Blog Cidade

Categoria: Meio ambiente


11:14 · 16.04.2014 / atualizado às 11:14 · 16.04.2014 por

O mais recente boletim de balneabilidade da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), divulgado nesta quarta-feira, informa que 55% do litoral de Fortaleza está impróprio para banho. Os dados são referentes ao trabalho semanal da Gerência de Análise e Monitoramento (Geamo) da autarquia em 31 pontos do litoral.Desse total, 17 estão impróprios e apenas 14 estão próprios para banho.
Confira a relação dos pontos analisados.
Próprios:
Barraca Arpão Praia Bar
Barraca Itapariká
Barraca Hawaii
Praça 31 de Março
Barraca América do Sol
Barraca Crocobeach
Clube de Engenharia
Barraca Beleza
Edifício Vista del Mare
Início da rua Ismael Pordeus
Volta da Jurema
Ponte dos Ingleses (Ponte Metálica)
INACE (Ind. Naval do Ceará)
Início da Av. Philomeno Gomes

Impróprios:
Caça e Pesca
Farol
Iate
Mucuripe
Estátua de Iracema
Edifício Arpoador
Final da Rua José Vilar
Ideal Clube
Marina’s Park Hotel
Kartódromo
Início da AV. Pasteur
Início da Rua Lagoa do Abaeté
Colônias
Horta
Goiabeiras
Barraca Big Jeans
Barra do Ceará

Segundo a Semace, As análises são feitas com base na Resolução 274 do Conselho do Meio Ambiente (Conama), de 29 de novembro de 2000. De acordo com a Geamo, é possível que o resultado mude conforme ocorrências de chuvas, aumento da maré, presença de animais, disposição imprópria de resíduos sólidos e adensamento urbano nas proximidades das praias.

09:33 · 27.01.2014 / atualizado às 09:33 · 27.01.2014 por

Fortaleza terá Centro Municipal de Triagem Animais Silvestres (Cetas). A Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma) confirma informação adiantada na edição do jornal Diário do Nordeste do último dia 17. De acordo com o órgão, o projeto para a implantação do Cetas prevê que o mesmo será localizado próximo ao Horto Municipal e ao Zoológico Municipal Sargento Prata, os quais formarão o Bioparque Passaré. Esta ação faz parte da Política Ambiental de Fortaleza, apresentada neste ano pela Prefeitura, por meio da Secretaria.
Ainda segundo a Seuma, apreensão de animais silvestres acontecia de acordo com a Lei Federal de Crimes Ambientais 9.605/98, portanto de competência de órgão ambiental federal. Desde 2011, com a Lei Complementar 140/2011, todos os municípios passaram a ter responsabilidade por sua fauna silvestre. Tendo em vista a necessidade de adaptação e instalação de infraestrutura tanto para licenciamento para manejo de fauna, quanto para a recuperação e soltura dos animais silvestres, a Seuma firmou acordo com a Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace).
A Seuma já está recebendo denúncias relacionadas a animais silvestres, estas podem ser feitas por meio do telefone 3452.6923 ou site www.fortaleza.ce.gov.br/seuma. As denúncias serão encaminhadas para os órgãos responsáveis.

Pesquisar
Posts Recentes

08h08mSimpósio Internacional de Terreiro Capoeira

08h08mRio Ceará recebe aula em barcos

07h08mCCV abre oportunidade para novos voluntários

06h08mInscrição para consurso foi prorrogada até hoje

07h08mAterro e Praia do Futuro recebem celebraçõe de Iemanjá

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs