Busca

Tag: várzea alegre


09:58 · 27.11.2016 / atualizado às 09:58 · 27.11.2016 por

 

operários começaram o serviço de tapa-buracos na BR 230 entre Várzea Alegre e Farias Brito. Foto de Honório Barbosa
operários começaram o serviço de tapa-buracos na BR 230 entre Várzea Alegre e Farias Brito. Foto de Honório Barbosa

Finalmente, depois de mais de cinco anos de espera, operários começaram a trabalhar na operação tapa-buracos no trecho de 34 km da Rodovia BR 230, entre as cidades de Várzea Alegre e Farias Brito, no Sul do Ceará. Recentemente, houve a recuperação do trecho urbano, em Várzea Alegre.

Em junho passado, foi dada ordem de serviço para a empresa Ápia realizar trabalhos de recuperação da BR 230, no segmento que corta do Estado Ceará, desde a divisa com a Paraíba, passando por Lavras da Mangabeira, Várzea Alegre e Farias Brito. Entretanto,  o serviço é lento e não avançou depois de cinco meses.

Na semana passada, o ministro dos Transportes, Maurício Quintella, informou que a recuperação dos buracos no trecho entre Várzea Alegre e Farias Brito iria, finalmente, iniciar. O prefeito eleito de Várzea Alegre, Zé Hélder, disse que no momento será feito o serviço de tapa-buracos, mas ele iria reivindicar o recapeamento e melhoria da estrada.

15:02 · 21.11.2016 / atualizado às 15:02 · 21.11.2016 por

Homicídio foi registrado na cidade de Várzea Alegre, neste domingo, 20, por volta das 18 horas. De acordo com informações da Polícia Militar, o crime ocorreu no bairro Riachinho. Edvanilson Sampaio, 19 anos, estudante, foi morto, ao ser atingido por um tiro na região da nuca.
De acordo com testemunhas, o assassino é um rapaz gordo, moreno claro, baixo, trajava short jeans e blusa preta, boné preto. A vítima caminhava pela calçada e foi atingida por um disparo (possivelmente revólver). O autor do disparo fugiu por um matagal, não sendo identificado e nem localizado.
A ambulância do Samu foi acionada e o óbito foi confirmado. O corpo da vítima foi levado pelo Rabecão para o IML de Iguatu.

10:18 · 20.11.2016 / atualizado às 10:18 · 20.11.2016 por

 

No sítio Caminho Velho, distrito de Ibicutu, zona rural de Várzea Alegre, um jovem morreu afogado no açude da comunidade. Populares ainda tentaram socorrer a vítima, que foi identificada por Francione José Souza Romão, 32 anos, ajudante de pedreiro.

A ambulância do Samu foi acionada, mas quando os paramédicos chegaram ao local, a vítima já havia morrido.

Segundo testemunhas o mesmo tinha ingerido bebida alcoólica e que em seguida foi para o açude tomar banho.

11:49 · 28.10.2016 / atualizado às 11:49 · 28.10.2016 por

O Ministério Público de Várzea Alegre, através do Promotor de Justiça Paulo Roberto Cristo da Cruz Albuquerque, por meio da Recomendação 009/2016, assinada em 04 de outubro, estabelece a instalação de equipe de transição mista, com membros da equipe do governo atual e dos candidatos eleitos, prefeito e vice-prefeito da cidade, para acompanhar os trabalhos de encerramento da atual administração municipal.

Até agora, apenas o prefeito eleito de Várzea Alegre, Zé Helder (PMDB), indicou os membros da equipe de transição, tendo informado a relação e as funções ao Ministério Público e Prefeitura Municipal.

A Prefeitura informou que ainda não montou sua equipe e que tem até o dia 14 de novembro para fazê-lo.

Entre os pontos estabelecidos pela Recomendação consta que a equipe, por parte da atual gestão deve, com base de dados de todos os sistemas, levantar documentalmente todos os atos e fatos orçamentários, financeiros, fiscais e patrimoniais do município.

Também recomenda a realização de levantamento de dívidas do município, com informações detalhadas dos nomes dos credores, datas com os respectivos vencimentos, inclusive as dívidas a longo prazo e encargos decorrentes de operações de créditos, que informe sobre a capacidade de a administração realizar novas operações de crédito de qualquer natureza, a fim de conhecer o grau de comprometimento do orçamento para o primeiro ano de mandato do gestor eleito.

O Ministério Público local ainda recomenda a averiguação de todos os contratos de obras, serviços e fornecedores, mediante a análise do status de execução, a situação de pagamento, a correspondência com o desejado e se os procedimentos licitatórios dos mesmos estão de acordo com a legislação pertinente.

A Recomendação da Justiça atenta também para o levantamento de ações judiciais que envolvem o município, investigando o cumprimento de prazos e a situação em que se encontra o processo.

A equipe de transição deve fornecer aos eleitos, informações levantadas para que a nova gestão analise a situação da dívida ativa, em cobrança administrativa ou judicial, bem como dos créditos lançados e não recebidos no exercício e no momento da transição. Ainda, reunião de informações sobre a folha de pagamento, abrangendo ativos, inativos e pensionistas, para conferir se há irregularidades.

Também caberá, com base no levantamento das informações, aos eleitos, avaliar a situação do município com o INSS, FGTS e PASEP, relativos aos servidores vinculados ao regime celetista, mediante a análise da existência de débitos, qual o montante, se há parcelas em atraso, quanto tempo se levará para quitação, isso com o objetivo de evitar a suspensão do recebimento das quotas municipais derivadas da repartição de receitas destinadas ao município.

Ainda, segundo a recomendação da Justiça, a equipe, especialmente, ligada aos eleitos deve observar, quando for o caso, em existindo elementos de atos de improbidade, ou de fatos criminosos, pela supressão, destruição ou ocultação do acervo documental relativo à bens, direitos e obrigações dos poderes públicos municipais, das medidas de responsabilização da gestão que se encerrou, bem como das representações cabíveis junto ao TCU; TCE-CE, TCM-CE; CGU-CE; AGU; MPCE e MPF.

O não atendimento da Recomendação, na sua forma e termos, acarretará no ajuizamento de ação civil pública por ato de improbidade administrativa, de acordo com a Lei nº 8429/92.

13:43 · 27.10.2016 / atualizado às 13:43 · 27.10.2016 por

 

Rodovia está esburacada há oito anos e trecho será recuperado até fim do ano, segundo Dnit. Foto de Honório Barbosa
Rodovia está esburacada há oito anos e trecho será recuperado até fim do ano, segundo Dnit. Foto de Honório Barbosa

Quem percorre o trecho de 30 km da BR 230 entre as cidades de Várzea Alegre e Farias Brito no Sul do Ceará enfrenta o transtorno da buraqueira que parece esquecida pelas autoridades. Há oito anos que o problema persiste causando acidentes e prejuízo aos motoristas.

O gerente da unidade regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT), em Icó, Valdir Barbosa, afirmou que o trecho está em obras. “Há um contrato de recuperação da via assinado entre o Dnit e a empresa Ápia, que está no trecho, trabalhando”, disse. “Alguns serviços já foram feitos, conserto de erosões, e a recuperação está evoluindo e o tapa-buraco deve ficar pronto até dezembro”.

Valdir Barbosa acredita que até o fim deste ano o serviço de tapa-buraco estará concluído. “A empresa já está adquirindo asfalto de usinas em Iguatu e Juazeiro do Norte e até as festas de final de ano, a recuperação deverá ser concluída”, frisou. 

Quem passa pelo trecho não observa movimentação de operários e mostra preocupação com uma possível desistência da empresa contratada pelo Dnit. “Aqui a gente não vê ninguém”, disse o motorista de caminhão, Pedro Vasconcelos. “Fizeram roço, limpeza e taparam algumas crateras na margem da rodovia e não fizeram mais nada”.

Barbosa reafirmou que o serviço tem continuidade e será concluído. Além do trecho entre Várzea Alegre e Farias, a empresa vai recuperar o segmento da BR 230 entre a BR 116 e a divisa com o Estado da Paraíba, que também permanece esburacado.