Busca

Tag: prisão


09:52 · 16.05.2018 / atualizado às 09:52 · 16.05.2018 por

 

Na madrugada de terça-feira, 15, um fugitivo da cadeia pública de Jucás estava foragido e escondido no bairro Vila Nova, na vizinha de cidade de Cariús.  Policiais militares realizaram o cerco à residência, onde permanecia, José Wellington de Souza, conhecido por ‘Magão’, 25 anos, que respondia por homicídio e roubo.

De acordo com o 10º Batalhão de Polícia Militar, Souza tentou fugir pelos fundos da casa, quando encontrou uma patrulha policial e atirou contra os agentes. “Os policiais revidaram, a tingindo o foragido, que foi socorrido para o hospital municipal de Cariús, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Com Wellington de Souza  foram apreendidos um revólver calibre 38 com três cápsulas deflagradas, uma espingarda calibre 12, uma calibre 36, dois cartuchos calibre 12 e dois celulares que se encontravam na posse de Alan Fernandes Pereira, 18 anos, e de Luciano Costa da Silva (Pombel), 23 anos, acusado de roubo.

Os acusados foram conduzidos a Delegacia Regional de Polícia Civil de Iguatu para adoção dos procedimentos cabíveis. Para a Polícia, os acusados são suspeitos de homicídios ocorridos nas cidades de Jucás e de no decorrer deste ano, praticados mediante arrombamento das portas das casas das vítimas que eram executadas.

19:57 · 22.04.2018 / atualizado às 19:57 · 22.04.2018 por

Policiais militares do Destacamento de Aiuaba, sob comando do 1º sargento Dário Oliveira, com apoio do BP Raio de Tauá, conseguiram prender um dos suspeitos de praticarem um arrastão e um latrocínio (roubo seguido de morte), na noite de sexta-feira (20), na localidade de Curralinho, zona rural de Aiuaba, que vitimou o comerciante, Francisco Evangelista de Sousa, 51 anos.

 

Suspeito foi preso na zona rural de Aiuaba

Antes do latrocínio, a dupla de assaltantes teria tomado de assalto uma moto Bros de propriedade do vereador de Aiuaba, Francisco Tavares Arrais e mais quatro aparelhos celulares de outras vítimas na localidade de São Nicolau, zona rural de Aiuaba.

Em seguida, praticaram um arrastão deixando um morto. A dupla empreendeu fuga e o fato só foi comunicado a Polícia Miliar de Aiuaba na manhã de sábado (21), pela esposa da vítima do latrocínio.

De posse de informações, policias militares conseguiram prender durante a madrugada deste domingo (22), um suspeito de ter participado do latrocínio e roubos.

Segundo informações do primeiro sargento Dário, o suspeito é conhecido em Aiuaba e região como Isac, que imediatamente foi conduzido para a 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Tauá para ser ouvido. Sargento Dário disse que os trabalhos continuam com o objetivo de localizar e prender o segundo ou mais elementos que possam estar envolvidos nas ações criminosas registradas na zona rural do município de Aiuaba.

(Colaboração de Diomar Araújo)

21:10 · 08.04.2018 / atualizado às 21:10 · 08.04.2018 por

Uma equipe do Raio efetuou a prisão de Lindon Jonson Alves Sales, 45 anos, neste sábado, 7, por volta das 11h, acusado de tráfico de drogas. Segundo os policiais, ele escondia dentro do mata cachorro de sua motocicleta 8 pinos de cocaína pesando 4 gramas, e ao realizar a busca na residência do acusado foi encontrado o valor de R$ 872,00 em dinheiro liquido, dois relógios da marca Invicta, dois celulares da marca Samsung, um celular da marca LG e uma espingarda de pressão.

O acusado foi conduzido até a Delegacia Regional de Iguatu junto com sua motocicleta uma FAN 160 vermelha ano 2017 para realização dos procedimentos cabíveis.

Outros acusados

Neste sábado, por volta das 16h, na Vila Moura, em Iguatu, dois homens foram presos sob acusação de tráfico de entorpecentes. Segundo a Polícia Militar, a dupla estava em posse de seis papelotes de maconha, um tablete também de maconha, um celular LG.

Os infratores foram identificados como A Jefferson de O, 24 anos, e Alan de Souza, 19. Os infratores foram conduzidos pra Delegacia de Polícia Civil de Iguatu, onde foram autuados no crime de tráfico de drogas.

19:11 · 06.04.2018 / atualizado às 19:27 · 06.04.2018 por

 

Ato contra prisão de Lula em Iguatu. Foto de Honório Barbosa

Cerca de 300 pessoas – servidores públicos federais, municipais, sindicalistas, professores e trabalhadores urbanos – participaram no fim da tarde e início da noite desta sexta-feira, 6, do ato contra a prisão do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, na Praça Gonçalves de Carvalho (Caixa Econômica) no Centro da cidade de Iguatu.

Dezenas de manifestantes se pronunciaram alegando ilegalidade da prisão, do processo que condenou o ex-presidente, da pressa do juiz Sérgio Moro, da ruptura democrática no País e do golpe contra a ex-presidente Dilma Rousseff. “Lula sofre perseguição política”, disse o representante da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Claudemir Brito. “Depois do golpe parlamentar o Brasil sofre um retrocesso, e Lula é vítima de uma grande injustiça”.

Ações governamentais de Lula na presidência do Brasil foram lembradas, tais como, investimentos em Educação e o combate à desigualdade social. “Lula vai ser preso nos braços do povo, na consciência dos trabalhadores”, disse a vereadora, Cida Albuquerque. “O Brasil sofre um ataque à democracia, às suas riquezas e instituições”.

Os manifestantes disseram acreditar que a luta em defesa da democracia e do ex-presidente Lula iria permanecer nos próximos dias. O professor Luís Oliveira disse que há um problema maior, que vai além da prisão de Lula, que é o ataque à democracia no Brasil.

O ato público foi pacífico.

 

13:23 · 07.03.2018 / atualizado às 13:23 · 07.03.2018 por

Três pessoas foram presas na cidade de Iguatu, no bairro Santo Antônio, na noite desta terça-feira, 6, acusadas de tráfico de drogas por uma equipe do Batalhão Raio.

Foram presos os suspeitos, Adriana Teixeira de Oliveira, 45 anos; Antônio Eliomar Félix Sobrinho, 36 anos; Thiago Alves de Lima, 26 anos. De acordo com a Polícia Militar, todos os acusados já respondem por tráfico de entorpecentes e a prática de outros crimes.

Com os acusados foram apreendidos 76 pedras de crack, pesando 38,7 gramas, 18 pinos de cocaína pesando 10,7 gramas, a quantia em dinheiro no valor de R$ 178,15; um tablet, e quatro aparelhos celulares.

 

19:56 · 01.03.2018 / atualizado às 19:56 · 01.03.2018 por

 

A equipe da Polícia Civil de Cedro prendeu na manhã desta quinta-feira, 1º, após investigação do serviço de inteligência, Sebastião Pereira Lima, mais conhecido por “Neto”. Os policiais também apreenderam 476 gramas de maconha, quatro pedras de crack e duas trouxinhas de cocaína, além da quantia de R$ 169,00.

Neto é natural de Cariús, mas morava há algum tempo em Cedro. Ele é suspeito de chefiar a venda de drogas no município, e já responde aos crimes de latrocínio, em Farias Brito; homicídio em Cariús; e tráfico de drogas em Cedro.

09:03 · 22.02.2018 / atualizado às 09:03 · 22.02.2018 por

Uma mulher foi morta por enforcamento em Icó. A Polícia Militar aponta como suspeito o companheiro dela, que já teria tentado matá-la outras duas vezes.

Segundo informações do 10º Batalhão de Polícia Militar, o corpo de Cleane Rodrigues dos Santos, 33 anos, foi encontrado na manhã desta quinta-feira, 21, por volta das 6 horas, na estrada carroçável que dá aceso ao conjunto BR, Vila Pedegral, com uma corda envolta no pescoço.

Os parentes da vítima disseram que o acusado havia saído com Cleane Rodrigues na noite anterior. O acusado, Lucas Sebastião dos Santos, 33 anos, gari, já responde por homicídio e outros crimes.

O suspeito foi encontrado trabalhando normalmente no carro que faz a coleta do lixo e foi preso. O corpo da vítima foi levado para o IML da cidade de Iguatu.

08:53 · 12.02.2018 / atualizado às 08:53 · 12.02.2018 por

Policiais militares da FTA realizaram vistoria neste domingo 11 e apreenderam na Cadeia Pública de Quixelô um aparelho celular LG, um chip e três carregadores, quatro carregadores de celulares, nas duas celas da unidade prisional.

O material foi recolhido e entregue na Delegacia de Polícia Civil para serem tomadas as medidas cabíveis.

Prisão e apreensão na boca de fumo

Neste domingo, por volta das 18h, a Polícia Militar apreendeu droga e revólver em uma casa no bairro Santo Antonio, em Iguatu, que funcionaria como ‘boca de fumo’. Fábio Pereira da Silva, 21 anos, foi preso e no local foram apreendidos: 12 pedras de crack (totalizando um grama), quatro papelotes de cocaína (duas gramas), um revólver calibre 38, Tauros, capacidade para 6 tiros, com três munições intactas, arma esta, roubada da empresa de segurança Power Segurança e Vigilância, do Estado de São Paulo, um celular Samsung, de cor branca, e uma quantia em dinheiro no valor de R$ 67,00.

O infrator e o material apreendido foram conduzidos à Delegacia Regional de Iguatu.

21:43 · 07.02.2018 / atualizado às 21:43 · 07.02.2018 por

 

Material foi apreendido com os suspeitos. Foto de Diomar Araújo

A Polícia Militar prendeu por volta das 23 horas desta terça-feira, 6, na cidade de Aiuaba, dois dos quatros acusados de praticarem uma série de assaltos na zona rural do município. Foram presos dois suspeitos identificados por Anderson e Felipe e segundo o comandante do destacamento militar, sargento Dário, outros dois acusados já teriam sido identificados. São eles; Ernandes e Marcelo, ambos da cidade de Saboeiro. Os dois acusados que foram presos foram conduzidos para a 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Tauá.

Segundo a Polícia, o grupo agia durante a madrugada arrombando portas das residências na zona rural e subtraiam objetos. (Com informações de Diomar Araújo).

 

18:48 · 16.01.2018 / atualizado às 18:48 · 16.01.2018 por

 

Jovem é acusado de matar três pessoas a tiro em Iguatu

Após investigações e em cumprimento a mandado judicial de prisão, policiais da Delegacia Regional de Polícia Civil de Iguatu prenderam nessa terça-feira, 16, José Wilke Arcênio de Carvalho, 20 anos. Ele é o principal suspeito de ter cometido três homicídios na cidade de Iguatu no ano passado.

O primeiro caso, apontado pela Polícia, refere-se ao homicídio de Pedro Tarcízio de Amorim, conhecido por Pelado, que foi morto com vários disparos de arma de fogo no comércio dele, denominado “Oficina do Pelado”, localizada no bairro Prado, no dia 11 de setembro de 2017.

A segunda suspeita refere-se ao duplo homicídio em que foram vítimas, Francisco Felipe Bezerra de Andrade e Pedro Júnior Domiciano (caminhoneiro). O crime ocorreu no Posto Veneza, nas proximidades da Vila Neuma, em Iguatu, no dia 21/12/2017.