Busca

Categoria: Disputa na CM


10:02 · 10.12.2012 / atualizado às 10:02 · 10.12.2012 por

Apesar de ainda não ser um consenso entre todos os  vereadores da base aliada, o vereador Walter Cavalcante (PMDB) vai tentar construir, até o fim desta semana, a unidade da base. Acrísio Sena (PT), que ainda mantém sua candidatura, poderá ter o apoio, a priori, dos três membros do PR, além da bancada do PSC e de outros aliados de Luizianne Lins.
O PR deve se reunir ainda no início desta semana, conforme informou o presidente do partido, Lúcio Alcântara, para tratar, principalmente, do nome que irá apoiar. No entanto, garante ele, a legenda irá marchar junto com o PT, ou seja, caso Acrísio Sena mantenha seu nome, vai apoiá-lo, e se este retirar para votar em Walter Cavalcante, os republicanos deverão seguir juntos. “Pensamos na construção de uma Mesa eclética, mas não com esse nome que foi posto. Teria que ser um nome discutido com esse bloco”, informou o dirigente.
Nesta segunda-feira, Walter Cavalcante inicia sua série de encontros para consolidar entre seus pares o seu nome como consenso que ainda não existe. O PSC, que tem quatro vereadores eleitos para a próxima Legislatura, e que nas eleições passadas apoiou o candidato petista, Elmano de Freitas, deve fechar com o peemedebista, mas isso é algo que ainda precisa ser negociado, visto que a legenda quer ter um membro na Mesa Diretora e hoje está mais próxima de Acrísio Sena.