Busca

Tag: encontro


09:15 · 15.06.2017 / atualizado às 09:15 · 15.06.2017 por

 

Um clima de tensão, com agressões verbais contra representantes da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) e da Secretaria de Recursos Hídricos (SRH) e a disputa por água entre o Bacia do Baixo Jaguaribe e a Bacia Metropolitana marcaram o Seminário de Alocação Negociada de Água dos Vales Jaguaribe e Banabuiú, realizado, ontem, na cidade de Iguatu, no auditório do Campus Multi-Institucional Humberto Teixeira. O encontro foi promovido pela Cogerh.

ORÓS 

Com relação à alocação de água do Açude Orós ficou definida a liberação  de 3m3/s para atender localidades e cidades do médio Jaguaribe, indo até Jaguaretama. A proposta apresentada pelos usuários e integrantes da Bacia Hidrográfica do Alto Jaguaribe de reduzir para 2m3/s foi derrotada. Em dezembro, segundo previsão da Cogerh, o reservatório deve chegar a 5% de sua cpacidade. Hoje está com 10%.

“Estamos vivenciando uma crise hídrica que vai se agravar e ainda estão brigando por água para irrigação”, lamentou Paulo Landim, integrante do comitê. “Os moradores de Orós, de Icó e de localidades rurais vão ser prejudicados”.

Castanhão 

O evento reuniu usuários e integrantes dos comitês de Sub-bacias Hidrográficas do Alto, Médio e Baixo Jaguaribe, Banabuiú e Salgado. Desde o início da reunião que houve participação exaltada de integrantes dos organismos de representação dos usuários de água, ampliada com a intervenção de produtores rurais que vieram de municípios do Vale do Baixo Jaguaribe em caravana.

Em alguns momentos, participações de diretores da Cogerh foram respondidas com vaias e gritos de ‘mentira’. Mais de 500 pessoas lotaram o auditório e a reunião que começou por volta das 9h30 estendeu-se até as 16h30. De um lado, o governo do Estado querendo manter um mínimo de água para a Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Do outro, os comitês querendo suspender até dezembro a transferência do recurso hídrico do Açude Castanhão para a Capital, Termelétricas, industrias do Pecém e de outras cidades do seu entorno.  

Por pouco, a proposta de zerar a liberação de água do Açude Castanhão para a RMF não foi aprovada. A intervenção do diretor da Cogerh, Gianni Lima, que apresentou uma proposta conciliadora evitou o agravamento da crise e a necessidade posterior de uma intervenção do Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CONERH) que poderia modificar uma decisão coletiva dos comitês.

Foi aprovada, então, a proposta de manter a liberação de 3m3/s para o Eixão das Águas, reduzindo a transferência para a RMF, que deve ficar em torno de 1,2m3/s, manter 0,95m3/s para o Distrito de Irrigação de Tabuleiro de Russas (Distar) e aumentar em 50l/s a vazão atual de bombeamento reverso para o Canal do Trabalhador.

Outra proposta aprovada foi a liberação de 4,5m3/s para o Baixo Jaguaribe, trabalhar para reduzir perdas de perenização e atender abastecimento humano até a localidade de Sucurujuba, em Jaguaruana. Haverá ainda liberação de água para pequenos produtores e consumo dos animais (dessedentação).

 

06:30 · 12.05.2017 / atualizado às 18:18 · 11.05.2017 por

Com objetivo de fortalecer a política cultural no Interior do Estado, a equipe da secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) participa do I Encontro Regional de Gestores de Cultura do Vale-Jaguaribe, que acontece nesta sexta-feira, 12/5, em Jaguaribara.

Participam do evento representantes dos municípios de Alto Santo, Ererê, Iracema, Itaiçaba, Jaguaretama, Jaguaribara, Jaguaribe, Jaguaruana, Limoeiro do Norte, Morada Nova, Palhano, Pereiro, Potiretama, Quixeré, Russas, São João do Jaguaribe e Tabuleiro do Norte.

As políticas do governo do Estado para a cultura e o Sistema Estadual de Cultura serão temas abordados pela equipe da Secult, segundo a secretária adjunta da Cultura do Estado do Ceará, Suzete Nunes, que também participa do Encontro. “Haverá um momento importante para termos um diagnóstico da cultura na região. À tarde, a ideia é fazermos um detalhamento das políticas de cultura do Estado, dando mais informações sobre a agenda do sistema estadual de cultura, na perspectiva de apoiarmos e fortalecemos os sistemas municipais de cultura”, conclui a gestora.

Visita técnicas nas bibliotecas

Começou nesta quinta-feira, 11, uma visita técnica a bibliotecas de 7 municípios da região: Ererê, Potiretama, Pereiro, Jaguaruana, Palhano, São João do Jaguaribe e Tabuleiro do Norte.

Segundo a Coordenadora do Sistema Estadual de Bibliotecas, Aparecida Lavor, as visitas contribuem com o diagnóstico dos equipamentos. “Vamos ver como está a situação de acervo, da infraestrutura, para fazer um diagnostico local. Ver também a questão do atendimento, organização das bibliotecas, para podermos orientar os gestores sobre os projetos desenvolvidos pelo Sistema Estadual de Bibliotecas e contribuir para o funcionamento desses equipamentos”, ressaltou.

Serviço

I Encontro Regional de Gestores de Cultura do Vale-Jaguaribe

Local: Show Room, situado à Av. Pergentino Almino Pinheiro, 305, no município de Jaguaribara – CE

Data: 12 de maio

Horário: 8h

10:39 · 11.05.2017 / atualizado às 10:39 · 11.05.2017 por

Será realizado no próximo dia 31, na cidade de Cedro, o Encontro de Criadores de Caprinos e Ovinos da Região Centro Sul Cearense. O evento será no auditório do Centro de Educação Profissional Ivens Dias Branco (Senac). O objetivo é difundir tecnologias e conhecimentos produzidos nas áreas da caprinocultura e da ovinocultura.

O encontro é uma realização da Associação dos Criadores de Caprinos, Ovinos e Bovinos de Várzea da Conceição. O evento conta com o patrocínio do Banco do Nordeste e do governo Federal, com o apoio da prefeitura de Cedro, Secretaria de Agricultura do Estado, Sebrae, Embrapa e Senac.

Nos dias 29 e 30 de maio será realizado também Curso de Queijos Artesanais de Leite de Cabra; as vagas para esta atividade são limitadas. Consta ainda da programação uma exposição dos produtos derivados de leite caprino, fabricados durante o curso, e diversas palestras.

A PARCERIA SECDRO/SEBRAE

O representante do Sebrae, José Rutemberg, irá ministrar palestra sobre os resultados da parceria entre o município de Cedro e o Sebrae relativamente às atividades da caprinovinocultura em 2015 e 2016. “Cedro tem se tornado referência por meio desta parceria para contribuir com o desenvolvimento local e ampliação de renda dos produtores”.

Inscrições

Para participar do evento e conhecer a programação completa, com valores de inscrições e palestrantes, basta consultar o site www.doity.com.br/encapri.

As inscrições acontecem até o dia 29 de maio.

10:22 · 11.05.2017 / atualizado às 10:25 · 11.05.2017 por

 

Representantes das secretarias de Assistência Social e de Finanças do Governo de Várzea Alegre participaram do ‘Encontro Fortalecendo o Sistema Único de Assistência Social’, em Fortaleza, no período de 8 a 10 deste mês. O evento abordou a seguinte temática: ‘Transferências de Renda Fundo a Fundo da Assistência Social numa Perspectiva Operacional-práticas dos Procedimento. O SUAS é o Sistema Único de Assistência Social, do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome’.

Todos os conteúdos debatidos no encontro contemplaram a legislação que norteia o setor financeiro da Assistência Social no tocante ao Ajuste da Proposta 2017 para compatibilizar com a Portaria 113/2015 do Fundo Nacional de Assistência Social – FNAS.  Os participantes tiveram a oportunidade ainda de trocar ideias relacionadas aos seguintes assuntos: Orientação, Elaboração da Proposta Orçamentária – Lei Orçamentária Anual de 2018; Demonstrativo das Despesas 2016 e Reprogramação de Saldos.

11:04 · 25.04.2017 / atualizado às 11:06 · 25.04.2017 por
Prefeito Ednaldo Lavor

O IV Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável (EMDS) é realizado em Brasília. O evento foi aberto nesta segunda-feira, 24, e prossegue até sexta-feira, 28. O prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor, acompanha o encontro que tem uma programação voltada à retomada do desenvolvimento das cidades.

O evento é considerado o maior sobre sustentabilidade urbana do país e é realizado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

O prefeito Ednaldo Lavor na busca de pactuação de alternativas para o enfrentamento da situação fiscal e financeira vivenciada em Iguatu, destacou a importância do evento para o desenvolvimento sustentável de Iguatu. “É necessário buscarmos novos meios de conquistar o desenvolvimento de Iguatu de forma sustentável”, disse. “Hoje podemos compreender que Iguatu teve seu desenvolvimento parado no tempo devido a falta de planejamento”.

Além do IV EMDS, Ednaldo Lavor participa durante essa semana de diversas reuniões com deputados Federais e Senadores, em busca de recursos para serem investidos no município.