Edison Silva

Categoria: Coligação proporcional


11:06 · 09.02.2014 / atualizado às 11:06 · 09.02.2014 por

Apostando na perspectiva de Moroni Torgan, ex-vice-governador do Ceará e deputado federal, ter uma votação expressiva como candidato a deputado federal, o PPS, segundo Alexandre Pereira, presidente regional da agremiação, espera eleger pelo menos um deputado federal no Ceará.  O partido que já teve uma boa representação na Câmara Federal e na Assembleia Legislativa, quando dele participava o grupo do governador Cid Gomes (PROS), há algum tempo não tem sequer vereador na Capital cearense, muito menos deputados.

A aliança do PPS, contudo, será apenas quanto à eleição para deputado federal. Para a disputa por vaga na Assembleia Legislativa cearense, o partido pretende ir sozinho para a disputa com a perspectiva de eleger pelo menos três deputados estaduais, apostando na votação de alguns suplentes, inclusive o radialista Gomes Farias.

Na eleição majoritária, de governador e senador, o PPS vai marchar aliada com o PROS do governador Cid Gomes, segundo Alexandre Pereira, com a permissão da direção nacional da Agremiação, confirmada a partir do momento em que Alexandre entrou para o secretariado de Cid Gomes.

O PPS vai apoiar a candidatura de Eduardo Campos para a Presidência da República.

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs