:06 · 23.09.2017 por

 

Ipaumirim é uma cidade marcada por fortes manifestações de servidores. Foto de Honório Barbosa

Os servidores municipais de Ipaumirim estão mobilizados contra o atraso no pagamento salarial referente ao mês de agosto. O funcionalismo paralisou as atividades durantes três dias no início desta semana e na quarta-feira houve ocupação do prédio da Prefeitura Municipal.

O ato de ocupação da Prefeitura foi marcado por momentos de tensão e quase ocorreu um quebra-quebra. Os ânimos ficaram acirrados após a secretaria de Administração anunciar que não havia recursos para o pagamento salarial. “Os servidores estavam com muita raiva”, disse a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Ipaumirim, Terezinha Gonçalves, que conseguiu conter o ânimo da multidão ao subir em um birô e pedir calma.

“Vamos fazer a nossa manifestação sem vandalismo, sem destruir o patrimônio público”, disse. Sob orientação de Terezinha Gonçalves, os manifestantes sentaram-se no chão e se acalmaram.  “Fiquei com medo de uma destruição total porque os ânimos estavam animados”.

A ocupação permaneceu até a quinta-feira ao meio-dia, quando a Prefeitura anunciou que no próximo dia 29 começa o desembolso do pagamento salarial.

“No próximo dia 30 haverá uma assembleia geral e se o pagamento não começar, a categoria vai decidir se começa uma greve geral”, anunciou Terezinha Gonçalves.

Em fevereiro passado, já houve mobilização, paralisação por dia e ocupação da Prefeitura de Ipaumirim.

Presidente do Sindicato dos Servidores de Ipaumirim e advogada, Terezinha Gonçalves, conteve ânimos dos servidores. Foto: VC Repórter/WhatsApp

CPI

Escadaria de acesso ao prédio foi tomada por servidores em greve. Foto VC Repórter/WhatsApp

Os servidores que ocupavam a Prefeitura de Ipaumirim e o acesso à Câmara de Vereadores, que funciona no primeiro andar do antigo prédio do Banco do Brasil, sede da Prefeitura, pressionaram os vereadores a instalar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o destino dos recursos arrecadados pela administração municipal. Apenas um vereador não assinou o requerimento.

 “Queremos saber para onde o dinheiro está indo”, disse Terezinha Gonçalves. 

A Prefeitura já realizou o pagamento do mês de agosto dos setores de Educação e parte da Saúde.

      Ofício com ironia 

Em meio à mobilização dos servidores, um ofício datado de 21 deste mês e assinado pela secretária municipal de Administração de Ipaumirim, Jucieuma Gouveia Correia, deixou os servidores ainda mais revoltados. Em tom de ironia, após esclarecer que não tem como garantir o pagamento de todos os servidores, a secretária afirma que “se houver uma boa surpresa, vindo recursos além de nossas expectativas, pagaremos de forma integral a todos…”

 

 

Ato de ocupação da Prefeitura de Ipaumirim. Foto: VC Repórter/WhatsApp

 

 

11:14 · 23.09.2017 / atualizado às 11:14 · 23.09.2017 por

 

Evento mobilizou juventude em Várzea Alegre. Foto de César Augusto Romano

Na noite desta sexta-feira, 22, no Parque Cívico São Raimundo Nonato, na cidade de Várzea Alegre aconteceu uma mostra de dança, que marcou o encerramento do Festival da Juventude e reuniu integrantes da APAE, Associação Beneficente Luiz Otacílio Correia (Casa Mãe), CIA Nayane Rodrigues, Associação Beneficente e Cultural Nossa Senhora de Fátima e Secretaria de Assistência Social.

O encerramento do evento foi com a participação do DJ Léo Mix.

O evento faz parte da programação do I Festival da Juventude promovido pela secretária de Assistência Social, que começou na última quarta-feira, no Centro Social Urbano Lourival Clementino do Nascimento com duas palestras: “Netiquetas: Você é o que você posta” – ministrada pelo administrador e radialista Marcos Filho, e “Vamos falar sobre suicídio com a juventude?”, esta, tendo como palestrante o psicólogo José Lopes (Netinho).

Segundo a secretária Laura Alves, a proposta das duas palestras foi levar até os jovens um Papo Aberto sobre duas temáticas modernas. A Campanha Setembro Amarelo de prevenção ao suicídio está aí e os jovens precisam entender desse assunto, assim como o comportamento que devem ter diante do avanço da internet e suas redes sociais e o tema da ética nas redes sociais ou netiqueta chama os jovens a esse responsabilidade.

 O Papo Aberto com a Juventude abriu a programação às 8h30, com participação de cerca de 160 alunos de escolas da rede pública de ensino, autoridades e convidados.

Na programação houve aula inaugural do Projeto Tatame Cidadão. Esse projeto de artes marciais é mais uma ocupação sadia para a juventude. No último dia 21, na quadra de esportes do CSU, no período da noite, foi realizado o Torneio de Futsal da Juventude.

11:02 · 23.09.2017 / atualizado às 11:04 · 23.09.2017 por

Conscientizar sobre a prevenção do suicídio. É com este objetivo que no decorrer deste mês é realizada a campanha Setembro Amarelo. Como parte das ações, a Prefeitura de Cedro, por meio da Secretaria de Saúde e do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), promove palestras, rodas de conversas e blitz educativas em ruas do município.

A ação conta com apoio do Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF), profissionais da área da saúde, escolas da rede pública de ensino, secretarias municipais e sociedade civil.

O Prefeito de Cedro, Dr. Nilson Diniz, informa que o objetivo é alertar a população e detalhar que o suicídio é um problema de saúde pública e considerado tabu nos dias atuais. “Estaremos realizando ao longo do ano diversas atividades e neste momento é importante contarmos com a parceria da população para participar das atividades”, explica.

No auditório do Centro de Educação Profissional Ivens Dias Branco, no próximo dia 27, o médico psiquiatra Dr. Eduardo Freitas abordou o tema prevenção e a psicóloga Jayane Kelle abordou aspectos da prevenção ao suicídio.

No próximo dia 28 a população poderá participar de uma blitz educativa na Praça Nilo Viana Diniz (Matriz), com a entrega de panfletos e diversas ações de saúde. A concentração iniciará às 8 horas.

De acordo com a Secretária de Saúde de Cedro, Sayonara Moura, o diálogo é caminho para a redução dos índices de suicídio no país. “Neste mês estamos realizando diversas ações para que possamos explanar que a ausência de um bom dialogo tem aumentado consideravelmente nos últimos anos”.

Dados recentes

O Ministério da Saúde divulgou, nesta quinta-feira (21/9), o primeiro Boletim Epidemiológico de Tentativas e Óbitos por Suicídio no Brasil. O estudo mostrou a alta taxa de suicídio entre idosos com mais de 70 anos. Nessa faixa etária, foram registradas média de 8,9 mortes por 100 mil nos últimos seis anos. A média nacional é 5,5 por 100 mil. Também chamam atenção o alto índice entre jovens, principalmente homens, e indígenas. O diagnóstico inédito vai orientar a expansão e qualificação da assistência em saúde mental no país.

Com base nos dados do boletim, o Ministério da Saúde lança uma agenda estratégica para atingir meta da Organização Mundial da Saúde (OMS) de redução de 10% dos óbitos por suicídio até 2020. Entre as ações, destacam-se a capacitação de profissionais, orientação para a população e jornalistas, a expansão da rede de assistência em saúde mental nas áreas de maior risco e o monitoramento anual dos casos no país, além da criação de um Plano Nacional de Prevenção do Suicídio. Desde 2011, a notificação de tentativas e óbitos é obrigatória no país em até 24h.

Na avaliação da coordenadora do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), o trabalho diário da equipe tem sido fortalecido pelo apoio de diversas ações e do diálogo e parceria com a família. “A campanha Setembro Amarelo sempre é marcante em nosso município e isso demonstra a preocupação da gestão municipal em garantir e ampliar os atendimentos no CAPS”.

Histórico sobre Setembro amarelo

Iniciado no Brasil pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria), o Setembro Amarelo realizou as primeiras atividades em 2015 concentradas em Brasília. Mundialmente, o IASP – Associação Internacional para Prevenção do Suicídio estimula a divulgação da causa, vinculado ao dia 10 do mesmo mês no qual se comemora o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio.

O CVV – Centro de Valorização da Vida (uma das principais mobilizadoras do Setembro Amarelo) é uma entidade sem fins lucrativos que atua gratuitamente na prevenção do suicídio desde 1962, membro fundador do Befrienders Worldwide e ativo junto ao IASP – Associação Internacional para Prevenção do Suicídio), da Abeps (Associação Brasileira de Estudos e Prevenção do Suicídio) e de outros órgãos internacionais que atuam pela causa.

10:56 · 23.09.2017 / atualizado às 10:56 · 23.09.2017 por

 
O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), através do promotor de Justiça da comarca de Crateús, Lázaro Trindade de Santana, ajuizou, no último dia 20, uma ação civil pública para responsabilização pela prática de ato de improbidade administrativa contra o ex-prefeito, Mauro Soares. O representante do MPCE pede a concessão de liminar visando ao bloqueio de bens do demandado no limite do valor da causa, R$ 14.820,00.
O promotor de Justiça também requer a condenação do requerido à suspensão de seus direitos políticos, por período de três a cinco anos, pela prática dos atos de improbidade administrativa.

Após análise dos autos, o promotor de Justiça verificou o uso indevido da exaltação das realizações pessoais do ex-prefeito, confundindo-se com as ações políticas que seriam desenvolvidas no decorrer do mandato, o uso da sua imagem para fomentar o marketing político, nas matérias veiculadas pela Prefeitura Municipal de Crateús.

Em 26 de julho de 2017, atendendo à requisição do promotor de Justiça, a Prefeitura de Crateús encaminhou diversas publicações institucionais, que caracterizavam o total desvirtuamento e a desobediência ao princípio da impessoalidade. Para Lázaro Trindade, a proibição à personalização contida na Constituição Federal é evidente. O requerido imprimiu sua marca e imagem pessoal à publicidade oficial, fazendo da propaganda institucional uma promoção pessoal. A participação do demandado nas publicidades não têm função útil sob o prisma do interesse público delimitado pelo parágrafo 1º do artigo 37 da Constituição Federal. “As matérias jornalísticas editadas nada explicam, nada orientam, nada informam, nada educam. As suas aparições somente têm o propósito de fixar, perante a população, a imagem dele para o engrandecimento político”, afirmou.

O blog não conseguiu ouvir o ex-prefeito de Crateús.

10:47 · 23.09.2017 / atualizado às 10:47 · 23.09.2017 por
Lançado programa primeira infância em Várzea Alegre. Foto de Augusto César

Como parte da programação de 5ª Semana do Bebê, foi lançado o Programa Primeira Infância no SUAS, com o Projeto Criança Feliz. De acordo com a primeira-dama, Sônia Fortaleza, esse é um programa do governo Federal, que teve adesão do município pelo seu grau de importância para todas as crianças na promoção do seu desenvolvimento integral.

O programa tem por objetivo promover o desenvolvimento integral das crianças até seis nos de idade. Esse período é considerado vital para o desenvolvimento das funções cognitivas das crianças. “O programa dará maior atenção às gestantes, às crianças de até 3 anos e às de 6 anos das famílias beneficiarias do Bolsa Família. Profissionais capacitados irão acompanhar e fazer visitas domiciliares periódicas a essas famílias”, disse.

10:42 · 23.09.2017 / atualizado às 10:42 · 23.09.2017 por
Dr. Eduardo Vieira falou sobre a temática do suicídio. Foto de Thiedo Henrique 

O suicídio é um problema de saúde pública e considerado tabu ainda hoje. O número de vítimas aumentou consideravelmente nos últimos anos. Pensando em fazer com que o assunto seja discutido sem discriminação, o Rotary Club de Iguatu, recentemente, recebeu o médico psiquiatra Dr. Eduardo Freitas Vieira que esclareceu o tema no âmbito da medicina.

Conforme o médico, o ‘Setembro Amarelo’ foi criado visando à conscientização e prevenção do suicídio através de ampla divulgação de informações para incentivar o diálogo aberto. “Fazer com que o assunto seja discutido sem discriminação tanto na mídia quanto em nosso cotidiano, torna-se importante uma vez que o suicídio pode ser prevenido, caso a pessoa tenha a atenção dos outros a seu redor e busque ajuda”, disse.

O psiquiatra afirmou que o comportamento suicida normalmente surge como consequência de uma doença psicológica não tratada, como é o caso da depressão severa, síndrome do estresse pós-traumático ou esquizofrenia. “Quando a pessoa está frequentemente triste e perde a vontade de participar de atividades com os amigos ou familiares, são indícios de que está sofrendo de depressão, que quando não tratada é uma das principais causas do suicídio”, ressaltou.

Como ajudar?

Ao lidar com uma pessoa que está tendo pensamentos suicidas, é de suma importância demonstrar amor e empatia, não julgar e tentar entender os sentimentos daquela pessoa e o que pode estar acontecendo com ela. “A comunicação é primordial. Não se deve ter receio ou vergonha de perguntar se alguém está triste, deprimido ou até mesmo se pensa em tirar a própria vida”, afirmou.

Segundo o médico, a tentativa ocorre mais no público feminino, mas os homens continuam executando mais e de maneira mais violenta. “A cada três segundos uma pessoa tenta suicídio no mundo”, afirmou Eduardo, dizendo que em números absolutos o Brasil é o oitavo país no mundo a registrar casos.

Os rotarianos levaram os seus questionamentos, dentre eles; o por que de casos de suicídios recentes vêm ocorrendo em ambientes médicos. “Cada ser humano é único, e por isso não há um perfil certo para esses casos, mas acredito que o ambiente de cobranças e responsabilidades e convivência com o sofrimento e doenças fazem desse comportamento ocorrer com frequência nesse âmbito”, declarou.

Também é imprescindível buscar ajuda profissional, como um psicólogo ou psiquiatra, pois quem sofre com tendências suicidas deve iniciar um tratamento urgente e, caso necessário, tomar medicações específicas. “Quem estiver convivendo com a pessoa em tratamento, deve ajudá-la a não ter uma recaída, garantindo que ela esteja frequentando sessões de terapia e tomando os remédios de acordo com a prescrição dada”, finalizou.

Presidente interino na ocasião, Roberto Mendonça acrescentou a importância de levar a discussão da temática em ambiente rotário. “Infelizmente tivemos um caso de suicídio de um companheiro nosso, e trazer esse tema para a plenária faz com que mais pessoas sejam alcançadas direta e indiretamente, no intuito de receber a ajuda necessária”, afirmou.

10:35 · 23.09.2017 / atualizado às 10:35 · 23.09.2017 por

Tentativa de roubo e que resultou em uma vítima lesionada à bala foi registrada por volta das 17 horas desta sexta-feira, no sítio Saco, distante cerca de 14km da sede de Saboeiro. A vítima foi identificada por Raimundo Tomé Maciel, 43 anos, e seguia em sua motocicleta, quando dois homens encapuzados e armados, sendo que uma das armas era de cano longo, saíram de dentro do matagal e anunciaram o roubo.

Os acusados não obtiveram êxito na subtração da motocicleta, haja vista que o veículo possui um sistema de alarme que foi acionado. Neste momento, a vítima saiu correndo e foi atingido por um tiro de raspão na cabeça. Os infratores evadiram-se tomando rumo ignorado. A vítima foi socorrida para o hospital local e posteriormente foi transferida para o Hospital Regional de Iguatu e não corre risco de morte.

Policiais realizaram diligências no sentido de identificar, localizar e prender os acusados, no entanto não houve êxito.

