Busca

Tag: encontro


11:04 · 25.04.2017 / atualizado às 11:06 · 25.04.2017 por
Prefeito Ednaldo Lavor

O IV Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável (EMDS) é realizado em Brasília. O evento foi aberto nesta segunda-feira, 24, e prossegue até sexta-feira, 28. O prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor, acompanha o encontro que tem uma programação voltada à retomada do desenvolvimento das cidades.

O evento é considerado o maior sobre sustentabilidade urbana do país e é realizado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

O prefeito Ednaldo Lavor na busca de pactuação de alternativas para o enfrentamento da situação fiscal e financeira vivenciada em Iguatu, destacou a importância do evento para o desenvolvimento sustentável de Iguatu. “É necessário buscarmos novos meios de conquistar o desenvolvimento de Iguatu de forma sustentável”, disse. “Hoje podemos compreender que Iguatu teve seu desenvolvimento parado no tempo devido a falta de planejamento”.

Além do IV EMDS, Ednaldo Lavor participa durante essa semana de diversas reuniões com deputados Federais e Senadores, em busca de recursos para serem investidos no município.

09:49 · 22.04.2017 / atualizado às 09:49 · 22.04.2017 por
Encontros discutiu políticas públicas para o segmento

         A Secretaria do Trabalho e Assistência Social, em parceria com o Centro de Referência e Assistência Social (CRAS I), em Cedro, realizou atividades do Projeto “Transformando realidades”. Os encontros visam discutir políticas públicas para os LGBTT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais).

         As ações ocorreram no Colégio Estadual Celso Araújo e na Escola Tereza Dutra, localizada no Distrito de Assunção. Estiveram presentes a coordenadora do CRAS I, Ana Paula; assistente social, Bárbara Rodrigues, membro do grupo LGBTT, Josemir Silva, estudantes e direção escolar.

         O objetivo do projeto é contribuir para a conscientização e melhoria das relações sociais e familiares da equipe e do público alvo, além de elevar a autoestima,e prevenir todo e qualquer tipo de violência, combater a intolerância e o uso de drogas. Outra premissa é a aproximação das famílias e formar cidadãos conscientes de seus deveres e direitos.

        Encontros

        Novos encontros acontecem a cada quinze dias em escolas da rede municipal de ensino. Palestras, dinâmicas, exposição de vídeos, depoimentos e rodas de conversas, em parceria com a Secretaria de Educação, fazem parte da programação que conta com a presença de estudantes, representantes do grupo LGBTT e Assistentes Sociais do CRAS I, além dos pais.

       Outros estão agendados nas escolas municipais, conforme informou a Coordenadora do CRAS I, Ana Paula. “É momento de conversamos com os estudantes sobre os grupos do CRAS I e estaremos recebendo sugestões em relação ao desenvolvimento de programas e ações governamentais que terá papel importante nas políticas públicas”.

        Para a secretária do Trabalho e Assistência Social, Luciana Vieira, a participação dos estudantes na construção de uma sociedade sem preconceito é fundamental. “Com essas ações tornaremos a sociedade mais compreensiva, amigável, agregadora e justa, fazendo com que cada ação praticada seja um bom exemplo a ser seguido”.

       Na visão da Assistente Social, Bárbara Rodrigues, a realização de atividades e participação da sociedade são fundamentais para este momento. “Daremos um passo no compromisso de construir direitos e reafirmando identidades”. Para os palestrantes que participaram do debate a iniciativa é louvável. Os estudantes também avaliaram positivamente a iniciativa e observaram que os exemplos podem transformar a sociedade em um espaço mais justo e sem preconceito.

11:03 · 06.04.2017 / atualizado às 11:04 · 06.04.2017 por
Plantio de milho no sítio Croatá em Iguatu. Foto de Honório Barbosa

O Banco do Nordeste e o Agropacto reunirão produtores rurais da região do Vale do Jaguaribe nesta sexta, 7, em Limoeiro do Norte, para apresentar o Cartão BNB Agro e detalhes da Lei 13.340.

O evento será realizado no auditório do Núcleo de Informação Tecnológica (NIT), localizado na Rua Cônego Bessa, 2381, às 8h30.

Diretores e superintendentes do BNB estarão presentes para dar detalhes da Campanha de Renegociação de Dívidas, que visa beneficiar mais de 674 mil agricultores com liquidação ou renegociação de suas dívidas. Parceiros institucionais e autoridades dos municípios do Vale do Jaguaribe também estarão presentes.

Mais de 4 mil produtores rurais cearenses já renegociaram suas dívidas com o Banco do Nordeste e aproveitaram as condições estabelecidas pela Lei 13.340. Em todo o Estado do Ceará, já são mais de 5 mil operações regularizadas, o que corresponde a R$ 92 milhões entre liquidações e repactuações, referentes a financiamentos contratados até dezembro de 2011.

Os clientes beneficiados contam com vantagens estabelecidas pela legislação como a possibilidade de obter descontos de até 95% em operações contratadas até 2006. O abatimento será aplicado quando a soma das operações for de até R$ 15 mil, contratadas por produtores residentes no Semiárido. Fora dessa região, o rebate é de até 85% da dívida. Para operações efetuadas entre 2007 e 2011, os descontos são de até 50% para agricultores do Semiárido e até 40% para os que produzem fora dessa área.

A legislação prevê também carência para retomada dos pagamentos. A primeira parcela da operação repactuada poderá ser paga a partir de 2021. As taxas de juros anuais aplicadas às operações repactuadas variam de 0,5% a 3,5% ao ano, a depender do porte do cliente.

Para obter mais informações sobre as condições de renegociação ou quitação de dívidas com o Banco do Nordeste, os clientes podem buscar a rede de agências ou realizar contato por meio do Serviço de Atendimento ao Cliente: 0800 728 3030.

Cartão BNB Agro
O Cartão BNB Agro é isento de anuidade, de caráter rotativo e permite o financiamento para aquisição de máquinas, equipamentos e veículos com o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) em até 72 meses, com prestações anuais e direito a bônus de adimplência de 15% sobre os juros do FNE, em caso de pagamento em dia.

Com o produto, é possível realizar contratações no âmbito das linhas de longo prazo do Fundo Constitucional. Acessível a um amplo público, que vai desde mini produtores a produtores rurais de grande porte, o Cartão BNB Agro dispõe de limite de crédito rotativo de até R$ 1 milhão, com taxas de juros anuais que variam de 6,5% a 8,5% (com bônus de adimplência), de acordo com o porte do cliente.
Entre os diferenciais do produto estão a possibilidade de utilização dos bens adquiridos como garantia da operação, diversidade e flexibilidade na escolha dos fornecedores, praticidade na realização das compras online, com a segurança de um token exclusivo para cada transação.

Serviço: Encontro com Produtores Rurais do Vale do Jaguaribe

Data: 7 de abril de 2017
Horário: 8h30
Local: Auditório do NIT, localizado na Rua Cônego Bessa, 2381, Centro – Limoeiro do Norte- CE

11:42 · 24.03.2017 / atualizado às 11:42 · 24.03.2017 por

 

Secretário Executivo da SRH disse que objetivo é colher reivindicações das comunidades

O secretário executivo da Secretaria de Recursos Hídricos (SRH), Aderilo Alcântara, afirmou durante reunião do Comitê da Sub-Bacia do Alto Jaguaribe, em Iguatu, que 60 municípios no Ceará são abastecidos por poços profundos e carros pipa, uma vez que a fonte hídrica em açude secou. “Estamos enfrentando uma das crises hídricas mais longas, com perda nos reservatórios desde 2012, e precisamos, todos juntos, fazer o dever de casa”, frisou. “O nosso objetivo é ouvir as reivindicações das comunidades, dos municípios”.

Alcântara disse ter esperança de que o inverno vai melhorar e que mais açudes vão receber recargas até o fim de abril próximo. “O nosso esforço é para assegurar água com qualidade e em quantidade para atender as famílias em todo o Estado”.

Pedidos

Durante a reunião, representantes dos municípios solicitaram da Cogerh e da SRH adutora para Quixelô, a partir do açude Trussu, em Iguatu; instalação de poços profundos para abastecimento de água das comunidades rurais, e a adutora do Muquém para Cariús, cuja obra está paralisada desde 2014.

Durante a reunião foram eleitos novos membros do Comitê da Sub-Bacia do Alto Jaguaribe. Paulo Landim, um dos integrantes do Comitê, solicitou a efetiva participação de todos os eleitos para fortalecimento da instituição.

22:14 · 08.03.2017 / atualizado às 22:14 · 08.03.2017 por
Evento planejou ações para Cedro.

A Prefeitura de Cedro realizou nesta terça-feira (7), o seminário de planejamento e gestão estratégica com o objetivo de elaborar uma agenda de desenvolvimento do município.  O evento ocorreu no auditório do Centro de Educação Profissional Ivens Dias Branco do Senac.

O encontro contou com a presença da presidente da Agência do Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adace), Nicolle Barbosa. O prefeito de Cedro, Nilson Diniz, enfatizou a importância da realização do seminário. “É o momento de criarmos mecanismos para nortear o progresso do município e alcançar nossos objetivos”.

O gestor municipal também frisou diversas obras de interesse como a Ferrovia Transnordestina e a construção do trecho da transposição do Rio São Francisco, além do trecho da Rodovia Padre Cícero. “São mecanismos que possibilitam criar e vivenciar novas metas e, consequentemente, atrair novos investimentos e empresários para a cidade, na perspectiva de geração de emprego”.

De acordo com a presidente da Adece, o Programa de Desenvolvimento Local é um passo muito importante para facilitar avanços no município. “É um projeto piloto que trará muitas melhorias para a população de Cedro e o empenho do prefeito são fundamentais para melhorar a qualidade de vida dos moradores”, salientou Nicole Barbosa.

O professor e consultor Francílio Dourado ministrou palestra com dados referentes ao município de Cedro e a importância do Plano de Desenvolvimento local. Também foram realizados trabalhos em que foram apresentadas as perspectivas, a elaboração de metas e a demonstração de resultados para o progresso local.

Ao fim do evento, as propostas e demandas foram escritas e serão enviadas para a Adece. A previsão é que nos próximos dias a equipe retorne ao município para nova fase da elaboração do Programa de Crescimento Local. O consultor Francílio Dourado explicou a importância do documento. “Com isso vamos ter um documento registrado para os gestores parceiros em função do desenvolvimento traçado para os próximos quatro anos”.