Edison Silva

Categoria: Escravidão


10:36 · 21.11.2017 / atualizado às 10:36 · 21.11.2017 por

Um dia após ser celebrado o dia da Consciência Negra, o deputado Carlos Felipe (PCdoB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa, na manhã de hoje, para provocar uma reflexão sobre o racismo que ocorre de “forma velada” na sociedade brasileira e sobre quais conquistas, de fato, a população negra conseguiu alcançar desde que a escravatura foi abolida no Brasil, há 133 anos.

O parlamentar lembrou também que o Ceará ficou conhecido como “Terra da Luz” por ter sido o primeiro Estado do Brasil a abolir a escravidão, sendo Acarape o primeiro município cearense a libertar os seus escravos.

“Nós fomos luz pro Brasil, a esperança de um mundo mais justo e a situação de hoje, nós vivemos sim num Brasil onde, aproximadamente, o negro recebe dois terços do que o branco recebe, onde a maior parte dos empregados são negros, onde a maior parte dos jovens mortos são negros. E as leis de hoje? As leis não escravizam só os negros não, uma lei que só permite meia hora pra você comer, é uma lei que você escraviza. Uma lei que procura aumentar o tempo de escravidão até a exaustão do ser humano também é escravidão”.

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs