Busca

Salmito cobra aval para empréstimos

09:21 · 07.09.2017 / atualizado às 09:21 · 07.09.2017 por

Por Renato Sousa

Em aparte, Carlos Mesquita sugeriu manifestação da Câmara contra a demora do Governo Foto: Érika Fonseca

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, vereador Salmito Filho (PDT), foi à tribuna da Casa na manhã de ontem para criticar o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha (PMDB), pela demora no envio de empréstimos contraídos pela Capital para a aprovação do Senado. “Não chegaram porque, há mais de um ano, esses financiamentos estão no gabinete do ministro-chefe”, criticou. Por determinação constitucional, cabe ao Senado conceder aval aos contratos.

Segundo Salmito, os empréstimos representam cerca de R$3,4 bilhões e fazem falta nos investimentos da cidade. De acordo com o parlamentar, a Prefeitura de Fortaleza possui capacidade de contrair os empréstimos e já o comprovou ao próprio governo federal, conseguindo aval da Secretaria do Tesouro Nacional, ligada ao Ministério da Fazenda. Ele destacou que os pagamentos serão efetuados com recursos do Município.

De acordo com o parlamentar, os empréstimos, com diferentes instituições, “terão um impacto extraordinário na economia”, uma vez que a cifra será utilizada em diversas áreas, como segurança, mobilidade urbana e turismo. Salmito ressaltou que pedidos de empréstimos de outras capitais já foram enviados ao Senado – incluindo alguns que teriam chegado à Casa Civil depois dos de Fortaleza. “Por que os empréstimos de Salvador foram liberados e os nossos não?”, questionou. Ele disse que isso também aconteceu com Manaus (AM) e Belém (PA).

Em aparte, Carlos Mesquita (Pros) sugeriu que se articule uma manifestação para demonstrar a contrariedade da Câmara com a demora. Salmito, por sua vez, declarou que prefere evitar demonstrações que possam denotar animosidade à Casa Civil. Ele disse que conta também com o apoio da bancada cearense no Senado para pressionar Padilha.

Comentários 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *