Edison Silva

Categoria: Ditado


15:47 · 08.08.2018 / atualizado às 15:48 · 08.08.2018 por

A presidente da Comissão de Direitos Humanos na Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor), Larissa Gaspar (PPL), foi à tribuna da Câmara Municipal de Fortaleza, na manhã passada, para comemorar o aniversário da Lei Maria da Penha, que completou 12 anos na terça-feira, 7.

“É considerada a terceira melhor legislação do mundo pela ONU (Organização das Nações Unidas)”, disse a vereadora em discurso proferido nesta quarta-feira, 8. A parlamentar afirma que a legislação foi responsável por salvar a vida de inúmeras mulheres.

A parlamentar, entretanto, declara que ainda há muito o que avançar em relação ao tema. Um dos pontos que precisa de mudança é a mentalidade da população, que precisa passar a “meter a colher” em brigas de casal. De acordo com ela, a manutenção do antigo ditado leva a mortes de mulheres.

Gaspar lembrou do assassinato da advogada Tatiane Spitzner, que, segundo o Ministério Público do Estado do Paraná (MP-PR), teria sido morta por seu marido, o biólogo Felipe Mainvailer. “Fico admirada que o porteiro, os vizinhos, não tenham intrometido-se na discussão”, lamenta.

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs