Busca

18:40 · 18.09.2018 / atualizado às 18:40 · 18.09.2018 por

Por Renato Sousa

Os vereadores de  Fortaleza aprovaram, hoje, em primeiro turno, autorização para o prefeito Roberto Cláudio contratar empréstimo de R$150 milhões junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para a efetivação de obras de drenagem e saneamento básico nos bairros do Barroso, Canindezinho, Mondubim e nas comunidades Che Guevara e Unidos Venceremos.

A mensagem recebeu elogios mesmo de parlamentares da oposição. De acordo com Márcio Martins (sem partido), saneamento é uma preocupação de estadistas. “São investimentos que não estão visíveis aos olhos. Não é o famoso cimento, concreto”, declara o parlamentar. Para ele, a população espera que os parlamentares, sejam da base ou da oposição, saibam distinguir quais projetos são ou não de interesse da cidade.

Guilherme Sampaio (PT), por sua vez, destaca que o saneamento, atualmente, só chega a pouco mais de 60% da cidade. E isso, de acordo com ele, também precisa ser debatido. “Nossa cidade é encravada no semi-árido. Nós convivemos com a seca como regra em razão das nossas características geográficas. Portanto, o reuso da água é quase tão importante quanto o saneamento”, declara o vereador.

O líder do prefeito na Casa, Ésio Feitosa (PPL), apontou que a área é “estratégia e fundamental para a melhoria da qualidade de vida do nosso povo”, alegando que isso tem reflexos na saúde e na qualidade de vida. Para o pepelista, a possibilidade da cidade contrair o empréstimo evidencia a saúde financeira da Capital. “Fortaleza tem conseguido suprir a falta de repasses do governo federal, a falta de repasses para a saúde, educação, saneamento, usando o crédito que tem em razão da gestão austera e responsável com os recursos públicos”, declara.

Esse é o segundo empréstimo aprovado pela CMFor apenas este mês. No dia 6, foi aprovado em segundo turno a contratação de outros R$35 milhões junto ao Banco do Brasil para a segunda etapa do corredor de ônibus ligando os bairros de Messejana e Centro. Os recursos serão utilizados nas obras do trecho do corredor da BR-116, em uma obra que se estenderá por dez km, indo da rotatória Manuel Dias Branco, na av. Aguanambi, ao viaduto da av. Jornalista Tomáz Coelho, em Messejana.

A Casa também aprovou ontem mensagem da Prefeitura propondo a abertura de vagas para dois cirurgiões-dentistas para o Instituto Dr. José Frota (IJF). De acordo com a apresentação da matéria, as contratações acontecem para preencher vagas de profissionais que se aposentaram.

17:11 · 18.09.2018 / atualizado às 18:21 · 18.09.2018 por

O general Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, candidato do PSDB ao Governo do Estado do Ceará, por seu advogado, hoje, deu entrada no Tribunal Regional Eleitoral, endereçada ao Corregedor Eleitoral, desembargador Haroldo Máximo, em Ação de Investigação Judicial Eleitoral por Abuso de Poder Político e Econômico, contra o governador Camilo Santana (PT), sua vice Izolda Cela, o candidato a senador Cid Gomes e seus suplentes, Prisco Bezerra e Júlio Ventura, incluindo o deputado federal Antônio Balhmann, por terem sido citados pelos representantes da JBS, como beneficiários de recursos daquela empresa para as eleições de 2014.

O pedido principal   é de que a Justiça Eleitora decrete a “cassação do registro, do diploma ou do mandato” dos promovidos.

Ainda não houve manifestação da Justiça sobre o pedido. A assessoria do governador Camilo Santana diz ser uma “ação completamente infundada com o único objetivo de gerar notícia”.

16:54 · 18.09.2018 / atualizado às 16:54 · 18.09.2018 por

Foi adiada para a próxima semana a reunião da Mesa Diretora e os integrantes do Colégio de Líderes da Assembleia Legislativa para  definir o funcionamento da Casa a partir da próxima semana até o dia da eleição, 7 de outubro. O encontro estava agendado para esta quarta-feira (19), mas como o presidente da Assembleia, deputado Zezinho Albuquerque (PDT), está em viagem, teve que ser remarcado.

A tendência, segundo o próprio Zezinho, em declarações anteriores, é que as sessões ordinárias sejam suspensas em definitivo até o dia do pleito. Atualmente, os trabalhos dos deputados no Plenário já estão reduzidos para apenas dois dias – terça e quarta -, justamente para dar mais folga aos parlamentares que disputam a reeleição trabalharem nas suas campanhas.

Na sessão de hoje, mais uma vez, o Plenário estava vazio. Dos 22 deputados que marcavam presença no painel eletrônico, apenas cinco participaram dos trabalhos e só três fizeram uso da tribuna.

14:36 · 18.09.2018 / atualizado às 14:36 · 18.09.2018 por

O vereador Guilherme Sampaio (PT) foi à tribuna da Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor) na manhã desta terça-feira, 18, para comemorar a decisão da Prefeitura de desapropriar a antiga casa de frei Tito de Alencar, torturado durante a última ditadura do País, e transformá-la em um memorial ao religioso. “Preservar a casa e a memória de frei Tito é reafirmar o nosso compromisso com a democracia”, defende, afirmando que isso preservará a memória das lutas em defesa das liberdades políticas no Brasil.

O parlamentar parabenizou os manifestantes que se mobilizaram em favor da preservação do edifício, no Centro, chegando a iniciar uma ocupação no mês passado. Segundo o petista, foi graças ao esforço deles que a manutenção do espaço será possível. “Vale a pena a gente continuar lutando”, diz, afirmando que os manifestantes deram “uma lição de política e cidadania”.

