Categoria: cidades


18:07 · 18.05.2019 / atualizado às 18:07 · 18.05.2019 por

 

 

Foi lançado no auditório do Sebrae, o programa ‘Desenvolve Iguatu’. Trata-se de um cronograma de treinamentos temáticos direcionados para empresários, lojistas, gerentes, vendedores e outros executivos do varejo, objetivando diagnosticar e resolver problemas na área de gestão das empresas.

O lançamento aconteceu em parceria firmada com a Câmara de Dirigentes Lojistas-CDL de Iguatu, com os chamados ‘pitches’, mini palestras temáticas, com no máximo 10 minutos, e debates envolvendo os participantes e os consultores da entidade.

A CDL foi representada pela coordenadora do setor de cursos, Aurineide Cabral.

O evento se apresentou com um formato diferente do habitual, quando cada palestrante expôs seu conteúdo e após a rodada de quatro palestras, todos foram para outra sala, onde foi criado um ambiente de debate sobre os temas abordados, sendo que os próprios palestrantes foram os mediadores. E cada palestrante circulou nas quatro mesas montadas em forma de ilhas com a duração de 15 minutos em cada mesa. Os empresários, gerentes de empresas, vendedores e outros envolvidos aprovaram o novo formato.

Gestão de empresas

Elizângela Andrade, articuladora regional do Sebrae, ressaltou que a ideia foi impactar o empresariado com o novo formato de treinamento. “Precisamos inovar, inclusive nesta área do treinamento e qualificação, não podemos continuar oferecendo mais do mesmo, não é verdade?”, lembrou.

Segundo a articuladora, foram aperitivos de temáticas objetivando despertar nos empresários a importância dos ‘eixos’ estratégicos para a gestão das empresas.

 Neyla Primo, articuladora do Sebrae no território Iguatu, lembrou que além de treinar os empresários o Sebrae vai também produzir diagnósticos das empresas.
As minipalestras abordaram temas mais relevantes: ‘Processos’, ‘Marketing e Relacionamentos’, ‘Finanças’ e ‘Vendas’.  Os palestrantes foram: Adriano Torres (Atendimento e Vendas), Isabela Freitas (Gestão e Finanças), Marcelo Leite (Processos) e Neyla Primo (Marketing e Vendas).ólio

De acordo com Elizângela, a melhor proposta do projeto é que as empresas vão poder receber consultorias nas áreas específicas sendo subsidiadas com 80% do valor cobrado pelo Sebrae. Ela informou que além desses temas o Sebrae possui um amplo portfólio com ferramentas adequadas para atacar os problemas mais ‘gritantes’, como Recursos Humanos, Design, Layout, Planilha de custos, Estrutura da loja. “Neste evento a intenção foi trazer à luz do debate aquele setor da empresa, onde o empresário percebe ter mais dificuldade”, afirmou Neyla Primo.

Ainda de acordo com Neyla Primo, já existe um cronograma elaborado com agenda de sete cursos e treinamentos para acontecerem até o mês de novembro. Segundo ela, a cada mês será uma capacitação diferente.

 

17:53 · 18.05.2019 / atualizado às 17:53 · 18.05.2019 por

Já está em pleno funcionamento, o projeto Escola de Trânsito da Secretaria de Trânsito e Segurança do município de Iguatu. O idealizador é o titular da pasta Antônio Filho.

A estrutura que contempla salas de aula, laboratório de informática, biblioteca, parque infantil e um complexo de trânsito educativo está funcionando em um anexo na secretaria de Trânsito, na antiga sede do Ibama.

Uma lei aprovada na Câmara Municipal instituiu a escola, que homenageia o agente de trânsito (saudosa memória), Francisco Leandro Passos. 

“O objetivo da unidade é educar para um trânsito cidadão, num trabalho em parceria com a rede oficial de Educação”, explicou Antônio Filho.
O prefeito Ednaldo Lavor inaugurou a escola. O ato contou com a participação de secretários municipais, vereadores, representantes do setor de Educação do município e outros convidados.

Na oportunidade, o secretário Antônio Filho e o prefeito Ednaldo Lavor enfatizaram a relevância do novo equipamento para a formação de futuros condutores e usuários do trânsito. Antônio Filho lembrou que o projeto vai funcionar de olho na nova geração de usuários do trânsito, as crianças. “Se a gente educa e instrui as crianças para que elas aprendam sobre o trânsito, suas legislação, segurança e uso, estaremos cooperando para a formação de usuários conscientes para um trânsito mais seguro”, disse Filho.
O prefeito Ednaldo Lavor afirmou que “para termos um trânsito mais seguro precisamos formar condutores conscientes, ações conjuntas entre entidades públicas e privadas só vêm a fortalecer as ações no combate à violência no trânsito”, ressaltou.

