Categoria: cidades


16:36 · 23.05.2019 / atualizado às 16:36 · 23.05.2019 por

 

A secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA) e o Instituto do Desenvolvimento Agrário do Ceará (Idace) realizam nesta segunda-feira, 27, na cidade de Jaguaribe, solenidade de entrega de títulos de propriedade rural, a partir das 9 horas, no parque de Exposições de Jaguaribe.

O evento vai contar com a presença de autoridades locais, do prefeito, José Abner, do superintendente do Idace, José Wilson, e do secretário executivo da Pesca e do Desenvolvimento Agrário, Antônio Nei de Souza.

Programa regularização 

A iniciativa integra o Programa de Regularização Fundiária, executado por meio da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA) e do Instituto de Desenvolvimento Agrário (Idace). Somente nos primeiros quatro meses de 2019, foram entregues 4.833 títulos da terra em todo o Estado e estima-se que até dezembro deste ano outros 15 mil sejam entregues. “Esse programa de Regularização Fundiária começou exatamente quando o governador Camilo Santana era secretário do Desenvolvimento Agrário”, pontua Nelson Martins.

“É o maior programa de Regularização Fundiária rural do Brasil e da América Latina. Já entregamos mais de 80 mil títulos de terra e a grande importância dessa iniciativa é que ele é estruturante para a agricultura familiar. O agricultor que recebe o título consegue receber muito mais benefício do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Temos aí recursos de mais de R$ 3 bilhões, que nesses últimos anos foram viabilizados exatamente porque o agricultor tinha o título de propriedade rural em mãos”, destaca o secretário.

Embora o programa seja conhecido por boa parte dos cearenses, os primeiros títulos de terra para Independência saíram mais tarde após uma negociação entre o cartório de imóveis local e a prefeitura municipal. “A nossa tarefa, além de cuidar do que vinha andando no Estado do Ceará, recaiu sobre mim um compromisso de resolver o mais rápido possível a questão da titulação e confecção dos títulos de imóveis daqui de Independência”, relata o superintendente José Wilson Gonçalves.

“Além da entrega dos títulos pudemos compartilhar outra política importante da Secretaria que diz respeito à organização da cadeia produtiva da ovinocaprinocultura. Entregamos a três associações kits de ordenha para melhorar a qualidade do leite e isso vai aumentar cada vez mais essa vocação e potencialidade”, conclui De Assis Diniz. Segundo ele, atualmente, o município produz diariamente entre 250 e 300 litros de leite de cabra.

16:02 · 23.05.2019 / atualizado às 16:02 · 23.05.2019 por
Vereadora Dra. Luciana Rolim

A vereadora Dra. Luciana Rolim, vice-presidente da Câmara de Municipal de Várzea Alegre, apresentou proposta de mudança de data de cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano – IPTU. Ela propôs ampliar o número de parcelas mensais de duas para seis e que a sua cobrança tenha início ainda no primeiro semestre de cada ano.

A ideia é melhorar a forma de pagamento para os contribuintes e a facilidade ao acesso de boleto do IPTU via ‘on line’. “Esperamos o apoio dos colegas parlamentares e da Prefeitura”, frisou Dra. Luciana Rolim.

“Este imposto tem importante papel no orçamento municipal, figurando muitas vezes como principal fonte de receita dos municípios, juntamente com o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS)”, pontuou.

Ela avalia que o município de Várzea alegre tem perdido receita quanto à arrecadação do IPTU, por realizar sua cobrança no último bimestre, sempre entre os meses de novembro e dezembro. “Eu considero que este período, fim de ano, o contribuinte já está bastante comprometido, o que leva muitas vezes a não ter como realizar o pagamento do seu IPTU”, argumentou.

Segundo Dra. Luciana Rolim, a maioria dos municípios do Ceará cobra o IPTU no primeiro semestre.

“Com a ampliação das parcelas de pagamento, o contribuinte vai ter essa facilidade de manter seu imóvel ou terreno em dia com a prefeitura. Já a prefeitura vai ter mais tempo para receber esse imposto sem correr o risco de perdê-lo por falta de prazo”, pontuou.

 

15:45 · 23.05.2019 / atualizado às 15:45 · 23.05.2019 por
Série de encontros debate formação de consórcio da região Centro-Sul do Ceará. Foto de Marcos Rodrigues

Debater e planejar ações e metas a serem executadas nos próximos meses pelo Consórcio de Manejo dos Resíduos Sólidos da Região Sertão Centro Sul é o objetivo da 4ª Reunião do Consórcio que acontecerá na próxima sexta-feira (24/5), a partir das 8h, no Centro de Educação Profissional Ivens Dias Branco (Senac/CE).

“É importante a união dos municípios para que possamos encontrar soluções de problemas comuns e implementarmos a coleta seletiva nas cidades, além de atingir as metas estipuladas”, enfatiza o prefeito de Cedro e presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), Dr. Nilson Diniz.

Estarão presentes os técnicos de contabilidade, membros do grupo executivo e os Secretários de meio ambiente dos municípios de Baixio, Cedro, Granjeiro, Ipaumirim, Lavras da Mangabeira, Umari e Várzea Alegre. Na sexta-feira passada (17/5), por ocasião da 3ª Reunião do Consórcio, em Várzea Alegre, foi aprovado o ingresso dos municípios de Icó e Orós, também estarão presentes no encontro.

Serviço

4ª Reunião do Consórcio Público de Manejo dos Resíduos Sólidos da Região Sertão Centro Sul
Data: 24 de junho de 2019

Horário: 8h

Local: Centro de Educação Profissional Ivens Dias Branco (Senac/CE)

15:27 · 23.05.2019 / atualizado às 15:27 · 23.05.2019 por

 

Estudantes fazem prova em Cedro. Foto de Honório Barbosa

 
Os estudantes do 6º ao 9º ano da rede pública municipal de ensino participaram da 1ª fase da 15ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP. No ano passado, três alunos obtiveram certificados de Menção Honrosa.
A coordenadora das Olimpíadas em Cedro, Aldenoura Gomes, lembrou que o momento agora é de preparação para a 2ª fase, que acontecerá em setembro. “Os classificados nesta etapa farão a prova da etapa seguinte, dia 28 de setembro. Hora de focar nossas ações no aprimoramento de estratégias que favoreçam o desenvolvimento do raciocínio lógico-matemático.”.
A secretária de Educação, Esmeraldina Bezerra, reforça a atuação do município na preparação dos estudantes. “Tivemos apoio da gestão escolar para que os estudantes pudessem estar em contato com as novas ideias da Matemática e isso, certamente, estimulou o raciocínio dos alunos, aprimorou o desempenho nas provas”.
A avaliação é composta por 20 questões, diferenciadas por níveis e aplicadas em cada instituição de ensino participante. A Secretaria de Educação reforça que os próprios professores são responsáveis pela correção das provas, seguindo as instruções e gabaritos elaborados. “Estamos vivenciando novas ações para nossos estudantes e com a aplicação das provas, isso demonstra que estamos avançando cada vez mais”, reforçou Esmeraldina Bezerra.
“A prova da OBMEP permite detectar alunos com talento para a Matemática. Uma premiação na olimpíada abre portas. A participação nos programas de iniciação científica, por exemplo, permite ao jovem ter contato com colegas de aptidões, interesses e ambições semelhantes”, observa o diretor-adjunto do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) e coordenador-geral da OBMEP, Cláudio Landim.

O prefeito Dr. Nilson Diniz mostrou o compromisso da gestão com os estudantes na realização de diversas Olimpíadas. “Ao longo do ano, estamos cada vez mais levando essas ações para que no futuro, nossos estudantes possam cada vez mais melhorar o conhecimento em diversas áreas”, pontua.
Sobre a OBMEP
Promovida com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC), a competição é destinada a estudantes a partir do 6º ano do Ensino Fundamental, até o 3º ano do Ensino Médio. Em todo país, mais de 54 mil instituições de ensino aderiram da competição; nesta primeira etapa, mais de 18,1 milhões de estudantes participaram das provas.
A Olimpíada objetiva contribuir para estimular o estudo da Matemática, identificar jovens talentosos, incentivar o ingresso dos estudantes em áreas científicas e tecnológicas e promover a inclusão social pela difusão do conhecimento.

15:00 · 23.05.2019 / atualizado às 16:41 · 23.05.2019 por

Um roubo de carro mediante arma de fogo, ocorreu nesta quarta-feira, 22, por volta das 22 horas, na rua Monsenhor Frota, em Icó, em frente à Faculdade Vale do Salgado, na cidade de Icó.

O estudante de Análise de Desenvolvimento de Sistemas, Reubem Marcos Germano Correia, 42 anos, havia saído da FVS e embarcado em seu carro, uma caminhonete S10 LT, cabine dupla, placa PNW 7512, ano 2019, que estava estacionada em frente à instituição de ensino, quando foi abordado por um indivíduo baixo, jovem, com um revólver, que lhe rendeu forçando a guiar a caminhonete até o viaduto na BR 116.

Ao chegar ao viaduto, o assaltante ordenou o estudante Reubem Marcos a descer e fugiu no veículo. Além do carro, o criminoso levou um notebook, R$ 300,00, documentos e um celular do estudante.

A Polícia Militar realizou diligências, mas não logrou êxito na captura do suspeito, que segundo a vítima tinha um sotaque diferente.

Com colaboração de Richard Lopes

Vídeo mostra momento da ação criminosa às 22h05, quando o carro sai com o ladrão e o estudante:

 

11:37 · 22.05.2019 / atualizado às 11:43 · 22.05.2019 por

 

 

O Ministério Público do Estado do Ceará, através do promotor de Justiça, Renato Magalhães de Melo, titular da 3ª Promotoria da Comarca de Icó, realiza no próximo dia 31 de maio, no auditório da Câmara de Vereadores, às 9 da manhã, uma audiência pública com o objetivo de discutir a poluição sonora causada por condutores de sons volantes e equipamentos de som no comércio.

De acordo com o promotor de Justiça, Renato Magalhães de Melo, a população do município vem passando por grande desrespeito por aqueles que utilizam som: automotivo, propagandistas, comércio, casa de show, bares, e moradores em geral que abusam do direito ambiental.

Os moradores reclamam da intensidade da poluição por propaganda de lojas e de festas durante o dia e à noite. Estarão sendo aguardados na audiência pública, representantes da CDL, vereadores, Prefeitura, Polícia Militar, delegado da Polícia Civil, comerciantes e proprietários de equipamentos sonoros, para buscar uma solução.

Com colaboração de Richard Lopes e Gustavo Veras

11:29 · 22.05.2019 / atualizado às 11:29 · 22.05.2019 por
material foi apreendido em Acopiara
          Policiais Militares do serviço de inteligência prenderam o mototaxista, Antônio Pereira de Lima, de 44 anos, residente no sítio Timbaúba, que conduzia uma moto Honda CG 125 KS, placa OIA 7631. No ato da prisão, o garupeiro acabou fugindo em direção ao matagal, entretanto, o mototaxista Antônio Pereira, foi flagrado com 12 munições intactas de calibre 38.
       Ele revelou ter comprado as munições ao comerciante, Vicente de Paula Jacome de Lima,de 55 anos. Quando os policiais chegaram ao estabelecimento comercial, acabaram apreendendo 41 unidades de saquinhos cheios de chumbo de diversos tamanhos, além de um saco cheio de esferas grandes de chumbo, embalagens com diversos parafusos – tipo ouvido – utilizado em espingardas, 10 caixinhas de espoleta, uma caixinha de espoleta para cartuchos plástico,7 unidades de cartuchos metálico vazios calibre 28; seis unidades de cartuchos metálico vazios       calibre 20; dez unidades de cartuchos metálico vazios calibre 16; oito unidades cartuchos metálico vazios calibre 12; cinco unidades de cartuchos metálico vazios calibre 36 e calibradores de cartuchos calibres 24,28,32 e 36; além de 11 unidades de disparo de cão para espingardas.
          Foi feita ainda a apreensão de coldres, recipiente com pólvora e um cinto cartucheira. O mototaxista e o comerciante foram autuados com base no Estatuto do Desarmamento e estão presos à disposição da Justiça de Acopiara.
Com colaboração de Richard Lopes
11:20 · 22.05.2019 / atualizado às 11:20 · 22.05.2019 por
Sanfoneiros disputam final de festival em Várzea Alegre: Foto de Laécio Oliveira.

 

 

Acontece em Várzea Alegre mais eliminatória do I Festival de Sanfoneiros realizado no Polo de Lazer Antônio Alves Costa. De nove sanfoneiros, quatro foram selecionados pelo júri para a final que ocorrerá no próximo sábado, 25 de maio. Foram eles: Erivan Show, Mazim do Acordeon, Chico de Tereza e Fan do Acordeon.
Os finalistas disputarão com Cícero Paulo, Júnior Sousa, Pedro Gabriel e Normando do Acordeon, classificados no primeiro dia de evento.
O festival tem realização da Zabumbando e da TV Web Pé no Chão Informativo, a premiação é de R$ 2 mil, sendo R$ 1 mil para o primeiro colocado, R$ 600 para o segundo e R$ 400 para o terceiro.

 

11:08 · 22.05.2019 / atualizado às 11:09 · 22.05.2019 por

 

Morte de tilápias em gaiolas traz prejuízo aos piscicultores. Foto: Honório Barbosa

Mais uma mortandade de peixe atingiu gaiolas no Açude Castanhão, nesses dois últimos dias, pondo fim completamente à atividade de piscicultura no maior reservatório do Ceará. Há cinco meses, morreram 95% do pescado criado em tanques redes, em abril passado houve nova mortandade em torno de 2% do que restava.

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Aquicultura e Pesca, Lívia Barreto, disse que agora morreram todos os pescados criados em gaiolas e até os nativos (soltos no açude). 

Ainda não há um levantamento sobre a quantidade de peixes mortos e de número de piscicultores atingidos. “A prioridade é retirar os peixes mortos e só depois vamos fazer o levantamento”, disse Lívia Barreto.

O impacto econômico para a cidade de Jaguaribara é enorme. Lojas fechadas, desemprego, grupo de piscicultores passando necessidade.

O clima é de tristeza e desespero entre os produtores. “Perdi tudo, não sobrou nada desse vez”, disse o piscicultor, Francisco Lima. “Não sabemos o que fazer de agora para frente”.

Há cinco meses que a gestão municipal vem se reunindo com o governo do Estado solicitando apoio: distribuição de cestas básicas para 200 famílias, amparo de uma renda mínima para 100 famílias e assistência técnica aos piscicultores. “Nada de concreto até agora foi realizado”, disse Lívia Barreto. “A situação é triste e muito preocupante”.

A chegada de água nova no Castanhão, por meio do Rio Jaguaribe, poluição da água, inversão térmica (água fria sobe levando matéria orgânica e reduzido o nível de oxigênio) são as causas de morte do pescado. 

Há cinco meses morreram 1694 toneladas de pescado, atingindo centenas de piscicultores. 

Vídeo mostra gaiolas com peixes mortos nos últimos dois dias no Castanhão:

 

16:31 · 21.05.2019 / atualizado às 16:32 · 21.05.2019 por

 

Obras começaram a trabalhar na reforma da Capelinha do Prado

O sacerdote explicou ainda que a parte de montagem, reedificação do altar principal e mobiliário em geral com decoração sacra ficará por conta da Paróquia do Prado. Ele já está mobilizado e angariando doações e colaborações para esta finalidade. “A meta é reinaugurar ainda este ano, com celebração de missa solene, este precioso templo tão querido por muitas gerações do passado e do presente”, pontuou.

.        As obras começaram nesta terça-feira, 21.

 

“Foi a partir dessa Capelinha que nossa história começoou. Primeiro como pequena comunidade, depois uma paróquia que estendeu seus ramos e hoje somos uma rede de comunidades vivas e missionárias, unidas na comunhão e sob as bênçãos de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro”, ressaltou o sacerdote que está à frente da paróquia pela segunda vez como pároco.

O padre João Batista não esconde sua afeição pela capelinha que conheceu desde criança, e diz ter sido sempre um sonho pessoal poder trabalhar pela sua restauração. Disse estar muito feliz em ter a oportunidade de dedicar-se agora nesta tarefa.

Um pouco da história

A Capelinha de N. Sra. do Perpétuo Socorro, no bairro Prado, é quase centenária. Sua construção foi iniciada em 1924 e consagrada em missa solene em 1931.

A senhora Luzia Moreira, mãe do presidente da antiga Companhia Industria de Algodão e Óleo (CIDAO),  Moreira Filho, foi a responsável pela aquisição do terreno e uma das pioneiras na construção deste templo.

Além de patrimônio histórico, essa capela traz em si a memória de quem viveu e das gerações que continuam a morar no Prado, que hoje é uma Paróquia, com sua Matriz congregando diversas comunidades e realizando inúmeras atividades de evangelização e apoio social e promoção humana principalmente nas periferias da cidade.

É importante preservar este espaço: um dos poucos que restam pra contar a história de nosso Iguatu.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Diário Centro Sul

Fatos diários das regiões Centro-Sul, Vale do Jaguaribe e Inhamuns em infraestrutura, polícia, economia, política, esporte e cultura. Por Honório Barbosa.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags