Busca

Categoria: Convenção do PROS


10:04 · 24.06.2014 / atualizado às 13:05 · 24.06.2014 por

O governador Cid Gomes recebeu recomendação médica de permanecer em repouso depois do desmaio do último domingo, na convenção estadual do PDT, quando teve que ser levado às pressas para o Hospital Geral de Fortaleza e foi constatado uma nova queda brusca de pressão arterial (Cid já havia se hospitalizado ali duas outras vezes, com o mesmo problema) . Ontem, a informação oficial era a de que o governador estaria recuperado e já hoje participaria da convenção nacional do seu partido, o PROS, em Brasília, quando será homologada o apoio da agremiação à reeleição da presidente Dilma.

O Palácio da Abolição não disse da série de exames a que o governador foi submetido ontem. Cid Gomes não tem agenda oficial para o dia de hoje, para atender a recomendação dos médicos. Ainda não se sabe se ele participará de uma reunião que ele próprio anunciou para hoje, com os representantes dos partidos aliados ao seu Governo, para receber a adesão de um outro, o PRB, elevando a coligação a 24 agremiações.

O governador ainda tem a resolver, até domingo, o problema da escolha do seu candidato ao Governo do Estado, além da composição da chapa majoritária (governador, vice-governador e senador). Há divergências na sua base política contra a indicação do nome do PT, deputado federal José Guimarães, ao Senado.

Dos convencionais cearenses com direito a voto,  no encontro de hoje do PROS em Brasília, somente o governador estará ausente. Como é um ato político, o vice-governador Domingos
Filho, também convencional, não o representará. Ciro Gomes faz parte da comitiva cearense que se deslocou à Capital Federal.