Visitas

Na primeira semana aberta ao público, após o lançamento, a Escola de Trânsito recebeu crianças de escolas das redes pública e privada. Os educadores que acompanharam os estudantes na visita gostaram da ideia. “Achei bem interessante. É diferente e permite que as crianças aprendam na prática sobre o trânsito”, relatou a professora Marluce Gomes, 27.

As crianças ficam encantadas com todo o complexo do trânsito, especialmente a plataforma em miniatura que simula uma cidade com suas ruas, os usuários e os equipamentos, placas de sinalização, faixa de pedestres e os veículos.

11:46 · 18.05.2019 / atualizado às 17:28 · 18.05.2019 por
Rio Jaguaribe, na localidade de Ilhota em Russas

Atendendo ao pedido da população ribeirinha que vive às margens do Rio Jaguaribe, na comunidade de Ilhota, zona rural de Russas, o deputado estadual Nelinho solicitou à Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH) um estudo de viabilidade técnica para a construção de uma barragem naquele trecho do rio.

A reivindicação dos moradores se dá pelo fato das comunidades no entorno sofrerem com a falta de água para agricultura, dessedentação animal e consumo humano. Segundo o parlamentar, a seca que atinge o Ceará nos últimos seis anos deixou o açude Castanhão com menos de 5% da sua capacidade, o que afetou a perenização do Jaguaribe.

“Ao longo do Rio Jaguaribe tem barragens nas cidades de Tabuleiro do Norte, Limoeiro do Norte e Quixeré e quando é na época de pouca chuva somada a redução da vazão do Castanhão, o rio na Ilhota fica completamente seco, afetando várias comunidades no entorno”, relata Nelinho.

Ele ressalta ainda que a demanda é antiga e a reduzida chuva dos últimos anos evidenciou a importância daquele trecho do Jaguaribe para oferta de água. “O primeiro passo é fazer um estudo para que toda a comunidade saiba se é possível construir a barragem, depois vamos batalhar para conseguir recursos junto ao governo do Estado e governo Federal para que essa obra seja realizada”, destacou Nelinho.

11:40 · 18.05.2019 / atualizado às 11:40 · 18.05.2019 por

 

Profissionais foram homenageados em Várzea Alegre. Foto de Augusto César 

Os assistentes sociais são profissionais de relevante papel para que as pessoas tenham acesso à cidadania por intermédio do respeito aos seus direitos. Em razão da importância do trabalho desses profissionais, o governo de Várzea Alegre prestou homenagem aos assistentes sociais do município, em particular aos que atuam na Secretaria Municipal de Assistência Social, em evento realizado nesta quinta-feira, 16 de maio, no CSU – Centro Social Urbano. O dia do assistente social é comemorado em 15 de maio.
Com as presenças do prefeito Zé Helder (MDB), da primeira-dama Sônia Fortaleza e da secretária da Assistência Social, Laura Maria Alves de Oliveira, o evento distribuiu brindes para os homenageados.
Para Laura Maria Alves, a data celebra o profissional por sua dedicada luta por melhores condições de vida, saúde e trabalho para os grupos sociais mais desfavorecidos ou “à margem da sociedade”.
Zé Helder comentou que os assistentes sociais cumprem uma nobre missão quando levam para as pessoas informações sobre seus direitos.
Sônia Fortaleza, que também é presidente da APDMCE – Associação para o Desenvolvimento dos Municípios do Ceará, agradeceu o empenho dos assistentes sociais de Várzea Alegre que empunham a bandeira da cidadania, cumprindo com responsabilidade os compromissos firmados para conduzir as pessoas menos favorecidas aos seus direitos.

 

11:33 · 18.05.2019 / atualizado às 11:33 · 18.05.2019 por

 

Presidente do Consórcio Centro-Sul I, prefeito Zé Hélder, mostra confiança no projeto. Foto de Honório Barbosa

Foi aprovado o ingresso dos municípios de Icó e de Orós no Consórcio de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos da Região Centro-Sul I. A aprovação ocorreu por unanimidade em reunião realizada na manhã desta sexta-feira, na cidade de Várzea Alegre.

O consórcio já foi constituído e tem a participação das seguintes cidades: Baixio, Cedro, Granjeiro, Icó, Ipaumirim, Lavras da Mangabeira, Orós, Umari e Várzea Alegre e uma população estimada em 217 mil habitantes. 

“É obrigação do município cumprir a lei ambiental e através dos consórcios e esse objetivo será alcançado”, definiu o prefeito de Cedro e presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), Nilson Diniz. “A situação atual é preocupante porque há muito tempo, no Brasil, as leis são feitas e os municípios tem que cumprir sem que para isso sejam destinados os recursos financeiros”.

Agora os municípios consorciados têm recebimento de recursos da ordem de 2% do ICMS Ecológico por meio do Índice Municipal de Qualidade do Meio Ambiente.

A articulação de formação dos consórcios é da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema).

Os valores são lineares e o consórcio Sertão Centro-Sul I vai receber R$ 430 mil, neste primeiro ano.

O prefeito Dr. Nilson Diniz destacou que a reunião marcou mais um avanço para estruturar a coleta seletiva, ou seja, implantar a política de pré-aterro. “Essa é uma política importante e temos uma política atrelada ao interesse do governo do Estado e do Ministério Público”, frisou.

Cada cidade terá uma Central de Resíduos Sólidos (CRS) que contará em uma área de 10 mil metros quadrados de galpão de resíduos secos, compostagem, poda e unidade de rejeitos. A sua viabilidade depende da coleta seletiva.

O presidente do consórcio, prefeito de Várzea Alegre, Zé Hélder, disse que a unidade está entrando em processo de execução. “Vamos licitar as centrais de resíduos e o nosso consórcio está adiantado e bem organizado”, pontuou. “Precisamos tratar o meio ambiente de forma responsável”.

O superintendente do consórcio, André Alexandre, ressaltou que os municípios que não aderirem à política de consórcio sofrerão medidas punitivas por parte do Ministério Público.

Consórcio Sertão Centro-Sul II

Está em formação o consórcio Centro-Sul II que vai englobar Iguatu, Quixelô, Jucás, Cariús, Saboeiro e Tarrafas e terá uma população estimada em 186 mil habitantes. 

Prefeito Nilson Diniz, presidente da Aprece, destacou importância da separação dos resíduos pelos moradores, ou seja, a coleta seletiva. Foto de HB
10:08 · 18.05.2019 / atualizado às 10:08 · 18.05.2019 por
Bicicletas furtadas foram devolvidas. Foto de Richard Lopes

Dois furtos de bicicletas ocorreram nesta sexta-feira, em Icó. O suspeito foi preso, o agricultor, Francinaldo Nogueira da Silva de 25 anos, conhecido por ‘Deca’, residente no bairro Santa Luísa de Marillac.

Câmeras de segurança registraram imagens da ação do furto, no Centro da cidade. No interior da casa do suspeito, os militares encontraram as duas bicicletas furtadas. O suspeito confessou o crime e foi conduzido à Delegacia Regional de Polícia Civil de Icó, onde foi autuado por furto, pelo delegado George Alexandre Irineu Segundo. As bicicletas foram devolvidas às proprietárias.

09:58 · 18.05.2019 / atualizado às 10:43 · 18.05.2019 por
Chuva deixou vários pontos de alagamento. Fotos de Gustavo Veras

Os moradores da cidade de Icó foram surpreendidos na manhã desta sexta-feira, (17), por uma chuva forte, rápida que deixou várias ruas e avenidas alagadas. A precipitação repentina ocorreu por volta das 10 horas e se estendeu cerca de 25 minutos.

Houve vários pontos de alagamentos. Em um deles, no cruzamentos das avenidas Nogueira Acioly e Monsenhor Frota, a água impediu a passagem de pedestres. É um ponto de intensa movimentação de pessoas e veículos.
Outros pontos de alagamentos: Avenida Josefa Nogueira Monteiro, Rua Rejente Feijó, José Ribeiro Monte e Rua General Piragibe.

A Funceme registrou apenas 11,5 milímetros na chuva ocorrida pela manhã, que provocou os pontos de alagamento, e na madrugada deste sábado, 18, foram observados 48.5mm.

 

 

09:50 · 18.05.2019 / atualizado às 09:50 · 18.05.2019 por

 

Matadouro de Icó funciona com prática de crime ambiental

O promotor de Justiça de Icó, Renato Magalhães de Melo, ingressou na vara única da comarca de Icó, na região Centro-Sul do Ceará, com Ação Civil Pública, com pedido de liminar, visando ao fechamento do matadouro público municipal por prática de crime ambiental mediante a precariedade da unidade.

O Matadouro Público de Icó foi embargado em 2011 pela Semace e estava com licença de operação suspensa. Em 2018, o Ministério Público do Estado do Ceará, por meio da comarca de Icó, realizou diligências na unidade e expediu recomendação à Prefeitura Municipal de Icó que providenciasse o fechamento do matadouro em prazo de dez dias.

De acordo com o promotor de Justiça, Renato Magalhães de Melo, a recomendação não foi atendida e o Ministério Público decidiu ingressar com Ação Civil Pública com pedido de liminar nesta quinta-feira, 16.

Há relatório do Conselho Regional de Medicina Veterinária  e laudo de fiscalização da Semace que apontam prática de crime ambiental e irregularidades no abate, conservação da carne e carcaça e no destino final dos dejetos, além do abate cruel com marretadas.

Irregularidades

Na Ação Civil Pública, o promotor aponta irregularidades, dentre elas, falta de higiene, de sanitários para operar sem que ofereça riscos ao consumidor, falta de equipamentos adequados e utensílios mais simples para execução dos trabalhos – mesas para inspeção de vísceras e condução de produtos de origem animal, em inox; ausência de câmara frigorífica; não há destino adequado para os efluentes líquidos e sólidos, ao ponto de serem lançados indevidamente no meio ambiente; inexistência de equipamento adequado para lavagem de meias carcaças, ausência de esterilizadores, banheiro sem condições de uso e com localização inadequada, inexistência de dispositivos na rede sanitária que evitem refluxo de efluentes, inexistência de lavatórios adequados, área de matança não separada da área suja, abate cruel (marretadas).

O promotor de Justiça observou ainda a inexistência de qualquer tipo de fiscalização criteriosa quanto à sanidade dos animais abatidos, o que gera elevado risco de contaminação por inúmeras doenças (as temidas zoonoses), perigo que paira sobre toda a população desta cidade que consome a carne oriunda do matadouro em questão.

Apesar dos embargos, o matadouro permanecia em plena atividade, a despeito do embargo e da ausência de licença ambiental.

Resposta da Prefeitura

Em resposta, a Prefeitura de Icó, limitou-se a informar que logo que tomou conhecimento do embrago, buscaram recursos junto ao Estado do Ceará, e que estavam providenciando a construção de um novo abatedouro público, bem como que, no momento, não possuíam outro local para abater animais.

09:15 · 18.05.2019 / atualizado às 09:15 · 18.05.2019 por

Nesta sexta-feira, 17, por volta das 20 horas na rua Francisco Alves Martins, bairro Nova Acopiara, ocorreu um homicídio. O mototaxista Francisco de Morais foi morto a tiros. Moradores contaram que apenas ouviram barulho de tiros e depois viram o corpo da vítima caído no chão. Uma unidade do Samu foi acionada e constatou a morte. O corpo foi conduzido pelo Rabecão para o IML de Iguatu.

09:10 · 18.05.2019 / atualizado às 09:10 · 18.05.2019 por

 

Captação de água no Açude Arneiroz II para Catarina. Fotos de Diomar Araújo

A cidade de Catarina já está sendo abastecida pela adutora do açude Arneiroz II. A informação foi confirmada pelo gerente operacional da Cagece, em Catarina, Pablo Feitosa. A operação de transferência de água do reservatório Arneiroz II para o São Gonçalo (Rivaldo de Carvalho) começou nesta sexta-feira, 17.

O projeto de responsabilidade do Dnocs começou em março de 2018 e foram concluídos em setembro daquele ano. A adutora é resultado de um esforço coletivo de várias lideranças políticas. Faltava a instalação da rede elétrica de responsabilidade da empresa Enel. Após realização de audiência pública com representantes de vários órgãos, a Enel concluiu o trecho da rede elétrica da adutora que estava faltando em abril passado.

“ É um sonho realizado, foi uma grande conquista”, disse o prefeito de Catarina, Dr. Thiago Paes de Andrade Rodrigues. 

O sistema de abastecimento de água da Cagece em Catarina tem captação direta do Açude São Gonçalo.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Diário Centro Sul

Fatos diários das regiões Centro-Sul, Vale do Jaguaribe e Inhamuns em infraestrutura, polícia, economia, política, esporte e cultura. Por Honório Barbosa.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags