Busca

Categoria: Esclarecimento


18:56 · 04.09.2013 / atualizado às 18:56 · 04.09.2013 por

Sobre nota do blog, relacionada a decisão judicial de outubro do ano passado, pela qual já nos desculpamos, o secretário Camilo Santana, mandou o seguinte esclarecimento:

Sobre informação publicada, hoje (4) às 10h35, no Blog Política, do Diário do Nordeste, cumpre esclarecer que trata-se de fato ocorrido em 2012. E mais: 

“1. O atual Secretário das Cidades e Deputado Estadual licenciado, Camilo Santana, não tem qualquer ligação direta ou indireta com as supostas irregularidades e ilegalidades apontadas pelo Ministério Público Estadual (MPE) e pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) envolvendo os convênios celebrados no programa governamental de construção de banheiros, inclusive tendo assumido a Secretaria Estadual das Cidades, após a formalização dos convênios, em janeiro de 2011; e 

2. Os fundamentos fáticos da ação do MPE citada no post publicado se utilizam do primeiro Relatório de Inspeção do TCE, ainda em 2011, antes do atual Secretário  da Cidades, Camilo Santana, apresentar sua defesa nos autos do processo TCE nº 05519/2011-2 – Pacajus, o qual foi julgado pelo próprio TCE e o isentou de qualquer responsabilidade direta, indireta ou solidária pelas as apontadas ilegalidades e irregularidades. 

Atenciosamente,”

 

16:01 · 12.03.2013 / atualizado às 16:01 · 12.03.2013 por

Sobre post anterior, a assessoria da Regional II, mandou a seguinte nota para o blog: “A portaria de n° 05/2013, refere-se somente ao atendimento prestado ao público executado pelo Secretário da SR II Claúdio Nelson, como também o Secretário Executivo da SR II, Francisco Barroso Rodrigues e os coordenadores de distrito. A central de atendimento e ouvidoria da SR II funcionam normalmente, todos os dias da semana, em horário comercial (08 ás 17h), esta portaria não interfere no atendimento destes setores, principal canal da Regional II com o cidadão. Para executar uma gestão com excelência faz-se necessário um período de planejamento interno, por este motivo que durante dois dias na semana somente o Secretário, Secretário Executivo e Coordenadores de Distrito da SR II, não atendem ao público”.

10:33 · 30.12.2012 / atualizado às 10:33 · 30.12.2012 por

Da assessoria da prefeita Luizianne Lins, recebemos a seguinte nota, a respeito de gastos de recursos liberados para a Saúde e a saí da secretária:

Prefeitura esclarece: recursos da Saúde são usados somente na Saúde

 

A Prefeitura de Fortaleza esclarece que TODOS os recursos vindos para a Saúde do Município foram rigorosamente gastos com a saúde municipal. Na gestão Luizianne Lins, pelo contrário, a prática é investir além do percentual constitucional de 15%, chegando a uma média anual de quase 24%. Só no ano de 2012 foram investidos quase R$ 230 milhões a mais do que o mínimo determinado pela Constituição. Na verdade, o Tesouro Municipal sempre aportou recursos adicionais na saúde municipal, tendo em vista que o sistema de saúde de Fortaleza atende também boa parte da população de outros municípios cearenses.

 

A PMF informa ainda que todo o primeiro escalão municipal está com seus atos de exoneração prontos. Alguns secretários optaram por se ausentar antes, como, por exemplo, Adalberto Alencar, da SEMAM, Moacir Soares, da SETFOR, e Ana Maria Fontenele, da SMS.

19:08 · 15.10.2012 / atualizado às 19:08 · 15.10.2012 por

Professor Evaldo Lima, ex-secretário de Esportes da Prefeitura de Fortaleza, eleito vereador pelo PCdoB, no último dia 7 de outubro, esclarece sua não ida ao evento do partido que anunciou apoio à candidatura de Roberto Cláudio à Prefeitura de Fortaleza, e diz que segue a orientação do partido, consequentemente estando com o candidato do PSB e não com Elmano de Freitas, postulante pelo PT, como foi anunciado no post anterior . Segundo Evaldo, a decisão do partido para ficar com
Roberto Cláudio foi amplamente discutida com todos os dirigentes, candidatos e líderes, dai não haver divergências internas quanto à questão.

Evaldo diz que realmente é amigo de Elmano, ao lado de quem trabalhou durante um certo tempo, ambos secretários da administração municipal, mas isso não implica em compromissos políticos de ambas as partes.