14:30 · 18.09.2018 / atualizado às 14:30 · 18.09.2018 por

Para o deputado Roberto Mesquita (PROS), que discursou hoje na Assembleia Legislativa, além da compra “direta” de votos, existe a compra “mascarada” de votos. O parlamentar criticou Mensagem enviada pelo Governo do Estado em tramitação na Casa,  que trata  da contratação de um empréstimo de US$ 25 milhões para o projeto Paulo Freire.

Mesquita acredita que projetos como esse podem ser usados como “moeda de troca” para apoio político a favor da máquina estatal. “Nós temos um orçamento de R$ 20 bilhões e o que o governo faz é distorcer nas eleições com a compra de votos mascarada através dos projetos São José, Paulo Freire,  da perfuração de poços profundos e de convênios com associações”, listou.

Nenhum deputado governista contestou o parlamentar.

 

14:24 · 18.09.2018 / atualizado às 14:24 · 18.09.2018 por

O primeiro secretário da Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor), Idalmir Feitosa (PR), criticou, nesta terça-feira, 18, as regras para a criação de partidos políticos no Brasi. De acordo com o parlamentar, em discurso proferido na tribuna da Casa, trata-se da “única anarquia constitucionalmente consentida”, que leva ao surgimento de sigla que buscam apenas recursos públicos e tempo de rádio e TV. Ele diz não  crer que algum parlamentar da Casa, inclusive ele, saiba quais são as siglas existem no Brasil. “Se souberem, tenho certeza que não conhecem a doutrina e a filosofia dos partidos”, declara.

 

14:21 · 18.09.2018 / atualizado às 14:21 · 18.09.2018 por

Duas Mensagens do Governo do Estado, uma tratando sobre a concessão de um empréstimo de US$ 25 milhões de dólares para o projeto paulo Freire e outra que amplia a subvenção econômica para empresas aéreas que passarem a operar, “individualmente”, no aeroporto de Fortaleza, não deverão mais ser votadas nesta semana, como previa a liderança do Governo na Casa.

Isso porque o deputado de oposição, Roberto Mesquita (PROS), pediu vistas sobre as duas matérias, hoje, durante votação na Comissão de Orçamento. O pedido de vistas frustrou os planos da base governista, que esperava colocar as Mensagens na pauta de votação da sessão desta quarta-feira e aprová-las.

12:35 · 18.09.2018 / atualizado às 12:35 · 18.09.2018 por

O vereador Acrísio Sena (PT) foi à tribuna da Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor) defender, na manhã desta terça-feira, 18, que a tendência é que o novo candidato do partido à Presidência da República, o ex-ministro da Educação Fernando Haddad, deve crescer ainda mais nas próximas pesquisas eleitorais. Para o parlamentar, o crescimento do presidenciável é um “novo fato político” na disputa deste ano.

“Ele já mostra o seu potencial e a saída daquela condição de cidadão desconhecido”, diz o parlamentar. Para o petista, entretanto, não se trata apenas da transferência de votos do ex-presidente Lula da Silva (PT), que liderava as pesquisas até ter sua candidatura impugnada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). De acordo com Sena, o crescimento também se deve ao currículo de Haddad. “Ele é Prouni, Fies, ônibus escolares, 322 escolas técnicas, 18 novas universidades, a valorização da educação pública de qualidade nos oito anos de Lula”, diz o vereador, reconhecendo, porém, que o poder de transferência de votos de Lula ainda não se encerrou.

 

12:32 · 18.09.2018 / atualizado às 12:32 · 18.09.2018 por

Com a presença de apenas quatro deputados no Plenário da Assembleia Legislativa, hoje, o deputado Ely Aguiar (DC) usou a tribuna para repercutir denúncias de compra de votos no Interior. O parlamentar relatou um “possível comércio de votos”, na Região do Cariri. Ely cobrou fiscalização do Ministério Público, nestas eleições, mas pediu também a colaboração da população para denunciar eventuais irregularidades.

“Tem gente que não precisa da política, mas é candidato para se salvar das broncas que responde por malversação, então a população tem a obrigação de ajudar nessa assepsia. Aquele que recebe o tanque cheio do seu veículo pra dar um voto não pode falar do corrupto, porque é mais corrupto do que o facínora corrupto que vai ocupar uma cadeira seja no Legislativo, seja no Executivo”, criticou.

O parlamentar disse que é preciso eleger “pessoas que tenham compromisso social, para que a sua cesta básica seja adquirida através do seu suor, da sua dignidade, não recebendo desses políticos safados, sem vergonha a gasolina, o dinheiro da luz, da água”.

12:29 · 18.09.2018 / atualizado às 12:29 · 18.09.2018 por

Servidores municipais da área de saúde fazem manifestação nesta terça-feira, 18, na Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor). Eles também realizam uma paralisação de dois dias começando hoje. Os profissionais pedem melhorias na segurança em unidades de saúde municipais.

“O conjunto dos trabalhadores da saúde de Fortaleza está extremamente preocupado com a onda de violência que incomoda a toda a população mas que está atacando espaços públicos importantes, como as unidades de saúde”, declara Cláudio Ferreira, diretor de Formação Política do Sindicato dos Odontólogos do Estado do Ceará (Sindiodonto-CE).

O líder do prefeito Roberto Cláudio (PDT) na Casa, Ésio Feitosa (PPL), declara que, na mesa de negociação permanente, propostas estão sendo construídas entre os servidores e o Executivo. Na área de segurança, a ideia é conectar as câmeras de segurança dos postos de saúde às Células de Proteção Comunitária que estão sendo construídas pela cidade, além dos demais órgãos de segurança.