Busca

Categoria: Briga


15:00 · 14.08.2013 / atualizado às 15:07 · 14.08.2013 por

O deputado Heitor Férrer (PDT) respondeu no plenário da AL nesta quarta-feira (14) as acusações feitas pelo governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), publicadas no site do Diário do Nordeste, sobre as acusações feitas pelo deputado, ontem, relacionadas à contratação de buffet para o Gabinete do governador. Cid chamou Heitor de desonesto. O pedetista disse que Cid “perdeu a linha” e que se “desequilibrou emocionalmente” .

“O governador perdeu a linha, saiu da sua natural elegância, seu comportamento muito cordial, se sentiu extremamente incomodado com uma verdade que coloquei na tribuna ontem. A matéria desequilibrou emocionalmente o governador, tê-lo incomodado é normal, mas desequilibra-lo eu lamento profundamente.”, disse Férrer.

Heitor lamentou ter sido chamado de desonesto e se defendeu enumerando posturas adotadas pelo Governador como atitudes desonestas.

“Desonesto mesmo é o Governador ter montado um esquema de consignado do Estado para enriquecer o genro do secretário da Casa Civil. Ter contrato no Estado para patrocinar amigos, desonesto é o escândalo dos kits sanitários, embarcar a sobra em avião pago pelo povo, sair do território cearense enganando a população na Europa e Coreia e tirar férias. Desonesto é dar aos que morrem de sede água com fezes, desonesto é fazer um contrato milionário com buffet. Desonesto é ter sido eleito prometendo resolver o problema da segurança pública e hoje vemos uma tragédia na sociedade cearense.”

O deputado ainda afirmou que irá continuar com a mesma postura crítica contra o governo. “Governador Cid Gomes, se for desonestidade trazer para a Assembleia seus erros eu vou continuar sendo desonesto. Desonesto porque vem aqui e lê um contrato assinado do gabinete? Desonesto porque lê um cardápio, é isso ser desonesto? É isso ser miúdo? É isso ser pequeno? Se isso for na sua concepção ser desonesto, então vou continuar”, afirmou Heitor

Férrer ainda afirmou que o desequilíbrio do Governador “vem por conta de algo que é injustificável”.

“Governador do Ceará, Cid Gomes, o seu desequilíbrio vem por conta de algo que é injustificável, quando o nordestino come calango, você come lagosta, enquanto o nordestino come preá seco vossa excelência come escargot.”, condenou o deputado.

Rebatendo Cid Gomes disse quando chamou a sua postura de “típico de gente miúda” e quando afirmou que o parlamentar “será eternamente um deputado”, Férrer afirmou ter muito orgulho de sua posição política.

Nós sermos um deputado é coisa miúda? O governador está dizendo que ser deputado é coisa miúda. Governador, vossa excelência foi deputado, seus irmãos foram deputados, Ivo Gomes foi um bom deputado. Não vou para o campo pessoal, mas aqui tenho que dizer, pode vir quente que eu vou fervendo. Em defesa do miúdo, pequeno, singelo, mandato de um deputado estadual, eu só quero isso Governador, continuar deputado estadual, porque para mim é motivo de muito orgulho.