Edison Silva

Categoria: Equívoco


14:44 · 14.06.2012 / atualizado às 14:45 · 14.06.2012 por

O deputado petista Camilo Santana considera um “equívoco” a crítica feita ontem à noite pela prefeita Luizianne Lins, presidente estadual do PT, ao governador Cid Gomes, presidente estadual do PSB. Ela declarou que “se não existe mais aliança, não tem por que eu tratar como aliado quem não me trata como aliada”, e condenou o Governo na área da segurança pública.

Segundo Camilo, é preciso haver controle emocional para assegurar a aliança com o partido do governador num segundo turno e evitar uma vitória do PSDB.  “Possivelmente na eleição em Fortaleza, caso não haja aliança, haverá dois turnos. Então você vai fechar as portas? Se o PT for contra o PSDB no segundo turno? Não vamos querer o PSB no segundo turno?”, disse nesta quinta-feira o ex-secretário estadual das Cidades, acrescentando: “A emoção não pode permitir que essas declarações (as de Luizianne) aconteçam”.

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs