Busca

Tag: projeto


08:53 · 01.01.2018 / atualizado às 08:53 · 01.01.2018 por

 

Assinatura de ordem de serviço para obra de abastecimento de água.

O prefeito de Solonópole, Webston Pinheiro, o secretário da Fazenda, Mauro Filho, o secretário da Casa Civil do Estado, Nelson Martins, e os deputados estaduais, Agenor Neto e Leonardo Pinheiro participaram da solenidade de assinatura de ordem de serviço para a construção de sistema de abastecimento de água no sítio Itaúna, na zona rural do município de Solonópole.

A obra será realizada por meio do projeto São José III do Governo do Estado, e está orçada em R$ 1,300 milhão, beneficiando mais de 180 famílias em 13 diferentes localidades da região.

“Esse é mais um projeto que traz benefício direto para as comunidades que sofrem com a escassez de água, depois de um período tão grave de seca”, frisou Agenor Neto. “O governador Camilo Santana tem se mostrado sensível e resolvido problema de escassez de água nas comunidades rurais”.

O prefeito Webston Pinheiro destacou o apoio do governo do Estado e dos deputados para implantação de projetos e serviços no município. “O governador Camilo Santana tem sido nosso aliado”, frisou.

11:29 · 29.12.2017 / atualizado às 11:29 · 29.12.2017 por

Foi realizada nas comunidades rurais de Mulungu e Tabuleiro, no distrito de Lima Campos, nesta quinta-feira(28) pela manhã, solenidade de assinatura de convênio entre o governo do Estado e a Prefeitura para implantação de projetos de abastecimento de água, no valor total de R$ 600 mil, beneficiando 100 famílias diretamente.

“Esse é o terceiro projeto que recebemos em parceria com o governo do Estado e a Prefeitura para atender a necessidade da comunidade”, disse Maria de Cazuza, presidente da associação comunitária.

“O governo está liberando para Icó cerca de nove projetos nos próximos meses para atender a demandas das associações comunitárias”, registrou a prefeita Laís Nunes.

Os secretários de Estado, Nelson Martins e Dedé Teixeira, participaram do ato e destacaram o empenho da prefeita e o investimento de R$ 4 milhões em obras para a área rural.

10:18 · 18.12.2017 / atualizado às 10:18 · 18.12.2017 por

A Prefeitura de Icó anunciou contrapartida financeira para o Projeto São José III, beneficiando moradores  da comunidade rural de Posto Agrícola, no Perímetro Irrigado de Icó. Trinta e três famílias serão beneficiadas com kits completos de irrigação por aspersão.

A prefeita de Icó Laís Nunes autorizou o pagamento da terceira parcela da contrapartida do projeto São José III, da comunidade do Posto Agrícola, num valor de quase R$ 20 mil, totalizando a quantia de R$ 73 mil por parte do Município.

“A nossa parceria é para que o projeto se concretizasse o mais rápido possível, pois irá gerar várias empregos diretos e indiretos na comunidade”, disse Laís Nunes.

O projeto estava há mais de três anos sem sair do papel.

 

 

11:58 · 13.12.2017 / atualizado às 12:00 · 13.12.2017 por

 

Gestantes receberam kits. Foto de Augusto César

A Secretaria de Assistência Social de Várzea Alegre encerrou o 3º Ciclo de Encontros do Projeto Nascer com Dignidade com a entrega de kits de natalidade. Neste ano, foram entregues kits nos meses de maio, setembro e agora em dezembro.

Neste dia 12, aconteceu na Secretaria de Assistência Social a entrega do auxílio natalidade do grupo de gestante do Projeto Nascer com Dignidade, desenvolvido pelos centros de Referência de Assistência Social (CRAS) Cecília Biliu e Joaquim Beca, direcionado pelas equipes técnicas de assistentes sociais e psicólogos, com o objetivo de fortalecer o vínculo familiar e prevenir situações de riscos sociais.

Encerrando o último trimestre do ano foram acompanhadas 32 gestantes. A aecretária Laura Maria ALves ministrou palestra para as gestantes sobre os cuidados básicos e o valor da vida.

As gestantes são acompanhadas pelas equipes de referência dos CRAS e são beneficiárias do Programa Bolsa Família. Além de todas as orientações e apoio, elas recebem um kit com banheira, manta, coeiro, roupa, mijão, fralda, camisetas, meia e touca.

 

11:51 · 13.12.2017 / atualizado às 11:51 · 13.12.2017 por
Momento de lazer entre os alunos do projeto. Foto de Augusto César

 

A Secretaria de Assistência Social, do Governo de Várzea Alegre, promoveu manhã de lazer no Clube Recreativo de Várzea Alegre com as crianças e adolescentes do projeto Tatame Cidadão.

O projeto conta com a participação de cerca de 150 alunos que recebem aulas de artes marciais de karatê shidokan e taekwondo, tendo como orientadores os oficineiros Brendon Silva e Maria Ribeiro.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Laura Maria Alves de Oliveira, as oficinas de artes marciais e lutas capoeira, karatê e taekwondo oportunizam um espaço de prática esportiva para romper com a ociosidade. “Contamos atualmente com cerca de 600 participantes cadastrados, nas diversas atividades propostas pelos CRAS, entre estas atividades podemos citar atividades socioeducativas ofertadas para as crianças e adolescentes pelos orientadores sociais e atividades de oficinas de canto coral, dança, teclado, violão, corte e costura, informática básica e futsal”, disse.

O conjunto dessas oficinas são desenvolvidos pelo projeto Arte é Resgate, já as oficinas de artes marciais e lutas capoeira, karatê e taekwondo são desenvolvidas pelo projeto Tatame Cidadão, visando atender crianças e adolescentes.

 

15:07 · 07.12.2017 / atualizado às 15:07 · 07.12.2017 por

O campus de Cedro do Instituto Federal de Educação do Ceará (IFCE) teve mais um projeto aprovado para apresentação em evento internacional. O trabalho “Compreensão do uso de desenhos no processo de ensino-aprendizagem para alunas do curso informatização”, de Pedro Barbosa, Rafaella Alves e Gorete Pereira (coautoras) foi aprovado para o XI Congresso Internacional de Educação Superior, entre os dias 12 e 16 de fevereiro de 2018, em Havana (Cuba). O trabalho foi desenvolvido a partir do curso de inclusão digital para mulheres acima de 40 anos, ministrado desde outubro de 2017.

A unidade de ensino vai ser representada, em Cuba, pelo professor Pedro Barbosa, do curso de Sistemas de Informação. “Vai ser o meu primeiro evento internacional. É bom poder participar e levar essa experiência tão importante que temos aqui no campus”, pontua.. O artigo científico avalia a utilização de desenhos feitas pelas próprias alunas do curso, que simbolizassem a relação que tinham, até então, com a tecnologia.

As aulas são ministradas por alunas do grupo Binary Girls, também do curso de Sistemas de Informação. “As meninas são muito pacientes, repetem o conteúdo, quando necessário, tiram as nossas dúvidas, entendem as nossas necessidades e o nosso tempo de aprendizado”, avalia a promotora de eventos Antônia Araújo, de 56 anos, aluna do curso. “Eu já tinha tentado outras vezes, mas sabia muito pouco. Agora, eu vou passar a ter autonomia para resolver minhas coisas”. O grupo é formado pelas estudantes Adalmária Diniz, Erica Pinheiro, Jéssica Maia, Larissa Uchoa, Rafaella Sousa e Tainara Rocha. 

11:09 · 06.12.2017 / atualizado às 11:09 · 06.12.2017 por

A Câmara Municipal de Iguatu (CMI) aprovou projeto de lei que autoriza o município a conceder desoneração fiscal de tributos para construção de 899 unidades do Programa Minha Casa e Minha Vida (PMCMV). A iniciativa é do próprio Executivo e foi discutido com a presença de diretores da Associação dos Construtores da Região Centro-sul do Ceará (ACCS), de assentados do movimento sem teto e ocupacional.

O projeto aprovado prevê a isenção fiscal de tributos municipais, do Imposto Sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e do Imposto sobre Transmissão Inter Vivos de Bens Imóveis e Direitos Reais a Eles Relativos (ITBI) e do Imposto Sobre Qualquer Natureza (ISSQN), e ainda de taxas como alvarás sobre a produção de unidades habitacionais que incidirem e enquadrarem dentro do PMCMV e na faixa 1.

João Alisson Lavor, procurador geral do município, esclareceu dúvidas dos parlamentares e construtores. “O interesse é social dessa faixa de programa, e direcionada àquela parcela da população que não possui uma renda econômica estável. Sabemos que o déficit habitacional é um problema antigo, mas esse projeto vem amenizar, e a desoneração seria contrapartida do município que é exigida pela união”, afirmou o procurador.

O projeto tramitou em regime de urgência sob alterativa de cumprimento de prazos exigidos pela Caixa Econômica Federal. Com a realização de quatro sessões os pareceres foram votados nominalmente pelos membros das comissões de Orçamento, Finanças e Fiscalizações e de Constituição, Justiça e Redação Final.

Emendas

Duas emendas indicativas foram apresentadas pelos vereadores Lindovan Oliveira (PSD) e Bandeira Jr. (PMDB), da bancada de oposição, propondo a isenção das taxas aos construtores das faixas 1,5 e 2. A primeira emenda foi rejeitada com o voto contrário da bancada situacionista, já a outra foi retirada pelo peemedebista.

Antônio Baixinho (PSB), da ala oposicionista, afirmou que a emenda não implicaria o comprometimento da aquisição das casas. “A emenda é indicativa, pedido ao prefeito pra ter consciência e honrar um compromisso firmado em campanha”, lembrou.

Como justificativa para barrar a indicação, o presidente do legislativo Mário Rodrigues (PDT) afirmou que na matéria não caberia o anexo por ser tratar projeto específico e que a alteração sugerida pelos colegas de parlamento deveria ocorrer pelo código tributário. “O projeto é claro. Não poderíamos comprometê-lo correndo risco de perdemos os prazos. Temos que ser claros com as categorias. O que se deve ser feito é trabalhar em outra frente pela legislação tributária e levando a demanda ao gestor”, pontuou.

A faixa 1 em Iguatu prevê a construção de 899 casas. Para os condomínios residenciais Iguatu de Um Novo Tempo I e II na vila Cajazeiras serão construídas 600 unidades; outras 299 serão no Residencial Benderville Iguatu II (próximo ao Clube dos Comerciários). A empresa responsável pelos dois primeiros é a Elite Engenharia, a do último será a empresa Benderpar Incorporações.

Insatisfação

Antônio Alves da Silva, “Café”, do movimento dos sem-teto intitulado ‘As Margaridas’, ressaltou que o programa não contempla a maioria dos assentados. “Acredito que esse projeto não vai beneficiar a maioria que precisa de moradia. O que foi dito não me faz sair satisfeito ou esperançoso”, disse.

Entenda

A faixa do programa atende famílias com renda de até R$ 1.800,00 por mês cujo valor máximo do imóvel é R$ 96 mil, financiado em certos casos em até 120 meses, sem exigência de comprovação de renda, entrada e análise de risco. A faixa 1 não impede ainda que que as pessoas com o “nome sujo” possam dar entrada nos imóveis.

Associação dos Construtores protesta 

A sessão contou com a presença do presidente da Associação dos Construtores da Região Centro-sul do Ceará, Elonilton Lopes., que apresentou diversas demandas de interesse da categoria. Os construtores locais sentiram-se excluídos. “O prefeito articula a vinda de empresas de fora, dá apoio político e isenção, mas para nós construtores de Iguatu não recebemos nem isenção parcial e nem apoio”, frisou.

A bancada de situação afirmou que um encontro dos profissionais com o prefeito Ednaldo Lavor foi agendado para a próxima semana.

16:39 · 05.12.2017 / atualizado às 16:39 · 05.12.2017 por

 

Projeto chega às comunidades rurais em Várzea Alegre

A Secretaria de Assistência Social, por meio do projeto Assistência Social Mais Perto de Sua Família, implantou pelo CRAS Joaquim Beca, nesta manhã de terça-feira, 5 de dezembro, no distrito de Naraniú, na Vila São Caetano, encontro com idosos pelo Grupo de Convivência e Fortalecimento de Vínculo.

Os encontros acontecerão quinzenalmente e o trabalho será acompanhado pelos técnicos Francisco Costa (psicólogo) e Virgínia Valéria (assistente social) que trabalham todo o âmbito biopsicossocial e cultural desses idosos, proporcionando a reaproximação familiar, inclusão social, aprender e reconhecer suas limitações e potencialidades e como lidar com elas e com isso oportunizando o protagonismo e a qualidade de vida do grupo.

O projeto Assistência Social Mais Perto de Sua Família já foi implantado nos distritos de Calabaça e Canindezinho com a formação de grupos de idosos. Em Riacho Verde, foram formados grupos de crianças e adolescentes, de acordo com a preferência da comunidade.

No dia 19 de dezembro, o Assistência Social Mais Perto de Sua Família chegará ao distrito de Ibicatu, onde formará o grupo de idosos que será assistido pelo projeto.

Laura Alves Oliveira, secretária de Assistência Social, disse que esse projeto tem o apoio das comunidades, facilitando o atendimento aos idosos nas localidades onde residem e com suas famílias.

O prefeito Zé Helder disse que essa política pública, que vai às comunidades reunir os idosos, ou crianças e adolescentes, é fundamental para que essa população tenha atenção adequada contando com o serviço social de qualidade e com apoio das famílias.

11:16 · 30.11.2017 / atualizado às 11:16 · 30.11.2017 por

Estudantes da Escola Municipal Francisca de Jesus Cavalcanti, em Cedro, realizaram  blitz educativa para apresentar a conclusão do projeto “Lixo Zero”. A ação foi desenvolvida com alunos do 3º e 4º ano da escola sob a orientação das professoras Vanja Batista, Josélia Lemos, Socorro Silva, Aparecida Leite e Vilma Dias.

A diretora da escola, Cilene Nogueira, ressalta que o foco da ação é a sensibilização, conscientização e mobilização da comunidade escolar e local para o cuidado com o meio ambiente e o descarte correto do lixo. “Se existe a coleta de lixo é preciso obedecer o calendário, mas vimos que no entorno da escola era notório a presença de lixo e entulho, após as etapas do projeto constatamos que esta realidade foi modificada”.

O secretário do Meio Ambiente, Elleson Barbosa, participou da ação, reforçando o compromisso do município em investir na limpeza pública, e lembrou que a população deve seguir o calendário de coleta já amplamente divulgado. “É uma ação contínua, os estudantes demonstraram o exercício da cidadania, por meio das ações do projeto, assim, a futura geração torna-se consciente que o meio ambiente precisa de ajuda”. Por conta das ações educativas, a escola foi agraciada com palestras, rodas de conversas e a presença do Comitê Municipal de Combate às Arboviroses.

O prefeito de Cedro, Dr. Nilson Diniz, lembra que a ação é importante para a educação dos estudantes, principalmente, no cuidado com o meio ambiente. “Os alunos são, desde pequenos, incentivados a desenvolverem a responsabilidade pelo meio ambiente, levando estes conhecimentos para as suas casas, influenciando no tratamento dado ao lixo na sua residência, na rua e no seu bairro”.

Outras escolas do município também apresentarão para a população os projetos desenvolvidos em sala de aula e no entorno da escola. “Isto é uma ação de saúde pública e nossos estudantes estão mostrando que é possível vivermos numa cidade limpa e organizada”, ressalta a secretária de Educação de Cedro, Esmeraldina Bezerra.

07:13 · 10.11.2017 / atualizado às 22:19 · 09.11.2017 por
Desfile com as peças produzidas encerrou primeira etapa do projeto Linhas

Com tesoura, agulha, tecido e linhas, 20 mulheres do distrito de José de Alencar, no município de Iguatu, vão tecendo uma nova história de autoestima e empoderamento em sua comunidade. O projeto Linhas, desenvolvido pela equipe de estudantes voluntários do Time Enactus IFCE Iguatu, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC), realizou treinamento com a Associação das Artesãs de Alencar.

O curso de 220 horas teve como objetivo oferecer oportunidade de profissionalização e renda para as mulheres do distrito assim como proporcionar um momento de socialização entre elas.

O evento de encerramento da primeira etapa do projeto foi realizado na Praça Solário Ferreira Lima e contou com a presença do reitor do Instituto Federal do Cede Educação do Ceará, professor Virgílio Araripe.