Busca

Tag: várzea alegre


18:54 · 30.09.2016 / atualizado às 18:54 · 30.09.2016 por

 

Zé Hélder encerrou campanha com comício no centro da cidade. Foto de divulgação
Zé Hélder encerrou campanha com comício no centro da cidade. Foto de divulgação

Os dois candidatos a prefeito de Várzea Alegre – Zé Hélder (PMDB) e Homero (SD) – realizaram na noite desta quinta-feira comício de encerramento da campanha eleitoral. O ex-prefeito Zé Hélder volta a concorrer à Prefeitura e realizou concentração no centro da cidade.

O candidato da situação, Homero realizou comício na Vila de São Caetano, na zona rural do município de Várzea Alegre. Ele tem apoio do prefeito, Vanderlei Freire, e do ex-prefeito, Joãozinho. Os dois eventos reuniram milhares de participantes.

Zé Hélder  tem apoio do líder político e ex-prefeito, Dr. Sátiro, e do empresário, Carlos Kléber Correia.

Nesta sexta-feira, foi publicada no Diário do Nordeste pesquisa eleitoral realizada pelo Ibope em que o candidato Zé Hélder aparece com uma vantagem de 23% sobre o adversário.

A assessoria do candidato Homero não enviou votos do comício de encerramento.

14:53 · 29.09.2016 / atualizado às 14:53 · 29.09.2016 por

Os candidatos a prefeito e vice-prefeito, da coligação Várzea Alegre feliz de novo, Zé Helder (PMDB) e Dr. Fabrício (PV), fazem o comício de encerramento da campanha na noite desta quinta-feira, no centro da cidade.

Já os candidatos da situação, a prefeito e vice, respectivamente, Homero Fiúza (SD), e Luiz do Conselho (PRB), da coligação a Força do Novo, encerram a campanha na Vila São Caetano, distrito de Naraniú, com comício, também à noite.

A campanha em Várzea Alegre foi uma das mais movimentadas da região, se destacando pela realização de reuniões, comícios e por último, as caminhadas reunindo milhares de eleitores das correntes políticas que disputam a prefeitura.

Em Várzea Alegre, Zé Helder é apontado numa pesquisa do IBOPE, com a preferência das intenções de votos, com 56%, enquanto Homero aparece com 33%.

A pesquisa do IBOPE foi realizada em Várzea Alegre, no período de 15 a 17 de setembro de 2016 e ouviu 301 pessoas, com divulgação neste sábado, dia 24.O nível de confiança da pesquisa é de 95%, com margem de erro de 6% para mais ou para menos. A pesquisa foi encomendada ao IBOPE pela empresa Wesley Martins de Oliveira – ME / WMO – Comunicação e Marketing, registrada no TRE sob o número CE-06241/2016.

Zé Hélder já foi prefeito e volta a concorrer à Prefeitura de Várzea Alegre. Foto: divulgação
Zé Hélder já foi prefeito e volta a concorrer à Prefeitura de Várzea Alegre. Foto: divulgação
07:34 · 24.09.2016 / atualizado às 07:34 · 24.09.2016 por

 

Zé Hélder aparece com 53% na pesquisa do Ibope.
Zé Hélder aparece com 53% na pesquisa do Ibope.

 

 

A pesquisa realizada pelo Ibope, no município de Várzea Alegre, aponta Zé Hélder (PMDB) com 56% e o candidato do Solidariedade, Homero Fiúza, com 33%. A vantagem é de 23%.

Homero Fiúza tem 33% de preferência do eleitorado segundo pesquisa Ibope.
Homero Fiúza tem 33% de preferência do eleitorado segundo pesquisa Ibope.

A pesquisa foi encomendada ao Ibope pela empresa Wesley Martins de Oliveira – ME / WMO – Comunicação e Marketing, registrada no TRE sob o número CE-06241/2016 e publicada neste sábado, 24. Foram ouvidos 301 eleitores no último dia 18. A margem de erro é de 6% para mais ou para menos.

A divulgação da pesquisa obteve ampla repercussão no município. A oposição chegou a ingressar na Justiça Eleitoral com solicitação para barrar a divulgação da pesquisa, mas o juiz eleitoral indeferiu o pedido.

Em Várzea Alegre dois candidatos disputam a Prefeitura. Zé Helder e Homero Fiúza. Zé Helder já foi prefeito por dois mandatos, de 2005 a 2012, e agora concorre ao terceiro mandato. “Analiso que o povo de Várzea Alegre reconhece meu trabalho como prefeito e o meu compromisso com a população”, frisou. “Fizemos duas gestões bem-sucedidas e se Deus quiser e pela vontade do povo, voltando à prefeitura, vou me empenhar para resgatar o progresso de nossa cidade mais uma vez”.

O Blog não obteve comentário sobre o resultado da pesquisa da coligação a Força do Novo. Homero Fiúza é apoiado pelo grupo do ex-prefeito Joazinho e pelo prefeito Wanderley Freire.

O município de Várzea Alegre tem 26.983 eleitores aptos a votas nas eleições de 2016.

10:23 · 23.09.2016 / atualizado às 10:23 · 23.09.2016 por

O agricultor, Pedro Soares de Oliveira, 48 anos, morreu afogado no açude Novo, localizado no distrito de Naraniú (São Caetano), na tarde desta quinta-feira, 22. Ele saiu para tomar banho juntamente com a esposa, Francisca Gomes dos Santos, após ingerir bebida alcoólica.

De acordo com Francisca dos Santos ao sentir falta do marido pediu ajuda a populares que acionaram a Polícia Militar. Quando os policiais chegaram ao local, o corpo da vítima já havia sido retirado da água por populares. O corpo da vítima foi levado para o IML de Iguatu.

 

11:00 · 14.09.2016 / atualizado às 11:48 · 14.09.2016 por

 

Delegacia de Iguatu tem duas celas, que não oferecem segurança. Foto de Honório Barbosa
Delegacia de Iguatu tem duas celas, que não oferecem segurança, estão superlotadas e foram interditadas por decisão judicial. Foto de Honório Barbosa

O sistema prisional em Iguatu, cidade pólo da região Centro-Sul, agravou-se com a decisão do juiz da Vara das Execuções Criminais, Josué de Lima Júnior, de interditar as duas celas da Delegacia Regional de Polícia Civil em decorrência da superlotação, fuga e tentativa de motim. Há mais de um ano que a Cadeia Pública também está interditada por decisão do mesmo magistrado.

Nesta segunda-feira, 13, nove flagrantes por tráfico de drogas, furto qualificado e corrupção de menores foram feitos e os presos foram entregues aos agentes prisionais da Secretaria de Justiça do Ceará (Sejus) da Cadeia Pública local, segundo determinação do juiz da Vara das Execuções Criminais.

Inicialmente, houve resistência e os agentes não quiseram receber os presos. Mediante o impasse, cinco agentes tiveram que comparecer à Delegacia. “Os agentes vieram para a Delegacia e a situação foi esclarecida, contornada, não houve ordem de prisão contra eles”, explicou o delegado plantonista, Marcos Sandro Nazaré de Lira. “Eu esclareci que havia uma ordem judicial e se eles não cumprissem estariam praticando crime de desobediência”.  Até um advogado do Sindicato dos Agentes Prisionais foi acionado e falou por telefone com o delegado. “A situação continua grave em Iguatu e cabe aos agentes prisionais dá o destino final a esses presos, encaminhando-os para outras cadeias”, frisou o delegado Marcos Sandro Nazaré.

O delegado regional de Polícia Civil de Iguatu, Wesley Alves, considera a situação grave. “Conseguimos a transferência de 22 presos e vamos esvaziar as duas celas, cumprindo a determinação judicial”, frisou. A medida, entretanto, não resolve o problema, pois os flagrantes feitos diariamente vão resultar na necessidade dos agentes prisionais de receberem os presos e transferirem para outras unidades. A transferência deve ocorrer no fim da tarde de hoje.

A decisão do magistrado foi motivada por uma ação civil pública encaminhada pelo Ministério Público Estadual. O promotor de Justiça, Herbet Gonçalves Santos, foi o autor da ação, que foi concedida em sede de liminar, por ter caráter de urgência.

O problema se agravou com a chegada do BP Raio e a transformação da Delegacia Regional de Iguatu em unidade 24 horas, plantonista. Houve um aumento dos flagrantes.

De acordo com o delegado regional de Polícia Civil de Iguatu, Wesley Alves, a transferência dos presos foi articulada pelo delegado Jocel Dantas, titular do Departamento de Polícia do Interior (DIP), região Sul.

Celas superlotadas resultaram em interdição judicial. Foto de Honório Barbosa
Celas superlotadas resultaram em interdição judicial. Foto de Honório Barbosa

SEJUS INOPERANTE

A secretaria de Justiça e Cidadania do Estado do Ceará tem se mostrado incapaz de resolver o problema das instalações hidrossanitárias da Cadeia de Iguatu, que motivou a interdição judicial da unidade, há mais de um ano. O bispo da Diocese de Iguatu, dom Édson de Castro, e outros representantes da comunidade local já estiveram em audiência com o titular da pasta, mas nada de concreto foi feito até agora.  O religioso lamentou o atraso nas decisões administrativas.

Parece que há uma queda de braços entre o governo do Estado e a justiça local, pois não há diálogo entre representantes da Secretaria de Justiça e da Vara das Execuções Criminais. Decisões do magistrado são descumpridas pela administração superior dos presídios.

Parte do Muro da Cadeia de Várzea Alegre ainda está no chão 

Outro fato na região que mostra a inoperância da Sejus ocorreu na cidade de Várzea Alegre. Parte do muro da cadeia pública desmoronou em fevereiro passado e a unidade foi interditada, com transferência dos presos. Até hoje nenhum tijolo foi recolocado.

muro cadeia várzea alegre (1)