Busca

Categoria: Candidato a prefeito


08:50 · 17.08.2016 / atualizado às 08:50 · 17.08.2016 por

À exceção de Tin Gomes (PHS), todos os demais candidatos à Prefeitura de Fortaleza iniciaram, ontem, a campanha nas ruas da Capital cearense, mesmo com a quase totalidade sem ter, ainda, montado os seus próprios comitês.

Depois de uma caminhada pela manhã, no Vila Velha, no início da noite Roberto Cláudio participou da primeira carreata no Conjunto Ceará Foto: Helene Santos
Depois de uma caminhada pela manhã, no Vila Velha, no início da noite Roberto Cláudio participou da primeira carreata no Conjunto Ceará Foto: Helene Santos

O único que mostrou estar devidamente estruturado foi Roberto Cláudio (PDT), que saiu às ruas logo cedo da manhã com todo o material de propaganda da sua candidatura. Luizianne Lins (PT), Ronaldo Martins (PRB) foram ao Centro da cidade na parte da manhã, enquanto João Alfredo (PSOL) foi ao Bom Jardim. Os três deputados estaduais que são candidatos a prefeito de Fortaleza: Tin Gomes, Capitão Wagner (PR) e Heitor Férrer (PSB) estiveram na manhã de ontem na Assembleia Legislativa, acompanhando os trabalhos da sessão ordinária do dia.

O primeiro compromisso de campanha de Roberto Cláudio foi no Bairro Vila Velha. Acompanhado de correligionários, o prefeito percorreu várias ruas do local, onde houve distribuição do material de campanha acompanhado de carro de som com a música oficial da campanha. No início da noite, Roberto Cláudio voltou aos bairros da Capital fazendo uma carreata no Conjunto Ceará e no Genibaú.

Conta

Segundo sua assessoria, o prefeito vai fazer campanha diariamente no início da manhã e à noite, reservando o restante do dia para as ações administrativas. Quando não tiver nas ruas despachará no Comitê central da campanha e gravará para os primeiros programas da propaganda eleitoral. O comitê de Heitor Férrer (PSB), conforme o Diário do Nordeste acompanhou, estava repleto de pichações em sua fachada e muito material da residência havia sido roubado, pois a mesma se encontrava abandonada, até a sua reocupação.

Ao Diário, o candidato afirmou que o CNPJ da campanha já foi liberado, e a partir de agora ele poderá contratar funcionários para trabalhar em prol de sua candidatura e fazer a aquisição de material, como folders, santinhos, alugar carros de som, etc. “Ainda nesta semana tudo estará pronto para iniciarmos as atividades no comitê”, disse ele ressaltando que a inauguração do equipamento será feita no dia 25 de agosto à noite.

Heitor Férrer no meio da tarde foi ao Centro de Fortaleza, onde cumprimentou populares ao longo do percurso que fez naquela parte da cidade Foto: JL. Rosa
Heitor Férrer no meio da tarde foi ao Centro de Fortaleza, onde cumprimentou populares ao longo do percurso que fez naquela parte da cidade Foto: JL. Rosa

No primeiro dia de campanha, o candidato tinha anotado na agenda apenas uma caminhada pelas ruas do Centro da cidade, iniciando a incursão pela praça do Ferreira, no período da tarde. A ideia era visitar lojas e mostrar às pessoas os objetivos de sua candidatura, mesmo sem material de propaganda. Às terças e quartas-feiras, no período da manhã, o compromisso de Férrer será sempre as sessões plenárias da Assembleia.

Ontem, seu pronunciamento no Legislativo foi para tratar da questão da Segurança que, segundo ele, não se resolve com Polícia. “Os gestores devem atuar para quebrar os mecanismos geradores de violência. O primeiro item que gera violência é a pobreza. Ela é a geradora da desesperança. Países desenvolvimentos têm pobreza, mas com igualdade social”, disse Heitor. Segundo ainda o parlamentar, “quem vender ao fortalezense a ideia de que a Polícia acaba com a violência está enganando”. Heitor, para justificar a sua afirmação fez comparação com o crescimento da violência do Governo Lúcio Alcântara para o do seu sucessor Cid Gomes, lembrando que neste, houve um crescimento do número de policiais em razão dos concursos feito por Cid Gomes.

Espaço

Tin Gomes (PHS) é o que se encontra com maior dificuldade para montar seu comitê. Na manhã e tarde de ontem ele realizou reunião com aliados, correligionários e equipe de campanha para traçar as metas de sua candidatura e concluir os trabalhos em torno da instalação do equipamento que servirá como quartel general dele nas eleições deste ano.

“Estou fechando tudo nesta semana. Estava tentando alugar dois espaços, mas não deu certo. Acredito que até amanhã (hoje) tudo estará pacificado”.