10:27 · 23.09.2017 / atualizado às 10:27 · 23.09.2017 por

Um atropelamento resultou na morte de Zezineudo Lopes de Almeida, 40, anos, na cidade de Quixelô. O acidente ocorreu na noite desta sexta-feira, 23, por volta das 23 horas, na Avenida Perimetral, próximo ao posto FAÉ.

Segundo informações, a vítima teria sido socorrida pela ambulância da cidade, mas ao chegar ao hospital local já estava morta. O rabecão do IML de Iguatu foi acionado e esteve presente no local. A polícia realizou diligências no intuito de localizar o acusado, mas até o momento não obteve êxito.

16:49 · 22.09.2017 / atualizado às 10:15 · 23.09.2017 por
Seminário obteve ampla participação em Jucás.

Mais de 200 produtores rurais e beneficiários das tecnologias de convivência com o semiárido realizadas pelo Instituto Elo Amigo na região Centro-Sul do Ceará participaram na manhã desta quinta-feira, 21, na Câmara Municipal de Jucás do seminário sobre  desenvolvimento produtivo rural sustentável com o tema “As perspectivas da agricultura familiar”.

A presidente da Câmara Municipal de Jucás, Dôra Cunha destacou as dificuldades enfrentadas pelos produtores rurais e a falta de apoio para o setor por parte do governo federal.

O presidente do Elo Amigo, Marcos Silva, lembrou que o Elo Amigo promoveu capacitações, construíu tecnologia de água e continua firme no propósito de parceria com o segmento da agricultura familiar. “Houve conquista coletiva, de direitos e fortalecimento das politicas públicas pensando no desenvolvimento de todos” disse Marcos Silva.

Na zona rural de Jucás já foram implantadas mais de mil tecnologias de convivência com o semiárido. “As comunidades de Jucás possuem mais de mil tecnologias feitas, entre elas cisternas de 1ª e 2ª Água, barreiro trincheiro, barragens subterrâneas entre outras, que garantem água para beber e para pequenas produções dos quintais produtivos” afirmou o técnico do Instituto Elo Amigo, Claudenê Lima.

Encaminhamentos

Os produtores identificaram ações que precisam ser fortalecidas: acesso à água, universalização das cisternas e assistência técnica, para promover uma continuidade do evento os produtores encaminharam a formação de uma comissão com representação de cada comunidade rural de Jucás e entidades proponentes para uma reunião de ação no próximo dia 04 de outubro.

O secretário de Desenvolvimento Agrário de Jucás, Cláudio Lavor, reforçou a ideia da parceria entre o Elo Amigo e congratulou os presentes pelo protagonismo de virem para a reunião e darem início a construção de uma agenda que vai beneficiar a todos. Ele lembrou que a secretaria que atua sempre está buscando a melhoria da população de Jucás.

“A nossa parceria com o Elo Amigo é de muito tempo e onde eles chegam fazem um impacto social positivo muito grande”, frisou.

16:32 · 22.09.2017 / atualizado às 16:32 · 22.09.2017 por
Aula inaugural atraiu alunos em Várzea Alegre. foto de Augusto César

 

         Como parte da programação do I Festival de Juventude, aconteceu a aula inaugural do projeto Tatame Cidadão – Promovendo Protagonismo, Desenvolvendo Talentos, a partir às 18h, na quadra de esportes do Centro Social Urbano (CSU), em Várzea Alegre.

         O projeto é voltado para aulas de artes marciais e é desenvolvido pela Secretaria Municipal de Assistência Social. Na aula inaugural, houve demonstrações de karatê, estilo Shidokan e Taekwondo com chute à distância e altura e defesa pessoal para mulher. Os alunos recebem instruções dos professores Brendo Silva (Karatê Shidokan) Maria Ribeiro (Taekwondo) e participam de oficinas do Serviço de Convivência e de Fortalecimento de Vínculos.

       Alunos da Academia de Karatê Shidokan do Sensei Bombeiro fizeram demonstrações da arte marcial e estudantes de escolas do ensino médio do município assistiram à aula inaugural.