Edison Silva

Categoria: Acusações do PSOL


13:57 · 23.06.2012 / atualizado às 13:57 · 23.06.2012 por

O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) realizou nesta manhã sua convenção para homologar sua chapa à Prefeitura de Fortaleza: Renato Roseno e, na vice, Soraya Tupinambá, que em 2010 concorreu ao Governo estadual. Será a campanha “do tostão contra o milhão”, como reafirmaram.

O PSOL compôs com o Partido Comunista Brasileiro (PCB), que indicaria o vice, mas preferiu ceder o espaço para Soraya. Segundo ela, um dos desafios do PSOL na campanha deste ano “é não deixar afundar junto com a imagem da Luizianne o papel da mulher na política”.

Luizianne Lins foi criticada por todos os socialistas que discursaram no evento, que acusaram a prefeita de se bandear para a direita ao governar junto com o governador Cid Gomes (PSB). “Para nós, a política não é acordo, não é negócio, não é invenção de biografia. Estão contratando marqueteiros a peso de ouro para inventar biografia”, disse Roseno, aplaudido pela militância que se reuniu na sede do partido, número 1397 da Avenida do Imperador.

Na plateia, o presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará e ex-vereador José Maria Pontes, que se desfiliou do PT ano passado.

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs