Diário Científico

Ver obras de arte ou pessoa amada estimulam mesmas áreas do cérebro