Edison Silva

Categoria: Decisão liminar


09:34 · 29.06.2012 / atualizado às 09:34 · 29.06.2012 por

A ex-prefeita de Aquiraz, Ritelza Cabral, que segundo dizem tem a preferência do eleitorado daquele Município para voltar à Prefeitura, conseguiu mais uma liminar da Justiça para limpar a sua barra e conseguir o registro de sua candidatura. Desta vez foi a juíza de Aquiraz, Mônica Lima Chaves que na última quarta-feira, em um despacho que ocupou três laudas, suspendeu os efeitos da decisão da Câmara Municipal daquele Município que desaprovou as contas da administração de Ritelza, relativas ao Exercício de 2007.

Recentemente, Ritelze Cabral já havia conseguido uma outra liminar, da lavra do desembargador Emanuel Leite Albuquerque, também suspendendo os efeitos da decisão da Câmara Municipal de Aquiraz que havia desaprovado as contas dela do Exercício de 2006.

O estranho é que, no caso das contas de 2007, a desaprovação pela Câmara Municipal de Aquiraz aconteceu em agosto de 20010 e só quase dois anos depois é que há uma decisão liminar da Justiça.

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs